Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Em Família: Virgílio diz a Helena que apoiaria romance entre Laerte e Luiza

17 de março de 2014 12
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

O casamento de Virgílio (Humberto Martins) e Helena (Júlia Lemmertz) já não anda bem das pernas, mas a situação só tende a piorar nos próximos capítulos, segundo a colunista Patrícia Kogut.

Uma nova discussão entre o casal tem início depois que Helena descobre que Luiza (Bruna Marquezine) anda desenhando Laerte (Gabriel Braga Nunes) em seu caderno. Ela tenta conseguir o apoio do marido, mas Virgílio surpreende ao dizer que apoiaria o romance da filha com o músico:

- Se a nossa filha se apaixonar pelo Laerte, quiser casar com ele, pode preparar um lindo vestido porque nós vamos estar presentes! Eu, pelo menos, vou! E tudo o que eu vou desejar para ela é que seja muito feliz e me dê lindos netos!

- Cretino! Não tem o direito de me ofender com essa história! A minha história! – grita Helena, furiosa.

Virgílio rebate:

- A nossa história! Não é você que diz que eu devo olhar no espelho todas as manhãs, ver a marca na minha cara e sentir ódio por ele? Pois não é no espelho que eu vejo isso, não. É em você. Em você é que eu vejo as marcas que ele deixou! Já devia ter superado!

É, pelo visto Virgílio já percebeu que Helena está morrendo de ciúmes de Laerte. Mas gente, não é melhor colocar um ponto final nesse casamento de aparências? Cadê a coragem de Helena para assumir seus verdadeiros sentimentos?

Bookmark and Share

Comentários (12)

  • Rose diz: 17 de março de 2014

    Não está na hora não do Virgilio e Helena se separarem por bobagem, apesar de tudos eles se amam sim. quero Virgilio com Helena sempre.

  • Clau diz: 17 de março de 2014

    Tem que separar sim e já vai tarde! Este casamento é somente fachada e uma ilusão para ambos. Mais para Helena que quer ardentemente acreditar que ama e sempre amou Virgílio. Claro que ela está com ciúmes! E claro que devia ter superado isso faz tempo. Mas não se trata de coragem para terminar a relação dos dois e sim coragem pra procurar um analista porque Helena PRECISA encarar a si mesma e nada que um LONGA terapia pra resolver.

    Agora, vamos pensar uma pouco… Eu adoro Virgílio e sua sensatez. Porém ou ele está testando Helena ou ele está querendo fugir da realidade ou ainda ele é muito pamonha. Não é possível que ele aceite que Luíza se case com Laerte (que ele mesmo deu o revide no reencontro) e ele ainda quer que Helena vista seu mais belo vestido e vá ao casamento????? assim, na maior??????? Que Luíza queira viver ou casar com Laerte é problema dela que já é adulta. Mas Helena ir ao casamento, aceitar Laerte dentro da casa dela, mesmo que como visita, sem nem ter resolvido sua situação emocional em relação a ele??? é ser muito tapado, Virgílio!!! Por favor, Virgílio… Menos Virgílio…. bem menos!

  • Amanda diz: 17 de março de 2014

    A Helena é uma babaca como todas as outras! Duvido que o Laerte vá deixar a filha, xerox da mãe na juventude, por uma tia envelhecida cheia de complexos e problemas…só nas novelas do Maneco mesmo!!!

  • Conselheira diz: 18 de março de 2014

    Sinceramente não sei o que anda na cabeça de algumas pessoas. Todos apoiam o casal gay Marina e Clara só para demonstrar que não têm preconceito, no entanto ela é casada e tem um filho… Todos acham lindo e normal a historia delas, ninguém tem pena de Cadu nem do filho que pode ficar em choque vendo a mãe substituir o pai por uma mulher, tudo muito lindo. Depois ficam criticando Luiza e Laerte pois filha não deve disputar homem com a mãe. Sério isso???? Luiza esta brigando com a mãe pelo mesmo homem é isso??? Eu não vejo isso, porque Helena é casada à 20 anos com Vergilio pai de Luiza, Laerte é passado. Por isso não vejo nada demais na relação deles os 2, pois Luiza não esta roubando nem competindo com a mãe, pois esta tem uma família, ela refez a sua vida ao lado de Vergilio e teve uma filha com ele, são 20 anos juntos de companheirismo, por isso não existe competição aqui, e se existe é da parte da Helena pois ela não é mais jovem e se vê na filha, ela vê o passado na filha. Ela escolheu Vergilio, casou com ele, e deve respeito a esse homem, se ela não o amava deveria ter fica do sozinha, Muita gente aqui fica desesperada que as filhas (adolescentes) sigam o ex de Luiza , mas não ficam preocupadas quando suas filhas com 9 anos gravam videos para o youtube a falar de maquiagem e usando baton vermelho. Isto me parece mais uma sociedade distorcida. Estou gostando da historia da Clara e Marina por ser novela mesmo, pela historia em si, mas se fosse na realidade não seria muito de acordo, e não por preconceito, mas porque ela tem um filho e um marido, uma família maravilhosa. Mas como é novela é interessante ver isso rolar, assim como a historia de Helena, Luiza e Laerte, já disse e volto a dizer que qualquer seja o final, desde que tenha boa historia pois isto é ficção, e se acham demais para as adolescentes, não deixem seus filhos assistir, simples… Mas deêm uma olhada no youtube é assustador o numero de adolescentes fazendo vídeos impróprios e não por ex de novelas mas sim porque as mães acham bonitinho vendo suas filhinhas dançando Funk, falando palavrões e usando maquiagem de adulto. Depois vêm falar o que é certo ou errado em novelas (ficção) me poupem…

