Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo serão irmãos em Falso Brilhante

03 de abril de 2014 3
Estevam Avellar, TV Globo

Estevam Avellar, TV Globo

Namorados na vida real, Marina Ruy Barbosa e Klebber Toledo serão irmãos na próxima novela das 21h, Império.

Na trama de Aguinaldo Silva, com estreia prevista para julho, Marina será uma periguete louca pra subir na vida, como já contamos aqui. Maria Isis será amante do milionário José Alfredo (Alexandre Nero).

Klebber Toledo interpretará Roberto, um malandro mimado pelos pais, Magnólia (Zezé Polessa) e Severo (Tato Gabus Mendes). De acordo com o Extra, a vida do rapaz muda completamente quando ele conhece Juju Popular (Cris Vianna) e se apaixona pela primeira vez na vida. Para ficar ao lado da moça, ele terá que fazer algo que abomina: arranjar um emprego.

Apesar de prometer um “novelão”, Aguinaldo Silva deve voltar à telinha com “mais do mesmo”. Tramas recicladas e velhos clichês, mas que podem agradar ao público. Veremos…

 

Bookmark and Share

Comentários (3)

  • Clau diz: 3 de abril de 2014

    Exatamente Michele! O MAIS DO MESMO. Onde está o NOVELÃO? Vai ser mais um round do tipo do Juvenal Antena em Duas Caras? Lembras do personagem que era filho dos personagens de Marília Pêra e Stênio Garcia em Duas Caras? o carinha era o filho mimado, irmão da personagem de Débora Falabella… O cara se apaixona pela empregada, interpretada justamente por Cris Viana (se não estou enganada)…. E também ela exige que ele se emende para poder ficar com ela. Ou seja, tudo igual.

    Periguetes???? de novo????? E depois reclamam de casais gays que são repetitivos nas novelas? mas e periguetes? malandros da alta sociedade? amantes interesseiras? isso tudo não é sempre igual?

    Por isso gosto de assistir a Doce de Mãe, assim como assisti A Teia. Pelo menso são outras estórias, outro tipo de imagem, sem ser repetitivo.
    Esses autores velhos e viciados numa mesma maneira de escrever… Não adianta! Por mais que tentem, eles não mudam! Não é a toa que João Emanuel Carneiro faz tanto sucesso. Acho que é ÚNICO na Globo que consegue maior audiência.

    Em breve teremos Gilberto Braga e sua Copacabana. Assim como Manoel Carlos tem sua Leblon. E Sílvio de Abreu sua São Paulo…

  • Ionara diz: 4 de abril de 2014

    Concordo com (quase) tudo que a Clau disse, só discordo numa coisa: João Emanoel Carneiro não é essa coca-cola toda na minha humilde opinião. Sei que um povo baba um ovo de Avenida Brasil e A favorita, mas ainda prefiro Da cor do Pecado, era boba, mas divertia. JEC só muda o cenário, a espinha dorsal continua mesma de outras novelas. Eu me decepcionei muito com a Nina, que no início era uma mocinha inteligente e fez várias burradas, talvez a novela pode ter sido prejudicada pela duração, não sei…
    Enfim Avenida tinha o velho jogo de gato e rato, ficou muito repetitiva, cansei.

    Essa personagem da Marina não vai repetir aquela da Ludimila Dayer (sei lá como escreve) em Senhora do Destino não? A “ninfa bebê”?

  • Clau diz: 4 de abril de 2014

    IONARA, eu não cheguei a companhar Avenida Brasil. Já A Favorita eu acompanhei e gostei muito pois cheguei a jurar que Donatela era a vilã e de repente vira o jogo mostrando uma Flora como uma psicopata. E de fato esta foi vilã mesmo!! Ás vezes eu até ria do jeito dela para com o personagem do Ary Fontoura… Como era mesmo o nome dele…? esqueci. Porque Patrícia Pilar interpretou muito bem! Ela falava daquele jeito mansinho, mas com uma frieza incrível!

    Da Cor do Pecado também gostei, mas só consegui acompanhar mais no final.
    Eu mencionei o JEC, porque ultimamente ele tem sido o único (talvez?) a dar mais audiência em termos de novela. Porque os demais estão se repetindo.

    Quanto a NINFA BEBÊ (kkkkkkkkkk)… me lembro bem!

Envie seu Comentário