Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Hoje em A Vida da Gente: Rodrigo implora que Ana não se case com Lúcio

15 de fevereiro de 2012 63


Desesperado, Rodrigo (Rafael Cardoso) tenta impedir que Ana (Fernanda Vasconcellos) se case com Lúcio (Thiago Lacerda) no capítulo desta quarta-feira em A Vida da Gente. Ele vai até o apartamento da treinadora e a encontra com a costureira dando os últimos ajustes ao vestido de noiva.

Rodrigo fica imóvel na porta e pede para conversar, mas Ana avisa que não é a hora. Contendo as lágrimas, ela pede que o ex vá embora. Firme, o arquiteto deixa claro que só irá sairá depois de conversar. Olhando nos olhos de Ana, ele se declara.

Na verdade, eu vim até aqui te pedir… Por favor, Ana… Não faz isso… Eu te peço, eu te imploro… Não faz isso… Não segue adiante com a ideia absurda desse casamento.

Ana alerta que Rodrigo não tem o direito de lhe pedir isso, mas o jovem insiste, afirmando que achou que ela não seguiria em frente com o casamento.

Será que você não percebe que essa sua maneira de agir é injusta com todo mundo, e que você está repetindo o mesmo erro, mais uma vez… Além do mais, você não está seguindo adiante. Você está tomando um caminho de fuga, de novo, se jogando num casamento sem amor – ele avisa, afirmando que sabe do amor que ainda existe entre os dois.

O arquiteto tenta se aproxima, mas a ex-tenista recua.

Eu já disse, Rodrigo, e repito: em cima da infelicidade das pessoas que eu amo, eu jamais vou conseguir construir coisa alguma.

Ele insiste que a amada não conseguirá ser feliz vivendo na mentira e deixa claro que nem ele, nem Lúcio merecem isso. Sem forças para lutar, Ana pede que ele vá embora, segundo o site da novela.

Você concorda que Ana deve abandonar o casamento?

Bookmark and Share

Comentários (63)

  • Gabriela diz: 15 de fevereiro de 2012

    O Rodrigo tem se mostrado mais maduro e decidido, pelo menos depois de terminar com a Manu manteve a decisão de ficar com a Ana.
    Já a Ana, credo, esta sim merecia ficar só, ou melhor, com a Eva mesmo, pois as duas se merecem, tal mãe tal filha, e se eu ainda tinha duvidas do caráter ruim da Ana, depois daquela cena com a Manu ontem, deixei de ter… A guria é mal caráter mesmo, a cara de ódio dela falando com a Manu…, bah, caiu a mascara, chegou se fazendo de pobre coitada e saiu mostrando quem é na verdade…, além de fraca ainda consegue ser dissimulada e ingrata…
    E definitivamente, isto não é comentário de quem precisa achar uma vilã…, realmente não há vilões nesta novela, apenas há pessoas boas e pessoas falsas e egoístas (não vilãs)…

  • fernanda diz: 15 de fevereiro de 2012

    Ana, deve se joga meu bem, deixar de ser a certinha que sofre e vai viver, vai ser feliz com o homem que ela ama, pois uma coisa é certa nunca devemos abandonar os nossos sonhos e se as pessoas que amamamos.
    e se tais pessoas que ela não que magoar a amam vão compreender seu lado e se não a compreenderem, ela deve seguir seu coração e deixar que um dia estas pessoas iram ver que o amor vence tudo, tudo mesmo.

  • Fezinha diz: 15 de fevereiro de 2012

    Está novela e muito boa, repleta de comflitos que acontece pelo mundo.
    Sim, comcordo que Ana não deve se casar, pois temos que sempre seguir o coração, se este casamento acontecer realmente isso só vai gerar mais comflito, e além disso Lucio não merece, pois ele sim sente amor verdadeiro pela Ana, e ela está tentando se refugiar em um amor do qual ela não vai poder retribuir, pois o amor de Ana e Rodrigo não está resolvido em seus corações, pois só podemos partir para uma nova história quando estamos com a relação e situação bem resolvida.
    Desejo muito que Ana e Rodrigo fiquem juntos, e que Lucio encontre alguem que o ame de verdade com a mesma intensidade. Tambem desejo que Manuela fique com Gabriel o seu novo amor.

  • Eu diz: 15 de fevereiro de 2012

    Gabriela e a cara de ódio que a Manu tava para ela. Não conta?
    A Ana não é indecisa acontece que entre um amor e a filha ela escolheu a filha, como acontece com muitas mães.
    Esse amor que a Manu disse ter sido construído com o Rodrigo era mais por conformismo do Rodrigo. Porque ninguém ia abandonar o casamento com uma pessoa que tu diz que ama por causa de uma pessoa que tu não tem contado a mais de 4 anos.
    E outra a Manu desde que a Ana acordou nunca fez uma verdadeira ponte entre mãe e filha, sempre falava sua mãe ana. Que isso.
    E o que mais me irrita nesta história é a Manu preocupada com o Rodrigo, PELO AMOR de DEUS então a Ana deve ter beijado uma parede.
    A Manu perdeu a moral depois dessa, não falo com a minha irmã mas ainda me preocupo com o Macho. AFFFF
    E a mágoa da Manu envolveu até a rejeição da Eva, outra coisa que nunca foi explicada muito bem pela autora da onde vem esse ódio que a Eva sente pela Manu.
    Muito boa a cena, bem briga de irmãs que ás vezes falam coisa da boca para fora.

  • Claudia diz: 15 de fevereiro de 2012

    Em nenhum momento ela é capaz de dizer que ama o Lúcio. Ela está tentando ser feliz agradando todo mundo e sem piorar a relação com a Manu. Óbvio que é a maneira errada e que não será feliz assim, mas não se pode dizer que ela está fazendo uma maldade e que mereça ficar só por causa disso.

    Não achei ela com cara de ódio falando com a Manu e não vi máscara alguma caindo, ela recebeu agressões e devolveu. Não esqueçam que a Manu iniciou as acusações e as cobranças. Acho que as duas disseram tudo que estava preso e foi bom para poderem começar a superar isso. Não há uma irmã ruim e uma boa, as duas são boas pessoas e erraram muito em determinados momentos da vida.

  • Lis diz: 15 de fevereiro de 2012

    A Gabriela falou tudo: a Ana é uma egoísta, só exerga o próprio umbigo e usa a filha como desculpa pras suas idas e vindas, porque na verdade não sabe o que quer.
    Adorei o “laço” que a Manu deu nela ontem! Falou tudo, foi perfeita!
    Acho que a Ana e o Rodrigo acabarão ficando juntos, mas eles não merecem ser felizes às custas da traição que cometeram. Já a Manu, tomara que tenha encontrado alguém que realmente a mereça e seja feliz!

  • Daiane diz: 15 de fevereiro de 2012

    espero que agora depois que a manu falou umas boas verdades para ana ela entende de uma vez por todas que ela AMA o rodrigo e que nunca vai dar nada certo na vida dela se ela realmente não viver esse amor até onde ele durar…acho que vale a pena eles ficarem juntos e realmente se entregarem de coração e serem felizes e sinceros co seus sentimentos.

  • ALINE diz: 15 de fevereiro de 2012

    As Manuelistas que me perdoem, mais se vcs gostam da Manu como dizem, não vai queere para ela um homem que ama outra…o capitulo de ontem e de hoje diz que Ana e Rodrigo se amam…E a Manu tem que ficar com o Gabriel e ser feliz porque merece…..

  • Renata – R diz: 15 de fevereiro de 2012

    Está mais claro do que nunca que Rodrigo se decidiu.
    Não consigo ver um possível reatamento do “casamento perfeito” com Manu, como um dos noveleiros citou: – “seria incoerente”, seria mesmo, ainda mais depois de todas essas cenas emotivas, depois da impressão que os personagens estão mostrando sentir um pelo outro… Ficaria sem nexo essa suposta volta.
    Acredito que depois de expor tudo o que estava engasgado, Manu consiga se entregar de uma forma mais completa para Gabriel. Ou não…
    Achei imaturidade da Ana essa ideia repentina de se casar, e de um certo ângulo egoísmo maternal, visou só o bem estar da filha, já que a garotinha aprovara o relacionamento do casal e ficou muito contente por sinal, consequentemente a Ana aceitou acatar essa possibilidade procurando um meio mais fácil de não gerar mais conflitos com a filha. Vejo por um lado mais sentimental essa atitude para com o Lúcio, ela não agiu de má fé, muito pelo contrário, estava explicito que ela gostava/gosta muito e essa atitude de se casar com ele não era lá uma má ideia, então por que não tentar?
    Como sempre tentou remediar uma discórdia e acabou caindo na desgraça.
    Tudo que a Ana vem tentando é construir sua vida, SEM PASSAR POR CIMA DE QUEM AMA, essas pessoas se resumiriam em: Manuela e Júlia.
    Se formos parar pra pensar, são uma das únicas pessoas que mais importam na vida dela (Ana) que impedem de certo modo que ela siga um rumo que a faria feliz verdadeiramente. O que me intriga é que tem gente que ainda a chamam de egoísta, imatura tudo eu reconheço, mas essa atitude de se sacrificar para o bem da pátria, ou melhor, para o bem das pessoas que ela ama, é MUITO generosa. Eu não sei se teria essa generosidade toda…
    O que vai me partir ainda mais o coração é a depressão que estar por vir… Como uma amiga nossa disse: Ela teve que assistir a tudo isso e fazer cara de paisagem… <algo assim
    Enfim, quero que Rodrigo e Ana possam ter a oportunidade de viver esse romance sem a intromissão de pessoas alheias. Tenho a mais absoluta certeza de que não foi apenas uma "apaixonite adolescente". A frase "Amor, eterno amor" se resume nesses dois, e com as palavras da Ana na discussão enfatiza: "Quer saber, não adianta, porque mesmo que a gente não fique juntos, mesmo que o mundo inteiro impeça, o amor da gente vai continuar existindo"

    E no final os pares perfeitos para as manuelitas radicais:
    • Manu com Rodrigo.
    • Manu com Gabriel.
    • Rodrigo com um novo amor ou sozinho.
    • Ana com Lúcio ou sozinha.

    E no final os pares perfeitos para as anistas radicais:
    • Ana com Rodrigo.
    • Manu com Gabriel.
    • Manu com Lúcio. (absurdo!!!)
    • Lúcio com Laura.

    rsrsrsrs

  • Renata – R diz: 15 de fevereiro de 2012

    Corrigindo: “O que me intriga é que tem gente que ainda a chamam de egoísta, imatura eu reconheço…”

  • Anjo Colorado – Zé diz: 15 de fevereiro de 2012

    Tá aí finalmente uma cena que todo mundo sabia que iria acontecer. Sabemos também que Ana mudará de ideia e irá atrás de Rodrigo.

    O fato é que ela ama Rodrigo, mas supostamente lutar por esse sentimento trouxe apenas infelicidade para as pessoas que lhe foram ou são importantes.