  • sthefany da Silva diz: 18 de março de 2014

    Concordo com o comentário da Conselheira acima e acrescento: É que atualmente o “normal” que estão enfiando de goela a baixo nas pessoas é o relacionamento entre o mesmo sexo. No casa de um relacionamento entre um homem (Larte) e uma mulher (luiza) seria anormal… Não vamos confundir descriminação com bom senso…

  • Clau diz: 19 de março de 2014

    Obrigada Michele, pela atenção.
    Mas que salada de frutas fizeram neste tópico hein?! Onde aqui está escrito algo sobre preconceito? O tópico de Clara e Marina são outros e tem vários aqui no blog… Não entendi nada! Não vi ninguém reclamando sobre Laerte e Luáza… Ou Maria e Clara… aqui… (?????????????????????????????????????????????????)

  • Conselheira diz: 19 de março de 2014

    Falei pelo que já li em outros postes, mais uma vez Clau não me referi a si nem a nenhum comentário, falei no geral e no que tenho lido, não me dirigi a ninguém especificamente, você sinceramente tem que deixar de levar as coisas tão a sério. Sinceramente eu adorava seus comentários, mas seu sarcasmo esta se tornando insuportável. Sinceramente nem tenho assim tanto tempo livre para ligar para isto, isso é bom para pessoas como você que me parece desocupada. Trabalha para criticar novelas, deveria escrever uma, seria um sucesso… FUI………

  • CARLA LIMA diz: 19 de março de 2014

    Eu também apoio o relacionamento entre luiza e laerte a propósito eles formam um lindo casal, a Helena é que tá precisando é de uma boa terapia, por que pelo o que sei quem quase ia morrendo era o virgilho, e ele superou, e desse que ainda é a favor do relacionamento entre sua filha e laerte.

  • CARLA LIMA diz: 19 de março de 2014

    Eu também não tenho nada contra sobre o relacionamento de clara e marina, e sou totalmente a favor do relacionamento entre luiza e laerte, além do mais eles formam um lindo casal, e nada a ver a idade por que o amor não te idade vcs não acham pessoal???????????

  • Vanessa Oliveira diz: 24 de março de 2014

    Ai, ai, o Maneco deveria ter feito o contrário: ao invés de fazer a filha jovem e bonita ficando com ex da mãe ( que tem aparência de jovem e é bem bonito), deveria ter feito a mãe, já quarentona, se apaixonando pelo ex jovem e bonito da filha, e mostrar esse ex jovem e bonito deixando de lado a filha jovem e bonita e ficando com a mãe quarentona, queria ver se esse casal teria o apoio desse povo que bate no peito e diz que não tem problema nenhum a Luiza ficar com o Laerte…

    Sim Helena formou um família com o Virgílio, mas isso não significa que ela tenha superado o Laerte. O que a novela tem mostrado de forma enfática é que a Helena NÃO superou com o Laerte, se casou com o Virgílio por culpa, por carinho, amizade e não por amor. Ela demonstra sentir um ódio pelo Laerte que é claramente amor frustrado, e o ódio dela tem a ver exatamente com isso, com a frustração de não ter podido viver esse amor com o Laerte, então vem a Luiza e fica com o Laerte, é isso? O Laerte não está fisicamente com a Helena, não é namorado dela, não é marido, mas é o GRANDE AMOR da vida dela e pra mim isso por si só é motivo suficiente para Luiza ficar bem longe dele.

    Helena amou Laerte desde criança, só não se casou com ele por causa da tragédia que aconteceu há 20 anos atrás. Ela teve que assistir o amor da vida dela ser preso acusado de tentar matar o melhor amigo deles, ver o pai morrer de desgosto na frente dela, carregar a culpa de atiçado o ciúme do Laerte pelo Virgílio e ver no rosto do amigo, agora marido, a marca do destempero do Laerte, e agora vai ter que assistir a filha se envolver com aquele que sempre foi o homem da vida dela? Porque não crucificam a Helena de uma vez, já que parece que resolveram pegar ela para Cristo!

    Esse envolvimento da Luiza com o Laerte é absurdo, é nojento, ainda que a Helena não fique nunca mais com o Laerte, ainda que ela fique com o Virgílio, ainda sim, esse envolvimento da Luiza com o Laerte não é tolerável, não depois de tudo que ele e a Helena viveram e é por respeito a esse passado da mãe que a Luiza deveria se afastar.

