Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Autora de A Vida da Gente teme rejeição do público

14 de setembro de 2011 34

O grande sucesso de Cordel Encantado, que bateu recordes de audiência no horário, vem preocupando a autora da próxima novela das 18h. Lícia Manzo, estreante em novelas, teme que A Vida da Gente sofra rejeição do público.

Segundo o colunista Léo Dias, Lícia revelou que está morrendo de medo da missão que tem pela frente. O mínimo que se espera é que a nova trama mantenha a audiência de sua antecessora, tarefa que não será nada fácil.

As últimas novelas das seis têm feito bonito no horário. Entre os últimos sucessos, além de Cordel Encantado, Escrito nas Estrelas e Cama de Gato também elevaram o ibope dos finais de tarde.

Com belas paisagens gaúchas, A Vida da Gente mostrará uma história leve e cheia de amor. Mas será muito difícil superar as inovações de Cordel, que já se consolida como uma das melhores produções da Rede Globo.

Você acha que A Vida da Gente fará o mesmo sucesso de Cordel Encantado?

Bookmark and Share

Comentários (34)

  • Ana Paula diz: 14 de setembro de 2011

    Realmente Cordel Encantado encantou a todos…. uma boa estória, elenco, figurino… enfim, a Globo está de parabéns! E vamos torcer para que a nova novela não nos deixe sentir tanta falta de Cordel Encantado.

  • Rosana Peres diz: 14 de setembro de 2011

    Difícil superar cordel. Com essa protagonista fraquinha e a Marjorie mais fraca ainda, tarefa diria impossível, mas vamos esperar pra ver.

  • Filipi diz: 14 de setembro de 2011

    Estória… Essa foi boa.. sashaushaushau

  • caty diz: 14 de setembro de 2011

    credooo, não suporto mais cordel encantado… que novela chata, sempre a mesma coisa , parece novela mexicana

  • Adriana diz: 14 de setembro de 2011

    GENTE DO CÉU, EU DEVO SER LOUCA MESMO, EU ACHO CORDEL ENCANTADO REPETITIVA DEMAIS, QUE ISSO A MOCINHA FOI RAPTADA 35 VEZES, O MOCINHO FOI CAPTURADO MAIS 35 E O VILÃO FOI PRESO E SOLTA MAIS UMAS 50, NAO TEM QUEM NAO CANSE, POR FAVOR…

  • Valéria diz: 14 de setembro de 2011

    Adoro Cordel Encando!! Não sou noveleira não, mas me encantei com a novela!! já estou triste que a novela já está acabando!! Tomara que a próxima novela seja boa, mas vai ser dificil de ter o ibope de Cordel!!

  • Eduardo diz: 14 de setembro de 2011

    bom eu acho… não acho nada!!!
    novela é tudo igual.tem os bonzinhos e os malvadinhos,tudo uma porcaria, que não serve nem para “entreter” o público.
    Prefiro assistir um filme,esporte,seriados ou algo que me de um pouco de conhecimento sobre determinado assunto.
    As novelas são um atraso em nossas vidas e ajudam a globo a manipular nossas mentes.
    Mas às vezes valhe a pena assistir,para dar uma conferida nas belas e desejadas atrizes,hehehehe!!!

    Minha opinião!!hehehe

  • Priscila diz: 14 de setembro de 2011

    Realmente a novela Cordel Encantado é otima. E pelo que pude ler a novela A vida da gente também vai ser. Só uma coisa na historia que eu não gostei, é que se o Rodrigo vai se dizer tão apaixonado pela Ana, como poderá se envolver com a irmã dela, enquanto Ana estiver em coma??? Isso eu já acho meio chato!

  • Manoela diz: 14 de setembro de 2011

    Eu particularmente ,não gostei de Cordel Encantado,acho que A vida da gente,sera uma novela muito mais interessante,por mostrar paisagens diferentes,Lugares que não são o forte das passadas novelas globais.
    Bom, no momento é só esperar para ver.