  • Gemerson Mendonça diz: 15 de fevereiro de 2012

    Não se pode acusar Ana nem Manu,a cena de ontem foi muito forte, foram muitas verdades jogadas na cara, cada uma tinha q ouvir o q se foi dito, por mais q tenha sido baseado na raiva e explosão momentanea, do mesmo jeito q Ana foi egoísta em algumas falas, Manu tb foi. Mas o fato de Ana realmente, nao ter coragem de assumir sua paixão eh uma fraqueza imperdoavel, ela pode nao ser leviana mas eh nada correto. Porém, essa novela eh sucesso por causa dessas cenas extermamente realistas, onde nao tem ninguem perfeito, nem as ditas heroinas da novela. Pois torno a dizer ambas erraram. Parabens a produçao e a todo elenco!!!

  • Rosenira Sann diz: 15 de fevereiro de 2012

    Depois de tudo o que está acontecendo, ainda tem pessoas que continuam afirmando que o Rodrigo é indeciso.

    Há muito tempo ele já fez sua escolha. Essa cena é mais uma prova do amor dele pela Ana. Cada decisão dela de tentar se afastar de vez, ele age. Foi no eísódio da viagem para os EUA e agora, com o casamento.

    Agora Ana precisa parar de sacrificar o que sente para não desagradar a outrem. Agindo assim, ela será uma conformada, como o Rodrigo foi quando estava com a Manu.

    Ah, Anjo Colorado, então quer dizer que a Ana vai atrás do Rodrigo? Que bom. Já chega do mesmo praticar essa ação.

  • Sueli diz: 15 de fevereiro de 2012

    A Ana continua fazendo exatamente tudo que a Manu jogou em sua cara, eu ainda não entendo as pessoas que criticam a Manu.
    A menina foi expulsa de casa com a bebe da irmã e se não fosse ela hoje a Julia coitada só Deus sabe onde estaria, ela foi a unica mãe que a menina conheceu e meu Deus, quem tem filhos sabe muito bem que por mais que a Manuela tentasse obrigar a Julia a ve-la apenas como tia, isso seria impossível, sei disso por que já vivi situação parecida. Além do que, ela nunca se furtou a tentar fazer a ponte, apenas se afastou no momento em que estava mais magoada, como qualquer um faria, sim, é isso que fazemos quando sofremos por alguém, nos afastamos dessa pessoa. Já a Ana, nunca realmente conseguiu bancar o seu amor pelo Rodrigo, e usa a desculpa de que foi interrompida pela mãe e pela Manu, e agora? ela culpará quem, o Lúcio?? por favor né, eu sinceramente fico triste com essa final Ana-Rodrigo, nunca enxerguei o amor deles com força e verdade, e espero que a Manu continue com o Gabriel, que a ama de verdade, pois ela sim, merece mais do que ninguém nessa novela ser feliz!

  • Rosy diz: 15 de fevereiro de 2012

    Se a Ana não ama mesmo o Lúcio ela não deve se casar com ele, mas isso ela deveria ter pensado antes de aceitar o pedido. Terminar agora (de novo) com ele, é muita sacanagem. Será que Lúcio irá perdoar a Ana? Pq na primeira vez ele terminou pra ela poder decidir o que queria da vida, agora ela que praticamente pediu pra voltar (quem viu a cena sabe). É uma pena que não deu certo. Mas creio que Ana e Rodrigo terminarão juntos, assim como Manu e Gabriel. E no fim, Manu perceberá o qto é feliz com Gabriel que perdoará Ana. Indiferente de como ficará os casais, torço pra que Ana e Manu voltem a se entender pois pra mim, o AMOR entre família ( pais e irmãos) é mais importante do que qualquer homem.

  • Rose diz: 15 de fevereiro de 2012

    Acho que a Ana não deve casar com o Lucio porque ela não o ama, porem tambem não deve ficar com o Rodrigo, porque também não será feliz com ele depois da traição dele, particularmente eu não seria… quanto a traição da irmã é outra coisa, é família, perdoa-se.

  • Clara diz: 15 de fevereiro de 2012

    Nossa, eu não queria ser Ana nessa história! Além de passar por tudo que passou, ainda ser taxada de imatura, leviana, egoísta. Que tristeza! O pior é que na briga de ontem, a Manu repetiu tudo “Ipsis literis” o que a Nanda comentou sobre a Ana, faça-me o favor! Acho que Ana precisava duma folga desse sofrimento todo.

  • ita diz: 15 de fevereiro de 2012

    eu acho que a manu so ve o lado dela ela tambem merece ser feliz ,
    mas acho que ela equeceu que tomou o namorado da irma acredintando , que a irma nao voltaria mais ,ealem do namorado ensinou a julia chama-la de mae se achando que era a mae e agora acha que so a ana errou .
    sendo que as duas sao erradas ela tem que ser feliz com o gabriel e deixar a ana ser a mae pelo tempo que ela perdeu e ser feliz tambem….

  • Bruna diz: 15 de fevereiro de 2012

    a Manuela pra começo de conversa tinha q fazer a mesma coisa q a Ana vive falando q não ia conseguir construir um amor em cima de infelicidade dos outros pois bem lembrando q por causa de um acidente Ana ficou em coma por anos e claro a Manuela sofreu e muito mais ela não deveria term construido um amor com o Rodrigo pq ela sabia q o amor deles era forte e ela não deveria ter ficado braba tanto quanto ficou com sua irmã quando pegou Rodrigo e a Ana se beijando pq pra Ana tudo aquilo era muito novo a pra ela foi apenas alguns dias q se passaram agora a Manuela vir chamar a Ana de egoista a por favor a pessoa fika anos durmindo ai quando acorda fika sabendo q o amor da vida dela está casado e pior com a sua irmã a pessoa q ela mais confiava no mundo e ainda ve a filha chamar a Manuela de mãe pf ai a ana ficou braba mais ela entendeu a irmã e pq a Manuela também não entendeu a irmã??? quem é a egoista agora???
    eu espero q a Ana e o Rodrigo fiquem juntos
    e que a Manuela fique com o Gabriel
    e q o Lucio encontre alguem q vá amar ele de verdade
    Ana e Manu tem q se acerta na verdade as duas tão confusas
    a Ana tentando botar a vida dela nos eichos tentando retomar o tempo q perdeu
    e a Manuela tentando seguir em frente depois do fim do romance com rodrigo
    é isso bjo a todos

  • EDILEUDA diz: 15 de fevereiro de 2012

    Tenho percebido que os autores não escrevem mais novelas para o público,e sim para eles mesmos,é um absurdo atraz do outro,esta história da Ana com o Lúcio,é uma falta de respeito conosco,quem de nós queria viver uma história desta na vida real???? acredito que ninguém,o casal tem sintonia,sem contar que seria uma linda história de amor,estamos cansados de ver desreitos,a familia está cada dia mais destruida,e os autores ainda nos obriga a assisti , irmãs se destruirem,,Ana tem que ficar com Lúcio e chega de intriga entres elas,por causa de um babaca que não se decide……vai todo o meu apelo ao autor desta novela que não separe A ANA DO LÚCIO POR FAVOR

  • EDILEUDA diz: 15 de fevereiro de 2012

    AO AUTOR DE A VIDA DA GENTE, NÃO SEPARE O CASAL LÚCIO E ANA.

  • Cil diz: 15 de fevereiro de 2012

    Essa Ana é uma vaca! Devia mesmo era ficar sozinha! Ela desceu ao nível de acusar a Manuela de acabar com a relação dela com o idiotão do Rodrigo, quando ela se afastou para deixar os dois à vontade, e ir cuidar das feridas dela. Ela queria o quê? Ela é tão mesquinha, que primeiro acusou a Manuela de ter usado a Júlia para se vingar dela, o que sabemos não é verdade e que a Júlia ficou sozinha e blá blá blá, quer dizer, ela mesma admitiu que a Manuela é a pessoa mais importante da vida da Júlia, mas aí logo em seguida jogou na cara da irmã, que ela é que era a mãe da menina. Se ela é a mãe… então que ela assuma completamente essa responsabilidade. Eu sou a mãe, mas aí se a menina me rejeita, vem cá tia Manu?! É assim?? Além de tudo, é uma incompetente que não tentou ganhar o amor da filha e manter o relacionamento com o abestado.

  • Claudia Daenekas diz: 15 de fevereiro de 2012

    É pessoal, apesar dele falar que ama Ana, as próximas cenas ainda mais da briga com o Lúcio mostram o quanto o Rodrigo tem uma ligação forte com a Manu.
    E aí fica a dúvida…é amor mesmo o que ele tem com a Ana???
    A parte mais forte que ele diz é: “que seu relacionamento com Manu foi o que existiu de mais sagrado e importante em sua vida.”
    Como assim?????????
    E Manu ouve td…

  • Jessica Traimute diz: 15 de fevereiro de 2012

    Nossa Cil, vc deve ser revoltada, pra que xingar a Ana de Vaca???
    Vc nunca errou na vida??? Nunca ficou indecisa??? Nunca ficou perdida por um amor???
    Ela errou e a Manu também, vi a cena da briga e achei que as duas se exaltaram, mas fiquei chateada que a Manu falou que se acha melhor que a Ana…
    Como eu posso falar que sou melhor que alguém??? Isso é um absurdo…

  • Dani diz: 15 de fevereiro de 2012

    Meninas parem de brigar!!! rs…

    Não precisam ofender as irmãs, as duas são lindas, maravilhosas e honestas… mas imaginem e se coloquem no lugar delas… Rodrigo que amava Ana que entrou em coma e deixou afilha com a irmã Manu que foiq uem deu educação, amor e uma familia que ama Rodrigo… etc…

    Mas será Claudia Daenekas que ele está em duvida ainda???

    Espero que a autora mude esse final que parece estar traçado!!!

  • Claudia Daenekas diz: 15 de fevereiro de 2012

    Pessoal…

    Sinceramente a relação entre as duas nunca mais será a mesma. Se fosse realmente seguir a risca a realidade, esta relação estaria condenada ao fracasso.
    Digo porque como a Ana estaria tranquila, sabendo que o marido dela (Rodrigo) teria sido casado com a irmã dela e construido uma vida junto e que ela traiu a irmã???
    Não sei se estou conseguindo ser clara, mas ficando com qquer uma das duas, o Rodrigo sempre será alvo de lembranças entre elas.
    A própria Júlia, traria estas lembranças.
    Por isto sinceramente acho que pra haver o mínimo de respeito entre todos, o Rodrigo não teria que ficar entre as duas irmãs novamente, só assim para Manu e Ana tentarem apagar as lembranças e recomeçar de forma mais madura a relação de amizade entre elas.
    É humanamente impossível uma não olhar pra outra acompanhada do Rodrigo e não pensar: hummmmm já dormi com ele.
    Dá pra entender o grau da dificuldade desta relação?
    Por isto realmente sou a favor do Rodrigo buscar amor em outra pessoa. Um relacionamento maduro e sem lembranças, zerado.
    E cada uma das irmãs refazer suas vidas com seus respectivos.
    A Manu não foi toda errada em tudo o que falou pra Ana. Confesso que hj senti uma raiva da Ana. Em pensar o que tem feito com o Lúcio, que novamente se fosse na vida real, seria o homem perfeito pra qquer mulher.
    Ninguém domina tanto assim alguém ao ponto comandar suas atitudes, como Ana tenta justificar sempre. Manu não falou mentiras na briga.
    Eu juro que queriaum final diferente deste que parece estar traçado e que não vai surpreender ninguém.

