Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Sete Vidas"

Incesto em Sete Vidas? Júlia beija Pedro, mas decide se casar com Edgar

18 de março de 2015 2
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

Em Sete Vidas, o amor impossível de Pedro (Jayme Matarazzo) e Júlia (Isabelle Drummond) vem emocionando o público. Mesmo com a possibilidade de os dois serem meio-irmãos, muita gente torce pelo casalzinho.

É claro que Lícia Manzo não mostraria um incesto em pleno horário das 18h. Quem acompanha a novela desde o início, já deve ter percebido que Marta (Gisele Fróes) esconde algo muito grave da filha. Na verdade, a menina é fruto de uma traição e não tem nenhum parentesco com Miguel (Domingos Montagner).

Mas Júlia nem imagina que a mãe está mentindo, por isso, quase morre de culpa por ter se apaixonado por Pedro, este sim filho biológico de Miguel. E a situação dos jovens só irá se complicar nos próximos capítulos.

Incapazes de resistir à atração, Pedro e Júlia se beijam. Tomada pelo arrependimento, a garota decide se afastar de vez do “irmão”. Além disso, o desespero faz com que Júlia decida aceitar o pedido de casamento de Edgar (Fernando Bello). Mas será que isso será suficiente para conter um sentimento tão forte.

Como a novela começou há pouco tempo, o dilema do casal deve durar ainda vários capítulos. Afinal, além da megera Marta, apenas Guida (Cláudia Mello) conhece a verdade, mas morre de medo da irmã. Até que essa história venha à tona, Pedro e Júlia ainda terão muito sofrimento pela frente…

Leia outras notícias do Noveleiros

Curta nossa página no Facebook

 

Bookmark and Share

Na estreia de Sete Vidas, público elege Pedro e Júlia como o melhor casal

10 de março de 2015 11
julia-e-pedro

Reprodução, TV Globo

Depois da trama movimentada e cheia de ação de Boogie Oogie, Sete Vidas trouxe a serenidade de volta ao horário das seis. Mas não se enganem, o texto bem elaborado e intenso de Lícia Manzo promete mexer com muita gente.

Nas redes sociais, a recepção do público foi calorosa. Todos comentaram os belos diálogos, conflitos e romances apresentados na estreia. Sete Vidas figurou entre os assuntos mais comentados na noite de ontem.

O casal protagonista, formado por Débora Bloch e Domingos Montagner, tem uma boa química em cena, mas falta alguma coisa para arrebatar os telespectadores. O aventureiro Miguel e a jornalista Lígia são diferentes demais para que consigamos torcer por eles. Quantas pessoas, na vida real, percebemos que seriam mais felizes separadas?

Ainda não me apeguei a Miguel e Lígia. Ele, que deveria ser um “anti-herói” sedutor e misterioso, apesar de problemático, não mostrou o carisma suficiente de um Alexandre Nero, por exemplo. Débora Bloch está ótima e linda em cena, mas a insistência em discutir a relação me irritou um pouco. Malu Galli e Mariana Lima devem ser as grandes confidentes da protagonista, formando um trio talentoso.

Gisele Fróes, depois da apagada participação em Geração Brasil, ganhou uma megera à sua altura. A mãe da mocinha Júlia promete infernizar bastante nos próximos capítulos.

Antes mesmo da estreia da novela, muita gente já “shippava” (gíria da internet que significa torcer por determinado casal da ficção) os personagens de Jayme Matarazzo e Isabelle Drummond. E logo nas primeiras cenas de Pedro e Júlia a torcida só aumentou, apesar do conflito que esse amor irá trazer para os dois, já que eles pensam serem meio-irmãos.

Trabalhando juntos pela quarta vez (eles já se encontraram em Cordel Encantado, Sangue Bom e Cheias de Charme), Jayme e Isabelle mostram muita sintonia, tanto que mesmo os telespectadores que pensam haver realmente um incesto ali acabam torcendo para os dois ficarem juntos.

Podemos torcer à vontade. Mais adiante, Júlia descobrirá que sua mãe mentiu e que ela não é fruto de uma inseminação artificial, e sim de uma traição.

Só achei meio estranho (e isso também foi muito comentado na internet) a jovem marcar encontro com o suposto irmão em meio a uma manifestação. É claro que não poderia dar certo, né?