  • vera diz: 14 de setembro de 2011

    Pensando bem Cordel Encantado foi uma estória inverossímel,cheia de acontecimentos
    difíceis de serem aceitos como possíveis ,foi um mundo de fantasia e agradou, mais ,pelo cansaço das maldades,crimes e doentes mentais da maioria das novelas do que própriamente pela novela em si.Mas como o público brasileiro não é muito exigente é difícil prever se a próxima novela será sucesso maior-até pq não terá o sotaque nordestino e não se passar nas praias cariocas…

  • vera diz: 14 de setembro de 2011

    Oi ,Filipi!É estória mesmo que se diz.
    História é a ciência que narra os fatos através dos tempos.
    Bah,tchê!

  • JENNY L♥VE diz: 15 de setembro de 2011

    CORDEL ENCANTADO ERA ÓTIMA NO INÍCIO
    AGORA TÁ PODRE

  • Helenita diz: 15 de setembro de 2011

    Impossivel alguma protagonista ser mais chata e sem graça que a Açucena!
    E um mocinho tão sem noção qnto o Jesuino!

  • SA AUGUSTO diz: 15 de setembro de 2011

    Lícia Manzo não precisa ter medo de nada. Pelos flashes, sua novela promete muito romance com belas paisagens, uma linda fotografia e a ótima parceria com Jayme Monjardin. Cordel Encantado foi superestimada. Quase todo mundo elogiou, parece que com receio de dizer alguma coisa ao contrário. Mais agora no final é que estão surgindo algumas críticas aos personagens. Concordo com Helenita inteiramente. Muito bem vinda, A VIDA DA GENTE.

    Abs,
    SA

  • Blazio diz: 15 de setembro de 2011

    Oi Vera,
    Não existe mais a palavra estória (que antes era designado para histórias fictícias). Hoje se usa apenas a palavra história em ambos os casos.
    Abraços.

  • Bel A. diz: 16 de setembro de 2011

    Palavras são “vivas”, só deixam de existir quando não há mais falantes que as utilizem. Não é, portanto, o caso da palavra estória, ainda utilizada por muitos falantes da língua portuguesa.

    No português moderno, aceita-se a utilização da palavra “história” como narrativa ficcional, mas isso não impede que se utilize a palavra “estória” com o mesmo significado. Ou seja, no caso de ficção, como novelas e contos, ambas estão corretas.

    Inclusive, se procurarem em qualquer dicionário, até mesmo nos pequenos – comumente chamados minidicionários – , encontrarão as duas palavras: história e estória.

  • nathan diz: 16 de setembro de 2011

    eu achei que cordel seria boa mas não foi bem assim,as autoras se enrolaram por que a novela cama de gato foi mto boa e elas escrevem essa porcaria.novela ridicula não gostei, preferia araguaia bem melhor.tá na hora da globo começar a repetir novelas antigas no horario e não fazer novas.não acham?

  • cris couto diz: 17 de setembro de 2011

    cama de gato foi a melhor novela que já assisti.espero que as autoras quem sabe ao escreverem uma próxima novela tragam novamente camila pitanga e marcos palmeira para o horário da seis

  • Elias diz: 24 de setembro de 2011

    Estória é um neologismo incompleto. Hoje, o termo história consegue abarcar tanto o fato “real” quanto a criação fantasiosa (ficção). Antes, havia uma distinção entre mito e fato real. Criou-se então history (história) e story (estória). Mesmo assim, é aceitável o uso da expressão história para as duas situações, tendo em vista os avanços interpretativos da historiografia. Estória é coisa do passado!

