Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Albertinho x Zé Maria. Quem vence a disputa por Isabel em Lado a Lado?

02 de dezembro de 2012 50

Aqui no blog, há uma disputa acirrada entre “Albertinistas” e “Zemaristas”. Os partidários de Albertinho (Rafael Cardoso) defendem as atitudes do janota, mesmo depois de tudo o que ele aprontou. Já quem torce por Zé Maria (Lázaro Ramos) alega que o amor dele e de Isabel (Camila Pitanga) é verdadeiro e os dois merecem um final feliz.

A verdade é que, se formos pesar bem os dois lados, nenhum dos rapazes merece Isabel. Albertinho é imaturo e comandado pela mãe, Constância (Patrícia Pillar). Ao descobrir que iria ser pai, ele simplesmente fugiu e ficou se pelando de medo da reação dos pais. Pra piorar, chegou a ficar aliviado com a notícia da “morte” do bebê.

Tampouco Zé Maria é digno da mulher que Isabel se tornou. Mesmo sendo considerado um herói e com atitudes bravas durante a Revolta da Vacina e da Chibata, ele se mantém machista e orgulhoso quando o assunto é Isabel. Tudo bem que ele não aceitasse criar o filho de outro homem, naquele tempo e até nos dias atuais é difícil encontrar um homem que se preste a isso. Mas as palavras duras que ele disse a Isabel foram cruéis demais, no momento em que ela mais precisava de apoio. Mesmo seis anos depois, voltou a ofender a moça ao insinuar que ela estava se prostituindo na Europa. É esse o tipo de homem que Isabel merece a seu lado?


A questão é: pra quem vai a sua torcida? Ambos erraram muito, mas quem merece de verdade o amor de Isabel? Dê sua opinião!

>>> O Noveleiros também tem um espaço no Facebook. Clique aqui, curta, compartilhe e comente.

Bookmark and Share

Comentários (50)

  • Apaixonada diz: 2 de dezembro de 2012

    Sabe o eu queria mesmo Michele é que essa disputa tivesse realmente acontecendo, mas não está. Esse triângulo amoroso só existiu no nosso imaginário. Vou falar pela maioria, mas sei que alguns pensam diferente. Primeiro nós achamos que Isabel/Albertinho teve mais química do que Zé/Isabel; e a princípio o Albertinho demonstrou ter se apaixonado de verdade pela Isabel. Aliás essa é uma afirmativa até do próprio ator. Então a gente sonhou com uma disputa acirrada de dois homens completamente diferentes pelo amor de Isabel. De um lado um homem digno, trabalhador um verdadeiro herói do outro um menino precisando se desgrudar do colo da mãe e da falta de perspectiva na vida e amadurecer, e que só um grande amor seria capaz de fazer isso.
    Aliás ninguém defendeu as atitudes ruins do janota, a gente sonhava que ele amadurecesse pelo amor de Isabel e do filho.
    Mas para isso a Isabel teria que estar pelo menos um pouco envolvida com o Albertinho. Mas o autor teve tanto medo desse triângulo amoroso, que a Isabel age como se tivesse ido para cama com Albertinho obrigada, com uma arma na cabeça. E não foi. Ela se envolveu sim por ele ou então não justificaria uma mulher tão digna, que não tinha se entregado para o noivo durante um ano, se entregar a um homem que acabara de conhecer. O Anjo Colorado vai defender dizendo que ela se entregou para um personagem criado pelo Albertinho, mesmo assim, ela se envolveu por esse homem. Tanto que o beijou mesmo depois de ter descoberto tudo.

    Eu sinceramente compreendo em partes o Zé Maria. Essa característica dele já vinha sendo mostrada. Não é fácil para ele ver a Isabel tão rica e ele sem dinheiro nem para comprar comida. Agora a questão do preconceito com dançarinas é um pouco complicado, principalmente por ele não ter ficado preso ao morro o tempo todo. Ele passou seis anos viajando pelo mundo. Mas muita coisa o autor esqueceu de evoluir nesse seis anos, essa é só mais uma.

    Enfim… a Isabel no momento tem dois sentimentos extremos: Ela culpa o Albertinho por toda desgraça da sua vida e se sente culpada por tudo que aconteceu com o Zé.
    Ela está completamente entregue ao Zé Maria, a única disputa que existe é do Zé com ele mesmo.

    Não adianta Michele, definitivamente esse autor tem pavor à triângulos amorosos, pavor de correr riscos. O Albertinho só está no pário na nossa imaginação. O casal é Zé e Isabel, com merecimento ou sem merecimento. Pelos comentários dos autores nem o filho, o Albertinho vai ter direito de conhecer. Ah.. e só uma defesa, ele ficou sabendo do filho a Isabel já estava quase ganhando. Ficou muito assustado mas se propôs até trabalhar para ajudá-la com o filho. Se ele com tempo iria assumir ou não, a gente só iria saber se a mãe dele não tivesse resolvido de outra forma né?? Pois apesar do medo ele estava bem balançado pelo filho.

    “Gilda cadê você, eu vim aqui só pra te ver” kkkk Entra logo Gildaaaa

  • Claudia diz: 2 de dezembro de 2012

    A verdade é que, de fato, não há disputa!
    Essa briga nasceu ganha pelo Zé Maria. Sem trabalhar Albertinho não tem a menor chance. Saudade do tempo da “A Vida da Gente” quando tínhamos dúvidas e podíamos torcer.

