Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Último capítulo: Saiba como será o final de César e Félix em Amor à Vida

16 de janeiro de 2014 20
Estevam Avellar, TV Globo

Estevam Avellar, TV Globo

A maioria dos personagens de Amor à Vida já têm destino certo, até agora só pairava a dúvida em torno do final de César (Antonio Fagundes) e Félix (Mateus Solano). Será que o médico continuará cego? Voltará para os braços de Aline (Vanessa Giácomo)? Morrerá no fim? E Félix, se acertará com Niko (Thiago Fragoso)? Terá um acerto de contas com o pai? Saiba agora o que irá acontecer!

>>> SE VOCÊ GOSTA DE SURPRESAS, PODE PARAR A LEITURA POR AQUI.

Para os curiosos que querem saber como será o último capítulo, lá vai:

Mesmo depois de tudo o que aprontou, Aline ainda tentará pagar de santinha, mas sua máscara vai cair nas últimas cenas. César, que a essa altura já terá recuperado a visão, reencontra a esposa e diz que a perdoa e pede para voltar. Mas Aline não quer mais fingir e revela que armou toda a vingança com a tia Mariah (Lúcia Veríssimo), já que as duas culpavam o médico pelo acidente destruiu suas vidas.

Não adianta César dizer que não tem nada a ver com a tragédia (que tudo indica ter sido tramada por Pilar), Aline continua humilhando o marido:

- Não se aproxime, velho babaca, nojento. Tenho nojo das suas mãos, nojo! Desde a primeira vez que me tocou. Eu ia para cama com você e tinha vontade de vomitar. Eu sempre tive nojo e ele é maior agora. É isso que tenho para você. Toma! – diz ela, cuspindo na cara de César.

O golpe é demais para César, que sofre um AVC e cai no chão, desacordado. Após ser socorrido, ele fica com sequelas em todo o lado direito do corpo e ficará em uma cadeira de rodas.

Quanto a Félix, ele finalmente se entende com Niko, para alegria do público que torce pelo casal. De acordo com o Extra, os dois fazem planos de morar na praia e abrir um restaurante japonês por lá, mas antes, Félix procura Pilar e faz um pedido surpreendente:

- Quero cuidar do meu pai, mãe. Mamy, tem casa da praia que a gente nunca vai. Podia levar meu pai pra lá. É uma boa casa, e eu tô procurando uma nova vida. Sinto que devo cuidar do meu pai.

Por mais estranho que pareça, é um desfecho bem coerente e merecido para todos. Félix não tinha como fugir do final feliz depois de cair nas graças do público. Já César, homofóbico até o último fio de cabelo, passará o resto de seus dias sendo cuidado por um casal gay, acolhido justo pelo filho a quem tanto desprezou.

Eu curti, e vocês?

Bookmark and Share

Comentários (20)

  • Maria Helena diz: 16 de janeiro de 2014

    Sim, gostaria que fosse mesmo assim o final do Papi Soberano, que não deve se converter e continuar preconceituoso conviendo com os trejeitos de Felix e Niko

  • Sissida diz: 16 de janeiro de 2014

    Beeeeem feeeiitoooo!!! Foi tão preconceituoso,não só com Felix,mas com Eron tbm,e agora vai ser cuidado,não só por um,mas por DOIS gays!!! E o filho que ele desejou que tivesse morrido é quem vai ajuda-lo a viver mais.Tomara que Felix arrume o papi igual a Mami,sempre combinando e chiquerrimo,e escolha seus ternos! Adorei!!!

  • fernando diz: 16 de janeiro de 2014

    essa é pros q n acreditam em karma… adorei! agora, como fica entre pilar e aline? como a psicótica vai reagir qd descobrir q a culpa de td q aconteceu com ela e mariah é da pilar?

