Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Amor à Vida: Félix descobre que Márcia foi sua babá e que seu irmão mais velho morreu

07 de novembro de 2013 3
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

Finalmente acabou o mistério em torno da relação de Márcia (Elizabeth Savalla) com a família Khoury. Nos próximos capítulos, Tetê Parachoque Paralama acolhe o vilão e revela que o conheceu ainda bebê.

Rejeitado por todos após a revelação sobre o sumiço de Paulinha (Klara Castanho), Félix lembra que Márcia o procurou para tentar alertá-lo. Sem ter mais a quem recorrer, o vilão pede abrigo à ex-Chacrete.

De acordo com o Extra, Márcia conta ao seu “menininho” que trabalhou como babá para a família Khoury logo que Félix nasceu. Pilar (Susana Vieira) havia tido um parto complicado e não conseguia amamentar o bebê. Como Márcia havia acabado de ter um filho, mas a criança morreu, foi ela quem deu seu leite para Félix.

Ela ainda revela que o casal tinha um filho mais velho, Cristiano, na época com três anos de idade. Márcia conta que era muito feliz cuidando dos dois meninos, até que uma tragédia aconteceu:

- Um dia, a gente tava no jardim, perto da piscina. Você começou a chorar no carrinho, que estava um pouco distante. Eu sempre deixava o carrinho longe da piscina. Era só a chupeta que tinha caído da sua boca, então eu te embalei um pouco, pra você dormir. Mas quando eu cheguei perto da piscina… O seu irmãozinho tinha caído. Eu ainda tentei salvar ele, eu já tinha visto filmes com gente fazendo respiração boca a boca.

Félix fica chocado ao descobrir que tinha um irmão, já que nunca ouviu falar nada sobre essa história. Márcia diz que Pilar a acusou de negligência e a mandou para a cadeia por conta do acidente.

- Fui condenada. Não como se tivesse cometido um crime de morte de propósito, mas pela negligência, enfim, a sua mãe não descansou até me ver na cadeia. Fiquei presa pouco mais de um ano. Mas quando eu saí, quem ia me querer como babá? Eu voltei a dançar. Eu cheguei a ser garota de programa.

Márcia diz que se a tragédia não tivesse ocorrido, ela poderia ter continuado a cuidar de Félix e o ensinaria a ser uma pessoa melhor.

- Você nunca teria se tornado um homem capaz de jogar uma criança numa caçamba… Você nunca ia achar que a sua irmã era uma intrusa, porque eu ia te ensinar a gostar dela. Mas eu fui embora e te deixei sozinho. Tão sozinho que você cresceu cheio de ódio.

Félix fica comovido e chora abraçado à ex-babá. Depois disso, ele tenta arrumar um emprego com a ajuda de Márcia, mas não tem sucesso. A última opção do pilantra é trabalhar como vendedor de hot dog na 25 de Março. Rá, essa eu quero ver!

Com toda a história esclarecida, fica mais fácil de compreender algumas coisas. Pilar teve um parto difícil e não conseguiu mais engravidar, por isso aceitou Paloma (Paolla Oliveira) como sua filha, mesmo ela sendo fruto de uma traição. Além disso, ela se apegou ainda mais a Félix após a morte do filho mais velho. César (Antonio Fagundes), por outro lado, acha que Félix deveria ter morrido no lugar de Cristiano, já que o filho mais novo só lhe causou aborrecimentos a vida toda. Certamente ele pensa que o menino que morreu poderia ser uma pessoa muito melhor do que o que sobreviveu…

Bookmark and Share

Comentários (3)

  • Anjo Colorado – Zé diz: 7 de novembro de 2013

    Bem, a explicação é aceitável. Era mais ou menos o que muita gente pensava. Só parece estranho ninguém nunca ter falado ao Felix sobre esse irmão. Será possível, na vida real, manter um segredo desses?

  • fernando diz: 7 de novembro de 2013

    serial killer, walcyr carrasco! serial killer! botar o félix tentando viver honestamente ngm vai engolir! ele precisa se vingar da família com requintes de crueldade, virar uma flora de terno!

  • Clau diz: 7 de novembro de 2013

    Olha, digam o que quiserem do Félix. Que ele é mau, é monstro, é cruel, …. sim ele é tudo isso junto. Mas tem lá seu carisma e creio que seja por isso que a grande maioria do público gosta dele mesmo ele sendo mau. Claro que deve ser punido. Mas também depois de punido, ser perdoado. A vida inteira foi rejeitado pelo pai sem nem saber que teve um irmão e este morreu. Depois foi rejeitado por ser gay, e assistindo o afeto de César por Paloma-Pamonha. Tem gente que dá uma virada na vida e consegue superar seus traumas. Outros não, e esse é o caso de Félix. Talvez a pessoa que mais o amou foi de fato Márcia. E isso é bom, pois Félix pode ver que a pobre que ele tanto criticou, no fundo o defende e o aceita como é.

    Márcia, apesar de algumas cenas engraçadas não é minha personagem predileta. Agora no final da novela ela expurga os pecados. Mas tudo o que ela fez pra filha, não justifica a podridão. Jogar a guria nos braços de famosos para que engravide, ensinando pra filha como fazer… A filha sendo humilhada, sendo destratada por seguranças de celebridades e até em motel teve que fazer limpeza porque foi deixada sozinha. Mesmo assim Márcia insistiu em fazer da filha um pedaço de carne que se vende fácil. Márcia só se redime quando está com Atílio/Gentil. E agora, quando reencontrar seu “menininho”. De resto, é tão suja como tantos nessa novela. E oportunista também, pois só é doce com Carlito-Palhaço quando precisa dele. Se Márcia é tão pobre assim que passou a vida dando hot-dog pra filha comer, quem paga as contas da casa afinal? a gasolina da Van? as roupas que ela comprava pra Valdirene se aproximar das celebridades? Muito mal explicado isso Walcyr Carrasco.

Envie seu Comentário