  • Kicka- São Paulo diz: 2 de dezembro de 2012

    Boa tarde queridos!
    Michele, boa tarde flor!
    A Claudia e a Apaixonada colocaram muito bem,
    Não há disputa, é o Zé contra ele mesmo e o Alberto com outra mulher!
    Como autor o João Ximenes Braga é um excelente jornalista, rsss
    Acho que ele acabou se perdendo muito na história do Alberto com a Isabel, apenas complementando o que a Apaixonada disse, ela se envolve com ele, sim (porque me lembro de uma cena em que ela diz a Laura na época da gravidez quando a Laura descobriu sobre a filha do Edgar, que ela achava que amava o Albertinho, mas descobriu que não amava (pra ela achar que amava o Alberto, com certeza ela estava e muito envolvida por ele, porque uma mulher não acha que ama um homem se não estiver no mínimo bastante envolvida com ele), no início ele se mostrou apaixonado disposto a enfrentar tudo por ela e depois do nada se tornou um covarde cretino, e uma ressalva, ele ficou abalado sim com a perda do filho, ele só falou que foi melhor por causa da mãe dele, mas ficou nítido que ele sentiu a “perda” do garoto. O que defendemos aqui não são as ações irresponsáveis dele, são estes e outros momentos que ele se torna uma pessoa melhor por amor a ela, por isso acreditamos no potencial dele pra mudar,
    Em relação a Isabel com o Zé Maria, enquanto a Isabel evoluiu horrores, o Zé não evoluiu nada, agora me diga, como um homem que viajou pelo mundo, conheceu outros países, culturas, foi instruído, até aprendeu a falar outra lingua, não evolui sua forma de pensar nem um mílimetro?, como isso gente?!(o autor viajou na maionese grandão porque este tipo de coisa simplesmente não existe).
    Ele manteve o Zé do mesmo jeito apenas para criar um empecílio entre os dois, porque tirando isso, não há nada que impeça o Zé Maria e a Isabel de ficarem juntos, e isso em 2 meses e meio de novela, ou seja, a realidade é que não tem mais história para os dois, (Zé e Isabel) é por isso que eles vão ficar nessa lenga lenga até março quando a novela termina.
    Ele nunca terá a chance real de perdê-la, e as cenas que eu andei vendo dos dois a do parque e a do jantar na casa dela eu achei muito boas bonitas mesmo, mas achei a cena dos dois fazendo amor muito básica, pra duas pessoas que sempre se amaram grandemente e esperaram tanto por aquela noite, achei que deveria ter havido mais paixão, e um pouco mais de urgência, a cena do Edgar e da Laura na primeira vez que ele fizeram amor foi linda, foi um beijo cheio de paixão de vontade, e a situação era bem menos drástica do que a situação do Zé Maria e da Isabel, e na hora que ele estava sentado no morro, que acredito que fosse o momento em que ele deveria estar em dúvida quanto a Isabel, ele ficou com aquela cara de “nada”, não deu pra perceber no rosto dele uma sombra sequer de dúvida, isso sinceramente eu achei que não ficou bom não. (mesmo o Lázaro sendo o ator excepcional que ele é).
    E o pior não é nem isto, a quantidade de pessoas que deixou de assistir a novela, porque vai entrar outra mulher para ficar com o Alberto é absurda, coitada da atriz que vai fazer a Gilda, a persongem da moça acabou “ganhando” a antipatia do público porque o autor é um sem noção! (e ele diz que acha os pontos da novela aqui em SP são mais baixos por causa de agentes externos, agentes externos no ínicio do folhetim ainda vai, mas agentes externos depois de 70 capitulos exibidos, aí é desculpa pra boi dormir).
    Por causa disto a novela que no início da segunda fase estava batendo 22 pontos (em São Paulo, agora não sai da média dos 18 pontos, a média nacional de audiência da novela segundo o uol é de 23 pontos (para parâmetros nacionais é baixo demais).
    Mas ele não houve os telespectadores né? fazer o quê?
    A público vai abandonando a novela mesmo!

  • m_sinistra diz: 2 de dezembro de 2012

    Queridas e Queridos Noveleiros
    No Orkut eu vir uma etiqueta assim
    Com quem a Isabel deve ficar?
    O Albetinho está com 38% contra O Zé Maria de 63%
    Agora ver quem e que vai vencer.

  • cat diz: 2 de dezembro de 2012

    na boa….não aguento mais falarem tanto nisso se o proprio autor cortou todas as chances logo de cara e tratou de transformar o albertinho num moleque pior do que era na primeira fase…parece que o exercito era o ensino médio eo albertinho fosse um garoto nessa fase…sério, cansei disso…ainda bem que sem ser esta semana, a tal gilda já entra..albertinho já esquece isbel…e esta volta a se rebaixar de forma humilhante pro chato do zé maria, que voltou chato da marinha, só fazendo reclamar da vida…aliás…essa semana foi brabo aguentar a novela….zé maria + isabel e ainda a catarina com a quelas caras e bocas…insuportaveis cenas do teatro. e de quebra sem cenas de laura e edgar, mesmo que isolados…foi cruel…acorda autores…querem afundar a novela de vez…revejam os rumos…

  • Karina diz: 2 de dezembro de 2012

    Nem preciso dizer nada… “Apaixonada” e “Claudia” disseram tudo o que queria dizer. Assino em baixo.

    Pena esse autor da novela ter a mente tão tacanha. Poderia ter esse triângulo amoroso, realmente acontecendo. Mas não está.

    E concordo quando “Apaixonada” disse que Isabel parece ter ido pra cama obrigada. Para com isso. É fazer a gente de idiota.

    Esse autor vai perder audiência. Acho que vou me candidatar pra ajudá-lo a escrever essa novela. *rs*

  • Roseli diz: 2 de dezembro de 2012

    Na verdade nenhum dos dois merece a Isabel.Seria mais interessante aparecer um terceiro.Um homem bonito, bem resolvido e capaz de fazer Izabel tremer na base…

  • Michel Carmo diz: 3 de dezembro de 2012

    Só espero que o telespectador não volte com as discussões racistas como em “Cama de Gato” quando a Rose (Camila Pitanga) ficou Dividida entre Gustavo (Marcos Palmeira) e Alcino (Carmo Dalla Vecchia).

  • Anjo Colorado – Zé diz: 3 de dezembro de 2012

    Apaixonada…

    E volto mesmo a dizer.

    Isabel foi pra cama com um personagem inventado por Albertinho. Mesmo assim ela se envolveu? Sim, se envolveu com um homem que nunca existiu.

    Ora, que tragam para a mulata aquele Albertinho que ele dizia ser. Esse que tá aí não fez nada além de ser um estorvo.

    Ela não foi obrigada a ir pra cama com ele, mas foi enganada e seduzida num dos piores momentos de sua vida. A coitada se sentia rejeitada, humilhada e abandonada. Aí o filho de Constância “cria” uma pessoa que caí como uma luva para consolar que recém sofrera uma desilusão amorosa.

    Albertinho não levou Isabel pra cama sendo ele mesmo. Ele fez isso fazendo Isabel de otária. Por isso a raiva que a dançarina nutre pelo “químico” rapaz. Não foi forçada, mas iludida.