  • V de Vingança diz: 16 de janeiro de 2014

    Então o cara merece sofrer um AVC e ficar numa cadeira de rodas porque era homofóbico e não aceitava o filho? Mesmo descobrindo que tudo de mal que ocorreu foi devido a Pilar, só porque ela fez par com um motorista e é boazinha com o Felix merece o perdão e o Cesar uma cadeira de rodas? Quanta raiva nesse coraçãozinho de vocês…a sociedade hoje em dia tem uns valores estranhos…

  • Zu diz: 16 de janeiro de 2014

    Valores estranhos…
    O Félix pode até ter caído nas graças do público, mas vamos combinar, jogar uma criança recém nascida no lixo, fazer a irmã ser pega com drogas, largar ela numa clínica terrível, roubar, armar o sequestro de uma criança em tratamento, trocar a medicação de uma criança transplantada e ela quase morre… e acabar numa boa. Como se ser pobre e trabalhar fosse castigo. Só falta no final a irmã perdoar ele e a sobrinha querer conviver e chamar de titio. Fala sério! E como justificativa para tudo isso, não ter sido aceito pelo pai. Então a Aline tb pode justificar seus erros, afinal perdeu a mãe, passou fome, conviveu com a tia paralítica.Mas quem merece mesmo ser punido é o César que é um homem preconceituoso e homofóbico. Acho que nenhum presta, todos sem caráter. Mas nada justifica maldades, roubo, vingança, preconceito.

  • Nana diz: 16 de janeiro de 2014

    Adorei. Agora so falta os finais dos outros maldosos da novela. Pra mim o Thales tambem faz parte desses viloes. Mas tudo indica que tera um final feliz. afff QUE FAZER?

  • Claudia diz: 16 de janeiro de 2014

    Ele continuará rico, não precisaria morar com ninguém. De qualquer forma seria mais lógico a Paloma cuidar do pai porque ao menos ela teve amor do pai, o Félix nunca recebeu um carinho, acho muita generosidade cuidar do pai.

  • César Augusto Silva diz: 17 de janeiro de 2014

    Esse Félix tinha que parar na CADEIA, assim como PILAR. Se houvesse coerência do autor da novela. Mesmo se regenerando, sendo engraçado, o cara tentou MATAR a sua sobrinha DUAS VEZES…..tinha que ir para prisão.
    Pilar, é outra: tinha que parar NA CADEIA…..tentativa de assassinato de Mariah, e conseguiu matar a mãe da Aline. Não importa se Aline não vale nada e é uma criminosa também. Um crime não justifica o outro, diria a Pamonha.
    CADEIA PARA ESTA PILAR.

  • flavio marques da silva diz: 17 de janeiro de 2014

    V de Vingança tens razão, tá tudo dominado. Próxima novela do PlimPlim tem + e`+!

  • Clau diz: 17 de janeiro de 2014

    Também gostei do final de César, sendo cuidado por Niko e Félix, além de gays, Félix, o filho mais desprezado acaba cuidando do pai tirano. Gostei mesmo. Além da cusparada na cara dela, dada por Aline e de toda grana que ela lhe tirou. Um belo castigo.
    Só acho que se foi Pilar a culpada pela morte da mãe de Aline, Pilar, que exigiu que Félix contasse todos seus erros e crimes, ELA PILAR TAMBÉM TEM QUE CONTAR O SEU. Senão é muita hipocrisia da parte de WC escrever uma novela e não punindo a sua deusa envelhecida. Bem ou mal ela errou. E se foi tão boa no discurso para que Félix se redimisse coma irmã, Pilar também precisa mostrar pra todos, inclusive pra PAMONHA que ela também matou. Não somente Félix o culpado de tudo.

    Espero o que WC tenha bom senso.

