Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Lado a Lado: Laura começa a escrever matérias para o jornal

26 de dezembro de 2012 19

Inconformada com a falta de oportunidades em sua área, já que nenhuma escola aceita uma mulher divorciada, Laura (Marjorie Estiano), decide mudar o rumo de sua vida profissional, de acordo com o blog da Patrícia Kogut.

Após tentar trabalhar no comércio e ser demitida graças a uma armação de Constância (Patrícia Pillar), Laura decide pedir uma chance a Guerra (Emílio de Mello). Ela escreve alguns artigos sobre o espetáculo de dança de Isabel (Camila Pitanga) e envia ao jornalista, que fica impressionado com o talento da moça.

Assim, Laura começa a ter seus textos publicados no jornal, mas usa um pseudônimo para evitar sofrer ainda mais discriminação da sociedade. É o mesmo artifício que Edgar (Thiago Fragoso) utiliza para escrever suas matérias com críticas ao governo.

Ironicamente, Edgar passa a elogiar os textos de Laura, sem imaginar que eles são de autoria de sua ex-mulher. Da mesma forma, Laura é admiradora das matérias de “Antônio Ferreira” e nem sonha que é seu grande amor quem as assina.

São mesmo almas gêmeas, não é mesmo?

>>> O Noveleiros também tem um espaço no Facebook. Clique aqui, curta, compartilhe e comente.

Bookmark and Share

Comentários (19)

  • Anjo Colorado – Zé diz: 26 de dezembro de 2012

    Pena que ela tenha que se afastar de sua vocação, mas pelo menos estará fazendo algo digno.

  • Rita Porto Alegre diz: 26 de dezembro de 2012

    Sim, são mesmo almas gêmeas. Para mim, um dos casais do ano na ficção.
    Agora, estou achando desnecessário, mantê-los separados, ainda. As armações da Catarina não fazem nem cócegas.
    Essa questão de se mostrar feminista, defender os direitos das mulheres separadas/divorciadas na sociedade daquela época, se mantendo afastada do homem que ama, sem justificativa, está sendo um tanto demais.
    E mudando de assunto, mas que calorzão, hein? Bah, está sendo um dos verões mais quente dos últimos anos!
    Abraços a todos.

  • Aline diz: 26 de dezembro de 2012

    Estava um pouco óbvio que a Laura iria partir para o Jornalismo. Desde o início, ela já demonstrou vontade de escrever para o jornal do Guerra. Além disso, já foi falado que na época não havia mulheres na redação. Seria, então, mais uma quebra de preconceito na vida da Laura. Não bastasse, ela poderia se tornar uma porta-voz da classe, uma espécie de líder do movimento.

  • Aline diz: 26 de dezembro de 2012

    Rita,
    Concordo com vc que Laura e Edgar são um dos casais do ano, quiçá O casal do ano!
    Mas discordo em relação à postura da Laura. Como dito várias vezes em “Lado a Lado”, a Laura ainda não confia no Edgar. E não apenas no aspecto carnal. No momento em que ela mais precisou, ele não esteve a seu lado. Além disso, tratou de maneira fria a perda do filho. Para piorar, não lhe deu o direito de ir até Portugal resolver uma situação criada durante o noivado deles e, não bastasse, resolveu trazer a segunda família para o Brasil. Em nenhum momento, a Laura foi consultada. Ela precisou engolir a situação. Uma mulher da época, como a Margarida e a Constância, aceitariam a nova configuração familiar. Já a Laura, à frente de seu tempo, não!
    E é preciso que eles fiquem separados, para que a busca pela liberdade e a emancipação feminina sejam trabalhadas em “Lado a Lado”. Até porque a novela trata desses assuntos, não de romances do período.

  • m_sinistra diz: 26 de dezembro de 2012

    Tanto Laura quanto Edgar mostram talento para o jornalismo e a literatura. Este é mais um ponto a uni-los
    Podia muito bem o Edgar pega a Catarina na cama com o Fernando ou a Laura pega os dois em algum outro lugar

  • Cris diz: 26 de dezembro de 2012

    Rita, não há motivos para mantê-los separados. A novela seria excelente se não fossem esses furos. Essa resistência da Laura é tão cansativa que o Edgar já deveria ter arrumado outra. Ela está numa luta sem razão de ser nessa altura, pois já se acertou com o homem que ama. Ela poderia trabalhar e voltar a morar com o Edgar, simples assim.
    Acho que Laura e Edgar estão mais apagadinhos para dar destaque para Isabel e Zé Maria, que, para o autor, teriam a história dominante, mas não fizeram sucesso. Agora terá um novo término de Zé Maria e Isabel para cansar mais o público… Afff

  • m_sinistra diz: 26 de dezembro de 2012

    O que cansa nas novelas são as maldades, ficam a novela toda e no final felizes para sempre. Chega não concordo com a Graça pq nao pode ter um casal feliz na novela.