    A Luiza já disse uma vez que sabe que se envolver com Laerte mataria a mãe e vai dizer isso novamente ao Virgílio, e ela está certa, Helena não vai suportar ver a filha vivendo com o Laerte a história que era para ser dela, viver com ele momentos de felicidade e paixão que ela sempre sonhou em viver, e quem pode culpá-la por pensar assim? Ela tem TODO O DIREITO de não querer ver a filha envolvida com o homem que ela ama, e essa é a questão, a falta de lealdade e respeito da Luiza que ignorando os sentimentos da mãe vai ter um caso com o grande amor da vida dela. Se a Luiza fosse uma boa filha e não esse ser mimado e voluntarioso, não se meteria com o Laerte, não faria algo que ela sabe que vai ferir a mãe.

    A verdade é que existe muito preconceito com a Julia, as pessoas acham que ela é velha demais para ficar com o Gabriel Braga Nunes, que apesar de quarentão, está em ótima forma, e ainda mais lindo do que anos atrás. As pessoas acham que ele merece ficar com uma atriz jovem e bonita, e a Bruna Marquezine preenche bem esses requisitos, além claro, de ser a celebridade da moda.

    Por isso iniciei meu comentário questionando se as pessoas torceriam para o casal caso a história fosse oposta, imagine se é Helena que se envolve com o André, namorado da Luiza, imagine que na história Luiza ama perdidamente André, namorou com ele, mas ele terminam.Após o término dos dois ele se apaixona por Helena e ela por ele, será que ainda assim as pessoas veriam beleza nesse casal? Tecnicamente seria a mesma coisa que acontece com Luiza, Helena se apaixonaria pelo amor da filha, mas tenho certeza que todo mundo acharia absurdo esse casal, alegariam que ela é mais velha que ele, que ele foi namorado da filha e que ela ainda gosta dele, e que é um absurdo um homem jovem e bonito trocar uma jovem para ficar com uma mulher mais velha.

    Mas o que está acontecendo Em família é o contrário, é o homem quarentão, lindo e interessante, que vai ficar com a garota jovem e bonita, por isso não importa muito os sentimentos envolvidos, não importa se esse homem é o ex e o grande amor da vida da mãe dessa jovem, não importa a dor que essa mulher vai sentir em ver sua filha se envolvendo com esse homem que foi e ainda é o homem da sua vida. No exemplo que citei acima a Helena seria execrada, amaldiçoada! “Onde já se viu uma mãe ficar com ex-namorado e ainda grande amor da filha?”, “Como uma mãe pode passar assim por cima dos sentimentos da filha?”, “Onde já se viu um jovem tão bonito trocar uma menina da idade dele para ficar com uma mulher que tem idade para ser mãe dele?” Era isso que as pessoas diriam, mas no caso de Laerte e Luiza, “Eles são lindos juntos”, “Eles tem química”, “Helena escolheu se casar com o Virgílio, ela tem uma família…O envolvimento da Luiza e Laerte é algo normal, o envolvimento de um homem e uma mulher”.

    Machista, é isso que nossa sociedade é! Não condenam o envolvimento da Luiza com o Laerte porque acham natural um homem trocar uma mulher mais velha por uma mais nova, e no caso da novela, acham que a Julia está acabada e velha demais para ficar com o Gabriel, que ele merece ficar com a Bruna que é jovem e bonita, para isso acham natural que a Helena assista a filha ficar com homem que ela sempre amou, mas desculpem aos fãs desse casal bizarro, mas eu não vejo beleza nenhuma em uma filha sendo desleal e desfazendo dos sentimentos da mãe, pois digo e repito, ainda que Helena não fique nunca mais com o Laerte, era dever da Luiza respeitar o passado da mãe e não se meter na história dela, não se meter no amor dela, ainda que frustrado.

  • Diana diz: 27 de março de 2014

    Vanessa Oliveira, você é a única aqui que ainda tem bom senso. Essa história de Laerte e Luiza é tão nojenta que eu parei de ver a novela. Essa pirralha não passa de uma invejosa. Já foi mostrado em várias cenas o quanto ela ficou ´fascinada´ pela história da mãe, o quanto ela gostaria de viver uma história de amor forte do mesmo jeito, até comentou isso com o namorado. Tudo isso não passa de inveja, vontade de entrar (literalmente) na história da mãe, só que dessa vez, ela sendo a protagonista. Acho crueldade demais, por isso prefiro não ver. Não acho que tenha sido um rumo adequado para essa história. Antes da novela começar já havia sido divulgado que mãe e filha disputariam o mesmo homem, mas eu sempre imaginei que esse envolvimento fosse acontecer bem no comecinho da novela, com pelo menos um deles sem nem saber quem o outro era. Mas dessa forma como está sendo mostrado é imperdoável. E o público acho que concorda, por isso a Helena ganhou com a maioria esmagadora dos votos. Quem torce por esse casal são uma minoria de loucos kkkkk

Envie seu Comentário