    Eu sei que a grande parte dos Albertinistas não defendem as atitudes ruins.

    Os argumentos são:

    1 – A química.

    2 – Um Albertinho amadurecendo pelo amor a Isabel daria maior contribuição para a novela.

    Bem é Zemaristas não dão a mínima para a tal “química” quando o assunto é caráter e atitude. Nisto o herói negro tem sobrando enquanto o personagem de Rafael Cardoso carece destas qualidades. Para nós o fofuxísmo não pega.

    Até agora o Albertinho não amadureceu em nada. Ele não quer amadurecer. Ele quer que Isabel o aceite do jeito que é (agora que não dá mais pra fingir ser outra pessoa). Foram seis anos de escolar militar e o sujeito não mudou nada.

    Convenhamos… A única chance real pra Albertinho terminar com Isabel é que ela se apaixone por rapaz nas condições atuais e Zé Maria por causa de seu forte orgulho desista de vez de sua amda. Talvez o fato da futura descoberta de Elias ser o fruto de uma noite entre a dançarina e janota nesta união.

    Albertinho pode até madurecer, mas não muito. Não creio. Não enxergo nele um homem capaz de enfrentar Constância. Só se ele descobrir que ela terá um caso com Umberto e passe a chantagear a mãe. Isto ele seria capaz de fazer.

    Mas desejar um terceiro homem a esta altura da novela é fruto da frustração dos Albertinistas que se dão conta que o seu personagem favorito não deverá triunfar.

    Imagino que no Orkut onde o Zé Maria vence Albertinho deve ser numa comunidade de predominância masculina. Dificilmente um homem iria torcer por um personagem como o almofadinha.

    Eu mesmo queria o amadurecimento de Albertinho, mas isto não veio. Agora o que se pedir? Que repentinamente ele vire um homem responsável?

    O que se esperar. Que Isabel se torne a nova mãe do rapaz?

    É claro que o triângulo amoroso só existe mesmo na cabeça e no coração dos Albertinistas, mas ela permanece viva.

    E sobre este mormaço entre Isabel e Zé Maria…

    O que vcs queriam? Quem em 2 meses de novela a situação deles já estivesse resolvida? Se terminassem junto desde cedo não ia ter graça alguma. Seria ainda mais chato de assistir que agora.

    Tem que existir algum empecilho nem que seja criado pelo próprio Zé Maria.

    Eu sei que pareço um pouco chato, mas compreendam uma coisa: eu sempre torci pelo herói.

    O Albertinho parece mais com o almofadinha medroso e imaturo que o herói finge ser pra enganar os vilões.

    Vai ver que no final da novela Isabel descubra aquilo que sempre foi oculto dos telespectadores: Que Zé Maria e Albertinho são a mesma pessoa.

    Mas falando sério única vez que Albertinho me comoveu quando, diante de Laura, admitiu ser um fraco e que tinha vergonha de si. Até disse que era melhor a criança não tê-lo como pai. Naquela vez tive mesmo pena dele.

    Eu acho mais fácil que pelo amor a Isabel um homem como Zé Maria mude seu jeito. Aliás… Isso é o que provavelmente acontecerá.

    Creio que não adianta mais idealizar mais a novela. Acredito que ela transcorrerá dentro da previsibilidade.

  • Dani diz: 3 de dezembro de 2012

    Olá pessoal!

    Há muito tempo que não acompanho uma novela, como tenho feito em Lado a Lado. É de fato uma estória muito bonita, além de abordar acontecimentos importantes sobre a história do Brasil.

    Pois bem, a conversa aqui é: com quem Isabel deve ficar?

    Apesar de acreditar que o desfecho será a Isabel com o Zé, continuo torcendo para o Albertinho. Isso se o autor da novela não escrever cenas que o coloca mais “queimado” com o público ainda.

    Acredito que a dificuldade das pessoas é entender que tudo na vida passa e que a cada minuto somos passíveis às mudanças. Foi oq aconteceu com a Isabel, pois torna-se claro que ela não é a mesma mulher, assim como Albertinho não é o mesmo homem.

    Bendito tempo que promove essas mudanças. Bendito tempo que Deus nos dá e nos permite rever nossos erros no passado. Digo isso porque o próprio Albertinho já externou esses dizeres para Isabel, quando disse que tudo poderia ter sido diferente.

    Mas, em contrapartida, o único que insiste na inércia é o Zé, pois ressalta, sempre, os mesmos erros da Isabel.

    Quando se fala em química, ou a falta dela, há um milhão de críticas. Do tipo: química ou carater?

    Gente, uma coisa não tem nada haver com a outra. Sabe-se que não há química entre o Zé e Isabel e que o Albertinho possui suas fraquezas. Fraquezas estas marcadas pela vida e pela criação de sua mãe dominadora e manipuladora.

    Considero que houve um empate: preconceito de Zé Maria x preconceito de Albertinho.

    Agora uma caso interessante: minha sobrinha de 18 anos torcia pela felicidade do casal Zé e Isabel. Porém, isso tudo mudou quando ela assistiu uma cena de amor dos dois. Aí, após o término do capítulo da novela, ela: é tia. Acho que realmente não combina esse casal não.

    Enfim, gostaria de parabenizar a belíssima colocação da Apaixonada. E peço que continue apaixonada pelo “casal” Albertinho e Isabel, pois acredito que muita coisa nova vem por aí: Isabel voltando a dançar, Albertinho fora de casa…

    Sei que nesta semana terá uma cena do Albertinho pensando na Isabel e sofrendo com isso…

    Finalizando: autor, acorda!!!!!!!!! Mexa-se!

    Abs.

  • Mariana diz: 3 de dezembro de 2012

    Eu, verdadeiramente, sou Albertinista! Acho o personagem do Lázaro Ramos muito chato, não desqualificando-o como bom ator. Que, aliás, é muito bom nessa arte!

    Já tentei gostar do casal, mas não dá. Touchet!!!!! Rs.

    Para mim a graça da novela era esse possível envolvimento da Isabel com Albertinho. Muito mais gostoso seria.

    Porém, como percebi aqui no bate-papo esse final não será possível, já que o autor jogou água fria…

    Touchet novamente. Parei de assistir a novela! Vou ler uns livros legais.

    Abraços.

  • Deborah diz: 3 de dezembro de 2012

    Ok.