  • dnunessaldanha diz: 17 de janeiro de 2014

    Eu acho um final bem merecido para César, ninguém sabe ainda como aconteceu a historia do acidente que envolve Pilar. Mas César é mau carácter, tem preconceito, traia a mulher, fazia filhos nas amantes, e ainda arranja uma das suas amantes para casar com o filho por arrogância de não passar vergonha de ter um filho gay, Félix fez coisas erradas sim, mas ele sofreu muito com o pai, César transformou Félix num monstro . Pilar apesar de culpada do acidente de Maryah vejo o outro lado da historia, a mulher era traída, desprezada e humilhada pelo marido, cuidou da filha da amante do marido, ela errou e não é nenhuma santa é verdade mas merece um final feliz, sim. Até eu fazia o mesmo se meu marido me trouxesse uma filha de uma amante para casa, aja estômago para tal coisa. Não digo que a Pilar não tenha que ter um castigo por isso, mas ela depois merece sim ter um final feliz.

  • Juliana N diz: 17 de janeiro de 2014

    Eu também achei coerente, além de ter que engolir todo seu preconceito, não terá castigo pior para um homem como ele, do que terminar humilhado e incapaz de se virar sozinho. E ainda ver todo mundo que ele sempre humilhou terminarem felizes e realizados.

  • Cesar diz: 17 de janeiro de 2014

    O comentário mais lúcido que vi até agora pertence a Zu, pois eu já tinha até esquecido os outros crimes praticados por Félix. Não apenas ele tentou matar DUAS VEZES sua sobrinha (e a segunda tentativa não prescreveu, pois foi recente), crimes horrendos contra uma criança. Como praticou uma série de outros crimes. O engraçado do povo que comenta defendendo o Félix e a Pilar, é que porque sofreram muito, porque eram rejeitados, traídos, etc…..JUSTIFICASSE praticar crimes. Dá para entender por que praticaram, mas isso não absolve . O mais repulsivo personagem que já vi Antonio Fagundes fazer, César, não praticou nenhum crime. A convivência com ele pode ter feito os personagens de Mateus Solano e Susana Vieira praticarem crimes, mas isto é responsabilidade de Félix e Pilar, que são perfeitamente independentes para optarem em praticar crimes contra a sobrinha e a irmã (no caso de Félix), e contra Mariah e a mãe de Aline, no caso de Pilar.
    Ambos tinham que mofar na cadeia.

  • Zu diz: 17 de janeiro de 2014

    É isso Cesar… Ainda teve os atentados contra o Atílio. E sem contar que se for falar em preconceito, vejam como o Félix tratava os menos favorecidos, a Márcia por ser pobre, a secretária chamando de “cadela”. Ora que isso?! No mínimo deveria ser processado por assédio moral. Acredito na regeneração das pessoas, agora todo crime precisa de uma punição. (claro que não no Brasil né?! onde tudo se justifica e quem “pode” sempre se safa, assim como os excelentes políticos que temos). Essas coisas que indignam…enquanto tudo se achar “normal” e ter justificativas (faltou isso, não teve aquilo, precisava disso, daquilo) nosso país continuará na mesma, porque isso está tudo impregnado na cultura do povo.

  • Clau diz: 17 de janeiro de 2014

    A mim não me indigna quando uma pessoa erra e se redime. Por isso as penitenciárias estão lotadas. Porque o brasileiro tem MANIA de abrir processo pra tudo. Até porque o cachorro do vizinho fez xixi no seu jardim. Tudo é processo e vai papelada e cadeia pra todo mundo. Tudo é CADEIA, “VAI PRA CADEIA”, ENCHE A CADEIA… hahaha….. Viva nosso poder judiciário!!!! Vocês acham realmente que um ser RICO vai ser preso? Podem pensar o que quiserem mas na realidade Félix fez um BEM pra sobrinha. A retardada da irmãzinha dele iria fugir para o Peru com um débil mental sujo. Iria parir a filha por lá mesmo e essa guria iria viver do quê? pois a mãe nem faria medicina e com isso não poderia ajudar a filha com Lúpus. QUEM iria ajudar uma ANDARILHA?

