Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

O melhor da semana: Mais um ótimo barraco agita Amor à Vida

09 de novembro de 2013 2
Fotos: Divulgação, TV Globo

Fotos: Divulgação, TV Globo

Entre polêmicas e absurdos de Amor à Vida, Walcyr Carrasco consegue dar grandes viradas em sua trama, isso temos que reconhecer. Quando a novela fica um tempo parada, podemos esperar um grande barraco, geralmente protagonizado pela família Khoury. Quando eles se reúnem, é confusão garantida!

edith-apela-com-felix

Pois é, no núcleo rico que acontecem as maiores brigas, com direito a surras, tapas, puxões de cabelo e grandes revelações. Primeiro foi Edith (Bárbara Paz) empurrando Félix (Mateus Solano) pra fora do armário, depois a revelação de que Paloma (Paolla Oliveira) é filha de César (Antonio Fagundes) com outra mulher. Pilar (Susana Vieira) também não deixou barato a traição do marido e deu uma surra em Aline.

No casamento de Paloma, mais barraco. Logo na porta da igreja, César se estranhou com Félix. Em seguida, foi a vez de Pilar entrar em guerra com Aline. Félix também insultou a nova madrasta e levou um tapa do “papi soberano”.

edith-provoca-pilar

Esta semana, mais um grande barraco divertiu os telespectadores. Félix descobriu que Jonathan (Thalles Cabral) é filho de César e chutou o balde diante de toda a família. O que era apenas uma suspeita acabou sendo confirmado pelo mordomo Wagner (Felipe Titto), dando início a um quebra-pau daqueles…

Pilar não perdoou mais essa traição e partiu pra cima de Edith com toda a fúria. Enquanto a “mamy poderosa” soltava o braço em cima da nora, Félix gritava “bate, bate que ela merece”.

pilar-perde-a-cabeca

Na boa, quem merecia uma boa surra é César… Afinal, era melhor dar logo uma lição no canalha do que se engalfinhar com uma mulher diferente todo mês, Pilar!

A sequência toda foi imperdível, com destaque, como sempre, para a atuação de Mateus Solano, um gigante em cena. Antonio Fagundes, Susana Vieira e Bárbara Paz também deram um show. Aliás, todos demonstraram alguma reação (raiva, surpresa, choque, desespero), menos Bruno e Paloma, que ficaram com as mesmas caras de paisagem de sempre.

pilar-consola-felix

Depois do barraco, Félix e Pilar desabaram no choro, emocionando o público. Pra encerrar com chave de ouro, tivemos a linda cena de Félix e Jonathan, que deixaram bem claro que continuam sendo pai e filho. Como disse muito bem Bruno, pai é quem cria, o que importa é o que sentimos e não os laços de sangue. Não importa se Jonathan é filho do avô, irmão do pai, irmão da tia… Finalmente, depois de tantas revelações bombásticas, Félix começou a dar valor ao filho, mesmo ele sendo seu irmão e… ah, vocês entenderam.

Bookmark and Share

Comentários (2)

  • Ana diz: 9 de novembro de 2013

    A cara de paisagem de Bruno eu até entendendo, ele poderia não querer parecer intrometido, tipo “eles que são brancos que se resolvam”. Mas a Paloma não… esse bom mocismo dela tá irritando.
    E barraco melhor ainda vai ser no próximo sábado quando o César revelar que foi Félix que roubou a Paulinha…

  • Clau diz: 9 de novembro de 2013

    Concordo ANA. a cara da Paloma/ Pamonha foi terrível! Todos trabalharam muito bem, como Barbara Paz que se entregou na cena. Mas Paloma, com aquela cara “quem derrubou o bolo no tapete?”, não dá pra aguentar. A mãe dela se esfolado coma outra no chão da sala de jantar e ela ainda acredita humanidade.

Envie seu Comentário