    Ah, gente! Claro que química conta e muito… Eu tinha um namorado perfeito. Um homem digno, de carater, etc, etc. Mas, não tinha química ( coisa de pele mesmo). Aí resolvir dar uma chance para um ex que no passado tinha pisado muito na bola comigo, mas se dizia um novo homem. Paguei prá ver… Resultado? Hoje sou a mulher mais feliz do mundo.

    Vocês precisam entender que as pessoas mudam. Só o amor constrói!

  • carol diz: 3 de dezembro de 2012

    esse romance de Isabel e Ze Maria é super piegas
    e eu toh com sentimento de assistir esperando que Isabel de uma chance pro Albertinho, + parece q naum vai acontecer…c eu tiver perdendo meu tempo assistindo isso ae…eu jah num gosto de novela…nunk + vejo outraa, FRACASSO é q eu vou sentir

  • carol diz: 3 de dezembro de 2012

    q negocio é essa de Gilda?????? HAHAHA isso, coloca outra mulher pro Albertinho q eu tomo vergonha na cara e paro de ver essa novela idiotaaa

  • carol diz: 3 de dezembro de 2012

    JAH SEI QM EH ESSA GILDA….ENTÃO É DEFINITIVOO? EU JURO PELO RAIAR DO SOL DO DIA DE AMANHA QUE ESSA É A ULTIMA SEMANA Q VEJO ESSA porcaria, SERIO, REVOLTADISSIMAA…ACHO Q NUNCA FIQUEI TAO FRUSTRADA COM UM CASAL
    esse autor é mtooooooooooooooo ruim!!!!!!!!!

  • Apaixonada diz: 3 de dezembro de 2012

    Valeu galera pelos elogios kkk

    Dani no fundo do meu coração eu realmente gostaria de ver um namoro entre Albertinho e Isabel, mas estou repetindo sobre a Gilda para ver se me convenço de que o autor está certo, que não há possibilidade e para de mostrar essa forma como Isabel trata o Albertinho, Não gosto mesmo.
    O problema é que olho para Gilda e fico imaginando ela conversando caipira kkk Não quero não gostar da personagem antes mesmo dela entrar. Mas acho que o Albertinho merece uma chance de crescer, se não é pela Isabel que seja pela Gilda.

    Anjo Colorado: Isabel/Albertinho com você eu não falo mais nada, nos dois estamos ficando muito repetitivo kkk Estamos parecendo o Zé Maria batendo na mesma tecla. Mas.. sobre o Albertinho enfrentar a mãe, eu acho que ele é capaz sim, ele já fez isso uma vez. Desistiu porque achou que não valia a pena. E outra coisa eu acho ele incapaz de chantagear a mãe. Ele tem adoração por ela, eu acho que Humberto não vai escapar de uma boa surra. E aí ela pode perder o domínio sobre ele, porém eu acho que esse caso só vai acontecer no final e Albertinho se liberta antes pela “Bela Gilda”
    Quanto ao caso de ter um empecilho entre e Zé e Isabel é claro que tinha que existir, só que esse é fraco demais para separar duas pessoas que se amam. A diferença financeira tinha que ser mais importante e mais difícil de resolver. Hoje mesmo, o Zé Maria assumiu que estava perguntando com quantos homens ela dormiu porque ela foi para cama com ele na primeira vez. Desculpe-me mas bem cafajeste da parte dele. Nem combina com o personagem.

    E mais uma vez uma reclamação. O Zé Maria não está mudando a expressão. A mesma cara que fala eu te amo, pergunta com quantos homens ela dormiu. Não gostei da cena, Juro que não é implicância, mas já é a terceira cena do Zé Maria que não me agrada em termos de interpretação, Acho estranho porque sou fã do Lázaro.

    Alguma mudança tinha que acontecer no Albertinho. Bom parece que na outra semana ele vai defender a Laura. Quem sabe já é um principio de algo novo.

    Gente li uma critica da novela que entre outras coisas dizia que essa novela deveria ter sido uma mini-série, acho que em parte a pessoa tem razão. Está sem assunto. Os que tem estão fáceis de resolver. O autor não está sabendo nem enrolar.

    Abraço amigos queridos. Vou dar uma sumidinha essa semana. Beijocasssss

  • Claudia diz: 3 de dezembro de 2012

    Anjo,

    Claro que o Zé Maria tem caráter, é um herói…
    Sabemos disso. A questão é que, na vida, não casamos com alguém porque tem caráter. Casamos por amor. E nas novelas, vamos deixar claro, isso é uma novela, queremos ver casais que tem química. Ora por que não? Isso é um entretenimento.

    Ninguém torce pelo sem caráter. Torcem para que ele mude. Repito: NOVELA. O autor faz dele o que quiser, ou o que o público quiser se pretende ter audiência.
    Coloca aí o Albertinho de romance com a Isabel pra ver se essa não novela não arrebenta na audiência, nem que seja para no final fazer o que ele quer e ela voltar para os braços do Zé Maria. O que na vida real, vamos combinar jamais aconteceria. Ela casaria com um estrangeiro mesmo.

    E sim, o Zé Maria e a Isabel, juntos, são um saco. Não convencem. Ele só quer saber da vida dela fora do país e, mais especificamente, da vida sexual. E na minha opinião ela deveria contar tudo de uma vez para ver se ele aceita ela com a bagagem que ela tem. Pior é ter surpresas mais adiante.

    Ele não vai mudar, foi criado assim. E ela certamente teve algum romance no exterior que não quer contar. O casal não combina nem nos valores. Ela virou uma mulher do mundo e ele apenas conheceu o mundo, mas a cabeça ainda tá parada lá no morro, se importando com o que o vizinho acha dele, com quem ela dormiu, com o fato dela ser rica e ele não… Jamais daria certo porque todas as barreiras são os valores dele e ninguém muda os valores em alguns meses se não mudou em 6 anos.

  • Anjo Colorado – Zé diz: 3 de dezembro de 2012

    Apaixonada… É que nossas opiniões sobre quem deve ficar o Zé Maria já estão bem definidas.

    Creio que não temos muito para acrescentar em motivos e razões. Eu achei mesmo que o Zé Maria vacilou com Isabel com aquela pergunta embora tenha sido feito com todo cuidado. No entanto aquilo demonstrou mesmo não apenas insegurança sobre a mulher que ama, mas também falta de confiança.