    Está certo que ele tentou matar a sobrinha novamente quando esta estava doente. E que planejou o sequestro da guria. Mas até o sequestro UNIU Bruno e Paloma, pois ambos estavam brigados, lembram? E Ninho, o BOI MANSO, que vivia obedecendo Alejandra? Um cara que se metia em esquemas ilegais pra enriquecer, aí é santo? digno de pena, como Paloma falou? Félix errou? sim e muito. Mas ele enfrentou seu PIOR juri: a IRMÃ. Ela se quiser perdoá-lo que o perdoe. Deveria, já que se mostra tão certinha e santinha. Mas Félix levou na cabeça e atualmente gosta de crianças. Seria legal ver ele conversando com Paulinha e pedindo perdão a ela, por que não? Há males que vem para o bem, e se analisarmos BEM FUNDO a história toda, Paloma JAMAIS conheceria Burno se não fosse Félix e nem Atílio conheceria Márcia se não tivesse sofrido o acidente e se transformado em Gentil. Ele mesmo, Atílio falou a Félix que no fundo até agradecia pois conheceu a única mulher que ele amou: Márcia.

    Félix FOI um vilão. Mas um vilão simpático e até em muitos momentos, verdadeiro. Enquanto os politicamente corretos fazem caras e bocas na trama, fazendo de conta que são amigos, que aceitam todo mundo, Félix foi franco, foi cristalino até em seus desafetos. Já outros nessa trama, poderiam morrer e nem fazer falta. Amarilys por exemplo é uma delas. Não faz falta. Chata, traíra, nojenta…. Falsa até o fim. Até de Aline não desgosto. Ela foi vítima de César ou Pilar. Mas também, de Mariah que meteu na cabeça da guria que tinha que se vingar de César. A outra cresceu com ódio de um cara que nunca foi responsável pela morte de sua mãe. E Félix também, é vítima de César. Tudo o que aqui foi falado desde sempre neste blog sobre César, nem merece ser repetido. Ele foi responsável pelo caráter torto de Félix, desde pequeno, desde bebê. Foi rejeitado pelo pai que o tratava com desprezo e ainda o culpava (UM BEBÊ) por ser o responsável pela morte do irmão. Pilar depois da morte do filho ficou em depressão, foi hospitalizada, ficou numa clínica por uns 3 anos como Félix contou pra Márcia. A avó no sítio onde morava. Márcia, que foi uma mãe para Félix, estava presa e proibida de chegar perto do menininho que ela cuidou com amor. E aí pergunto: até os 3 anos de idade Félix se sentiu sozinho ou não? Respondo que sim. Ele se sentia sozinho, sem a mãe, sem a babá querida dele, sem ninguém a não o despota nojento do pai dele.

    Então QUEM É o criminoso nessa trama. O que faz PELAS COSTAS ou o que faz PELA FRENTE? O grande César que vivia de aparência mas odiava o filho gay e traia a mulher com amantes e filhos bastardos ou um cara infeliz que NUNCA pode ser o que queria ser por ter tido sua personalidade distorcida por um tirano? Não tenho pena de César e nem simpatia por Paloma. Esta então ganhou o prêmio da chatice, canastrice (péssima atriz), personagem chatinho cheio de frases politicamente corretas e que trata afilha adolescente como se fosse uma retardada. Pena que Félix não jogou PALOMA na caçamba. Esta merecia. Eu aplaudiria de PÉ.

    Com todo respeito a opinião alheia, mas se tem uma coisa que me irrita profundamente é ver nas novelas o VAI PRA CADEIA. E abrindo processos a torto e a direito. Como se AQUI fosse um Estados Unidos ou Europa. Ah… faz favor! Lavem a roupa suja em casa, como bem eles fizeram. Só falta PILAR lavar a sua. Mostrar sua dor, sua solidão, sua HUMILHAÇÃO durante os anos que esteve como MONSTRO do César. O pior monstro é aquele que usa dos sentimentos alheios com o poder de sedução. Que fora de casa é o homem respeitado e dentro de casa é um tirano nojento. Este é César Khoury. E exite muitos por aí. Nas colunas sociais, na política… Muitos!