  • JOAO LUIZ diz: 27 de setembro de 2011

    As paisagens retratam bem Porto Alegre e o RS, no entanto fiquei frustrado pois a novela esta “acariocada” , troquem este voce pelo “tu” , ficará mais original, abusem mais das ruas, Porto Alegre tem a Redenção, o Parque Marinha, o Gasometro, a Rua da Praia, o por do Sol, do Guaiba, e tantas outras belas fotografias E por favor , que possua um bom enredo, pois o Cordel Encantado foi muito repetitivo, Fora de Porto Alegre temos a Serra lindissima, e a Campanha, nosso estado é lindo

  • janaina diz: 4 de outubro de 2011

    pra fala a verdade cordel encantandoo foi uma novela boa, só que não tão boa pq tem esses negocios de rei. e isso nao tem nd a ver estrago por esse motivo
    mais essa vida da gente é uma novela muito chata, nao tem personagens engraçados, a novela inteira só passa a vida da ana e familia dela ja repararam? nao vi mais personagens alem deeles

  • Stefany Nóbrega diz: 12 de outubro de 2011

    Não assistia cordel encantado, porque não gosto de nenhuma novela das 18:00, mas por essa me interessei, Só que já não constei de saber que depois que ela voltar do coma a Manuela terá ficado com Rodrigo e que Ana se casará com o doutor. Varias pessoas estão comentando pois ficará muito chato e estamos achado muito sem graça perde todo foco da novela.Eles (rodrigo e Ana) fazem um belo casal e o publico já se apaixonou, só assistimos por causa deles e queremos um final feliz e os dois juntos. Por favor pensa direitinho pois se não perderá muita audiencia.
    Até antes de ficar sabendo estava amandooooo muito não perdia um capitulo mas agora to desanimada pois é uma novela muito boa.
    Se não fosse por isso que fiquei sabendo a novela seria um sucesso, maravilhoso cenario, dentre outros.

  • Juana Barbosa diz: 26 de outubro de 2011

    Eita novelinha chata. Sem graça, com personagens secos e frios. Até na hora de passar emoção os personagens são frios. Não tem humor… Acho muito difícil bater Cordel, pra não dizer impossível até manter a média mais baixa que Cordel teve em alguns capítulos. Sem contar que é muito difícil concorrer com a história do sertão que já uma verdadeira história real com 500 anos de existência, com seus mitos e lendas. Cordel retratava um lugar com cultura própria e enraizada, que nasceu ali, que não foi copiada da Argentina.

  • JOAO LUIZ diz: 27 de outubro de 2011

    Prezada Juana, percebo que não conheces o Rio Grande do Sul, nossa Cultura é muito rica e própria, basta observar que encontram-se Centros de Tradicoes Gauchas no RS , em praticamente todas as Cidades, e tambem em muitos Estados Brasileiros como RJ, Mato Grosso, Minas Gerais, etc… E na mesma proporçao em que os Gauchos possuem influencias Espanholas, oriundas do Uruguai , da Argentina, da Alemanha, da Italia, da França , da Polonia, pois foi berços de Colonizaçao, o Nordeste tambem sofreu influencia dos Holandeses, dos Africanos, dos Portugueses, tu deverias visitar o RS, temos uma ampla e diversificada Cultura, aqui encontra festas e costumes de Germanicos, Italianos, Espanhois, Judeus, e perceba que estes processos ocorrem naturalmente em povos onde a concentraçao de renda é maior, sempre resultando das migraçoes, um exemplo é New York, Sao Paulo, as pessoas em determinado momento foram viver neste lugares, pois a situcao economica favorecia suas vidas, o Rio Grande do Sul é muito rico, em diversos aspectos, possui o menor indice de analfabetismo do Brasil, o povo é acolhedor, as Paisagens são maravilhosas, conheça nosso Estado, e ao contrario do que pensas, possuimos uma Cultura propria e muito rica, num povo muito determinado que ja fez deste Estado uma Republica

