Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Bruna Marquezine defende sua personagem: "Ninguém é obrigado a gostar"

24 de maio de 2014 19
Paulo Belote, TV Globo

Paulo Belote, TV Globo

Não é segredo pra ninguém que há rejeição ao casal Luiza (Bruna Marquezine) e Laerte (Gabriel Braga Nunes). A mais odiada, nesse caso, é Luiza. Afinal, quem em sã consciência namoraria um cara que já foi noivo de sua mãe e tentou matar seu pai. Por mais forte que fosse a paixão, ela deveria ter fugido desse sentimento, não ficar contra a família inteira para se entregar a um psicopata.

Mas pelo menos uma pessoa é a favor de Luiza nessa história. Bruna Marquezine defende sua personagem com unhas e dentes:

Segundo o blog Folhetim, a atriz postou no Instagram:

Ninguém é obrigado a gostar de nada, mas um papel nunca difama ou mancha a imagem do ator. Só para pessoas que não conseguem diferenciar e separar o ator do personagem.

Bruna tentou explicar que o público precisa saber diferenciar vida real e ficção:

Algumas pessoas precisam entender que o ator não é o personagem e que um papel não necessariamente interfere na postura de um ator. Muito obrigada, beijo.

Nada contra Bruna Marquezine, acho até que ela está fazendo milagre com um papel tão chato. O problema é realmente a personagem, que é irritante e tem atitudes de criança mimada. Não há como defender Luiza, sinceramente.

Desejo mais sorte a Bruna no próximo papel…

Bookmark and Share

Comentários (19)

  • Carol X. diz: 24 de maio de 2014

    Michele…essa novela tá muito chata! é a Luiza com o Laerte e a Clara com a Marina (pra mim é uma fotógrafa com mesmo perfil do Laerte…) Inclusive já foi cortada da programação aqui de casa!

  • Joao Cardoso diz: 24 de maio de 2014

    O Problema não é da Bruna, que ganha para fazer o personagem e o faz muito bem. O Problema é de quem coloca estas barbáries no AR, não entendo até hoje qual é a Moral da Rede Globo que teima em acabar com a Família Brasileira, já conseguiu evoluir bastante, mas os religiosos e religiosas conseguem continuar a defender num espaço menor a nossa família. Já houve novelas boas, mas de uns tempos a Rede Globo faz de tudo para parecer normal aquilo que não éh. Se cada família, ainda de pé, conseguir ouvir a música do Pe.Zezinho Oração da Família, vai observar o que devemos defender e não deixar que manobras de Novela atinjam ainda mais nossos lares.

  • Gabi diz: 24 de maio de 2014

    Essa novel tá muuuito chata. Esse casal laerte e luiza é muito medíocre assim como esse tal de manoel carlos. Essa novela é mais um produto descatável, logo ali na frente se esquece dela, bem diferente de Renascer, Rei do Gado, Roque Santeiro, Pantanal.

  • Fátima diz: 24 de maio de 2014

    Por favor! em que mundo vive essa atriz Bruna? ora, ninguém é obrigado a gostar, mas pra quem fazem esse besterol de novela, não é para o povo? então, pelo menos ponham qualidade na “estória” porque essa está mediocre e nem o nome combina “em familia” não seria melhor “contra a familia”. Não consegue ibope porque o folhetim é ruim e apelam pra romance de mulher casada e com filho com ceninha com outra mulher e se não cola botam a Bruna a mostrar o corpo e em cena de sexo com o cara que poderia ser o pai dela. Vão se respeitar e respeitar as familias!

  • Filipe diz: 24 de maio de 2014

    Ela tem razão quando diz que ninguém é obrigado a gostar. Agora, quando a grande maioria não gosta, é sinal que o produto realmente foi um fracasso. E isso ela deve assumir. Sempre existirá crítica e quem não goste, agora, se for a maioria que pensa assim, fica complicado.

  • jotave diz: 24 de maio de 2014

    Esta Gordinha, tem que respeitar, quem não a admira, , até porque, ela tem mais e que cair, esta novela, mais o caso com o Cai cai, nenhum Pai merece filha como essa.So emvergonha, a familia dela…Fama por este preço. …

  • apaixonada diz: 24 de maio de 2014

    Eu não misturo ator e personagem. Acho a Bruna uma grande atriz, até Salve Jorge eu só tinha elogios e admiração. Mas, para mim ela não acertou o “tom” com a personagem Luiza. Fora a polêmica da relação dela com o Laerte, eu não gosto da interpretação da personagem, o tom de voz é forçado, é irritante o texto em si não é a forma como ela fala é chato. Mas eu não consigo não ter antipatia. Eu acho que a direção tem culpa nisso, porque o Gabriel também errou a mão com o Laerte. Não encantou.
    Acho que o Manoel errou na história. Fiquei imaginando que a Luiza e o Laerte poderiam ter se envolvido em Londres, antes dela saber quem ele era. E só depois descobrir e aí sim a gente teria um motivo para entender. Mas assim… indo de farra, de curiosidade sem se preocupar com os sentimentos da mulher dele e da sua mãe.
    Vi no comercial que ela ia falar sem se preocupar com o pai que a mãe ainda ama o Laerte. Enfim…
    Torço sinceramente que a Bruna faça um novo trabalho com o mesmo talento que fez todos os outros da carreira dela.
    Enquanto isso vou curtindo Meu pedacinho de chão e geração brasil que estão ótimas.