  • stefanie diz: 15 de fevereiro de 2012

    A Manuela se faz muito de vitima… A pobre coitada traída. Pelo amor de Deus, ele perdeu totalmente as esperanças da saída de Ana do coma. Quem perde as esperanças não ama.
    Na briga delas a Ana estava totalmente certa sobre tudo… A Ana gosta do Lúcio, e realmente o melhor pra ela é ele, e a paixão que ela sente pelo Rodrigo vai passar… A paixão sempre acaba.

  • Rita Porto Alegre diz: 15 de fevereiro de 2012

    Claudia Daenekas,

    Estas coberta de razão guria. O Rodrigo ama a Manuela sim, ao contrário de muitos que afirmam que não. Essa briga com o Lúcio é uma prova disso. Ainda bem que a Manuela ouve essa espécie de declaração de amor. Acredito muito na volta desse casal. Eles se amam sim. É um amor puro, verdadeiro. Estou muito esperançosa nesse acontecimento. A autora não iria se contradizer assim, na reta final.

    Rosenira Sann,

    O Rodrigo está indeciso sim, eu afirmo isso. Olha a prova aí, a briga com o Lúcio e a afirmação que a Manuela é muito especial para ele, como a Claudia disse. Mesmo o Rodrigo indo atrás da Ana, creio que o guri ainda tem dúvidas quanto ao sentimento pelas duas irmãs. Por Ana ele sente uma paixão cega, avassaladora, destrutiva, que ele se dará conta o quanto mal faz a ambos. Com a Manuela tudo é especial, calmo, tranquilo, há paz é um relacionamento onde há respeito e cumplicidade. Com a Ana só é sofrimento, e a vida da gente não merece isso o tempo todo.

  • Apaixonada diz: 15 de fevereiro de 2012

    Dani…

    Eu já estava desanimando de ver os comentários, quando cheguei no seu. Maravilhoso, é isso que eu sempre digo. Está todo mundo DESCONTROLADO!! rs rs . O fato de eu torcer (eu acho que ainda) por Manu e Rodrigo, não quer dizer que não amo a personagem da Ana. Aliás como eu já disse antes, o mais difícil dessa novela é que os quatro envolvidos na trama, Rodrigo, Manu, Ana e Lucio são pessoas maravilhosas, com defeitos sim, mas maravilhosas!
    A briga foi feia, foi pior do que imaginei o que quer dizer que a cena foi muito bem feita, Fernanda e Marjorie arrasaram como sempre.
    E independente do que a autora decidir o mais importante para mim é a volta do amor mais bonito da novela, que mesmo com uma mãe louca como a Eva, elas se amavam muito. Aconteça o que acontecer eu quero a Manu e Ana amigas, confidentes e cúmplices de novo. A Manu disse no dia do acidente que Ana “era sua irmã, era sua mãe , era sua filha era tudo para ela” e tenho certeza que Ana sente a mesma coisa. E não tem mágoa, ressentimento que possa acabar com um sentimento tão forte.

    E só uma observação… fiquei feliz em saber que a Manu vai ouvir por acaso o Rodrigo falando que seu relacionamento com ela” foi o que existiu de mais sagrado e importante em sua vida”, não é por uma questão de consolo, mas faz bem para qualquer mulher ouvir o ex-marido dizer isso. Independente deles ficarem juntos, ela merece ouvir isso de uma forma que ela não duvide, pois ele já falou depois da separação o quanto ela importante para ele.
    A novela está bombando, emoção atrás de emoção… parece que vai ser assim até o final!
    Boa noite galera, e lembre-se novela é diversão! Sem stress!!!!

  • Apaixonada diz: 15 de fevereiro de 2012

    Galera… parece que vou marcar meu primeiro ponto naquela novelinha que eu escrevi. A Júlia vai mesmo adoecer e isso vai unir os quatro em prol da Júlia. Vai ser inevitável a aproximação do Rodrigo e a Manu e do Lúcio e a Ana, visto que ele, o Lúcio, parece que vai se sentir completamente envolvido com tudo. Enfim, acho que tudo vai se encaminhar para a aproximação desses casais, e claro da Ana e da Manu.

    o. Será que meu final preferido vai prevalecer??? Aguardando…

  • Claudia Daenekas diz: 15 de fevereiro de 2012

    Apaixonada….

    Vou amar se o seu final prevalecer…realmente o primeiro passo já foi dado…obaaaaaaaaaaaa

    Rita Porto Alegre

    Concordo concordo contigo sobre o sentimento deles…com a Ana é aquela coisa sem medidas, sem controle, quase como se fizesse mal…com a Manu é tranquilo, da mesma forma como o Lúcio é pra Ana..acho que só os dois não perceberam.
    Acho que a briga entre Lúcio e Rodrigo tem um ponto muito forte. Afinal seria desnecessário mostrar se o Lúcio não ficasse com a Ana e não tivesse a Manu ouvindo. Afinal seria só o Lúcio pegar suas coisinhas e sair de fininho, ou será que viajei na maionese?
    Também espero que não haja uma contradição tão grande…

    Realmente pessoal, vamos manter a tranquilidade…eu gostaria muito que o final acontecesse como a Apaixonada descreveu, seria perfeito, mas se não for paciência, quem irá perder a chance de fechar com chave de ouro é a autora. Não vamos nos estressar.
    Bora continuar torcendo.

  • Yone diz: 16 de fevereiro de 2012

    A medida que a novela avança os nervos e emoções de todos ficam alterados. Por mais que seja uma ficção, ela é muito bem escrita e muito melhor interpretada por duas jovens e talentosas atrizes. Imagino essas duas daqui uns 20 anos. Será o mesmo que assistir a dois ícones da teledramaturgia brasileira se degladiando num palco ou diante de câmeras de TV. Simplesmente maravilhosas!

    Não entendo como tem gente que acusa Ana de egoísta e coisa e tal e tudo o que Manuela falou. Manu falou o que Nanda lhe falou sobre Ana e Nanda sempre teve um invejazinha de Ana, desde os tempos em que todos moravam na mansão de Jonas. O que me intriga, é a autora fazer de Manuela uma pessoa completamente desmemoriada, pois se ela conviveu com Nanda, como não saber que esta é debilóide? E justamente Manu usa as palavras de uma debilóide?? Se Ana usou as palavras de Eva,… bom, mas aí é a MÃE de Ana e Manu. Mas NANDA???? Sinceramente não entendi isso, mesmo porque essa “amizade” entre Nanda e Manuela só AOGRA está aparecendo. Não me lembro nem de tê-las visto compartilhando segredos, mesmo quando Ana estava em coma. Manu sempre pareceu ser uma pessoa centrada demais para se deixar levar por uma pessoa leviana como Nanda.

    Outra coisa, se muitos estão aqui falando sobre olhares, caras e bocas, Manuela ficou POSSESSA em todas as vezes em que Ana falou sobre o amor entre ela e Rodrigo. Portanto o que mais doeu em Manu e dói ainda É o amor, o sentimento que Rodrigo sente por Ana. Afinal, Manu sabe e percebe que o sentimento que Rodrigo tem por ela, é de GRATIDÃO, CONFORMISMO, ADMIRAÇÃO, SEGURANÇA… ora… isso se tem de nossas MÃES. E Manu foi uma MÃE para Rodrigo. A mãe que ele nunca conheceu pois morreu quando ele era ainda quase um bebe. E Nanda nunca foi exemplo de mulher maternal para cuidar do irmão. Se Manuela foi a irmã-maternal para Ana, igualmente foi para Rodrigo. Manu deixa claro sobre o AMOR que SEMPRE sentiu por Rodrigo. Essa forma que Manu expressa à Ana, deixou evidente que ela sentia uma forte atração por Rodrigo mesmo ANTES do acidente com Ana. Mas logicamente, boa irmã, confidente, companheira, JAMAIS iria admitir essa atração. Lembro de uma ocasião em que Manuela viu Rodrigo numa balada. Nanda (a alcoviteira), mais uma vez empurrava o irmão para cima de outras moças pois este curtia um fossa por causa de Ana. Manu estava na balada junto com Lorena e lá viu Rodrigo com uma loira. Logo contou pra Ana sobre o fato. Não entendi porque fez isso, deveria ter ocultado, mas contou pra Ana como que mostrando que ANA não era tão importante para ele. Ana ficou arrasada. Foram logo nos primeiros capítulos da novela. Na faculdade, Manuela encontra Rodrigo e tenta arrancar dele algo sobre a noite com a loira. Ele nada fala e nem se toca do caso, pois nada representou pra ele. Manuela dá um indireta para Rodrigo, dizendo que hoje em dia as pessoas são descartáveis, que os sentimentos não duram muito, algo assim ela falou, tentando dar uma puxada de orelha em Rodrigo. Ele não entende nada e o assunto morre ali. Pois saibam queridas (os) companheiras (os) de debate, que EU desde aquele capítulo tive uma desconfiança de que Manuela sentia algo mais por Rodrigo. Claro que ajudou a irmã, claro que deu força para o romance deles, mas isso ela fez por ANA. Pois Manuela sempre passou a vida em função de ANA. Porque se acostumou com isso, em não ter vida própria. Na briga, Manuela deixa todo ódio, toda inveja, todo ressentimento que foi obrigada engolir durante ANOS de convivio com EVA. Sim, Manuela ama Ana, claro! Mas também não aceita e JAMAIS ACEITOU ficar na sombra da irmã. Manuela se deixou levar. Assumiu a colocação de feinha, manca, desengonsada e fracassada profissionalmente que EVA fazia questão de lhe enfiar na cabeça das duas. Todo glamour, vitórias, brilho, beleza e sucesso era pra Ana. Basta vermos as atitudes hoje de OLÍVIA em relação à SOFIA. Não são irmãs, mas poderiam ser, de sangue. Vivem juntas como irmãs. O “roubo” do anel é o mesmo que pegar um vestido caro ou sapatos caros de uma irmã e acabar detonando-os, assim “sem querer querendo” (como diria o personagem Chaves). É NATURAL ISSO! Irmãs, irmãos são assim. RARAS EXCEÇÕES! Mas a grande maioria é assim. Se não brigam pelo amor do pais, brigam por questões materiais, por sucesso profissional, por fama com o sexo oposto e depois por herança. Se não ocorre isso na infância, vai ocorrer na adolescência ou juventude, maturidade ou velhice. Se bem que na velhice com todos “esgualepados” já nem têm mais razão para brigar. Creio que é o único momento em que ficam unidos já que a morte é certa pra todos, e na velhice mais ainda.