Outro assunto bastante comentado nas redes sociais foi a abertura, que trazia belas imagens, ao som de uma nova versão de “What a wonderful world”, na voz de Tiago Iorc.

Lícia Manzo chegou de mansinho, mas já conquistou fãs. Com um texto delicado e cheio de frases de efeito, conflitos familiares e amores impossíveis, não é à toa que ela é considerada sucessora de Manoel Carlos. Merece, em breve, um espacinho no horário nobre.

Bookmark and Share

O que esperar da estreia de Sete Vidas?

08 de março de 2015 7
Joâo Miguel Júnior, TV Globo

Joâo Miguel Júnior, TV Globo

Adoro essa expectativa pela estreia de uma novela! Para o primeiro capítulo de Sete Vidas, novela das 18h que começa nesta segunda-feira, estou ainda mais ansiosa só pelo que já vi das primeiras imagens e da sinopse. Espero não me decepcionar…

Lícia Manzo teve um início bem promissor como autora titular, com A Vida da Gente. A trama, gravada em Porto Alegre, agradou em cheio o Brasil inteiro, apesar de não ter sido um estrondo de audiência.

Em Sete Vidas, a autora parece continuar com seu estilo “drama familiar”, muito parecido com o de Manoel Carlos na década de 90. Sete Vidas promete apostar em várias polêmicas, algumas até dignas de horário nobre e não de um horário tão ingrato como o das 18h.

O elenco também promete! Domingos Montagner, elogiadíssimo desde seus primeiros trabalhos na Globo, encara o desafio de ser protagonista. Ao lado dele, está a sempre ótima Débora Bloch, com quem mostrou uma boa química em Cordel Encantado. O casal tem tudo para agradar.

Mas quem deve conquistar o coração do público, principalmente dos mais jovens, é o romance proibido entre Pedro (Jayme Matarazzo) e Júlia (Isabelle Drummond). Os dois pensam que são meio-irmãos, fruto da doação de sêmen de Miguel (Domingos Montagner). Na verdade, a mocinha é filha de uma relação extra-conjugal de sua mãe. Mas é claro que durante um bom tempo eles acharão que se trata de um incesto e viverão os conflitos desse amor impossível.

As belas imagens da Patagônia serão o cenário mais que perfeito para as aventuras de Miguel. Além das belas paisagens, os primeiros capítulos terão muita ação, já que Pedro e Júlia se conhecem em meio às manifestações do centro da cidade.

Tudo isso e muito mais é motivo mais do que suficiente para acompanhar essa estreia. Eu não vou perder, e vocês?

Bookmark and Share

Conheça as polêmicas de Sete Vidas, a próxima novela das 18h

28 de fevereiro de 2015 30

É grande a expectativa para a estreia da próxima novela das 18h, Sete Vidas. Também pudera, Lícia Manzo promete vir com muitas polêmicas, um elenco de peso e uma ótima história. Com polêmicas dignas do horário nobre, a trama tem vários elementos que devem prender a atenção do público.

- DOAÇÃO DE SÊMEN

Fotos: Divulgação, TV Globo

Fotos: Divulgação, TV Globo

O protagonista Miguel (Domingos Montagner) sempre foi aventureiro, mas passou por maus bocados em uma de suas viagens fora do Brasil. Ainda muito jovem, ele vendeu o próprio sêmen para poder se sustentar. Anos depois, acaba se deparando com seis filhos já adultos, gerados a partir de seu material genético.

 

 

- AS NOVAS FORMAÇÕES FAMILIARES

02

O principal foco da trama são os vários tipos de família, independentemente dos laços de sangue. Filhos de duas mães, pais adotivos, irmãos que se conhecem só na fase adulta, amigos que são praticamente irmãos, enfim… A autora quer mostrar que os sentimentos unem as pessoas mais do que a genética.

 

 

- ADOÇÃO POR CASAIS GAYS

03

Regina Duarte será Esther, mãe dos gêmeos Laila (Maria Eduarda Carvalho) e Luis (Thiago Rodrigues). Viúva, ela e a falecida esposa realizaram o sonho de ter filhos graças a uma inseminação artificial.

 

 

- INCESTO

01

A maior polêmica da novela envolve Júlia (Isabelle Drummond) e Pedro (Jayme Matarazzo). Os dois se apaixonam à primeira vista, mas pouco depois descobrem que são meio-irmãos, já que ambos foram gerados a partir do sêmen de Miguel.

