Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Raphael Serpa vence 2ª etapa e assume a liderança do Giro do Interior de SP

17 de março de 2011 0




Fotos de Ivan Storti/CBC

Texto: Marcos Adami, BM Press

Os ciclistas Raphael Serpa e André Pulini, ambos da equipe São Lucas/Giant/Ciclo Ravena, de Americana, conquistaram uma vitória emocionante na terceira etapa.


Serpa assumiu a liderança geral da prova e pela primeira vez em sua carreira vai vestir a camisa de líder numa corrida por etapas. O atleta tem uma vantagem de 3 segundos sobre o segundo colocado, Thiago Nardin, da equipe São Francisco Saúde/KHS, de Ribeirão Preto.


A vitória de Raphael Serpa foi definida no último quilômetro dos 118,1 quilômetros da etapa, já no perímetro urbano da cidade de Bocaina, a 60 km de Barra Bonita. Serpa e Pulini cruzaram a meta lado a lado e comemoraram muito o resultado. Serpa marcou o tempo de 2h46min16s e 42,61 km/h de velocidade média.


“Antes da prova conversamos muito sobre como seria nossa estratégia e durante a etapa procurei saltar nas fugas certas e poupar forças para o final. Agora, com a camisa amarela, toda a estratégia vai mudar”, contou o vencedor de 25 anos que mora na capital paulista.


André Pulini, que além de competir é o responsável pela organização do evento, também celebrou o resultado. “Ano passado fui terceiro colocado nessa mesma etapa e estou muito feliz por mais esse pódio”, afirmou Pulini que ocupa a 12ª colocação geral.


Flávio Santos, que liderava a prova, desceu para a quarta colocação geral, a 3 segundos do líder. Flávio é o novo líder da classificação por pontos (15 pontos). Na classificação de montanhas a liderança é de José Eriberto, da equipe Padaria Real/Céu Alimentos, de Sorocaba, com 10 pontos.


A liderança por equipes continua com a equipe norte-americana Chipotle Development Team, do Colorado, que tem 1min35s de vantagem sobre a equipe de Sorocaba.


PELOTÃO FRACIONADO


A prova teve início às 9 horas com temperatura bastante agradável. Sem o vento forte da etapa anterior, o pelotão se manteve compacto até a passagem pela cidade de Itapuí, onde o pelotão enfrentou mais de um quilômetro de ruas com calçamento de paralelepípedos e muitas lombadas.

Após o retorno em Itapuí, o pelotão apertou o ritmo na primeira subida depois do perímetro urbano (KM 37) e o pelotão se fracionou em vários grupos.  Na passagem pela meta volante no KM 70.5, os ciclistas estavam divididos em três grandes grupos e a vitória da meta intermediária foi do cubano Michel Garcia, com Flávio Santos e Raphael Serpa em segundo e em terceiro respectivamente.


Depois da meta volante, o pelotão principal chegou a abrir uma vantagem de 1min30s sobre o primeiro grupo perseguidor e 5min30s para o grupo seguinte.


Na altura do KM 100, Renato Seabra tentou repetir a façanha do ano passado – quando saiu numa fuga e conquistou a camisa de líder – e escapou acompanhado de Kleber Ramos, que venceu a meta de montanha no KM 105.4.


Logo após o prêmio de montanha, a fuga da dupla foi neutralizada pelo pelotão principal – reduzido a 31 ciclistas, que imprimiam um forte ritmo. Mais atrás, outro grupo se sustentava na perseguição.


As primeiras colocações do pódio foram definidas no último quilômetro, todo em subida, já dentro de Bocaina. O terceiro lugar ficou com o norte-americano Jacob Rathe (Sub-23), seguido pelo catarinense Flávio Reblin e pelo potiguar José Eriberto.


TERCEIRA ETAPA


A terceira e penúltima etapa será a mais longa desse Giro Internacional do Interior de São Paulo. Nessa sexta-feira, os atletas terão uma jornada de 152 quilômetros com largada e chegada da Matriz da cidade de Igaraçu do Tietê. A largada será às 9 horas e a chegada está prevista para acontecer entre 12h30 e 13h15.


A primeira meta de montanha (categoria 3) será no quilômetro 11.5, a meta volante no KM 25.7 e a segunda meta de montanha (categoria 3) do dia será no KM 130.7.