    Quero somente ressaltar que Ana mesmo com a campanha de Eva contra Manuela, Ana SEMPRE DEFENDEU MANU! ISSO É FATO! Há vários capítulos pra se rever. Ana discutindo com Eva e em defesa de Manuela, mesmo APÓS Manu romper com Ana. Então como alguns ainda afirmam que Ana foi desleal????? Se Ana tivesse sido de fato desleal, ela jamais perderia tempo brigando com Eva ou correndo atrás de Manu para lhe dar uma explicação. E menos ainda agora ir na casa de Manuela para resolver essa pendenga entre elas e fazer a irmã ir em seu casamento. PRINCPALMETE POR JÚLIA. A guria disse que estava triste pois Manu não iria no casamento e que indo, ela poderia ter sido madrinha. E Ana se ergue corajosamente e vai na casa de Manu pra ser humilhada, mais uma vez! Em favor da FILHA e em favor da IRMÃ. Como aqui já disseram, mas não me recordo quem disse…. QUE ANA AMA MUITO MAIS A IRMÃ E A FILHA DO QUE A RODRIGO. É FATO. E pra isso, tem que ser muito, mas MUITO MULHER pra peitar!

    Pra MIM, pelo menos, ficou evidente que ANA, depois do fatídico beijo em Rodrigo, tentou inutilmente falar com Manuela e esta não aceitou as desculpas de Ana e nem quis saber as razões da irmã, que havia saído do coma, vendo sua filha a tratando como estranha, a irmã casada com seu grande amor… Poxa! Se Manuela não tem sensibilidade para observar isso, é óbvio que o sentimento de RIVALIDADE já estava plantado em seu coração.
    ANA tentou se comunicar com Manuela por telefone, no Ano Novo, lembram? Deixou mensagem no celular, Manu ouviu e apagou. Mesmo sabendo que Ana chorava e sofria, Manuela não deu… REPITO: MANUELA NÃO DEU O BENEFÍCIO DA DÚVIDA para ANA. Não para Rodrigo, pois este nem falo. Mas sim ANA, SUA IRMÃ DE SANGUE, SUA AMIGA, SUA CÚMPLICE, SUA COMPANHEIRA. A confiança que Manuela afirma ter sido ASSASSINADA por Ana, na verdade NUNCA EXISTIU e foi isso que Ana quis lhe dizer. Quando tu confias, tu entendes, ouve, analisa pelo menos. Dá o benefício da dúvida. Mas quando há sentimentos reprimidos de rejeição, ciúmes, despeito, qualquer coisinha é motivo pra acontecer uma tragédia. Manuela NÃO TEM RAZÃO em ter ido embora do estado, deixado Júlia no meio da confusão. Manuela NÃO TEM RAZÃO, quando consegue dividir um prato de comida com Rodrigo, sabendo que ele beijou apaixonadamente sua irmã e foi sim o CAUSADOR desse dilema todo, mas Manu não pode e não consegue sentar-se à mesa com Ana, sua irmã, para resolver as pendengas amorosas. NÃO TEM LÓGICA ISSO! Para uma pessoa que muitos aqui defendem como INTEGRA, HONESTA, MADURA, GENEROSA, AMOROSA, essas atitudes de Manu não casam com a imagem que suas torcedoras fazem dela aqui. O olhar de ódio na briga com Ana, as palavras duras, secas e diria até AFIADAS como uma lâmina de um punhal, não casam com a figura terna que ATÉ EU fazia dela. Ela está machucada, mas ANA também está. DÓI MUITO MAIS SE BATER EM QUEM SE AMA DO QUE APANHAR DE QUEM SE AMA. E foi isso que Ana sentiu quando Manu viu o tal beijo. Ana tentou falar com Manuela VÁRIAS VEZES e Manuela se RECUSOU a falar com Ana. Depois FUGIU de Ana e Rodrigo. Muito cômodo, pois assim ela fica de eterna vítima. Mas ser vítima já faz parte da personalidade de Manuela. Afinal, ela foi a vítima desde criança, não foi? A coitada manca, desengonsada, sem atrativo algum, fraca, sem futuro, sem pretendentes… Não era assim que a própria Manuela se via? A eterna TIA que fica pra escanteio e acaba cuidando dos sobrinhos pois não tem com quem casar, não é isso? A que pega o RESTO, o que SOBROU, como ocorreu com Rodrigo. Pois Manuela só teve o amor (filial) de Rodrigo quando Ana foi dada como desenganada pela medicina. Ah sim ela foi no hospital, levava Júlia, certo. Então havia um sentimento de amor pela irmã. Ok… mas seria amor ou uma OBRIGAÇÃO pra não falarem mal dela? Seria amor ou uma obrigação de deixar claro pra Júlia que ela conheceu a mãe, para no futuro não ser acusada de jamais ter feito isso, mostrar a verdade para a pequena? Por que então Manuela nunca corrigiu Júlia, depois que Ana acordou, como deveria tratar a si e sua verdadeira mãe? Por que Manuela nunca teve um filho com Rodrigo, como um rapaz aqui no blog perguntou? Por que Manuela não se fechou numa sala com Ana e Rodrigo para colocar as cartas na mesa? Pois afinal Manuela SENTIA Rodrigo distante, mas somente DEPOIS que falou com Iná, Manuela resolveu interpelar Rodrigo e Ana… E apesar de TODAS DESCONFIANÇAS de Manuela, ela simplesmente “ACREDITOU” nas respostas negativas de Rodrigo e Ana sobre seus sentimentos reais. Tá bem…. Olha, depois da briga, da maneira como foi, de até ali, naquele momento Ana ir EM PAZ, (pois foi), querer se aproximar de Manuela e esta DESPEJAR seu ódio contra irmã, depois de ver Manuela se QUEIXAR pra Iná, virando o jogo e colocando Ana como a ruim, depois de ver que Manuela em NADA tem de coitada, incapaz e fraca… pra mim está claríssimo! Manuela SEMPRE AMOU Rodrigo, mas em segredo e SEMPRE INVEJOU ANA, por culpa de Eva.
    Sentimento mais que normal na VIDA DA GENTE. Por que GENTE é assim. Como Ana. Que erra, quer acertar, se engana antes de enganar os outros sem intenção de fazê-lo… Gente é implorar, chorar, fantasiar… Não é ficar ali numa posição de integridade eterna para receber elogios. Quem faz isso, interpreta. E pra mim está claro que Manuela interpretou, INVOLUNTARIAMENTE, que fique BEM claro isso aqui. Nem ela se deu conta disso, mas fez. Manuela ADORA Ana! Ana ADORA Manuela! Porém ANA abdicou do sentimento que nutre por um homem, em favor de sua filha e de sua irmã. Mas MANUELA NÃO FEZ O MESMO. Ao contrário. Ela preferiu perder a irmã do que o marido. Visto o jeito que o trata e o quanto se preocupa com ele. Depois dessas revelações, pra mim, nada mais tenho a dizer. Só esperar o que a autora nos brindará.

    E quanto ao BENEFICIO DA DÚVIDA que Manuela deveria ter dado à Ana, é porque Manuela enfiou na cabeça que entre Ana e Rodrigo havia um CASO e não um simples beijo. Além de Manuela SABER que tudo foi armado por EVA. Portanto, Manu deveria sim ter dado benefício à dúvida para Ana pelo menos. Se não o fez, é porque sempre teve diferenças com Ana que estavam ocultas diante da integridade e bondade que sempre fez questão de transparecer. Bom saber que Manuela pode ser tão ruim quando aqueles que ela disse estarem no inferno por boas intenções. Como ela mesma, por exemplo.

  • ANA diz: 16 de fevereiro de 2012

    Essa novela me dá nojo!!!!

  • Euzinha diz: 16 de fevereiro de 2012

    Espero que não apaixonada!!! Torcendo pelo casal Ana e Rodrigo… eu e muita gente que eu conheço!!!

  • Apaixonada diz: 16 de fevereiro de 2012

    Claudia Daenekas
    Concordo com você que será uma relação difícil, mas pensa comigo, ela será dificil de qualquer forma. Se não tivesse a Júlia e o Rodrigo pudesse se afastar das duas, mas os três estão ligados a Júlia, então mesmo separados o sentimento de perda, de culpa por não ter vivido o amor existirá.
    Então na minha opinião verdadeira, independente de ser minha preferência, o amor da Manu e do Rodrigo, por ser um amor construído junto com a Júlia, na verdade, o amor realmente vivido na história teria que prevalecer. É mais fácil o Rodrigo e a Ana transformar esse sentimento forte que eles sentem, em uma saudade do passado, em algo que não tinha que ser. Que é o que acontece como todos nós que vivemos um grande primeiro amor. Quem é que não sente um tremorzinho quando reencontra aquela pessoa que um dia você acreditou que seria para sempre? Mas não quer dizer que você ainda o ama. Se os dois tiverem certeza do que querem, a Ana o Lúcio e o Rodrigo a Manu, tudo vai ser mais fácil, pois acima de tudo o que aconteceu, existe um amor fraternal entre eles.
    Enfim, acho que dá para conviver sim. Se cada um tiver certo dos seus sentimentos.

    Rita Porto Alegre e Claudia Daenekas,

    É isso aí meninas, o RODRIGO AMA A MANU, e tenho dito! rs rs rs

  • Juju diz: 16 de fevereiro de 2012

    Ai meninas, sério mesmo???
    Após o Rodrigo implorar para a Ana não se casar ainda querem que a Manu fique com ele? Nossa, seria ficar com o resto do resto da Ana. Até agora o Rodrigo só se preocupou com a Ana e não está com ela exclusivamente porque ela não quer.
    Acho a Manu tão boa que não merece isso. Para mim o Rodrigo já escolheu, reescolheu (palavra que não existe) e a Manu tem é que ficar com um homem que queira ela. Chega de ser segunda opção e conformada com o que a vida oferece. Um homão atrás dela e ela vai ficar com o que a irmã não quis? Aí seria porque a Júlia ficou doente e ele viu que a Manu é boa mãe… Não quero isso!!! A Manu é uma mulher linda, não é só uma mãe generosa. Afff….

  • Claudia diz: 16 de fevereiro de 2012

    Não acredito que a Manu fique com o Rodrigo, embora tudo seja possível.

    Ele sempre diz que foi muito feliz com ela, mas quando a Ana aparece na frente dele tudo muda, ele não se controla. Se ele pudesse escolher, seria a Manu, mas no coração a gente não manda e o impulso dele é sempre procurar a Ana.