 

 

- ÉTICA PROFISSIONAL

05

Isabel (Mariana Lima) é uma terapeuta de casais que vive em crise no próprio casamento. Infeliz, ela acaba se apaixonando por um de seus pacientes, Luis (Thiago Rodrigues).

 

 

 

- MATERNIDADE X TRABALHO

04

Dedicada ao trabalho, Irene (Malu Galli) nunca teve tempo para formar uma família. Quando começa a se sentir solitária, ela resolve adotar o bebê da jovem Diana (Bianca Comparato). Sim, é uma história bem parecida com a de Gorete (Carol Macedo) e Juliana (Vanessa Gerbelli) na novela Em Família.

 

>>> Saiba mais sobre Sete Vidas

Bookmark and Share

Sete Vidas: Malu Galli será mulher obcecada pelo bebê da empregada

06 de dezembro de 2014 5
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

A próxima novela das 18h, Sete Vidas, mostrará temas polêmicos, dignos de horário nobre. É essa a especialidade de Lícia Manzo, criadora de A Vida da Gente, novela ótima, mas refém de um horário ingrato.

Segundo o Extra, em Sete Vidas, Malu Galli será uma empresária de meia-idade, divorciada, que sonha em ser mãe. Ao descobrir que a jovem faxineira da empresa está grávida, a mulher fará de tudo para adotar o bebê.

Essa história pareceu familiar a vocês? Pois é, vai ser quase o mesmo drama vivido por Juliana (Vanessa Gerbelli) na novela Em Família. Reciclagem de tramas, a gente vê por aqui…

Bianca Comparato será uma adolescente de 17 anos, que se vê no dilema de entregar ou não o filho para uma mulher rica adotar. O problema é que a jovem acaba se apegando à patroa, passa a considerá-la uma verdadeira mãe e passa a pensar na possibilidade de que todos formem uma mesma família, sem que ela precise abrir mão do bebê.

Gravidez na adolescência, incesto, inseminação artificial, dramas familiares… Gente, por que não colocaram essa novela no horário nobre?

Bookmark and Share

Polêmica no ar: Grandes damas da TV farão personagens lésbicas em 2015

04 de dezembro de 2014 14
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

Se depender de polêmicas, 2015 já vai chegar com tudo! As próximas novelas e minisséries da Globo investirão cada vez mais em temas polêmicos e, para contar essas histórias, atrizes consagradas encaram personagens bem diferentes dos que estão acostumadas.

Em março, teremos a estreia de Sete Vidas, novela das seis de autoria de Lícia Manzo. A trama, ousada para o horário, contará a história de sete jovens pelo pai, que no passado foi doador anônimo de sêmen. Em meio a tudo isso, temas como incesto e homossexualidade devem causar muitas discussões.

Quem volta à telinha, desta vez do começo ao fim de uma novela, é Regina Duarte. Em Sete Vidas, ela será uma lésbica viúva, já que sua companheira faleceu há alguns anos, deixando-a sozinha para criar um casal de filhos. As duas recorreram a uma inseminação artificial, da qual nasceram Laila (Maria Eduarda de Carvalho) e Luís (Thiago Rodrigues).

Um casal de lésbicas da terceira idade promete surpreender o público, também a partir de março. Em Babilônia, próxima novela das 21h, Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg serão duas mulheres que vivem juntas há mais de 50 anos.

No ano em que a Rede Globo completa 50 anos, mais alguns tabus vão sendo quebrados. Afinal, ninguém esperava ver a eterna “namoradinha do Brasil” Regina Duarte em um papel gay. E o que dizer das duas maiores atrizes de todos os tempos, ambas octagenárias, formando um casal em pleno horário nobre? Desde 1965, época em que Tarcísio Meira e Glória Menezes davam apenas beijinhos de boca fechada, até a proliferação de gays e lésbicas nas novelas, muita coisa mudou. O mundo evoluiu, e mesmo com um certo atraso e um pouco de cautela, as novelas vão evoluindo com ele.

LEIA TAMBÉM: 

>>> Após participação em Império, Regina Duarte reclama de falta de convites para novelas

>>> Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg vão se beijar na próxima novela das 21h

>>> Beijo gay na terceira idade: Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg vão viver casal em nova novela

Bookmark and Share

Sai Megan Lily, entra Julia: Isabelle Drummond começa a gravar nova novela das 18h

29 de novembro de 2014 0
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

O título da próxima novela das 18h, “Sete Vidas”, combina bem com a carreira de Isabelle Drummond. Mal deu adeus à mimada Megan Lily de Geração Brasil, a atriz já mudou o visual para começar a gravar como a mocinha Julia.