    Mas isso reforça a ideia que o herói negro também tem seus defeitos. Pensei que isto ganharia simpatia. Um dos argumento dos Albertinistas era que ele era perfeito demais enquanto Albertinho era unm personagem mais humano.

    Deborah… Isto que tu falou me dá a impressão que aceitaste teu namorado do jeito que ele é. Essa pra mim também seria a única possibilidade do Albertinho ter chance com Isabel: ela aceitá-lo da maneira que o filho de Constância é.

    Dani… Que bom tu ter voltado Gostei dos teus comentários, apesar de não concorda com alguns pontos de vista.

    Em que o Albertinho mudou???? É de opinião geral, até mesmo entre os outros Albertinistas, que o janota não mudou em nada nos últimos 6 anos.

    Mesmo após ter cursado e formado em uma escola militar o rapaz continua o mesmo irresponsável de sempre. Ele até atropelou o pai de Isabel, não prestou socorro e mentiu no depoimento a polícia.

    Ele aceitou que Constância o botasse de castigo no quarto.

    Tentou humilhar o Zé Maria porque carregava uma frutas num tipo de carrinho de mão. O chamou de “burro sem rabo”.

    Poderia nos apontar em que Albertinho mudou??? Ele fez algum penteado novo, é isso???

    Tu dissse que ele mudou por causa de alguns dizeres? Não mudou nada. Ele se apaixonou por Isabel durante o processo de sedução na primeira fase da novela. Ele até disse isso depois que a mulata descobriu a verdade sobre sua identidade, mas ela não aceitou.

    E Dani… É claro que as fraquezas de Albertinho são marcas pela dominação da mãe, mas isso não é desculpa.

    Laura também foi criada por Constância, mas ela se recusou a ser uma marionete. Ela se tornou numa mulher forte e independente. Ela já tinha esse caráter formado antes de se casar com Edgar.

    Se o Albertinho tivesse mesmo mudado hoje ele seria um tentente. Não seria ainda o filhinho da mamãe. Estaria livre da influência de Constância.

    Eu torci por isto porque queria que ele fosse um rival digno de Zé Maria. Um outro homem de valor e caráter na vida de Isabel. Um confronto entre iguais.

    Mas o janota preferiu ser o mesmo imaturo, encostado e irresponsável de sempre.

    Sobre preconceito só percebi as seguintes.

    Zé Maria tem diversos escrupulos morais enquanto Albertinho demonstra desdém pelas classes mais baixas da sociedade.

  • Martha Santos diz: 3 de dezembro de 2012

    Não adianta , homens como Zé Maria são machistas demais para esquecer o passado e perdoar Isabel . Ele realmente é honesto , trabalhador , guerreiro e justo mais essas qualidades não se aplica em relação ao seu amor. Gente a coitada da Isabel foi para cama com ele, e pela primeira vez fez amor de verdade com o homem que sempre amou, ela ainda radiante com a melhor noite de sua vida, ele pergunta quantos homens ela se deitou cheio de preconceito. ISABEL ESQUEÇA O ZÈ MARIA E FIQUE COM O ALBERTINHO O PAI DO SEU FILHO transforme esse menino mimado e fraco em um homem de verdade rsrsrs. um abraço para todos.

  • Karina diz: 3 de dezembro de 2012

    Olá pessoal!

    Estou achando tudo isso muito estranho. Agora me aparece uma outra mulher? Sabendo que o público está dividido? Que poupe, senhor autor! Não se perca, meu rei. A voz do povo é a voz de Deus.

    Mire-se nos autores que usam da interação com público para escrever. É o segredo do sucesso! Fica a dica.

    Abraços, minha gente!

  • Gustavo diz: 4 de dezembro de 2012

    Cara, como homem digo: esse Zé Maria ( Maria!) com uma mulher linda e ainda fazendo doce? Sei, sei… Pega o Albertinho, Isabel! Esse Zé é muito mala.

  • Michel Carmo diz: 4 de dezembro de 2012

    Queria muito que a Maria Pinna continuasse na novela, mas só participou de um capítulo, como mulher contratada para seduzir Albertinho…

  • carol diz: 4 de dezembro de 2012

    eu não sei pq continuam com essa discussão, pra mim acabou …
    A Isabel parece não perdoá-lo e ele se apaixonará por outra…fim.
    Frustrante.

  • Dani diz: 4 de dezembro de 2012

    Olá a todos!

    Acho interessante como nós, seres humanos, estamos passíveis a julgamentos. Vivemos em um mundo onde errar é algo condenador. Vivemos em um mundo onde as pessoas são, a todo momento, julgadas.

    O que mais acho interessante é que cada um de nós tenta quantificar e dar maior ou menor importância para os erros alheios. Esquecendo, assim, que cada um possui suas fraquezas.

    Isabel errou ao se entregar para o Albertinho? Qualo tamanho desse erro?

    Albertinho errou ap enganar a Isabel? Qual o tamanho desse erro?

    Zé Maria errou por não conseguir perdoar a Isabel por orgulho? Qual o tamanho desse erro?

    Albertinho, um sujeito criado na nata carioca, sendo educado para pisar nas pessoas e se dar bem, sem se preocupar se isso irá prejudicar alguém. É culpa dele mesmo? Ou de uma mãe que não soube educá-lo. É claro que só isso não justifica, pois a Laura é sua irmã e seguiu outro caminho, mas temos que entender que as pessoas são diferentes. É a vida. É a genética. E que bom que existem essas diferenças.

    Isabel e Zé Maria viveram um amor no passado. Mas será mesmo que Isabel amava tanto esse homem ao ponto de se entregar para outro em tão pouco tempo. Por mais que estrivesse magoada e se sentido traída, um sentimento desse tamanho não morre de um dia para o outro.

    COncluindo, acho que o autor tinha que “zerar” os erros do passado e olhar para frente, como tem que ser… E entender que as pessoas mudam, que o tempo passa… Não existe mais aquela Isabel e aquele Zé Maria. A água do rio corre…

    Por isso, continuo torcendo para o Albertinho.

    Pouco importa também se ele é ou não o pai do Elias, né? Afinal, nosso querido autor já está providenciando uma aproximação do garoto com o Zé!