    Só porque ele disse que a relação com a Manu foi sagrada e foi a época mais feliz da vida dele não quer dizer que ele a ame, ao menos não o suficiente para passar a vida com ela. Ele até agora não deu um passo em direção a ela, ao contrário, vai implorar para a Ana não casar e depois vai tentar, novamente, voltar com ela.

    Depois de tudo isso seria estranho a Manu aceitar ele de volta. Ela já mostrou que é adulta e eu não acredito que ele consiga provar para ela que não ama a Ana já que está fazendo tanto esforço para voltar com a Ana.

    Acho que a doença da Júlia é para aproximar as duas irmãs, que deveria ser o maior amor da novela e, infelizmente, ficou em segundo plano. Aquele grande amor que elas sentiam uma pela outra se mostrou não tão grande e isso me decepcionou bastante. No fim, virou um “quem vai ficar com o Rodrigo” o que é lamentável para uma novela que visava mostrar, pelo que entendi no começo, o amor entre Ana e Manu e caiu no “lugar comum” de briga entre mulheres por um homem.

  • Apaixonada diz: 16 de fevereiro de 2012

    Juju e Claudia

    Eu vou colocar meu ponto de vista. Eu também fiquei na dúvida, quando vi nos resumos que o Rodrigo iria atrás da Ana. Mas o que ele cobra dela sempre é o fato dela fugir desse sentimento forte que eles sentem ( amor? paixão? algo que não foi vivido?) para saberem o que é realmente, como ele diz ele está preso a esse sentimento do passado.
    Ele e a Ana também podem sim chegar a conclusão que amor de verdade, um amor mais maduro que fazem eles felizes é o que eles viveram com seu respectivos ( Manu e Lúcio). Quanto a Manu, ele disse a ela que apesar de desejar não iria atrás dela por não estar inteiro e que ela não merecia um homem pela metade. Eu considero isso respeito. E quanto a doença da Júlia, não é o fato dele perceber que ela é uma boa mãe, porque isso a Ana também é. Mas pelo fato deles se aproximarem e a vida em família renascer na memória dele assim como o apoio incondicional do Lúcio para a Ana, também renascer na memória dela. Enfim… cada uma de nós tem uma visão através das nossas experiências de vida. Eu sou a favor da família, claro que se um casal não se ama de jeito nenhum a separação é o mais correto, mas não é o caso. Eles protagonizaram famílias lindas e felizes.
    Sei lá se eu fui clara, mas é o que penso.
    Abraço meninas.
    Ah! Só mais uma coisa Claudia, eu não acho que o amor das irmãs foi deixado de lado pela autora, mesmo depois de tudo que aconteceu elas continuaram dando provas desse amor. Acho que a briga tinha que acontecer mesmo e foi uma forma de lavar a alma para o perdão acontecer verdadeiramente. Com certeza é o amor mais importante da novela e eu torço muito por ele.

  • Rosenira Sann diz: 16 de fevereiro de 2012

    Nããããããããããããããããõoooooooo! Discordo de vcs meninas. Rita, Apaixonada, e Claudia Daenekas! Final da novela: Ana e Rodrigo, juntos para sempre. Será perfeito. rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrssrs…

    Brincadeiras à parte galera, nessa reta final, os nervos estão a flor da pele mesmo. É uma emoção a cada capítulo.

    Bem Rita, respondendo o seu comentário, eu continuo afirmando que o Rodrigo não é indeciso. Como eu já comentei em outro post, ele estava em dúvidas quanto ao que sentia pelas duas irmãs, mas isso ocorreu lá trás. Agora, sinceramente, a escolha já foi feita. Assistiu a novela ontem? Depois de ouvir da Nanda a respeito da briga das irmãs, onde foi mensionado que a Ana ofendeu a Manu, e esta ficou arrasada, quem o Rodrigo foi procurar?

    Vc mensiona sobre a briga entre o Lúcio e o Rodrigo, e que este fala sobre a relação entre ele e a Manu. Vc acha que foi uma declaração de amor??? Pra mim não.

    O Rodrigo deve e muito a Manu. Se ele é o que é hoje, deve isso a ela. Concordo com ele, afinal, se não reconhecesse esse fato, seria uma baita ingratidão. Manuela o amou e muito, quer dizer, ainda ama. Quando se ama alguém, se protege, acolhe, admira, faz bem. E essa relação, fez bem a ambos, durante o processo ( o final dele, todos nós já sabemos). Um por se sentir querido, considerado, importante. Outro por ter uma bússula, um caminho, um apoio.

    Vc e a torcida do Fluminense ( rsrsrsrsrsrsrsrsr…), confirmam o amor existente entre esse casal, mas eu discordo. Que espécie de amor é esse tão frágil, tão curto, com prazo de validade???
    Nessa relação, o amor no sentido profundo da palavra, foi demostrado só por uma das partes, para mim, não há mais dúvidas.

    Outra coisa, o que une Rodrigo e Ana não é só paixão, pois ela acaba, assim como começou. E esse sentimento tem sido duradouro ( iniciou-se na infância). Na lógica, ele já deveria ter sido suplantado. Anos de convivência com a Manu, carinho, respeito, cumplicidade, felicidade, não foram suficientes para tal.

    Quando vejo a chamada da nova novela, aquela vela acesa, me faz lembrar o sentimento que há entre esses dois.

    Mas vamos em frente. Muitas emoções ainda estão por vir. Não esperava que a Júlia ficasse doente, pois só resta menos de um mês para o final. Continuo torcendo pela volta do casal Ana e Rodrigo e não acho que será um final clichê, sem graça, enfim. Por tudo o que me foi trasmitido em cada capítulo, desde o começo, essa seria a lógica.
    Ok, Rita? Um abraço.

  • Tereza diz: 16 de fevereiro de 2012

    Uma pena que o amor das irmãs tenha ficado em segundo lugar, pelo menos para Manuela. A impressão que dá é que seu amor pelo Rodrigo é/foi mais importante que seu amor pela irmã. A Ana ama tanto sua irmã não merece tanto rancor dela. Só culpa Ana pelo fim do casamento, sendo que o único culpado foi o Rodrigo. Uma pena Manuela não levar em consideração que Ana saiu de um coma de cinco anos. Por que com Rodrigo ela não tem problema nenhum de conviver até está preocupada com ele, a Ana pediu que sumisse de sua vida.
    Sinceramente a autora acabou com a linda amizade e amor das duas, muito triste.

  • Yone diz: 16 de fevereiro de 2012

    Perfeito comentário Rosenira Sann. Só não sei se de fato seria bom Rodrigo ainda continuar com Ana, a não ser que os 3 façam uma terapia juntos ou em separado. Mas assim, a seco, não sei se daria certo. Porém sendo novela, tudo acaba bem.

    Claudia também postou muito bem quando se refere ao amor entre as irmãs. Também me decepcionei pois ficou mais um triangulo de novela, e só não esperava que um homem, mesmo um GAROTO como Rodrigo pudesse minar tanto uma relação como havia entre Ana e Manuela. Sempre pensei que um mulher pudesse fazer irmãos brigarem e melhores amigos também. Mas um homem, indeciso, mesmo que bonitinho, não esperava essa forte atração até a ponto de Manuela que sempre foi apaixonada (ou aparentava ser ) pela irmã, hoje acusa Ana de tudo. Sai aos prantos para o colo da avó, se dizendo superior e adulta, mas de repente acaba acusando a irmã de tê-la culpado por tudo de ruim. Me pergunto se o Rodrigo é tão pegador assim para que seja isento de culpa… Afinal ELE não foi questionado por Manuela. Até um sorriso ela dá pra ele. Então o amor dela por Ana era real? Ou de fato como eu desconfiava, Manu nutria uma atração e posteriormente uma paixão por Rodrigo? Não entendo como uma pessoa que simplesmente tinha na irmã sua alma gêmea, de repente se diz USADA POR ANA (como Manu falou pra Nanda). Como assim? “USADA”????? Ai, não dá! Não gostei dessa Manuela de Lícia. Gostaria que sim, ela até ficasse magoda com Ana, mas que estivesse atenta de que Eva é uma péssima influencia pra ambas. Justamente Manuela fez o que Eva SEMPRE QUIS: separa as irmãs. Deu ponto para a louca da Eva. Isso é imperdoável!

    Manuela deveria ter se entendido com Ana. Mostrar pra Eva que não adiantaria ela minar a relação das irmãs. Mostrar para Rodrigo que ELE SIM é muito mais responsável pelo término do casamento pois viveu atrás de Ana e não Ana sendo culpada. ISSO SIM É SER MADURA. E não sair porta a fora se escondendo em outro estado ou na casa da vovó. Me desculpem as torcedoras de Manu. Mas se ela fosse de fato a adulta que ela afirma ser, a atitude dela seria outra. Se Ana fosse uma ex-namorada de Rodrigo ou uma nova paquera, tudo bem Manuela agir como agiu. Mas Ana é irmã de Manu. Mais que isso, foi companheira de anos! Isso se apagou na mente de Manuela?
    E o coma de Ana? Não conta pra nada?

    Rodrigo uma ocasião se queixou para Lourenço dizendo-se perdido, de escanteio pois as irmãs depois do coma, faziam programas juntas e ele ficava de fora. Ora bolas… mas é lógico que seria assim! Ou vai ver Rodrigo quer ficar com ambas. A Manuela como a a mãezona, a boa cozinheira, a determinada para resolver problemas. E Ana para as horas de prazer, para a diversão, para o encantamento… Vai ver ele quer isso. Quem sabe Lícia não faz este final. Doido, mas diferente de tantos finais de novela. rsrs…

    E quanto a Lúcio, perdão as que sentem pena dela. Eu não sinto. Lúcio, um homem maduro, médico e médico de ANA, portanto sabendo do histórico dela, não deveria se deixar abater pelos rompantes da amada. Ele não pode e nem deve ser tratado como um jovenzinho apaixonado. Mesmo porque não combina isso com ele. E Manuela dizendo que “SER TARDE DEMAIS” se ele se casar com Ana, como se Ana fosse a ANA BOLENA da história????? A irmã sedutora que destruiu o casamento do rei com sua irmã (de Ana Bolena), Maria? Aliás é muio bom este filme. Quem puder assistir neste feriadão, eu sugiro: “A OUTRA”, com Natalie Portman e Scarlet Johanson. Deve ter nas locadoras ainda. Nos canais pagos vive passando. Vai ver Lícia se inspirou nesse caso. kkkkkkkkkk….

  • Rosenira Sann diz: 16 de fevereiro de 2012

    Oi, Yone.

    Obrigada. Por que vc acha que para ficar com a Ana, Rodrigo teria que fazer uma terapia?

    Bom, eu sei que nessa história complicada, ele é o que sempre cede, vai atrás, se humilha, se sacrifica. Acho que agora, quem deve fazer esse papel é a Ana pois já deu, né?

    Quanto a relação dos três: Ana Rodrigo e Manu, não será a mesma de antes, não tem como ser. Aliás, inclui o Lúcio aí. Seria surreal, a autora no final, deixá-los transbordando de amores uns pelos outros. Houve muitas mágoas, rupturas, feridas, que com certeza serão saradas, mas deixarão cicatrizes.