A prova termina no sábado com uma etapa de 69 quilômetros. Dos 121 ciclistas que largaram na terça-feira, 74 continuam na disputa.


PRIMEIRA META VOLANTE – KM 70.1


1 – Michel Garcia – São Fco Saúde/KHS/Rib. Preto
2 – Flavio Santos – Funvic/Marcondes César/Pindamonhangaba
3 – Raphael Serpa – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana


META DE MONTANHA – KM 105.4


1 – Kleber Ramos – Padaria Real/Caloi/Céu Alimentos
2 – Renato Seabra – Clube DataRo de Ciclismo/Foz do Iguaçu
3 – José Eriberto – Padaria Real/Caloi/Céu Alimentos


OS CINCO PRIMEIROS DA SEGUNDA ETAPA


1 –  Raphael Serpa – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana – 2h46min16s
2 – André Pulini – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana – MT
3 – Jacob Rathe (Sub-23/EUA) -  Chipotle/EUA – 2h46min18s
4 – Flávio Reblin – Memorial/Pref. Santos/Giant – 2h46min20s
5 – José Eriberto – Padaria Real/Caloi/Céu Alimentos – 2h46min23s



OS 10 PRIMEIROS DA CLASSIFICAÇÃO GERAL


1 – Raphael Serpa – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana – 5h42min50s
2 – Thiago Nardin – São Fco Saúde/KHS/Rib. Preto – a 3s
3 – Jacob Rathe (Sub-23/EUA) – Chipotle Development Team – MT
4 – Flávio Santos – Funvic/Marcondes César/Pindamonhangaba – MT

5 – José Eriberto – Padaria Real/Caloi/CéuAlimentos – MT
6 – Andrei Krasilnikau (Sub-23/BLR) – Chipotle/EUA – a 12s
7 – Flávio Reblin – Memorial/Pref. Santos/Giant – a 17s
8 – Lachlan Morton (Sub-23/AUS) – Chipotle/EUA – a 37s
9 – Halysson Ferreira (Sub-23) – Velo/SEME/Rio Claro – a 39s

10 – Renato Ruiz – Padaria Real/Caloi/Céu Alimentos – a 40s

CLASSIFICAÇÃO GERAL POR PONTOS

1 – Flávio Santos – Funvic/Marcondes César/Pindamonhangaba – 15
2 – Raphael Serpa – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana – 12
3 – André Pulini – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana – 10

CLASSIFICAÇÃO GERAL DE MONTANHAS

1 – José Eriberto – Padaria Real/Caloi/CéuAlimentos – 10
2 – Tiago Fiorilli – Funvic/Marcondes César/Pindamonhangaba – 8
3 – Kleber Ramos – Padaria Real/Caloi/Céu Alimentos – 8

AS CINCO PRIMEIRAS EQUIPES

1 – Chipotle Development Team (EUA) – 17h09min18s

2 – Padaria Real/Caloi/CéuAlimentos – a 1min35s
3 – São Lucas/Giant/Ciclo Ravena/Americana – a 1min54s
4 – Clube DataRo de Ciclismo/Foz do Iguaçu – a 2min45s
5 – Funvic/Marcondes César/Pindamonhangaba – a 3min33s

ETAPAS

18/03 – 9h – Etapa 3 – Igaraçu do Tietê –Agudos-Igaraçu do Tietê – 152km
19/03 – 9h – Etapa 4 – Barra-Macatuba–Barra-Macatuba–Barra Bonita – 69km

A quarta edição do Giro Internacional do Interior de São Paulo tem os patrocínio do Banco do Brasil, o banco do ciclismo brasileiro, e da Estância Turística de Barra Bonita, com o apoio da Policia Militar e Rodoviária do Estado de São Paulo, DER (Departamento de Estradas e Rodagem de São Paulo), Prefeitura Municipal de Bocaina, Prefeitura Municipal de Itapuí, Prefeitura Municipal de Macatuba, Prefeitura Municipal de Igaraçu do Tietê, Prefeitura Municipal de Borebi, Prefeitura Municipal de Agudos, Prefeitura Municipal de Mineiros do Tietê e Classificados Bikemagazine. A realização é da Prefeitura da Estância Turística de Barra Bonita, com supervisão da Federação Paulista de Ciclismo, da Confederação Brasileira de Ciclismo e da UCI (União Ciclística Internacional).

Envie seu Comentário