Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Lado a Lado: Zé Maria salva Elias dos maus tratos de Zenaide

08 de janeiro de 2013 4

O pobre Elias (Cauê Campos) sempre sofreu o diabo nas mãos de Zenaide (Ana Carbatti). Obrigada por Constância (Patrícia Pillar) a criar o filho de Isabel (Camila Pitanga), ela nunca escondeu seu desprezo pelo menino.

Mas de acordo com o ExtraZenaide dará provas de que é ainda pior do que sua irmã Berenice (Sheron Menezzes). Elias pergunta à mãe por que ela não o deixa trabalhar nem estudar. Ele sugere ainda que ela peça ajuda à “moça bonita” que eles sempre encontram na rua.

Ao perceber que o garoto está falando de Constância (Patrícia Pillar), Zenaide se enfurece:

- Você só vai fazer o que eu quero, onde eu quero, do jeito que eu quero. Vai começar aprendendo a ficar calado!

Em seguida, ela passa pimenta na boca do menino e o deixa trancado em casa.

Zé Maria (Lázaro Ramos) estranha a ausência de Elias na aula de capoeira e descobre que Zenaide o trancou em casa. Ao bater na porta, ouve o menino dizer:

- A mãe passou pimenta na minha boca. Porque eu faço pergunta demais.

Indignado, Zé arromba a porta e salva o garoto.

Zé Maria se afeiçoou ao pequeno Elias desde o primeiro momento. Mas como será que vai ser quando ele descobrir que o menino é filho de Isabel?

>>> O Noveleiros também tem um espaço no Facebook. Clique aqui, curta, compartilhe e comente.

Bookmark and Share

Comentários (4)

  • Anjo Colorado – Zé diz: 8 de janeiro de 2013

    Hunm! Isto explica porque Isabel vai justamente passar pimenta na boca de Berenice e Zenaide e trancá-las em casa. Olho por olho e pimenta por pimenta.

    Cada vez mais Elias verá Zé Maria uma principal referência masculina e como sabemos o primeiro encontro entre o piá e seu pai não será muito bom.

    É óbvio que Zé Maria ficará chocado ao descobrir a verdade, mas por amor a Isabel e pelo afeiçoamento que já tem por Elias creio que os problemas acabarão sendo resolvidos.

    Eu sei que muita gente gostaria que logo após Isabel desobrir a verdade fosse procurar Albertinho e lhe dizesse: – Agora nos temos que nos casar porque Elias merece ser criado pela mãe e pelo pai.

    O que seria, é claro, patético. Que Zé Maria bancasse o heroí é normal. Ele está agindo conforme sua natureza heróica. No entanto não era necessário que Albertinho tratasse mal o guri só por causa do futebol.

    Essas diferenças acabam sendo gritantes demais.

    Elias poderia perfeitamente admirar Zé Maria e gostar de Albertinho.

    Tá certo que o mais prático é que Elias seja criado pelo capoeira, pois tem valores humanos imporantes para transmitir enquanto Albertinho não tem muito o que ensinar.

  • Claudia diz: 8 de janeiro de 2013

    Olha, acho super forçadas muitas coisas nessa novela.
    Primeiro o Albertinho vai resolver tratar o menino mal. Logo o Albertinho que pensa em trocar a metida da Esther pela Gilda que é garçonete, o que já mostra que preconceituoso ele não é, afinal, considera se casar com uma moça humilde, mas divertida ao invés de uma dama da sociedade.

    Acho que evidentemente o Albertinho não pediria a guarda do filho, nem nada do tipo, mas ele poderia sim ser amigo do garoto. Poderia até descobrir que o garoto está vivo e resolver participar da vida dele. Acho que para alavancar o personagem do Zé Maria não precisaria detonar o Albertinho, até porque o Zé já é um herói. O Albertinho é um boa vida, um moleque grande, mas não é ruim, não trataria mal uma criança.

    Isabel e Albertinho não existe, nem existirá, pois ele já está louco pela Gilda. Zé e Isabel só não se acertaram ainda para ela poder chorar mais um pouco e deixar a novela chata, pois poderiam estar fazendo melhorias no morro juntos. Não precisava enaltecer mais o Zé maria. O cara é herói mas não precisa ser santo. Tudo ele descobre, ele resolve, ele perdoa. Acho que poderia ser menos…

  • Rita Porto Alegre diz: 8 de janeiro de 2013

    Tudo está se encaminhando para que o Zé Maria seja o PAI do Elias. Embora o Alberto seja o progenitor, o piazinho já nutre um sentimento de admiração, respeito, e amor pelo Zé Maria e é recíproco. O fato da verdade vir à tona, a descoberta da armação da Constância, não abalará em nada a relação desses dois.
    O Alberto, talvez, deva acompanhá-lo ao longe (isso se os autores não reservarem mais algo estranho). Esse guri será criado pela Isabel e o Zé Maria, que terá o amor do Elias como pai certamente.

  • Apaixonada diz: 9 de janeiro de 2013

    Anjo Colorado, Claudia e Rita…

    Pois é, vocês já disseram tudo. Sem comentários… estou chateada com essa história toda.

    Claudia, eu também acho que os dois juntos, Zé e Isabel, lutando pelo morro, conquistaria mais o público. Publiquei no outro post, uma notícia de que a Isabel vai financiar uma escola no morro, mas segundo o que estava escrito quem vai tomar a frente junto com ela é o Edgar.

    Abraço amigossss

Envie seu Comentário