    Pelo que eu entendi, vc fala a respeito da atração da Manu pelo Rodrigo ser de antes, quando ainda conviviam como irmãos, é um caso para se pensar. Talvez fosse mesmo, talvez estivesse ali, bem no subconsciente da mesma, guardado. Li um comentário de uma pessoa no blog da Patrícia Kourgut, que insinuava a mesma coisa, justificando o tamanho do amor dedicado a ele, e pela dor, do rancor da mesma, em perdê-lo.

    Quanto ao Lúcio, também não tenho tanta pena dele assim. Ele é uma pessoa madura, experiente, sabe o que quer da vida. Ele está se deixando usar, ou melhor, se deixou. Ele nem sequer perguntou a Ana a respeito do término com o Rodrigo. Mas acho que no fundo, ele tinha medo de ouvir a resposta e aí, foi deixando as coisas acontecerem, até chegar ao ponto desse relacionamento se tornar mais sério.

    Quanto ao Rodrigo ficar com as duas irmãs, fala sério, né Yone? Ele teve a parcela dele de culpa nessa história, mas não deixa de ser um cara integro, de caráter.
    Um abraço.

  • Rita Porto Alegre diz: 16 de fevereiro de 2012

    Yone e Rosenira Sann,

    Gurias, que coisa mais sem nexo! Agora acusarem a Manuela de nutrir uma paixão pelo Rodrigo desde a época que viviam juntos? Bah, essa foi a gota d´´agua!
    Vcs estão torcendo tanto para que o casal de protagonistas fiquem juntos, que já estão desqualificando, descaracterizando a personagem Manuela, tchê.
    Para para refletir e observem se esse fato tem lógica.
    O amor que Rodrigo nutre pela Manuela, ainda é inferior ao que ela sente por ele, mas ainda creio que a união dos dois se dará. Eles ainda serão muito felizes, mas desta vez, sem o fantasma da Ana que deve ficar com o Lúcio ou sozinha, para tentar se encontrar nesse mundo. Chega do Rodrigo ficar correndo atrás de uma mulher indecisa, imatura, covarde. Uma hora cansa, tudo tem limites na vida da gente.
    Seria muito óbvio a autora juntar os pais biológicos da Júlia, mas acho que a Lícia é uma autora perspicaz. Ela ainda vai surpreender muita gente, podem acreditar.

  • Apaixonada diz: 16 de fevereiro de 2012

    Yone,

    Respeito sua opinião, mas você não acha que está sendo impiedosa demais, exigindo demais da Manu. Eu não sou de voltar atrás no que defendo e para mim, a história de amor que me encantou foi a da Manu com o Rodrigo e agora a Ana com o Lúcio. Por isso torço por esse final.
    Mas diferente disso eu não consigo cobrar tanto da Ana. Porque os três Ana, Rodrigo e Manu eu até incluiria o Lúcio, são pessoas com problemas afetivos seríssimos. O Rodrigo a indiferença do pai, a Ana o sufocamento da mãe, a Manu mais do que rejeição a Eva ela tem raiva da filha. O Lúcio amou uma única mulher que morreu e ainda por cima não pode ter filhos e ama crianças. Tudo bem ele é mais vivido do que os três, mas ele só conseguiu se entregar em uma relação quando se apaixonou pela Ana.
    Eu não sei se você assistiu a novela inteira, mas o amor de Ana e Manu é indiscutível, e em nenhum momento elas tiveram intenção de prejudicar ou de atingir a outra.
    Mas a vida seguiu um curso tão diferente do sonhado… E o único erro da Manu foi ter se apaixonado pelo Rodrigo. Mas a questão é que o Rodrigo também se apaixonou por ela, a Ana estava em coma, sem esperança de recuperação. Eles dois já moravam na mesma casa, já criavam a Júlia, já tinha construído muita coisa juntos, então porque não se entregar a esse amor? Por culpa? Culpa de quê?
    Aí a Ana se recuperou e a Manu transmitiu uma felicidade incrível quando soube e claro um medo da reação da Ana, medo de perder o amor da vida dela, quem não sentiria??
    Mas ela tinha consciência do risco que corria, afinal ela apoio a Ana na relação com o Rodrigo, ela sabia o quanto os dois se amavam. Primeira relação da Manu, se você quiser pode ver o vídeo, eu não lembro a data, mas foi no dia em que o Rodrigo visitou a Ana pela primeira vez depois que ela acordou. Ele saiu do hospital e quis ficar sozinho, quando voltou ele disse que tinha ficado mexido e a Manu falou, olhando nos olhos dele que não seria fácil mas ela entenderia se ele quisesse se afastar dela. O Rodrigo disse que a amava e ela era mulher da vida dele. O tempo passou e a Manu sentindo que algo estava errado tomou coragem e chamou a Ana para conversar, a Ana não só mentiu quando fez um discurso lindo que a gente só não se convenceu porque sabia o que estava acontecendo, o Rodrigo fez a mesma coisa. A maior mágoa da Manu é essa. Eles enganaram ela, a gente sabe que foi com boa intenção mas a Manu não. O flagra foi horrível, armado pela mãe dela. O que você ficaria pensando? Eu não conseguiria entender como que a minha mãe iria saber desse encontro, claro que ela continua achando que eles já estavam juntos.
    Enfim ela foi traída pelas pessoas que ela mais amava, a Ana e o Rodrigo. É uma mágoa muito grande. Se ela fosse essa pessoa manipuladora, sem integridade, imoral etc… e mais esse monte de defeitos que vocês falam, ela nesse momento ficaria quieta, deixaria a Ana se casar com o Lúcio e ia reconquistar o Rodrigo. Alguém já pensou nisso. Ao contrário o que aumenta a mágoa dela é que os dois fizeram tudo e não viveram esse tal amor. E aí se explica no momento da briga ela acusar só Ana, porque nesse ponto é a Ana é culpada, o Rodrigo está aí esperando por ela. Essa dificuldade da Manu de perdoar é um excesso de traições a mãe, a irmã e o amor da vida dela.

    Agora sobre a Ana: Adoro a personagem, apesar de ser a preferida e ter esse amor sufocante, nunca se sentiu a vontade com a situação. Mas tem um defeito, não consegue colocar um limite na mãe. Ficou em coma durante 5 anos, e por isso tem que ser relevado sim algumas atitudes imaturas dela. Mas devido ao excesso da mãe, ela não consegue assumir uma atitude, porque na verdade a Eva nunca permitiu que ela o fizesse. Por isso coloca nos outros a responsabilidade de suas atitudes. Em relação ao Lúcio é triste vê-lo sofrer porque a Ana sabia da dificuldade dele de se entregar e sabe que ele a ama, porque ele já disse isso. Para mim ela se apaixonou pelo Lúcio, foi ela que deu o primeiro passo para a volta, o pedido de casamento foi mais dela do que dele, mas a insegurança dela em ir adiante é maior, e ela não tem certeza do que está fazendo.

    O Rodrigo é tudo de bom que uma pessoa pode ser. Teve que se tornar responsável aos 18 anos, com um bebê nos braços. É um pai maravilhoso dá para filha tudo que não teve. Amou sim a Ana mas também amou a Manu. Quando a Ana voltou ele ficou mexido e é claro que ficaria. Mas desde que decidiu não ir atrás da Manu porque não queria ficar com ela dividido e depois quando se decidiu tentar viver esse sentimento que ficou pela Ana ele tem se mantido nessa linha e sido honesto com as duas e com seus pensamentos.

    Quanto a essa briga das duas, foi falado o que devia o que não devia. A Manu falou sim tudo que a Nanda fala, mas a Ana também falou tudo que a Eva fala. E talvez esse seja o primeiro passo para as duas se entenderem e resgatar esse amor lindo que as duas sentem uma pela outra.

    Enfim essa novela tem uma história linda, envolvendo pessoas que de vilã não tem nada, mas envolvendo pessoas de verdade, que amam, que sofrem, que magoam, que são magoadas, que perdoam que são perdoadas. E independente da escolha da Lícia no final, desde que seja algo que não saia da história, desde que os quatro fiquem realmente felizes, essa história já é uma das melhores do horário.
    Então seja mais tolerante com a Manu… a personagem dela é tão linda como a da Ana, a do Rodrigo e a do Lúcio.
    Abraço!!!!

  • ANA E RODRIGO diz: 16 de fevereiro de 2012

    GENTE EU NÃO AGUENTOOOOO…vcs falando que a Ana e Rodrigo sentem paixão um pelo outro…ME POLPE.. quem faz o que eles fazem…o Rodrigo implora e Ana desiste de casar…e por mais que ela diga que não disistiu pelo amor que sente por ele…Ele pode ter vivido uma coisa boa e linda com a Manu mais ele ama a Ana….sei porque vivo isso…estou casada com um homem maravilhoso, mais vivi um romance meio torto de 8 meses com uma pessoa e deixei de fazer algumas coisas com ela..até hoje me arrependo…Eu amo o meu marido mais de vez em quando penso nesse caso mau resolvido…Imagine se tivesse amado uma pessoa desde pequena tivesse um dia de amor com ele que gerou uma filha e quando iamos viver isso foi interrompido…pensaria nisso todos os dias….Vamos lembrar que o tempo passou para o Rodrigo e mesmo assim ele corre e implora pela Ana, se o “amor” dele e da Manu fosse tão lindo ele lutava por ela e não pela Ana…vamos acordar para vida gente….e se o final ja esta traçado quero MUITO esse final Ana e Rodrigo, Manu e o maravilhoso do Gabriel e Lucio com Laura….LINDOOOOOO

  • Morena diz: 16 de fevereiro de 2012

    Apaixonada,
    sabe o que vejo? Ana e Rodrigo viveram sim esse sentimento, mas o problema é que não foi como eles imaginaram, idealizaram. Os dois tentaram quando estavam juntos recriar algo que não existe mais, recriar algo próximo a um sonho perfeito. Então ficam no fomos abortados, não vivemos nossa história, e por aí.