  • Juana diz: 27 de outubro de 2011

    Sr. João em nenhum momento eu falei que o RS não é rico ou que não tem cultura. Ao contrário do que pensas conheço o RS, a Argentina e o Uruguai. Desculpe-me, mas constatei que as vestimentas típicas, o chimarrão e até o sotaque daí lembra mais a Argentina com algumas adaptações é claro, mas é “a cara da Argentina”, até a forma que as torcidas de futebol se manifestam é uma cópia da Argentina. Isso não quer dizer que vcs não tenham cultura, pelo contrário tem muita. O meu comentário era sobre a novela que é chata e monótona, um verdadeiro porre. Como vc fez questão de frisar a cultura daí é muito ampla, mas ainda em construção já que é uma salada de vários países. Portanto se alguém quer fazer uma novela ou um filme alemão ou italiano sua equipe terá que ir a Alemanha ou a Itália, ou então sairia superficial. Quanto à concentração de renda, devo discordar totalmente de vc quanto à Nova Iorque, pois lá NÃO TEM tanta concentração de renda e sim uma renda bem distribuída, infelizmente concentração de renda tem é em cidades brasileiras, inclusive São Paulo e mais ainda no Nordeste (onde há poucos milionários como os donos da maior rede de shoppings do Brasil ou da maior construtura do país que são nordestinos). Voltando para as novelas, as pessoas querem ver o novo e o único, por isso toda novela ambientada no Nordeste é recorde de audiência, pois aqui se formou uma cultura com características únicas no mundo não há nada igual em outro país, justamente por ter 500 anos de formação (mesmo com adversidades) e ser formada pela junção de portugueses, africanos, espanhóis, holandeses e franceses. Quero deixar claro que gosto e admiro o sul do país, tenho amigos lá, porém como tema para novela o RS é uma excelente fabrica de super modelos.

  • JOAO LUIZ diz: 28 de outubro de 2011

    Na realidade o RS sofre alguma influencia da Cultura Uruguaia, que são fronteiriços considerados “hermanos”, pois é comum nas Estancias da fronteira contratarem os peões do Uruguai, isto é histórico , não concordo na semelhança com os Argentinos, pois o Gaucho tem uma certa aversão aos Portenhos, em função de sua arrogância e prepotência , o que não ocorre na relação com os Uruguaios, as vestimentas típicas são uma mescla das culturas “catalãs” , num tempo em que as Fazendas se estendiam por centenas de quilômetros o homem do campo vestia-se com a confortável “bombacha”, oriunda dos povos árabes , portanto se tu estudar a formação de nosso Estado, verá que o RS esta ligado ao Uruguai (culturalmente), em função de sua convivência com estes povos, mas isto apenas é comum nas regiões de fronteiras, quanto a concentração de renda, na realidade refiro-me dentro da distribuição demográfica, no que tange a novela, eu assisti os primeiros capítulos esperando que ela refletisse um pouco de nosso maravilhosos Estado, fiquei frustrado e já não assisto mais, quanto ao nordeste sei que também possui uma grande riqueza cultural, mas não concordo que seja única, pois ela é de origem Africana, com influencias de outros povos, mas se você chegar numa aldeia tribal da Africa ouvirá atabaques e tambores iguais aos do Nordeste, ou a viola portuguesa, ou o violino da Holanda, quanto a fabrica de super modelos, não tenho duvidas de que as mulheres daqui são lindas, tenho viajado pelo Brasil e sinto saudades da beleza encontrada nas ruas de Porto Alegre, a miscigenação dos povos daqui resultou em mulheres lindas, como Xuxa, Ana Hickmann, Gisele Bundchen, a tantas outras, mas não esqueça que não possuímos apenas as modelos, a propria Globo possui um grande elenco de ótimos atores e atrizes, e de certa forma concordo que para as populações dos demais Estados, exceto Santa Catarina que possui características semelhantes ao RS e parte do Parana, fica difícil aceitar que aqui seja um bom tema para Novela, em funcão das diferenças de formação, em tempo: quanto aos estádios, bom aqui há duas paixões , Gremio e Internacional, tu não encontrara um único Gaucho que torça para qualquer outro time de fora do Estado, estranhei quando visitei uns amigos em São Paulo e um deles era Flamengo, aqui na hora do jogo cantamos o hino do Estado, depois vem o Nacional, pois as pessoas aqui tem uma paixão pela nossa terra, não diria apenas paixão, mas orgulho de ser Gaucho , de ver nossa cultura se estendendo por vários estados, me diga em qual Estado é dedicada uma semana para cultuar as coisas de sua terra? Aqui temos a Semana Farroupilha, onde misturam-se eventos culturais , gastronômicos e artísticos, nesta época pessoas desnudam-se de seu dia-a-dia , vestem-se tipicamente, e muitos viajam em grupos de cem ou mais cavaleiros , em direção a Porto Alegre, num ritual mágico de amor ao Rio Grande do Sul, um fraternal abraço Joana

