Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

XII Volta a Santa Catarina em Mountain Bike

12 de agosto de 2010 0

Se você é um apaixonado por desafios e ama o mundo da bike sendo profissional ou amador, está desde já

convocado e não pode ficar de fora desta maravilhosa festa de 9 a 12 de Outubro de 2010. Prepare a sua

bike e não esqueça do capacete, ponha sua parceira no carro, junte sua família e pé na estrada rumo a

Pomerode/SC. Será uma ótima ocasião para desfrutar da cultura, tradição e culinária germânica e italiana

nas cidades de Santa Catarina (Pomerode & Timbó), além de uma nova oportunidade para matar a

saudade dos companheiros, fazer novos amigos e divertir-se à vontade nesta festa do Mountain Bike

brasileiro. Será uma festa com o espírito e no melhor estilo do Mountain Bike brasileiro, venha vencer

este desafio, superar as montanhas, os estradões, as trilhas e muitos outros obstáculos que lhe esperam!

Bem receber os participantes da Volta a Santa Catarina em Mountain Bike em nossa casa tem sido uma

preocupação constante da Organização. Diferenciá-los de muitos dos outros, onde o interesse comercial

quase sempre é o seu objetivo principal, tornou-se a questão primordial. Estes princípios, seguidos à risca,

resultam em provas de alto nível e qualidade organizados por ciclistas para os ciclistas.

Está parceria entre Federação Catarinense de Ciclismo responsável legal pela modalidade em Santa

Catarina, os Municípios Pomerode e Timbó e a conceituada Bike Shop do estado, Twins Bike Shop

(www.twinsbike.com.br), traz a você o respeito e a responsabilidade de bem servir aos atletas e amantes

deste esporte.

Ao visitar Santa Catarina descubra entre os roteiros mais belos do Estado, o Vale do Rio Itajaí, também

conhecido por Vale Europeu. Este foi colonizado por diversas correntes migratórias, principalmente no

século XIX por imigrantes alemães que começaram a chegar em 1828 e vieram em grande número após

1850. O Vale guarda na gastronomia, na arquitetura, no folclore, nas danças e festas, os hábitos dos seus

ancestrais. São mais de 520 mil habitantes detendo um dos melhores padrões de qualidade de vida do

Brasil.

Além de suas tradições o Vale Europeu destaca-se pela pujança de sua economia. É uma das regiões mais

ricas não só de Santa Catarina, mas também do país. É bastante industrializado com mais de 4.700

indústrias, sendo considerado o maior pólo têxtil da América Latina. É uma prova de que o Brasil é um

país que tem tudo para dar certo.

Mas o Vale não é fértil apenas na agricultura, em sua industrialização, na cultura, na alegria de seu povo.

Merecem destaque, lindos cenários de belezas naturais, dando aos amantes do ecoturismo um prato cheio

de opções: montanhas, cachoeiras, cavernas, rios caldalosos e com fortes correntezas, trilhas ecológicas,

além do Santuário de Santa Paulina, a primeira santa brasileira, o primeiro roteiro de cicloturismo do

Brasil. Enfim, opções é que não faltam.

Colonizada por imigrantes alemães da província da Pomerânia, norte da Alemanha, Pomerode é

considerada a cidade mais alemã do Brasil, onde 70% da população fazem uso do idioma e dos dialetos

germânicos. Pomerode se destaca como maior pólo gastronômico do Vale Europeu. O ambiente

acolhedor dos restaurantes convida o visitante a apreciar o sabor de pratos típicos, como o marreco

recheado, Kassler, Eisben, entre outras delícias da culinária alemã e mundial. Já as confeitarias são uma

conversa à parte, oferecendo irresistíveis tipos de pães, cucas, bolachas, doces e tortas. Biker’s Pomerode

erwartet Sie mit grosser Freude! (Biker’s Pomerode o espera com muita alegria!).

Timbó é uma pequena e charmosa cidade. Por causa de sua beleza e da excelente qualidade de vida do

timboense classificada pela ONU como a 10ª melhor cidade do Brasil para morar é carinhosamente

chamada de Pérola do Vale. Localizada em uma região que foi abençoada pela natureza, Timbó é cercada

por bela e exuberante vegetação nativa, morros e rios de águas limpas. O timboense é um povo alegre,

simpático e receptivo, características que foram herdadas dos imigrantes italianos e alemães que

colonizaram a cidade. A Festa do Imigrante, que faz parte do calendário catarinense das festas de outubro,

exalta essas características, além de apresentar ao público desfiles folclóricos, danças típicas e farta

culinária. Andando pela cidade pode-se observar outras heranças deixadas pelos colonizadores na

arquitetura charmosa das residências que contrastam com os jardins muito bem cuidados.

Realização: Apoio:

WWW.CICLISMOSC.COM.BR

WWW.TWINSBIKE.COM.BR

Envie seu Comentário