  • Renata – R diz: 16 de fevereiro de 2012

    Rosenira, Claudia, Yone, divas!!!
    Só vocês pra fazer renascer das cinzas as minhas expectativas de que o Rodrigo e a Ana possam ficar juntos e viver essa “relação sempre impedida”, se fosse para os dois não ficarem juntos, acho que o término seria digno, né?!! Confesso que os próximos capítulos estão em desanimando…

  • SOU SINCERA MESMO ME PROCESSE!! diz: 16 de fevereiro de 2012

    RODRIGO AMA MANU? OI? COMO?
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    RITA, CHAMAR A ANA DE MIMADA, FRACA, COVARDE NÃO E DESQUALIFICAR A PERSONAGEM PRA VOCÊ? TU-DO O QUE ELA DEMONSTROU NÃO SER É FRACA, COVARDE E MIMADA. NUNCA QUE EU AGUENTARIA TANTA CANALHICE ATRÁS DA OUTRA.
    E QUE AMOR É ESSE QUE RODRIGO NUTRE POR MANUELA??? SEM NEXO É ISSO QUE VOCÊ ESTÁ RELATANDO, DEPOIS DE TODO ESSE TEMPO ELE NÃO MOSTROU NENHUM INTERESSE DE VOLTAR COM A MANU, SABE POR QUE? PORQUE ELE NUNCA A AMOU COMO MULHER, NUNCA!! DEIXOU SE LEVIANDADE TOMAR AS RÉDEAS DE SUA VIDA, TEVE O ATO IMATURO DE CRIAR UM LAÇO COM A MULHER QUE ESTAVA DISPOSTA A FAZER O TRABALHO PESADO POR ELE, E ELE É BOBO DE PERDER UMA OPORTUNIDADE DESSAS? HAHAHA

    AH GENTE, ME POUPE!!!!!! PODE ATÉ SER QUE MANUELA AME RODRIGO, MAS ISSO NÃO É, E NÃO SERÁ RECÍPROCO! AMOR QUE ELE SENTE POR ELA? SÓ DE IRMÃO.

    CADÊ ESSE GABRIEL QUE NÃO APARECE PRA TIRAR A CARÊNCIA DA VÍTIMA NAMORADINHA????????

  • Renata – R diz: 16 de fevereiro de 2012

    TROCARAM A DOENÇA DA JÚLIA PRA HEPATITE!!!!!!!!!!
    AGORA QUE EU NÃO ACREDITO MESMO NO REATAMENTO DO RODRIGO E DA ANA!!!!! ESTAVA ANSIOSA AGUARDANDO ESSE NOVO DRAMA, QUE CONSEQUENTEMENTE FARIA QUE O CASAL TIVESSEM UM FILHO PARA SALVAR A VIDA DA PEQUENA, AFFFFFFFFFFFFF

    MANU COM RODRIGO NO FINAL? SÉRIO? :(

  • Renata – R diz: 16 de fevereiro de 2012

    Achei esse comentário no Rede Notícias super interessante

    sol 9 escreveu:
    16/02/2012 at 7:32 pm
    A Ana na conversa com Alice demonstrou como sempre a importancia que dá à irmã, a ponto de se posicionar como a grande culpada; diferente dos diálogos pós briga da Manu, que só se preocupou em falar mal da irmã, mostrando como sempre nem um pingo de irmandade.

    [...] Autora, o que está fazendo? Minha impressão é que você não conseguiu criar nenhum núcleo interessante e a novela está calculada apenas em quem leva o Rodrigo, fazendo com que os personagens fiquem incoerentes e chatos.

  • Morena diz: 16 de fevereiro de 2012

    Apaixonada,
    sabe o que vejo? Ana e Rodrigo viveram sim esse sentimento, mas o problema é que não foi como eles imaginaram, idealizaram. Os dois tentaram quando estavam juntos recriar algo que não existe mais, recriar algo próximo a um sonho perfeito. Eles na lagoa azul viveram um momento único, de extrema felicidade em que se descobriram apaixonados um pelo outro. Então ficam no fomos abortados, não vivemos nossa história, e por aí, tentando recriar aquele momento, aquela paixão, aquela felicidade, mas aquilo não volta. O

  • Yone diz: 16 de fevereiro de 2012

    ROSENIRA SANN

    kkkkkk… Não te preocupas pois Rodrigo não vai ficar com as duas. Postei isso pois elas são diferentes em tudo, mas uma completa a outra. Claro que Lícia jamais faria um final assim, até promíscuo. Mas do jeito que Rodrigo se porta, fala e lembra de seu casamento para Lourenço, até chego a pensar que o sonho dele seja esse. rsrs…

    A terapia para Rodrigo é que ele é o alvo do litígio entre elas. Tudo gira em torno dele. Pois se ele não estivesse com Manu ou se estivesse com outra mulher, Ana jamais se desentenderia com Manu. O amor de Júlia pode ser compartilhado por ambas. Problema ali é em relação a Rodrigo. E depois da DECLARAÇÃO DE AMOR que Manu fez sobre ele para Ana na hora da briga, não tenho mais dúvidas que esse sentimento vem desde antes de Ana se envolver com ele. Só se consolidou quando Manu ficou ao lado de Rodrigo para cuidar de Júlia. Manuela já amava Rodrigo sim. Mas nem ela sabia disso.

    E olhando a cena de Rodrigo na sua ex-casa, olhando a piscia e lembrando das irmãs tomando banho e chamando por ele… Qual homem não se sentiria envaidecido? Será mesmo que Rodrigo sabe a quem quer? Tudo leva a crer que seja Ana. Mas… sempre aparece Manu junto… é esse o enigma.

  • Yone diz: 17 de fevereiro de 2012

    APAIXONADA

    Vou te responder, embora já tenhas dito que vais somente voltar em 4 de março.
    TUAS PALAVRAS: “O flagra foi horrível, armado pela mãe dela. O que você ficaria pensando? Eu não conseguiria entender como que a minha mãe iria saber desse encontro, claro que ela continua achando que eles já estavam juntos.” Apaixonada, MANU FALOU PRA EVA. Quando Eva foi à casa de Manu cobrar o dinheiro mensal que Manu dava à mãe, Manu jogou na cara de Eva que sabia que ela aplicou o flagrante. Ela até chamou Eva de CARA-DE-PAU de aparecer ali depois do que fez. Então Manuela sabia que sua mãe estava por trás de tudo.

    Sim assisto à novela desde o inicio. Vejo e revejo no site da Globo também. Aliás até prefiro ver na internet pois vejo na hora que posso e revejo as cenas. Melhor que assistir pela TV. E te confesso que ainda não entendo o rancor de Manuela em realção à ANA.
    Não vejo Ana como mentirosa e nem Rodrigo também. É dificil para ambos falarem assim a seco o que sentem um pelo outro sendo Manuela o que sempre foi: a amiga, a compreensiva… quase um anjo. Ninguém quer machucar anjos, não é? Talvez a negação de Ana seja até para ela mesma. Ela estava TENTANDO se afastar de Rodrigo e ele foi atrás dela. Por isso não vejo a coisa como esse dramalhão todo que Manuela fez até hoje. Porque, ficar magoada, chateada, brigar, discutir, tudo bem. Mas esse RANCOR TODO???? Parece que pegou Ana e Rodrigo bebendo champanhe deitados na cama de Manu, ora essa! Foi um beijo, longo e apaixonado. E Manuela tão inteligente não se deu conta que o amor e tesão entre Ana e Rodrigo não havia acabado? Só sendo muito ingênua ou não querendo ver. Mas até, se entende, pois uma pessoa com Manu, ouvir NANDA, A ÉBRIA??????? Isso é o fim! Eva até pode infuenciar pois sempre participou da vida das filhas, uma positivamente e outra negativamente. Mas participou. Mas NANDA???? Uma desorientada? Desocupada? Filhinha de pai rico? Ah não dá pra entender o que MANU possa pegar de positivo com NANDA. Até Alice Manuela deixou de lado pois viu que Ana estava mais chegada na amiga. Alice ainda disse que nada inlfuenciaria a amizade dela e Manuela e Manuela não quis saber, se afastou de Alice, para deixa-la com Ana. Foi pena, pois quem sabe Alice seria a ponte que pudesse unir as irmãs pois estaria ouvindo ambos os lados. Agora Nanda é nojenta! É suja! Fofoqueira! Ok sou dura, mas é um personagem bem nojentinho esse. Ana pode ser imatura mas não dá lição de moral. Nanda se acha! E só piorou a relação de Manuela com Ana. Guria nojenta… O jeito que ela falou com Rodrigo!!!! Só conta um lado, manipula tudo, é covardona pois viver na casa do ex ela sabe, mas cuidar do filho dele não. Oportunista! Bem feito que vai perder a mesadinha do papai. Falava mal do Jonas mas usava a grana dele. PERDÃO pelos excessos, mas Nanda é um personagem que eu dispensaria, não serve pra nada. Bom, pra levar e buscar Júlia do colégio, Nanda serve. rsrs

    Quanto ao Rodrigo, ele poderia se impor mais se quisesse de fato voltar para Ana. Este também está se fazendo de coitadinho. Tome atitudes! Vá até Manuela e fale a verdade. Conte que foi ELE quem correu atrás de Ana. Conte que foi por causa de Manuela que Júlia decaiu a ponto de Ana largar tudo pela felicidade da filha. Olha, a posição dele é cômoda. Ele assim quietinho não será condenado por Manuela. Pra ele está comoda a situação.
    Na verdade Rodrigo deveria encarar Manuela e colocar um ponto final na relação deles, depois pegar Ana mesmo ela não querendo a levasse pra longe de todos, longe mesmo, uma ilha, uma montanha, uma floresta, qualquer lugar para possam os dois sem Júlia, sem Eva, sem Manuela, sem Lúcio, ficarem ali, o tempo suficiente para se entenderem. É muito dificil Ana tomar posições com todos apontando o dedo pra ela… Até CELINA a eterna grávida, se sentirá no direito de tirar satisfações de Ana.. Imagina! rsrs

    Mas até tua volta Aapaixonada!

  • Yone diz: 17 de fevereiro de 2012

    RENATA-R: “Achei esse comentário no Rede Notícias super interessante

    sol 9 escreveu:
    16/02/2012 at 7:32 pm
    A Ana na conversa com Alice demonstrou como sempre a importancia que dá à irmã, a ponto de se posicionar como a grande culpada; diferente dos diálogos pós briga da Manu, que só se preocupou em falar mal da irmã, mostrando como sempre nem um pingo de irmandade.”

    RENATA, foi exatamente isso que pensei! Assistindo às cenas pela internet, foi a primeira coisa que me veio à mente: ANA HUMILDE E MANUELA ARROGANTE. Manuela está lá, na casinha da vovó com “dodói”, febrinha, se fazendo de coitadinha depois de falar um monte pra Ana. Mas quando falou com Iná, falou de ANA. Acusou Ana de odiá-la. Já Ana, falando com Alice, falou de si mesma, de suas angústias e erros. O ÚNICO MOMENTO em que falou de Manu, foi sobre o OLHAR de Manu, do ódio. E isso é fato. Manuela olhava com ódio pra Ana, com raiva, com rancor e dá a impressão que isso vem de ANOS!

  • Yone diz: 17 de fevereiro de 2012

    RITA PORTO ALEGRE

    Não estou desesperada para unir o casal protagonista, pois na verdade sendo 3 protagonistas, em termos de casal não se sabe se é ANA E RODRIGO ou MANUELA E RODRIGO. Portanto o CASAL PROTAGONISTA aqui, é relativo.