  • Clau diz: 17 de janeiro de 2014

    ZU: “mas vamos combinar, jogar uma criança recém nascida no lixo, fazer a irmã ser pega com drogas, largar ela numa clínica terrível,”

    O Félix não era o PAI de Paloma. Félix “acendeu o fósforo” e quem “provocou o incêndio” foi CÉSAR. Foi o grande cirurgião, poderoso e amado papai de Paloma quem a DEIXOU na clínica, quem NÃO ACREDITOU na filha quando esta implorava pra sair dali. Quando ela foi presa, mesmo sendo armação de Félix, qual pai ou mãe não vai acreditar na filha? Pois ele, O GRANDE CÉSAR que tanto AMAVA sua filha, a deixou na CADEIA. Não acreditou numa única palavra da filha e ainda acusou Bruno por ser culpado de tudo. César nem quis saber da neta, nem da saúde da filha, nem de tudo o que passaram no Peru. Já foi ofendendo Bruno de tudo e tratando afilha como se esta fosse marginal. Lembras destes capítulos? Me desculpe mas culpar Félix pelo DESAMOR de César, pela VERGONHA que César sentiu da filha, isso já é demais! Os crimes que César cometeu em relação aos filhos conta muito mais. Pois é por aí que forma caráter e se revela o amor ou ódio ou vergonha. Não foi Félix quem DEIXOU a irmã na cadeia e na clínica. Ele nem teve culpa de Paloma ir pra cadeia. Quem colocou Paloma na cadeia foi ALEJANDRA, lembra?? Félix disse que não queria sua irmã de volta e Alejandra SE VINGOU de Paloma, colocando drogas na bolsa da retardada que faz uma longa viagem e nunca mexeu dentro da bolsa em todo trajeto da viagem. Nme pra pegar uma escova de cabelos.

    Félix deu ideia de interná-la para que ela ficasse desacreditada perante Cesar. Mas e o a papi querido? porque não acreditou na filha? Aí quando convinha diante da opinião pública, aí César ouvia e confiava em Félix? Muito conveniente.

  • Rodrigo diz: 17 de janeiro de 2014

    Cesar e ZU, é só vc dois escreverem uma novela, ai vcs fazem justiça, agora sentem e chorem de raíva, novela não prega justiça, assistam a TV justiça huahuahua.Cada louco que aparece, querendo misturar ficção com realidade.

  • Cristina diz: 18 de janeiro de 2014

    Se fosse condenar alguém por simplesmente ser preconceituoso, então que condene também o Félix, que sempre foi preconceituoso quanto aos pobres e menos favorecidos. Ao que consta, isso não mudou. Mas não né, já que ele caiu nas graças do público, apesar de ser a bicha má, não se pode condenar, não é? Só o papai homofóbico, que digamos, ao contrário do Félix e dos muitos outros, não cometeu nenhum crime. Sim, César sempre foi um imbecil e um mau-caráter, sempre traiu a mulher e sempre foi preconceituoso. Mas já está pagando por isso e ele nunca cometeu um crime. Já o Félix cometeu vários crimes, ou seja, fez coisas piores que o César, e nunca pagou por seus erros e o pessoal parece que já esqueceu tudo o que ele fez. Se trabalhar para sobreviver é castigo, então os valores estão mesmo invertidos. Se fosse condenar alguém na realidade, por ser “preconceituoso”, então todo mundo, sem exceção, seria condenado, porque todo mundo tem um preconceito escondido. Quem se diz sem preconceitos, é hipócrita, porque algum preconceito todo mundo sempre tem, seja contra negro,nordestino, gordo, ou até religioso. Ou seja, a sociedade é mesmo hipócrita. De resto, concordo completamente com os comentários de Zu.

  • Sissida diz: 18 de janeiro de 2014

    Todos os que erram devem pagar,sim,(apesar de eu achar que a Barbie da terceira idade vai sair impune,apesar de ter dado moral para o Felix confessar seus crimes,enquanto ela está quietinha).Mas acho que o que faz com que Pilar e Felix sejam queridos,e Cesar,nao,é o arrependimento e a tentativa de melhorar de seus personagens.Em termos de crime,Cesar pode ser o melhor deles,mas a arrogancia do personagem é que faz o publico torcer para ele se ferrar! E vender hot dog nao é pagar por crime nenhum!