  • Vera diz: 8 de novembro de 2011

    Talvez a autora tema a rejeição da Vida da Gente por estar faltando a enjoação do sotaque nordestino que ataca a maioria das novelas da Globo.

  • SA AUGUSTO diz: 9 de novembro de 2011

    Na minha opinião, nenhuma novela deve “forçar” no sotaque. Os atores devem falar normalmente, com uma boa dicção e pronto. Assim, evita-se dissabores…de todos os cantos do Brasil… Uma idéia seria, no caso da GLOBO, entregar a produção total das telenovelas para suas afiliadas em todas as regiões…. É claro que é impossível pois a direção geral está ro RJ e eles teriam que aceitar trabalhar com atores e atrizes nativos da região da novela… Acredito que há muita gente talentosa em todas as regiôes de nosso país que espera uma oportunidade para poder atuar. A VIDA DA GENTE está ótima e com certeza esse medo de rejeição já não existe…

    Abs.
    SA

  • Viviane Vizioli diz: 29 de dezembro de 2011

    Eu realmente amava esta novela, mas desde que passou o tempo e Manuela e Rodrigo passaram a ser um casal esta novela está cada vez mais insuportável.
    Primeiro achei vil Manuela e Rodrigo juntos, independente dos motivos, circunstancias e etc …
    Depois a Ana acordou e virou um dramalhão que daria vergonha as novelas mexicanas.
    A Ana se considera uma martir, se negar a felicidade em gratidão.
    A Manuela é songamonga.
    O Rodrigo não sabe o que quer e se mostra infantil e irritante.
    É realmente uma pena, esta novela começou tão bem mas parece que se perdeu.

  • JOAO LUIZ diz: 30 de dezembro de 2011

    Ja deixei de assistir, pois esperava mais, fiquei frustrado , no entanto a Globo superou até mesmo as Chicanas do SBT com a que esta passando as 19:00, aquela narrativa do Miguel Falabella é uma piada, sem falar que se transformaram num grande pacote publicitario, antes vendiam comportamento, agora em cada cena vendem até “pipoca”… Os enredos são muito pobres e apelativos, tenho filho e sobrinhos e entendo que nestes horarios poderiam ser suprimidas as cenas “picantes”. Tenho uma amiga juiza que sempre dizia que novela, é um atentado a inteligencia, e de uns tempos para cá , tenho que concordar com ela

  • Juana diz: 14 de janeiro de 2012

    Voltando aqui…
    Como eu imaginava, a novela é um fracasso, não assistir um capítulo inteiro.
    Agora ao amigo João:
    a gente só fala uma coisa quando realmente sabe do que está falando pra não cair no descrédito viu? vc escreve “me diga em qual Estado é dedicada uma semana para cultuar as coisas de sua terra?” pois eu te falo de pelo menos sete Estados que tem não apenas uma semana mais um mês voltado para vibrar ainda mais a nossa cultura, tente viajar pelo interior do NE no mês de junho e verás. …”tu não encontrara um único Gaucho que torça para qualquer outro time de fora do Estado, estranhei quando visitei uns amigos em São Paulo e um deles era Flamengo”… Experimente perguntar pra os senhores com mais de 60 anos daí do teu estado pra qual time eles torciam nas décadas de 40 e 50, terás uma bela surpresa eu aposto. Portanto, antes de se julgar melhor que os outros conheça pelo menos a sua verdadeira história. Quando fiz o primeiro comentário aqui foi direcionado a novela e seu ambiente… mas como me respondeu com um comentário direcionado a mim, aqui estou. Pois bem, de história eu conheço muito, essa é a minha praia favorita. Sei que o isolamento geográfico e desfavorecimento político do teu estado nos séculos XVIII e XIX (os governadores da província do RS nessa época são todos nordestinos ou paulistas com algumas exceções) são responsáveis por essa constante afirmação que vcs tem necessidade de demonstrar perante o Brasil, mas fique tranquilo pq o Brasil sabe que vcs são merecedores de nosso respeito e admiração, só não precisa dizer que os outros estados não prestam pra afirmar que vcs são bons (como vi muitos conterrâneos teus fazerem), todos os estados do Brasil podem ser muito bons inclusive o teu.

