Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

A Vida da Gente: Ana cairá no choro com Rodrigo e clima esquentará entre eles

16 de dezembro de 2011 15

Fortes emoções no capítulo da próxima segunda-feira. Pelo menos para quem torce em um desfecho favorável para Ana (Fernanda Vasconcellos) e Rodrigo (Rafael Cardoso). O clima entre eles vai esquentar em A Vida da Gente.

Segundo a colunista Patrícia Kogut, a ex-tenista cairá no choro durante uma conversa com o ex-namorado, o que aumentará ainda mais a tensão entre os personagens.

Angustiada com sua relação com a filha, Ana fará um desabafo com Rodrigo. Apesar das tentativas da mãe, a menina continua irredutível. O arquiteto vai acalmá-la, aconselhando-a a ter paciência para reconquistar Júlia (Jesuela Moro).

Ana acaba chorando e Rodrigo irá abraçá-la. Os dois ficarão bem próximos, mas serão interrompidos pelo barulho da fechadura: será Manuela (Marjorie Estiano), chegando em casa. Os dois se afastarão e Manu ficará surpresa, sem entender direito o que está acontecendo.



Bookmark and Share

Comentários (15)

  • lenir diz: 17 de dezembro de 2011

    que bom torço muito pra volta deles a mamuela não tem nada a ver com rodrigo parabens pro diretor que se tocou

  • Anjo Colorado diz: 17 de dezembro de 2011

    Se ela e Rodrigo tem que voltar é uma coisa. Se tem ser Manuela e Rodrigo é outra coisa.

    O que acha incrível é as pessoas assistindo a novela dizendo nesse blog que a Manuela é falsa e roubo o Rodrigo.

    Fico duvidando da capacidade de alguns de assistirem uma novela e compreenderem o que está acontecendo.

    Ana e Rodrigo foram apresentados como dois jovens que tinham uma ligação afetiva muito forte que se tornou uma grande paixão.

    Ana e Manuela como duas irmãs muito próximas e carinhosas.

    Ocorre uma tragédia e Ana fica em coma.

    A irmã passa a cuidar e sustentar a filha de Ana enquanto Rodrigo tenta resolver sua vida.

    Expulso de casa e sem emprego Rodrigo acaba morando com Manuela.

    Todo mundo assistiu que os médicos dizeram que Ana jamais voltaria do coma, que não havaria esperanças.

    Manuela e Rodrigo sofrem pela mesma pessoa e cuidam da mesma criança. Passam a viver debaixo do mesmo teto por força do destino, não por conta de algum plano da irmã de Ana.

    Eles jovens, carentes afetivamente e por causa de Júlia compartilham as mesmas experiências. Sem mencionar que nunca houve entre os personagens uma expectativa que Ana saísse do coma.

    Então por que não deveriam se aproximar? Ela estava quase como morta. Ela não tinha uma vida pra ser vivida, mas Rodrigo e Manuela, sim.

    Alguém aqui viu alguma cena de Manuela conspirando? Alguma cena de Manuela tramando algo?

    É claro que não. Nunca houve.

    A paixão de Ana e Rodrigo é forte e isso pode pesar. Se acontecer não será uma surpresa. Tem lógica.

    Mas no triângulo amoroso entre Ana-Rodrigo-Manuela não há vilã ou vilão.

    Só gente com absoluta falta de interpretação pode enxegar algo diferente.

  • Angélica Paulo diz: 17 de dezembro de 2011

    Concordo com o Anjo Colorado. A maioria dos expectadores está acostumado a novelas com personagens extremos: há o vilão e o mocinho. Então, ficam procurando esta dicotomia em A Vida da Gente. Só que ela não existe. Manuela não é vilã. Ana não é vilã. Rodrigo não é vilão. Eles são humanos, só isso. Erram tentando acertar.
    Não concordo com o desenrolar das coisas simplesmente por achar que Rodrigo e Ana vão agir da maneira errada ao não assumirem pra Manuela o que realmente sentem um pelo outro. E escondendo isso, aí sim vão traí-la. Mas não acredito em traição intencional. Os personagens estão sofrendo há tempos com essa reviravolta.
    Torço muito pela Manuela. Acho o trabalho da Marjorie impecável. É, sem dúvida, a personagem mais coerente e madura da trama. Com Rodrigo ou sem Rodrigo, acho que ela vai saber dar a volta por cima e colocar a Julia sempre em primeiro lugar. Mas também não vai bancar a mártir e aceitar a traição.
    Vai se magoar como qquer ser humano e tirar o tempo necessário pra curar as feridas.
    Acredito que a autora não tenha apimentado a relação de Manu e Rodrigo propositalmente, justamente para que o público pudesse ver a diferença da relação das duas irmãs com o mesmo homem.
    E ela tem batido na tecla amor versus paixão o tempo inteiro. Vamos ver que tipo de sentimento vai pesar na decisão do Rodrigo.
    O que eu realmente espero é que a decisão final não seja dele. Que as duas irmãs possam decidir o próprio destino e que o Rodrigo se conforme com a escolha de cada uma delas.

  • Nana diz: 17 de dezembro de 2011

    Acho que a Ana e o Rodrigo tem que voltar… continuar com a manuela agora nao faz mais sentindo algum… Ana e Rodrigo tem uma filha… e uma paixão explosiva… e fora que combinam super… imaginem manu e rodrigo casados e tenho outro filho que bizarro seria? agora que ana voltou deveria voltar com rodrigo e manu e rodrigo se destanciarem naturalmente e aparecer um alguem que fizesse manu se apaixonar ja que a relação entre ela e rodrigo ja esta totalmente frio… e a julia começasse a se aproximar mais e mais a Mae ana.. chamala de mae e tudo ficaria liiiindooooo

  • Anne Pimentel diz: 17 de dezembro de 2011

    Eu acho que Manu não teve culpa, mas eu estou torcendo para que Ana termine com Rodrigo.

