Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

As tramas inesquecíveis de Cassiano Gabus Mendes

21 de julho de 2010 0

Ti-Ti-Ti, que estreou esta semana, presta uma homanegem ao autor Cassiano Gabus Mendes, responsável por folhetins inesquecíveis. No remake, Maria Adelaide Amaral faz uma mescla de Ti-Ti-Ti, Plumas & Paetês e Elas por Elas. Vamos relembrar novelas de Cassiano Gabus Mendes que marcaram a telinha?

Anjo Mau (1976)

A história da misteriosa babá Nice (Suzana Vieira), que foi capaz de tudo para conquistar o patrão Rodrigo (José Wilker), foi um dos maiores sucessos da TV brasileira. As nuances da personagem, que ora parecia vilã, ora a mocinha da trama, fisgou o público. Por imposição da censura na época, o autor foi obrigado a fazer com que a protagonista morresse no parto, como forma de castigo por suas armações. Em 1997, Maria Adelaide Amaral escreveu o remake de Anjo Mau, tendo Glória Pires e Kadu Moliterno nos papéis principais. Na nova versão, Nice ganhou uma nova chance e viveu para ser feliz com seu amor.

Foto: Divulgação, TV Globo

Plumas & Paetês (1980)

Elizabeth Savalla
viveu a protagonista Roseli, que assume a identidade de Marcela após um acidente que vitimou seu grande amigo, Osmar (Stepan Nercessian). Grávida de outro homem, Roseli acaba sendo confundida com a namorada de Osmar, e acolhida pela família do rapaz. A vida da mocinha muda quando ela se apaixona por Edgar (Cláudio Marzo), irmão de Osmar. Na nova versão de Ti-Ti-Ti, uma das tramas é baseada em Plumas & Paetês. Ísis Valverde vive Marcela e Gustavo Leão é Osmar, que vive um romance com outro homem, e será vitimado em um acidente de carro. Sem saber da opção sexual do filho, Bruna (Giulia Gam) acolherá a suposta namorada do rapaz, e pensará que o filho que ela espera é seu neto.

Foto: Divulgação, TV Globo

Elas por Elas (1982)

A trama apresentava o divertido e atrapalhado detetive Mário Fofoca (Luís Gustavo), contratado por Márcia (Eva Wilma), que pretende descobrir as traições do marido. Por ironia do destino, a milionária se apaixona pelo investigador. Luís Gustavo volta às novelas no remake de Ti-Ti-Ti, para reviver o inesquecível Mário Fofoca. Ele será contratado por Breno (Tato Gabus Mendes) para descobrir se Jaqueline (Cláudia Raia) está tendo um caso com Jacques Leclair (Alexandre Borges).


Foto: Divulgação, TV Globo

Ti-Ti-Ti (1985)

A primeira versão da novela gira em torno dos estilistas Jacques Leclair (Reginaldo Faria) e Victor Valentim(Luís Gustavo), inimigos desde a infância que passam a travar disputas no mundo da moda. Na nova trama, Alexandre Borges e Murilo Benício assumem os papéis centrais.

Foto: Divulgação, TV Globo

Brega & Chique (1987)

A trama conta a história de duas mulheres com personalidades e classes sociais diferentes, descobrem que durante anos dividiram o mesmo homem. Rafaela (Marília Pêra) é uma perua cheia de chiliques. Já Rosemere (Glória Menezes), é simples e humilde. Uma reviravolta faz com que ambas invertam seus papéis, uma fica pobre e a outra enriquece subitamente.

Foto: Divulgação, TV Globo

Que Rei sou Eu? (1989)

No fícticio reino de Avilan, a busca pelo herdeiro do trono atiça a ambição dos membros da corte. O corajoso Jean-Piérre (Edson Celulari) era o filho bastardo do rei, e precisa enfrentar muitos inimigos para assumir o que é seu. Apesar de a trama se passar na Idade Média, era uma ferrenha crítica a situação social e política da época, tratando de temas como corrupção, injustiças sociais e inflação.

Foto: Divulgação, TV Globo

O Mapa da Mina (1993)

Um mapa que leva a uma grande fortuna é o alvo da cobiça de muita gente na trama. O mapa do tesouro está tatuado em uma noviça, Elisa (Carla Marins), que vira o centro das atenções dos que estão atrás do dinheiro. A novela foi o último trabalho de Cassiano Gabus Mendes, que faleceu pouco depois de escrever os capítulos finais.

Foto: Divulgação, TV Globo

Bookmark and Share

Envie seu Comentário