    Se dependesse de mim, Ana ficaria com Lúcio, pelo bem que este faz a ela. Mas Ana AMA Rodrigo e Rodrigo AMA Ana. E quem resiste ao amor? A um lindo final? Mas ainda penso que Rodrigo está muito na dele. Gostaria de vê-lo defendendo Ana pra Manuela. Afirmando que foi ELE quem correu atrás de ANA e que ela até queria se afastar. A imagem que ficou, foi de que Ana seduziu Rodrigo e o envolveu feito um canto de sereia e ele não tem como fugir desse feitiço. Por isso penso que ele não merecia Ana. E nem Manuela. Ele pode até ter feito a escolha dele por Ana, mas só fica ali implorando, chorando e se queixando de Ana pra a ébria da Nanda… ou Lourenço. Gostaria de ver Rodrigo tendo uma verdadeira ação. Até “roubando” Ana e se afastando com ela pra ver se de fato darão certo. Pois há muita gente ao redor deles.

    Quanto à Manuela ter sempre sido apaixonada pro Rodrigo… por que não? A troco do que Manuela falou sobre o AMOR que ela sentia por Rodrigo e que Ana não sabia como era? Do amor depois de casada? Ai, não sei… Manuela simplesmente passou por cima da relação dela com a irmã e somente acusa ANA por tudo? E Rodrigo, não?

    Eu ainda creio que Manuela possa ter sempre nutrido um sentimento por Rodrigo, de atração ou amor, mas RESPEITOU Ana e por isso jamais demonstrou o que sentia por Rodrigo. Por que não? Manuela é gente, ela pode se apaixonar sim…Afinal desde crianças eram sempre os 3 juntos brincando. Por que não?

    E parafraseando INÁ quando esta falou à Manuela sobre o amor de um casal… Iná disse que o CASAL QUE NÃO BRIGA E PORQUE NÃO TEM INTIMIDADE. E mesmo que ela não se referisse ao casamento de Manu e Rodrigo, eu logo pensei neles. Um casal sem brigas, sem desafios, sem contratempos. É meu amor pra cá, meu amor pra lá… e como disse Iná, NÃO TEM INTIMIDADE.

    Por isso Rita, sinto informar-te mas RODRIGO FICARÁ COM ANA.

    rsrsrsrs…

  • Rosenira Sann diz: 17 de fevereiro de 2012

    Rita Porto Alegre,

    Usarei as palavras da Manu : ” Para, e ler…”
    Em nenhum momento, eu afirmei que a Manu já gostava do Rodrigo. A idéia foi trazida pela companheira Yone, e eu escrevi que já tinha lido outra pessoa afirmar a mesma coisa. Falei que era um algo para se pensar. Mas quer saber, e se foi? Não a julgo por isso.

    O erro da Manu foi assumir esse sentimento. Assumir o Rodrigo. Como ela afirmou “eu banquei”. Ela apostou e infelizmente perdeu (bom, pelo menos até agora).

    Minha intenção não é desqualificar nem descaracterizar essa personagem como a senhora diz. Apesar de não ter concordado da Manuela assumir o pai da filha da irmã, eu a admiro pela força, coragem, determinação e outras tantas qualidades que ela possui. Aqui, as pessoas expressam suas opiniões e é natural que, as vezes, desagradem aqueles que pensam de outro modo. OK?
    Abraços…

    Oi, Renata-R

    Cara companheira de torcida. Vc não sabe o grande esforço que faço para continuar firme nessa jornada…rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs….

    Mas, confesso, infelizmente, estou com uma leve impressão que a autora não dará esse fim sonhado por muitos.

    Acho que a Manuela não deveria aceitar o Rodrigo de volta pelos tantos acontecimentos, mas ela ainda o ama e muito. As atitudes da Ana estão irritantes mesmo que sejam por várias justificativas. Rodrigo sempre correndo atrás dela e a resistência da mesma em assumir esse amor, vai acabar minando as tentativas, pois chega uma hora que cansa ser sempre repelido. E quantas vezes o Rodrigo foi?

    Talvez, eu disse talvez, tudo isso é uma preparação para um retorno de Manu com Rodrigo. Apesar dela ser decidida, centrada, não resistirá ao apelo dele e voltará para seus braços. Talvez seja essa a mensagem que a autora queira transmitir. Muitas vezes, deixamos a racionalidade de lado, e agimos com o coração. Afinal, faz parte da vida da gente.
    Mas vamos aguardar, não é?
    Abraços…

  • Rosenira Sann diz: 17 de fevereiro de 2012

    Esqueci de complementar, companheira Renata-R,

    Vamos continuar firmes na torcida. Tem dias que estou muito confiante, cheia de argumentos, já tem outro como hoje, por exemplo, que desanimo. Mas são tantos acontecimentos que as vezes, me deixam confusa.

    Pela lógica, por tudo que já se passou entre esse casal, a autora terá que ter uma justificativa BEM convincente, para deixá-los separados no final. Viu? Já me animei de novo… rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs…
    Abraços, e vamos, que vamos!!!!!!!!!!!

  • Claudia Daenekas diz: 17 de fevereiro de 2012

    Morena…

    Concordo muito qdo vc diz que eles viveram algo lindo e como não conseguiram reproduzir pq a realidade é outra eles acabaram criando esta desculpa de que sempre foram cortados. Perfeito.
    Qdo estavam na lagoa azul parecia que o mundo tinha parado alí, para que eles vivessem a felicidade alí. O duro foi voltar pra real e ver que existem outras pessoas e que as vidas poderiam seguir rumos diferentes.
    Ontem qdo Ana conversava com Alice, percebi sim que ela não ama Rodrigo tanto quanto talvez ela achasse.
    E no dia da briga, ficou muito claro que a Manu realmente realmente amou Rodrigo, algo até doído, algo real. Enquanto Ana descrevia a cena do comercial de margarina, casa perfeita, filha e maridos, etc…

    Renata

    Gostei do comentário que vc colocou, também achei que td hj gira em torno do umbigo do Rodrigo. Parece um troféu. Tem personagem alí que perdeu o momento. E onde vc viu que trocaram a doença da Julia?

    Yone

    Torço mesmo pra que Rodrigo não fique com nenhuma delas. Só assim pra que td se esclareça. Ele quer uma mistura das duas rsrsrsrsrs

  • Dani diz: 17 de fevereiro de 2012

    Apaixonada concordo com vc… vc é coerente e não se deixa levar apenas pela emoção ou pela sua personagem preferida… Gsoto dos seus comentáriso eles são reais e mostram o quanto vc é imparcial e o quanto analisa de forma clara a novela… Aqui não fico do lado nemd e Ana e nem de Manu, pq adoro as duas persoangens, elas são tudo de bom!!! O Rodrigo me estressa de vez em qdo, rs… mas tbm acho ele o máximo… e o Lucio nem preciso falar né??? E o Gabriel deu uma sumidinha básica né? A Manu não demonstra e nem transborda felicidades por ele, acho a relação meio fria, só foi mais chamativa no inicio… como voltei a trabalhar quase não consigo assistir toda a novela, só do meio pro final, se eu tiver errada em relação ao Gabriel me corrija tá??? rs… Acho que ela não está tão envolvida e a história dos dois já ficou um pouquinho de lado, sem muita emoção, mas que venha o que vier e que o final não seja clichê… torço muito por um final surpreendente… com novos horizontes e rumos fieis a ideia original da autora, pq continuo esperando que ela não termine a novela de acordo com o que o publico espera mas que seja fiel a sua trama… E torno a tocar no ponto que ela mesma disse: dois sentimentos pontuam o triangulo – amor e paixão… ela não diria isso a toa!!! Espero que ela não chute o balde como dizemos aqui em SAmpa!!! rs…

    Abrçs

  • Rita Porto Alegre diz: 17 de fevereiro de 2012

    Olá, Noveleiros,

    Quem assistiu a novela hoje, deve ter visto a Ana confessar para a avó, que não sabe se ama o Rodrigo. Que ela estava feliz com o Lúcio.
    Hummm, para quem torce por um final feliz entre ela e Rodrigo, precisam ter mais argumentos, diante dessa confissão.

    Yone, Rosenira Sann,

    Peço desculpas se fui um tanto agressiva com o que escrevi. Reconheço que me desestabilizei ao julgar que estavam ridicularizando a personagem Manuela.
    Mas não consigo enxergar esse amor que quem defende o casal de protagonista dizem que sentem um pelo outro, bah!
    Volto a repetir, a Ana é uma pessoa confusa, sequelada pela dominação da mãe e não consegue se desvencilhar. Nossa, até quando? A Manuela sofreu bem mais, era rejeitada, preterida, mas um dia, soube cortar essa relação doentia, mas a Ana é sempre assim, passiva. Viram a cara da guria enquanto a Eva dava os chiliques?
    O Rodrigo não merece ficar com essa guria, não merece. Aliás, nem o Lúcio. Eu torcia até para que esses dois ficassem no final juntos, mas depois de tudo que a Ana fez, que fiquei satisfeita, quando o doutor a colocou para fora da casa dele.
    Por mais que digam, que afirmem que entre Rodrigo e Manuela era s´´o conformismo, quem mais demostrou amor por ele foi a Manuela, todos são testemunha, ou vão querer afirmar o contrário? Essa Ana não sabe o que quer, é confusa, covarde, imatura. Precisa crescer, tomar um rumo na vida.
    Yone, depois de hoje, na cena entre Ana e a avó, quero ver se tu ainda vais afirmar que ela vai ficar, ou melhor, merece ficar com o Rodrigo.

  • Claudia Daenekas diz: 18 de fevereiro de 2012

    Sabem que fiquei com uma frase que a Iná falou pra Ana na cabeça???!!!
    “Será que não foi muito precipitado ter terminado com o Lúcio???”
    O que será que a avó quer dizer com isto????
    Que pena que fiquei do Lúcio hj…quebrou as pernas do cara, ainda mais qdo ele falou da Júlia. Afeeeeee

  • Erika diz: 18 de fevereiro de 2012

    O amor de Manuela por Rodrigo é verdadeiro sim… mas o que adianta se ele nunca demonstrou esse amor todo por ela? Do que adianta apenas um amar… desde que Ana acordou ele n a deixa em paz… e ele n está com Ana pq ela terminou, mas ele sempre deixou claro de que ama Ana e não Manuela. Ë um amor que n me convence!!!! Manuela tem que refazer a vida dela com outra pessoa isso sim!

  • Dani diz: 24 de fevereiro de 2012

    Oi Erika… em nenhum momento o Rodrigo disse não amar a Manuela… ele diz sim que ama Ana… mas não disse o contrário em relação a Manu tbm… Ele nunca usou “eu não amo a Manu”… entãoa cho que ele tem duvidas sim… mas em relação ao sentimento dele por Ana e não por Manu, pq com Manu ele teve a oportunidade de viver a relação, ele sabe o que esperar, com a Ana ele não teve essa possibilidade, então ele vive a sindrome do SE… SE tivesse ficado com ela, SE teria sido feliz…

Envie seu Comentário