  • cida diz: 18 de dezembro de 2011

    Como vc disse:”é uma trama”, e o público tem suas expectativas e espera o que não seria possível na vida real. Manu poderia ter se aproximado de rodrigo e como a mãe eva, poderia ter esperança, pois é isso que sentimos quando amamos alguém. a Ana voltou, nem deveria ficar com o rodrigo, mas no fundo a Manuela não está ajudando a verdadeira mãe de Júlia conquistar a menina. sempre se referem a mãe como “Ana” e a Manuela como mamãe. isso sim está errado, aos poucos, mas modifica-se e vamos combinar que a Manuela ficou arrasada com a volta da irmã, insegura, com medo de perder a vida que era pra ser da Ana e ela simplesmente se apossou.

  • Leidy diz: 19 de dezembro de 2011

    Eu até concordo que a Manu não teve culpa, mas em partes, se eu vejo que estou sendo tomada por um sentimento mesmo que seja inocente pelo amor da vida da minha irmã a minha obrigação é me afastar. Mas não resolveu ficar lá e aos poucos mesmo sem vê ocupar uma outra vida a vida que não é dela e que todos vê que é da Ana.

  • nathalya soares diz: 19 de dezembro de 2011

    eu acho que a manu foi a errada.sim.nao tem nada a ver que a ana nao tinha mais esperança.eles sempre acreditaram na recuperaçao da ana ai agora ficou com o rodrigo. e nao acredita mais .os medicos nao afirmaram nada.a manu nao e vilã mais eu acho que mesmo com esse amor todo ela nao tinha que ficar com o rodrigo.pois ela sabia do amor da ana pelo rapas.ficou com a filha dela.eu sei que a júlia sabe quem ea verdadeira mae dela mais a manu devia ficar falando pra júlia chamar a ana de mae.eu sei que a manu cuidou da julia mais eu nao concordei quando a julia ganhou o cachorrinho ea manu disse que era um plano dela e do rodrigo.entao escluiu a ana.eu acho que o rodrigo tem que ficar com o rodrigo siiiiiiiiiiiim

  • nathalya soares diz: 19 de dezembro de 2011

    disculpe errei a ana tem que ficar com o rodrigo siiiiiiiiiiiiiiiim

  • nathalya soares diz: 19 de dezembro de 2011

    disculpe errei a ana tem que ficar com o rodrigo siiiiiiiiiim

  • Elisangela Ramos diz: 19 de dezembro de 2011

    Não acho q a Ana deva ficar com Rodrigo, pois na vida real muitas das vezes ñ ficamos com quem amamos, pois a vida toma outros rumos e não temos controle disso. Mas a Manuela deve devolVer o lugar de mãe da Júlia, afinal a mãe é a ANA.

  • Jessica diz: 19 de dezembro de 2011

    Eu não acho que Manu seja uma vilã, mas agiu errado, como tantas vezes a Ana também. a questão não é ele ficar com a Mocinha da história, ele tem que ficar com quem ele realmente ama e que me parece ser a Ana.
    Não é porque ele casou com a Manu que ele tem que ficar com ela, ele confudiu amor com carencia e amizade, ela foi inclivel, mas é da Ana que ele gosta, então eu torço para a felicidade de todos.

  • Aline diz: 19 de dezembro de 2011

    O fato da Manuela não ser vilã não isenta dela a culpa por suas decisões. Imaginem, a tia ser casada com o pai da criança! Bizarro. Ela pode não ter dito intenção, mas viveu sim a vida da irmã. Deixar que a sobrinha a chame de mãe é um absurdo, mesmo que a Ana tivesse morrido a memória de uma mãe deve ser preservada. Ela poderia ter cuidado da Julia educando a criança a sempre chamá-la de tia, essa história de duas mães é irritante!!! Acho que a Ana tem o direito de pagar para ver se sua paixão com o Rodrigo dará certo ou não, sua vida e seus sentimentos foram interrompidos. E querem saber, essa história de que não acreditavam na recuperação dela tem o furo: se ela não voltaria porque escrever um blog para alguém que nunca iria ler? a Manu deveria ter segurado a onda, agora teme perder o marido que a irmã escolheu para si, e a filha que também pertence a irmã. Total falta de personalidade, e detesto personagens boazinhas demais que acabam se tornando sonsas. Claro, o trabalho da Marjorie está excelente assim como os demais.

  • Claudia diz: 20 de dezembro de 2011

    Concordo com o comentário da Aline. A Manu não é má, mas fez a escolha de viver a vida da irmã e agora que ela voltou, a Manu está ficando sem lugar. Ela foi a opção mais segura para o Rodrigo, a segunda opção.
    Quanto a Júlia, não vejo cabimento em chamar a tia de mamãe. Tia é tia, por mais que crie a sobrinha. Achei essa parte da novela inexplicável.

  • erica diz: 21 de dezembro de 2011

    acho ridículo alguém dizer que uma criança criada por outra pessoa que não é mãe verdadeira não possa chama-la de mãe. passaram-se seis anos e não seis dias, e a unica figura presente na vida de Julia, que deu amor e carinho foi manu, então porque não chama-la de mãe.

Envie seu Comentário