  • JOAO LUIZ diz: 16 de janeiro de 2012

    … Joana, eu tenho primos Cariocas, e nao deprecio nenhum Estado, tenho amigos em muitos outros, o isolamento que vivia o RS, tambem era comum a todos os demais Estados, visto que o Pais possui dimensoes Continentais, volto a repetir que nao conheço nenhum Gaucho que torça para outro time, que nao seja do RS, e tenho 46 anos, nem meu pai, nem meu avo, nem tios , ou amigos, mesmo da faixa etaria que relatastes, o Gremio e o Internacional foram fundados nos medos de 1910, e fora , claro aqueles Cidadaos que vinham de fora , como por exemplo os militares das Agulhas Negras, procedentes do RJ, ou aqueles Governos nomeados pelos Governos autoritarios, a grande maioria da População, ou é gremista, ou colorada, tambem nao desqualifico as Culturas de outros Estados, sei que sao valorosas, os Africanos, Portugueses, Holandeses, etc… enriqueceram o Brasil, nao tenho a intençao de afronta-la, mas pelo que percebi de alguma forma, te sentistes agredida, sou Gaucho, amo minha terra, e na realidade apenas sendo Gaucho é possivel sentir e louvar nossa Cultura, com apreço e devoção, e fica dificil discutir afetividade quando não ha envolvimento, e seria dificil descrever em poucas linhas, o que representa para cada Riograndense este Estado, tambem nao farei nenhum esforço para convence-la, aqui cada criança é educada ouvindo nas escolas e cerimonias o Hino do Estado, e são tantas as linhas que teria que escrever para responder a ti, que entendo que nao seja necessario, ontem meu socio retornou da Dinamarca, e ele narrava a alegria dele ao ver do avião a ponte do Guaiba, e eu neste momento me coloquei a pensar, que este Espitiro de amor a nosso Estado, esta presente em praticamente todos os Riograndenses, lembrei que sempre tenho a mesma sensação ao chegar no Aeroporto
    Salgado Filho, e parabéns pelos seus comentarios, defendes muito bem teus pontos de vista, o que denota personalidade, quanto a novela , é um lixo, concordo neste ponto.

  • sonia diz: 15 de março de 2012

    AINDA BEM QUE A NOVELA A VIDA DA GENTE ACABOU, A NOVELA COMEÇOU SEM GRAÇA E ACABOU RUIM QUE NOVELA TEDIO!!!!!E OS PERSONAGENS!!!!! CREDO!!!! BEM RESUMINDO HORRIVELLLLLL!!!!! ESTOU AMANDO A NOVA NOVELA AMOR ETERNO AMOR

  • Alexandra diz: 10 de junho de 2012

    Linda novela!!! Infelizmente, a autora não conseguiu fazer uma boa transição que explicasse a transformação da paixão adolescente de Rodrigo e Ana para o reconhecimento do amor com Manu e Lúcio. Poderia ter tido este final ou um final diferente, mas a autora deveria ter sabido conduzir melhor essa história.

    A Marjorie Estiano, como sempre, deu um show, sobretudo porque sua mocinha não era chata, independentemente das simpatias que a conduta de sua personagem fossem capazes de conquistar, ou não.

Envie seu Comentário