Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Eu e Wanderley

28 de abril de 2009 4

Na época Wanderley corria pela Caloi.

Carlos Júnior,  enviou, com orgulho, a foto tirada em 12/06/89 com o grande Wanderley Magalhães, após um prova que chegou na avenida Beira Rio. Alguém sabe que corrida aconteceu em Joinville nesta data?

 

Conquista de um grande Campeão, Wanderley Magalhães

1980 – Torna-se ciclista oficial da ADC Transportadora Útil, empresa da família, apoio decisivo para que conquiste o oitavo lugar no campeonato goiano;

1981 – Campeão goiano pela primeira vez, quarto colocado no Campeonato Brasileiro categoria Elite;
1982 – Campeão dos “100 Km de Brasília”, Bicampeão Goiano, Campeão do Torneio Centro-Oeste;
1983 – Terceiro colocado na prova da Inconfidência, terceiro lugar no Pan-Americano da Venezuela, sua primeira participação internacional, trazendo três medalhas de prata para o Brasil;
1984 – Décimo lugar no Mundial de Ciclismo Júnior, disputado na França, onde, devido ao seu desempenho, é convidado para um período de estágio na equipe Peugeot, quando conquistou duas brilhantes vitórias; campeão da Taça Brasil, campeão brasileiro de Resistência e Pista; Bicampeão dos “100 Km de Brasília”;
1985 – Campeão da III Copa Amazônia Internacional; vice campeão Paulista de Resistência; campeão da Volta do Chile por equipe; vice campeão Pan Americano no Uruguai, estágio da quatro meses na equipe Renault (França);
1986 – Campeão da Rutas de América, no Uruguai; Campeão do Grande Prêmio de Interlagos; quinto lugar na 48a. Volta de Portugal; terceiro colocado na Volta Internacional do Chile;
1987 – Vitórias em provas internacionais na França, Espanha, Bélgica, Portugal, Itália e Áustria; participação no Mundial da Áustria; quarto lugar no Pan-Americano de Indianápolis (EUA);
1988 – Participação nos Jogos Olímpicos de Seul; terceiro lugar no Circuito Internacional de Ciclismo, na Califórnia (EUA); campeão do GP de Misuwhome (Bélgica); campeão da Volta de Santa Catarina; vice-campeão da 44a. prova 9 de Julho; integrou a Seleção Brasileira da Volta da Paz (Polônia);
1989 – Campeão do GP Caloi, no autódromo de Jacarepaguá; campeão da 45a. prova 9 de Julho; campeão da Groot Peersel e Knokke Heistm na Bélgica; campeão dos GPs de Kester, Koksidje, Lessen, Ellezelles, Lennik, Gooik, Zottegen e Thuin, todos na Bélgica; vencedor de quatro etapas da Volta do Chile; campeão da décima etapa da Volta de Portugal; integrante da Seleção Brasileira no Campeonato Mundial da França; estabeleceu o tempo de 5h57min37seg. no percurso Brasília-Goiânia;
1990 – Bicampeão da Caloi Fórmula 1, em Interlagos; campeão de uma etapa da Rutas de América (Uruguai); campeão do GP Hollain (França); bicampeão da 46a. prova 9 de Julho; participou do Mundial de Ciclismo no Japão; detentor do recorde do percurso Brasília-Goiânia, com o tempo de 5h.23’45”.
1991 – Tricampeão do GP Caloi na Fórmula 1, em Interlagos; tricampeão da 47a. prova 9 de Julho; medalha de Bronze no Pan-Americano d Cube; 13o. colocado no Mundial de Stuttgart, na Alemanha; estágio na Europa, com participações em provas na Bélgica, Holanda, Espanha e França; bicampeão da Volta de Santa Catarina; campeão de duas etapas da Volta do Chile;
1992 – Pentacampeão do Torneio de Verão; vice-campeão da 48a. prova 9 de Julho; campeão dos GPs Templeuve e Grammont, na Bélgica; 23o. colocado nos Jogos Olímpicos de Barcelona, na prova de Resistência.

PROVAS DISPUTADAS COMO PROFISSIONAL

1993 – Campeão do GP Merbs le Chateau, na Bélgica; GP Naquera; Troféu Luiz Puig; Tour de Valência; Tour der Murcia, todos na Espanha; GP Harelbeke (Bélgica); GP Rennes, GP Denaine e Paris-Roubaix, na França; GP Veenedal, Holanda; Volta de Luxemburgo; Tour da Calábria, Itália; Campeonato Mundial, na Noruega; Milão-Turin, na Itália;
1994 – Tour de Bességes, Paris-Camanbert, Tour de Vendeé, 4 Dias de Dunkerque, Criterium Dauphine Libere, Rutas do Sud e Volta da França; Troféu Laiguegliam Itália; GP Veenendal, Holanda; GP Frankfurt, Alemanha; GP Gippingen, Suiça, GP Wallonie, Bélgica. (fonte: Federação Catarinense de Ciclismo)

Postado por Cleber Gomes / Joinville

Comentários (4)

  • ANDRADE diz: 30 de abril de 2009

    ESTE EVENTO FOI UMA ETAPA DA VOLTA DA INTEGRAÇÃO/TOUR HANSEN, QUE ERA DISPUTADA EM 1o DE MAIO. AS ETAPAS CONTEMPLAVAM AINDA AS CIDADES DE POMERODE E BRUSQUE.

    nota do blogueiro

    Palavra de quem vive o ciclismo. Agora, no dia 1 de maio, o atletas podem competir na Hans Fisher, em Pomerode.

  • Rogério Muller diz: 29 de abril de 2009

    Esta prova creio que foi a Volta de SC, que Wanderlei ganhou de forma fenomenal, após uma briga com a equipe. Ele fugiu do pelotão bem antes de Campo Alegre e veio sozinho, brilhantemente até vencer a prova em Joinville.

     

    nota do blogueiro

    Maravilha! Obrigado Rogério. Agora o Carlos pode dizer que assistiu a chegada de volta em Joinville.

  • Valéria Magalhães diz: 13 de janeiro de 2010

    Fiquei muito emocionada e feliz ao ver essa foto. Obrigada.
    Valéria Magalhães
    (irmã do Wanderley Magalhães)

  • Anderson Zomer diz: 22 de junho de 2009

    Meus amigos, só um comentário, por uma acaso o ciclista que está ao fundo da foto é o Vandereli Zimmerman ? Me parece ele com a camisa da equipe Metalciclo…

    Um abraço

Envie seu Comentário