    Novela tinha tudo pra ser legal, mas…

  • juju diz: 4 de dezembro de 2012

    Bom eu estava acompanhando a novela até uns tempos atrás mas confeso que me desiludi pq acho que a novela tá chatissima sinceramente esse autor não sabe prender o publico acho que no começo estava interesante mas agora Oo céus dá até sonoOo.
    Bom referente ao casal Isabel/ zé x Isabel / alberto. minha preferencia é por albertinho .No inicio da novela eu não tinha preferencia ainda mais não demorou muito para eu começar a apostar no alberto mais essa autor é tão mala que teu um tiro no seu proprio pé e fica tentando fazer com que as pessoas odeio o alberto uma vez que o personagem já ganhou força e preferencia na novela…affs só lamento a atitude dessa autora esta perdendo a chance de fazer dessa novela um grande sucesso.

  • juju diz: 4 de dezembro de 2012

    Bom li ai uns comentario que dizem que * não há uma disputa na novela* . Bem, vendo o jeito que Isabel esta tratando o alberto e como o autor esta tentando reverter as preferencias dos telespectadores eu sou forçada a concordAR .
    Só acho que o autor esta exagerando na tentativa de induzir e forçar Digamos assim algumas coisas para que as pessoas passem a PREFERIR zé e isabel.
    Mas tenho uma coisa a dizer SE ESTIVESSE TENDO UMA COMPETISÃO COM CERTEZA ALBERTO GANHARIA…SABE PQ ?
    SE SEM COMPETISÃO A MAIORIOA DO PUBLICO E A FAVOR DO ALBERTINHO IMAGINA SE OUVESSE !!´ESSA LUTA JÁ ESTARIA GANHAAA

  • MAriana diz: 5 de dezembro de 2012

    É, gente! Já tá no site da globo que ALbertinho irá pedir a mão da Isabel em casamento?

    Agora veem me dizer que o cara não a ama?

    Agora veem me dizer que eh interesse? Não, não. Se fosse interesse ele investiria na Esther, não?

    Ainda tenho esperança de ver um lindo romance entre Albertinho e Isabel. Será?

    Abs.

  • keka_wajn diz: 7 de dezembro de 2012

    To amando a novela… mas parece que o casal que nao existe isabelxalbertinho ta dando mais o que falar do que os que os protagonistas.
    Talvez porque o autor tentado nos fazer deixar de gostar do albertinho criou um Macunaima- um heroi as avessas. Tao cheio de predicados que ficamos encantados com tudo que so o #amorconstroi. Enfim, minha tocida vai p eles. Quanto ao Ze Maria e a Isabel nao me convenceu… nao tem quimica nenhuma!! #Lamento.

  • carol diz: 7 de dezembro de 2012

    O problema do ze maria é que ele não tem familia, filho, emprego, historia, nem tem enredoo…ele só tem a Isabel…e esse carater que tanto falam na verdade é um aspecto negativo somente torna ele um personagem previsivel e ENTEDIANTE

  • Apaixonada diz: 8 de dezembro de 2012

    KEKA-WAJAN Amei seu comentário, copiando e colocando no último post que fala desse assunto.
    Abraço,

  • LUCIANA diz: 10 de dezembro de 2012

    ENGRAÇADO ESSE AUTOR TA MUITO BURRINHO,É ESTRANHO DEMAIS A LAURA IRMÃ DE ALBERTINHO NUNCA ACONSELHA-LO A MUDAR NAQUELA ÉPOCA AS FAMILIAS ERAM MAIS UNIDAS E NESSA NOVELA ALBERTINHO E LAURA SE DAO SUPER BEM MAS QUASE NAO SE ENCONTRAM.LAURA É INDEPENDENTE DA MAE ENFRENTA A MAE E ALBERTINHO TAMBÉM PARECE NAO GOSTAR DO DOMINIO DA MAE E NAO LUTA NUNCA CONTRA ELA.É CERTO QUE ELE GOSTA DE ISABEL MAS FICA SEMPRE ESCONDIDO NAO FALA COM LAURA QUE É A MELHOR AMIGA DE ISABEL MORA COM ELA E ISABEL QUANDO COMENTA QUALQUER COISA DE ALBERTINHO COM LAURA ELA NAO INTENSIFICA O ASSUNTO FOCA COMO SE ELA TB ESTIVESSE DANDO UM FODAS PARA O PRÓPRIO IRMÃO.NUNCA VI UMA HISTÓRIA QUE TINHA TUDO PRA SER LINDA FICAR ESSE COCÔ QUE ESTÁ.TUDO OBVIO NA CARA DO AUTOR E AUTORA E ELES NAO SE COMBINAM.PAREI DE VER A NOVELA POR FICAR ENJOADA EM VER AQUELE AMOR MASSANTE DE ISABEL E ZÉ MARIA QUE NAO COLA MESMO OS DOIS.FRANCAMENTE AUTOR OLHA MELHOR O QUE DIZ O PÚBLICO.ACORDA PARA O SUCESSO QUE A NOVELA PODE TER.

  • Luis diz: 11 de dezembro de 2012

    A novela ta um porre!!!!! parei de assistir meus casais Roamnticos são e vão continuar: Laura & Edgar, Albertinho & Isabel e ponto final!!!! não to mais acompanhando essa porcaria começou boa e vai termiar perdida! to assistindo Salve jorge muito melhorrrrrr!!!!!

  • CAROL diz: 11 de dezembro de 2012

    concordo plenamente Luis,
    eu sou chata msm…eu parei de assistir, eu naum tenho que aceitar nada de autor…ele q tem q aceitar o q nos queremos!

  • Mel diz: 11 de dezembro de 2012

    Zé é o cara que muitos mulheres querem ter devido ser integro e ter caráter? É, mas em relação a novela ele e Isabel não empolga, enquanto a história do Albertinho tem muito mais a ser explorado, além da quimica e outros “ingredientes”. É uma pena que os autores optaram por uma obra fechada e em relação a este núcleo para já está decidido o casal.

  • Luis diz: 12 de dezembro de 2012

    Concordo plenamente Mel.

  • Luis diz: 12 de dezembro de 2012

    muito bem Carol eles que tem que se preoculpar com a opinião popular e não deles. A novela é bem produzida, muito bom o cenário más a Historia não ta agradando.Espero que Laura e Edgar, Albertinho e Isabel, caniço dar certo com Berenice, Guerra e celinha, Constãcia sozinha e sem amigos, … ai sim! mas se a autoraincistir vai ficar ficar com o pulblico bem resumido.