São cinco personagens bem diferentes nos últimos cinco anos: nordestina ingênua, empreguete, marrentinha, patricinha…ufa! A cada novela, um visual e um jeitinho bem diferentes. Com apenas 20 anos de idade e 13 de carreira, Isabelle não reclama de emendar um trabalho no outro:

Desgaste da imagem acontece às vezes mesmo, mas acredito que depende também da escolha dos personagens. Tenho conseguido tipos diferentes. - conta ela ao blog da Patrícia Kogut

Na trama de Lícia Manzo, a atriz será uma das filhas de Miguel (Domingos Montagner). A história de sete jovens em busca do mesmo pai promete prender a atenção do público.

Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

Sete Vidas deve substituir Boogie Oogie no início de março.

Bookmark and Share

Débora Bloch e Domingos Montagner repetirão par romântico em Sete Vidas

18 de novembro de 2014 0
Estevam Avellar, TV Globo

Estevam Avellar, TV Globo

Boogie Oogie ainda está no comecinho, mas já começaram as gravações de Sete Vidas, a próxima novela das 18h. A trama de Lícia Manzo estreia no início de março, com uma trama que promete conquistar o público. Se a autora repetir a boa repercussão de A Vida da Gente, podemos esperar coisa boa por aí!

Domingos Montagner será o protagonista da nova novela, repetindo um par romântico que deu liga em Cordel Encantado. O personagem dele será casado com a jornalista vivida por Débora Bloch. Os dois já começaram a gravar as primeiras cenas, na Patagônia.

Em Cordel Encantado, o casal formado pelo cangaceiro Herculano e a vilã Úrsula foi um dos pontos altos da novela. Os dois mostraram muita química em cena, tanto que muitos torciam por um final feliz para a megera ao lado do seu Capitão.

Sete Vidas tem uma premissa interessante. Como o nome já diz, a história gira em torno de sete jovens, todos nascidos a partir das doações de sêmen do protagonista. A polêmica ficará por conta do amor proibido entre os personagens de Isabelle Drummond e Jayme Matarazzo, que se apaixonam sem saberem que são meio-irmãos.

Bookmark and Share

Isabelle Drummond viverá amor proibido com Jayme Matarazzo em novela das 18h

03 de outubro de 2014 5
Divulgação, TV Globo

Divulgação, TV Globo

Enquanto o público chora pelo fim do casal “Megavi” em Geração Brasil, Isabelle Drummond já está com um pé na próxima novela das 18h. Destaque em todas as novelas que fez nos últimos anos, a jovem atriz será uma das protagonistas de “Sete Vidas”, trama que estreia no início de 2015.

Para quem curtiu o trabalho de Lícia Manzo em A Vida da Gente, a próxima novela da autora é aguardada com ansiedade. Pelo que já foi anunciado até agora, a história promete ser ótima!

Domingos Montagner viverá o fotógrafo Miguel, que no passado foi doador  anônimo de sêmen. Anos depois, os filhos começam a aparecer, todos em busca de suas verdadeiras origens.

Isabelle Drummond será Júlia, uma dessas filhas perdidas. Estudante de medicina, ela acaba descobrindo que seu tipo sanguíneo não é compatível com o dos pais. Fernando Belo, o noivo morto de Sandra (Isis Valverde) em Boogie Oogie, voltará à telinha como namorado de Júlia.

De acordo com o Extra, a grande polêmica será o amor proibido da personagem de Isabelle por Pedro (Jayme Matarazzo), mais um dos filhos biológicos de Domingos Montagner.

Como o nome da novela já entrega, serão sete jovens gerados com o material genético do protagonista: Além de Isabelle e Jayme, os outros filhos serão interpretados por Bruno Gissoni, Fernanda Vasconcellos, Maria Flor, Thiago Rodrigues e Maria Eduarda de Carvalho.

Não sei vocês, mas eu já estou ansiosíssima pela estreia dessa novela! Amei o texto de Lícia Manzo em A Vida da Gente e no seriado Tudo Novo de Novo. Acho que essa deve ser uma das melhores autoras da nova safra da Globo.

Bookmark and Share