Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Final de Insensato Coração: Paola Oliveira elege as cinco cenas mais marcantes de Marina

19 de agosto de 2011 4


Paola Oliveira foi bastante criticada por sua personagem em Insensato Coração, Marina. O público não viu química dela com o personagem de Eriberto Leão e rejeitou a dupla. Alheia aos críticos, a mocinha derramou lágrimas, sofreu, mas também soube dar a volta por cima e ir atrás do seu amor por Pedro. Diferentemente da clássica mocinha, Marina também aprontou: agrediu a então amiga Úrsula (Lavínia Vlasak), casou-se com o irmão do ex-namorado e depois o traiu com Pedro.

A atriz escolheu cinco cenas marcantes da trajetória da personagem para o jornal Extra. Paola observou as cenas que fizeram de Marina uma mocinha tradicional, mas com muita pimenta. Escolha a sua cena favorita e vote na enquete!

O acidente


“A gente já estava há muito tempo girando em torno do acidente (de avião) e no dia da gravação foi muito forte, pois foi muito real. Fiquei totalmente entregue. E depois, vendo a cena no ar, para a nossa surpresa, o áudio foi tirado. Foi dolorosa e forte. Na hora de fazer fiquei muito mexida, e vendo no ar me surpreendi”.

Primeiro encontro com André (Lázaro Ramos)


“Lembro ainda da primeira vez que contracenei com Lázaro Ramos, na qual eu convenço o André a assinar um contrato. A cena tem muita personalidade. Gravei com o querido Lázaro Ramos! Foi muito especial também pela forma como Marina fez toda a negociação. Naquele momento, a força dela ficou estabelecida”.

Acerto de contas com Úrsula (Lavínia Vlasak)


“Outra é a cena dela com Úrsula (Lavínia Vlasak). Marina descobre que está sendo enganada e parte para cima dela. As duas brigam, ela bate na cara de Úrsula. Ali, Marina virou o jogo. É uma cena muito forte, e gosto bastante porque quebra este estigma de que mocinha só pode ser boa, sofredora. Marina mostrou seu outro lado”.

Pedro reaparece

“Marina está no quarto se preparando para o aniversário da avó (Nathalia Timberg), e Pedro (Eriberto Leão) telefona para o celular dela depois de ter ido embora sem dar explicação. Quebrei o telefone jogando-o contra a parede. Vivi uma grande emoção, foi genuína. Ela estava dando uma chance para si mesma e se fez de forte”.

A noiva perturbada


“Quando ela está pronta para se casar com Léo (Gabriel Braga Nunes), e Raul (Antonio Fagundes) entra no quarto para tentar impedi-la, ela solta o verbo completamente descontrolada, fora de si. Na cena, existiu uma mulher perturbada. Pude enlouquecer um pouco, soltar os cachorros sem pensar em ser uma pessoa boa”.


Qual a sua cena mais marcante?

Bookmark and Share

Comentários (4)

  • Ruizinha diz: 19 de agosto de 2011

    Tudo muito ruim, não dá nem para dizer qual a pior cena

  • Alexandre diz: 19 de agosto de 2011

    Ela é perfeita em tudo. Isso não é uma mulher, é um parque temático.

  • Sargento Xavier diz: 19 de agosto de 2011

    boa demais essa Paola Olivera.
    UHUISHFIHFIASHFOAHFOH

  • Sandra Mara Rode diz: 19 de agosto de 2011

    ela é perfeita

Envie seu Comentário