  • renata victor diz: 19 de dezembro de 2012

    esse negócio do autor falar que o albertinho não tem chances pode ser apenas uma jogada dele. agora ele vai se envolver com a Gilda, mas todo mundo sabe que ele ama a Isabel. Nenhum dos dois está certo, o Albertinho é um mimado inconsequente e o Zé Maria um preconceituoso machista. Mas eu acho que quando Isabel e Albertinho descobrirem que o filho deles está vivo eles vão se reaproximar sim…. e ai tudo pode acontecer. Eu torço pelo Albertinho, porque ele combina mais com a Isabel e também porque ele poderia mudar e tomar uma atitude mais madura e corajosa em nome do amor que sente por ela, seria muito legal.

  • juju diz: 21 de dezembro de 2012

    renata…sabe que eu já pensei niso **esse negócio do autor falar que o albertinho não tem chances pode ser apenas uma jogada .*…….*E acho que pode até ser verdade isso tão querendo despistar muito colocar atores novos para bagunçar um pouco …Sabe o que eu penso acho que os outores colocaram um filho de isabel e albertinho nessa historia por um motivo ** E acho que é porque no final das contas quando o alberto souber o que a sua mães fez e que tem um filho com isabel com certeza ele vai mudar suas atitudes e ai as coisas vão mudar….é o que eu acho e tenho esperanças que isso seja verdade………não to acompanhando todos os dias como antes porque tá um porre essa novela mas se as coisas mudarem quem sabe ai eu volto assistir

  • carol diz: 22 de dezembro de 2012

    claro que naao, o autor disse que a Isabel nunca iria perdoar o q o Albertinho fez, se acha que o autor iria mentir pra todo mundo??? ele tem certeza que o casal é ze maria e Isabel e qr tirar o Albertinho da jogada definitivamente (por isso a frieza da Isabel com ele, o filho foi soh pra dificultar o amor dos dois herois= isabel e ze)
    ACORDEM, JA ERA ALBERTINHO E ISABEL

  • Keka_wajn diz: 26 de dezembro de 2012

    Já deu por perdida a relação do albertinho com Isabel. Não vi muita química com a tal da Gilda… Mas tb desgastei depois que o autor disse que não tinha chances Alberto e Isabel. Tomei abuso pelo ze Maria… Não vou mais ver… Nunca vi um negocio desses pensei que os autores fizessem novela para a audiência e não para os atores… O barco ta afundando e o cara não muda o par romântico p não ferir os egos…. Sinceramente… Isso e entretenimento …. Enfim, vou fazer mais um comentário…. O vídeo extra do albertinho penando em Isabel já é o terceiro mais visto…. Pelo visto não somos apenas nos que torcemos por eles…. Percebo pelos comentário em todos os jornais que leio nota sobre o assunto que definitivamente o Zé Maria não agradou. A torcida pelo albertinho e grande e esta em todos os lugares.

  • carol diz: 26 de dezembro de 2012

    As unicas pessoas que eu conheço que torcem pelo Ze são desse bate-papo, não conheço ng de carne e osso que torça pra ele,
    é realmente frustrante….

  • Márcia Najm diz: 26 de dezembro de 2012

    Eu acho que os 2 são tolos…Mas acho que o Albertinho e Isabel seria muito lindo no final sim, pensando na química que teve os 2 juntos, na história em que os 2 podem criar de lição contra o racismo, preconceito e que o amor pode sim vencer essas coisas feias rsrs
    Acho que o Albertinho pode sim amadurecer, e lutar pela Isabel, enfrentando tudo e todos, seria muito lindoooo..
    Seria MARAVILHOSOO ver a baronesa furreca olhar a família unida e formada, lutando contra as bobagens que ela acredita.
    O Zé Maria não tem nada a ver com a Isabel tirando o fato que são negros e filhos de escravos e pobres..Aliás, ela nem é + pobre, pelo menos nessa fase está rica. Definitivamente não combinam os 2 juntos !!!
    A novela seria linda com o casal inter-racial lutando pela igualdade aaa gente seria d+ !
    ALBERTINHOOOOOOOOO E ISABELLLLLLL rsrsrs faço até passeata (*;*)

  • Marcos. diz: 25 de janeiro de 2013

    Essea novela ta uma zorra total!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk os pares romanticos não se juntam, a autora faz questão de enfiar de guela abaixo Zé Maria e Isabel tão sem quimicas que nem faz mel. Albertinho e Isabel seriam muito bom para cosntãcia baixar aquela pose zé maria a autora poderia colocar uma que se encaixasse com ele e não icistir em Isabel. Agora ela ja ta querendo que zé Maria seja pai de Elias que coisa chata! Albertinho é o pai e não o Zé Maria e tem todos os direitos , todos sabem que ele é manipulado por constãcia e fica fasendo so o que ela quer acho que a novela deveria tomar outros rumos no final. Meus pares sempre serão: Albertinho e isabel, celinha e o reporter, caniço e berenice… mas essa aurtora nao ta com nada!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! fez a novela pra ela e nao para o pulblico!

  • renata diz: 25 de janeiro de 2013

    Acho que tem que haver um consenso entre autor e público. Ele faz um pouco o que quer e nos dá a chance de ver um pouco o que queremos… Meu Deus, eu odeiiiiiiiiiiiio Zé Maria e Isabel. Agora o autor vai inventar que o Elias quer o Zé como pai…. Me poupemmmm… o pai do menino é o Albertinho… fora que é par perfeito para Isabel, para calar a boca de vez da Constância. bom é isso, autor por favor, reaproxime Albertinho e Isabel!

  • Michel Carmo diz: 27 de janeiro de 2013

    Mas será precisa uma grande reviravolta. Não torço pra nenhum dos dois ficar com Isabel, até torcia pro Albertinho, isso antes dele olhar Elias pela primeira vez com ar de rejeição, no entanto, não descarto uma mudança repentina. O Envolvimento de Constância com Umberto também pode servir de gancho para essas mudanças.