  • m_sinistra diz: 26 de dezembro de 2012

    Edgar (Thiago Fragoso) e Laura (Marjorie Estiano) não conseguiram resistir à paixão e voltaram a ficar juntos. Ela passa a noite na casa dele, mas é surpreendida por uma visita inesperada, logo de manhã. Edgar vai abrir a porta enquanto Laura termina de se arrumar. Ele leva um susto ao ver Catarina (Alessandra Negrini) chegar com a filha, Melissa (Eliz David).

    A cantora pede para ele ficar com a menina, já que a empregada não apareceu. Incomodado, Edgar concorda em ficar com a filha, mas insiste que ela deve avisar antes de aparecer. Catarina desconfia de que há algo estranho, por Edgar querer despachá-la tão rapidamente.

    o Que a cobra vai fazer?

  • m_sinistra diz: 26 de dezembro de 2012

    Celinha (Isabela Garcia) e Guerra (Emílio de Melo) estão se divertindo, mas nem desconfiam que estão sendo seguidos. É Carlota (Christiana Guinle) que está prestes a desvendar o segredo que tem feito a irmã tão feliz ultimamente.

    Os dois conversam como dois namorados sobre vários assuntos, entre eles, Laura (Marjorie Estiano). De longe, a viúva não consegue disfarçar o ódio nos olhos ao ver a felicidade da irmã, que ela sempre julgou

    Agora a coisa vai ficar preta para o lado de Celinha. A cena vai ao ar na quinta-feira, 27/12.Não perca!

    Será que a ave agorenta vai conseguir atrapalha esse romance?
    que nem atrapalhou o da Alice e do Jonas?

  • Claudia diz: 26 de dezembro de 2012

    Meninas, eu concordo com a Rita e com a Cris, chega de embromação.

    Se a Laura for resgatar a história de Portugal 6 anos depois, é melhor esquecer o Edgar de vez e tocar a vida dela sozinha ou com outro. Já ficaram separados, ela já se emancipou, enfrentou a sociedade, apareceu no jornal e o Edgar está ali, querendo ela de volta. Ou perdoa ele ou não perdoa.

    A filha dele existe, cresceu, mora na cidade, foi assumida por ele e a mãe é a Catarina, não há como mudar o passado nem o presente. A Laura deve acreditar no Edgar e dar um corte na Catarina de vez, pois é impossível que ela não se dê conta que se ele quisesse a Catarina estaria com ela. Não vejo mais motivo, depois de tantos anos, para continuar relembrando os acontecimentos se a intenção é ficar com ele. Ele pisou na bola sim, ela teve razões de sobra para se separar (embora eu ache que foi rápido demais), mas já passou da hora dela assumir ele com o pacote que vem junto ou desistir de vez. Como o Edgar disse, sempre tem um “mas” e isso cansa!

  • Apaixonada diz: 27 de dezembro de 2012

    Entrando no debate Anjo Colorado,Rita, Aline e MSinistra.. Pois é e torci muito para ela se tornar escritora e vai funcionar.
    Quanto a separação de Laura e Edgar eu acho que a forma como foi feito é que não agradou. Ela fala que não confia mas age como se confiasse. Eu acho que a enrolação é que foi grande, tudo que está acontecendo com a Laura já poderia ter vindo acontecendo desde o inicio da segunda fase. E a Catarina já poderia ter aprontado uma que deixasse a Laura realmente em dúvida quanto ao amor de Edgar. Mas nem um e nem outro, foi tudo tão devagar que eu fico dividida: Entre Laura não reatar até achar o seu lugar na sociedade mesmo sendo separada e eles voltarem porque os dois juntos são lindos.