  • César Augusto Silva diz: 19 de janeiro de 2014

    Clau e Rodrigo,

    Não preciso escrever novela alguma, assim como não estou misturando ficção com realidade. E ao contrário da opinião alheia, gosto do nome “VAI PARA CADEIA” porque faz falta a punição adequada aos criminosos nas últimas novelas. Na vida real, conheço muito bem o Judiciário brasileiro, e sei que demora demais a prestação jurisdicional e funciona muito bem apenas para quem tem dinheiro, mas estamos falando de UMA NOVELA, DE UMA FICÇÃO, e não da vida real. Mais uma vez digo, o fato de que César influenciou a formação de Félix e Pliar, não retira a responsabilidade deles.
    Porque se fosse assim, todos os pais de filhos criminosos, inclusive psicopatas, deveriam pagar pelos crimes dos filhos. Como se eles ao crescerem e entrarem em contato com o mundo não tivessem a capacidade de discernimento, ou de independência para saber discernir certo do errado. César pode ter contribuído e MUITO para Félix ser o que era……mas, REPITO, isso não retira a responsabilidade deles. E quem está misturando ficção com realidade…..??? Aliás, os dois CÉSAR E FÉLIX, não valem nada….sei que na ficção de novelas, e eu assisto novelas desde os anos 70, a cadeia funciona. Apenas na vida real que não. Por isso faço muito bem esta distinção. Estou falando de NOVELA, e não da vida real.
    Os erros de César são morais, de formação, de falta de tolerância e de humanidade. Agora, os de Félix são de tentar MATAR sua própria sobrinha, e por DUAS VEZES, até prova em contrário, isto é mais grave. Não vi onde WC no enredo da novela diz que foi César e não Félix que tentou MATAR Paulinha. E na segunda vez, se não fosse por LUTERO, ele teria conseguido.
    Fico abismado com a capacidade de justificativa para vilões “simpáticos” ou “carismáticos” que ganham o público, como é o caso de Félix, ao ponto de WC transformar seu caráter. Porque me lembro da torcida A FAVOR de Flora, Nazareh Tedesco, Carminha ou Yvone simplesmente porque eram engraçadas e/ou carismáticas
    Fico imaginando o que este público que adora Félix e/ou gosta dos vilões ( porque os mocinhos são “palermas”, “pamonhas” ou sem carisma , e os vilões são carismáticos, inteligentes ou engraçados) diria de um vilão como ARGEMIRO, da novela Mandala de 1987. De longe, até hoje, para mim, o maior vilão já feito em uma novela da Globo, deixando os demais parecendo “escoteiros”. Todos os vilões citados por mim, ou Aline, Félix, César ou Ninho são/ eram movido por ódio, vingança, inveja, cobiça….questões bem humanas. Mas Argemiro era movido por “forças ocultas”, do mal mesmo., matava e tentava matar não movido por nenhum sentimento humano, e sim porque era um bruxo do mal. Deve ter sido o ÚNICO vilão, em uma novela da globo, no horário nobre (das oito a época, agora nove) que fazia rituais de satanismo abertamente antes de enfrentar os mocinhos, ou matar suas vítimas.
    Como o ator Carlos Augusto Strazzer (Argemiro) era muito bom, carismático, e ás vezes engraçado, deixando Felipe Camargo (Édipo) ofuscado, se esta novela fosse reprisada no Canal Viva ou feito um remake, provavelmente Argemiro iria se transformar em um “superstar” para o público, com a torcida a favor dele. Ou querendo transformar seu caráter, para sair do “lado negro da força” e voltar para a luz, e se redimir., e pedir perdão para suas vítimas. Se Félix tivesse conseguido matar Paulinha, acredito que ainda assim, ele teria torcida a favor.

Envie seu Comentário