  • Daniel diz: 24 de maio de 2014

    Essa novela só vejo as pessoas dizendo que está muito chata e que preferem olhar outro programa. Pais e filhos que parecem a mesma idade. A novela começou boa e mantém ruim. Melhor começar outra novela se quiserem ibope.

  • Ana diz: 24 de maio de 2014

    Sim, ninguém é obrigado a gostar, só que se ninguém gostar ela fica sem trabalho… te liga, Marquezine.

  • Amanda diz: 24 de maio de 2014

    hahahah eu adoro a novela :)

  • Mariana diz: 25 de maio de 2014

    Aqui em casa ninguém mais assiste essa novela, ridícula, tenho vergonha de olhar uma novela nojenta dessas ” EM FAMÍLIA.”
    Perderam a noção dos valores básicos da vida, a novela gira em torno da vulgaridade,picaretagem e falcatrua .

  • Angel diz: 25 de maio de 2014

    Gente!!!!A intenção é essa mesmo. A Bruna está fazendo bem a personagem. O papel é esse : ser odiada por ser uma garota comum de 18 anos que corre atrás de um sonho, um romance com o mesmo cara que não deu certo com a mãe no passado e que sabe-se lá onde vai levar (ninguém sabe onde vai dar nada nesta vida se não tentar). Culpa , as mulheres se acabam nesta coisa de culpa. Homem mais velho com mulher mais nova existe as pencas por aí. Todo mundo mudou nesta novela pq o tal Laerte não pode ter mudado também!? Acho que a personagem Luiza está sendo bem conduzida despertando a ira das pessoas . Afinal, não existe drama sem conflito.

  • CarmenLya diz: 25 de maio de 2014

    Estão achando ruim???? Preparem-se para a próxima com cenas gays explícitas e as “bichas más” tomando conta do pedaço, rsrsrs.
    A poderosa está fixada em homossexualismo e violência…bem feito para quem assiste e deixa seus filhos assistirem. É nas novelas e séries…

  • Marcelo diz: 25 de maio de 2014

    Gostaria de observar que cada pessoa tem o direito de livre arbítrio, mas me posiciono no sentido de negativa total aos atos de alguns atores/escritores nesta novela mesmo que seja uma novela. A televisão mostra exemplos de maus comportamentos em suas novelas e como é livre a todas as idades, acaba por influenciar as muitas pessoas despreparadas que acabam por repetir os atos na vida real. É tão perfeita a natureza humana na relação de casais sadios que promovem e constroem lindas famílias, para que ir na direção do problema….???/

  • benedito moises conceiçao miniz diz: 25 de maio de 2014

    cai fora bubu ja deu

  • isabel diz: 25 de maio de 2014

    o autor e um ditador esta tentando fazer a gente nao gostar do gato cadu e torcer pelas lesbicas…laerte uma coisa apatica…helena …nen sei quem e na novela…gosto da shirley e da branca……

  • isabel diz: 25 de maio de 2014

    ruim,ruim valores errados no final eu acho que o autor quer mostrar como se destroi uma familia …so isso acho que ele e um psicopata como laerte

  • Ricardo Sampaio diz: 31 de maio de 2014

    Acho a Bruna Markezine uma atriz muito talentosa e em ascensão, o problema e que a maioria dos personagens da televisão são ruins e isso se deve a competição pela liderança na audiência que leva os autores a produzirem novelas apelativas, deixando a criatividade cultural de lado, o que é um equívoco, pois o telespectador também aprecia obras de maior expressão cultural é só as emissoras mais populares começarem a elevar o nível de sua programação que até o telespectador mais resistente vai se acostumar e consequentemente se render as obras mais bem elaboradas culturalmente, educativas e com mensagens positivas, como é o caso de algumas minisséries já apresentadas e até mesmo da atual novela das 6, que no inícios sofria críticas, mas já começa a ser bem aceita.

  • Ricardo Sampaio diz: 31 de maio de 2014

    Acho a Bruna Markezine uma atriz muito talentosa e em ascensão, o problema e que a maioria dos personagens da televisão são ruins e isso se deve a competição pela liderança na audiência que leva os autores a produzirem novelas apelativas, deixando a criatividade cultural de lado.

Envie seu Comentário