    E o nosso janota que está cada dia mais safado em??? Que beijo foi aquele na chata da Esther??? Ansiosa pelo beijo na Gilda, tem que ser de tirar o fôlego kkk

    Rita, realmente o calor está de matar e não temos para onde fugir se no sul está do mesmo jeito né??? kkk

  • Rita Porto Alegre diz: 27 de dezembro de 2012

    Olá, Cris, Aline, Apaixonada, Claudia, abraços…
    Pois é,chega de enrolação!
    Laura e Edgar não tem motivos fortes para estarem separados. Se amam, se desejam e se completam. Laura relembra o passado, mas suas atitudes no presente em relação ao marido, não justificam o afastamento.
    Está cansativo e chato. É o único casal que me emociona (ou emocionava), dava prazer em vê-los. Porém, mais uma vez, os autores fazem questão de estragar tudo. Protelando algo, que não convence.

    Apaixonada,
    é, não há para onde “fugir”. Até no sul, a sensação térmica já esteve há 50°!
    Quanto ao janota, minha amiga, nem Esther nem a Gilda. Para mim tanto faz, pois não aconteceu a famosa química, tão criticada pelo nosso amigo Anjo Colorado e tão defendida por nós.
    Abraços!

  • Anjo Colorado – Zé diz: 28 de dezembro de 2012

    Laura não voltou correndo pra Edgar por orgulho. Ela quer mostrar seu valor como pessoal, como uma profissional antes de reatar com o homem que ama.

    E se voltasse alguns poderiam entender que ela não aguentou a pressão da sociedade. Nisto ela se parece muito com o Zé Maria, pois se mantém afastado da pessoa que ama por orgulho.

    Tudo é muito parecido.

    Isabel é uma filha de escravos que subiu na sociedade.

    Laura é uma filha de ex donos de engenhos que desceu na escala social.

    Isabel sofre por causa do orgulho de Zé Maria.

    Edgar sofre por causa do orgulho de Laura.

    Zé Maria provavelmente criará o filho de Albertinho.

    Isabel provavelmente criará o filho de Catarina.

    Elias e Melissa são frutos de paixões não planejadas. Nem Isabel e nem Edgar pretendiam ter filhos com seus pares cujas relações que tiveram lhe trouxeram arrependimentos posteriores. Essas pessoas se tornaram pesos em suas vidas.

    I

  • m_sinistra diz: 29 de dezembro de 2012

    Oi Anjo Colorado
    Eu não entendir bem então que dizer que o Elias e Melissa são
    pessoas se tornaram pesos na vida do Edgar e da Isabel?

  • Anjo Colorado – Zé diz: 29 de dezembro de 2012

    Oi, M_Sinista.

    Não, me referi a Albertinho e Catarina que se tornaram pesos nas vidas de Isabel e Edgar.

    Só pra me corrigir: “Isabel provavelmente criará o filho de Catarina”. Errado.

    Eu quis dizer: Laura provavelmente criará a filha de Catarina.

  • Anjo Colorado – Zé diz: 29 de dezembro de 2012

    Entenda. M_Sinistra:

    “Elias e Melissa são frutos de paixões não planejadas. Nem Isabel e nem Edgar pretendiam ter filhos com SEUS PARES CUJAS RELAÇÕES que tiveram lhe trouxeram ARREPENDIMENTOS posteriores. Essas pessoas se tornaram pesos em suas vidas.”

    Esses pares lhes deram filhos e cujas relações (as relações, não os filhos) lhe trouxeram arrpendimentos posteriores, são Albertinho e Catarina.

    Está claro na novela que Isabel e Edgar se arrependem de um dia terem se envolvidos com essas pessoas (Albertinho e Catarina).

  • m_sinistra diz: 29 de dezembro de 2012

    Oi Anjo Colorado
    Vc Já pensou o que a Laura vai fazer Quando descobrir que o Edgar e o Antônio Ferreira.
    E quando ele descobrir que A laura está escrevendo para o Jornal com um nome Masculino

  • Anjo Colorado – Zé diz: 30 de dezembro de 2012

    Oi, M_Sinistra!

    Acho que essas descobertas reforçaram a admiração que um sente pelo outro. Só tornará o casal ainda mais apaixonado.

  • m_sinistra diz: 3 de janeiro de 2013

    Oi Anjo Colorado
    Eu só gostaria de sabe como a Mãe dela vai fazer quando descobrir que ela é o Paulo Lima?

Envie seu Comentário