  • Ruth diz: 28 de janeiro de 2013

    Concordo com a opinião da Apaixonada!
    Por que mesmo ele ter mentido pra ela no começo,ele a procurou!Ele não a obrigou a se deitar com ele…quem está vendo desde o começo sabe!E ela só conta as besteiras que ele fez e que nem foram tantas assim…..eles tem a maior química e ele já provou que a ama e quando descobriu que ia ser pai ele queria assumir e ajudar!Mas ninguém lembra dessas coisas neh?
    ISABEL E ALBERTINHO s2

  • Mario diz: 16 de fevereiro de 2013

    É DEMAIS O QUE ESTÃO FASENDO COM ALBERTINHO , ELE JA PEDIU DESCULPAS E TUDO… MAS ESSA AUTORA INCISTE EM TIRA-LO DOS OLHOS DO PULBLICO E FAZ QUESTÃO DE BABAR ZE MARIA. ELES CONTINUAM SEM GRAÇA NENHUMA ISABEL E ZE MARIA SERIA MUITO MELHOR ALBERTINHO E ISABEL. É DEMAIS AS HUMILHAÇÕES COM ALBERTINHO.

  • ana diz: 19 de fevereiro de 2013

    Nossa! Depois de ler todos esses comentários, não resisti, e resolvi manifestar minha opinião como telespectadora. Considero Lado a Lado a menlhor novela dos ultimos 5 anos; em termos de qualidade de elenco, cenografia, e temática abordada. É uma verdadeira aula de brasilidade; isso sim é que é importante! Os personagens Zé Maria e Isabel são simplismente fascinantes! O Zé é o herói social, cheio de defeitos e sem super poderes; ao mesmo tempo é o homem brasileiro mestiço e pobre do início do século XX, lutando constantemente contra os valores e os traumas sociais nos quais foi educado, para acompanhar a alovução do seu tempo.
    A história de Isabel e Zé Maria, é marcada por identidades ulturais e sociais comuns; eles têm a mesma origem, compartilham os mesmos ideais. Existe uma ligação muito forte e muito bem costurada pelos autor entre os dois personagens. Um amor que nasce da adimiração mútua, da junção de almas; e com amanurecimento intelectual e emocional dos personagens, depois do espanto e da regeição inicial; uma reação humana bem natural diante do novo, venveu a miséria, o preconceito, as decepções, os erros individuais, e se fortaleceu.
    Para os que perderam o interesse na novela pela frustração de não ver o tão comentado triângulo amoroso; digo que parabenizo mais uma vez os autores; por não transformarem a trama em mais um folhetim barato, com troca troca de parceiros; ainda mais em 1910. A postura dos autores só engrandeceu a novela, mantendo o foco na atmosfera socio-política e cultural do Rio de Janeiro no início do século XX. Mostrando-nos um Brasil que nós não conheciamos. O peronagem do Albertinho é bastante real, é o típico play boy da época; representa uma porção da juventudo do período, é muito humano também; cheio de conflitos interiores; completamente diferente da Isabel; não há compatibilidade entre os dois. Onde as pessoas enxergaram química entre os personagens? Na “pegação”? E é só isso que importa na novela? É impressão minha, ou estamos tendo a repetição quase que constante, de situações em que surge um casal negro em uma novela, e parte da opinião pública regeita e começa a fazer campanha a favor da inião enter o galã de olhos claros e a mulata sedutora? Um clichê deplorável que os autores renegaram para a felicidade de milhões! Espero que os autores não se percam na reta final, e continuem dando ênfase aos fenômenos e aos personagens sociais; mostrando os transformações e o amadurecimento dos personagens, mantendo a cuerência com o perfil humanos e social dos personagens a realidade da época.

  • ANA diz: 19 de fevereiro de 2013

    Texto com correções

    Nossa! Depois de ler todos esses comentários, não resisti, e resolvi manifestar minha opinião como telespectadora. Considero Lado a Lado a melhor novela dos últimos 5 anos; em termos de qualidade de elenco, cenografia, e temática abordada. É uma verdadeira aula de brasilidade; isso sim é que é importante! Os personagens Zé Maria e Isabel são simplesmente fascinantes! O Zé é o herói social, cheio de defeitos e sem superpoderes; ao mesmo tempo é o homem brasileiro mestiço e pobre do início do século XX, lutando constantemente contra os valores e os traumas sociais nos quais foi educado, para acompanhar a evolução do seu tempo.
    A história de Isabel e Zé Maria, é marcada por identidades culturais e sociais comuns; eles têm a mesma origem, compartilham os mesmos ideais. Existe uma ligação muito forte e muito bem costurada pelos autores entre os dois personagens. Um amor que nasce da admiração mútua, da junção de almas; e com amadurecimento intelectual e emocional dos personagens, depois do espanto e da rejeição inicial; uma reação humana bem natural diante do novo venceu a miséria, o preconceito, as decepções, os erros individuais, e se fortaleceu.
    Para os que perderam o interesse na novela pela frustração de não ver o tão comentado triângulo amoroso; digo que parabenizo mais uma vez os autores; por não transformarem a trama em mais um folhetim barato, com troca-troca de parceiros; ainda mais em 1910. A postura dos autores só engrandeceu a novela, mantendo o foco na atmosfera sócio-política e cultural do Rio de Janeiro no início do século XX. Mostrando-nos um Brasil que nós não conhecíamos. O personagem do Albertinho é bastante real; é o típico playboy da época. Representa uma porção da juventude do período; é muito humano também; cheio de conflitos interiores; completamente diferente da Isabel; não há compatibilidade entre os dois. Onde as pessoas enxergaram química entre os personagens? Na “pegação”? E é só isso que importa na novela? É impressão minha, ou estamos tendo a repetição quase que constante, de situações em que surge um casal negro em uma novela, e parte da opinião pública rejeita e começa a fazer campanha a favor da união entre o galã de olhos claros e a mulata sedutora? Um clichê deplorável que os autores renegaram para a felicidade de milhões!
    Espero que os autores não se percam na reta final, e continuem dando ênfase aos fenômenos e aos personagens sociais; mostrando as transformações e o amadurecimento dos personagens, mantendo a coerência com o perfil humanos e social dos personagens a realidade da época.

  • marcos diz: 8 de março de 2013

    Fim de lado a lado muito infantil Elias chamar ze de pai kkkkkk isabel casar com ze mariakkkkk esses autores não tiveram nenhuma quimica kkkkkkkkk

Envie seu Comentário