Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Metal das Gerais

26 de agosto de 2010 1

Acho que não resta muitas dúvidas de que, ao se falar em heavy metal no Brasil, a cena mineira se sobressai sem grandes esforços. E não pensem que ela se restringe a Overdose, Sarcófago, Sepultura – que tornou-se um nome mundial do gênero – e o lendário selo Cogumelo. Nos anos 80, a combustão do rock pesado em Belo Horizonte e arredores pariu filhotes variados (Sextrash, Holocausto, Mutilator, Witchammer, Chakal, Kamikaze, entre outros) que extrapolaram as fronteiras estaduais com muito peso, brutalidade, cruzes e demônios. Uma história narrada por músicos, produtores, roadies, jornalistas e fãs no documentário Ruído das Minas, de Filipe Sartoreto, lançado em 2009. Não tenho certeza se já saiu em DVD, mas o filme, na íntegra e com todos os extras, tá disponível pra download bem AQUI.

Comentários (1)

  • Helliot Jr diz: 26 de agosto de 2010

    Sensacional! E essa banda da Finlândia que canta em português?! Força Macabra que pira! E o cara do Witch Hammer falando o pq de cantar em inglês “Usando a própria arma do cara…pra falar: Bicho vc é escroto…e na sua lingua eu te falo isso… Vc nem sabe a minha .. eu sei a sua, a minha e mais outras duas ou três”. War Metal by Holocausto, hehehe. Gringo indo pro Brasil pra conhecer o bar que os caras bebiam em BH… impressionante!

    Deus salve o metal

    Obrigado Rubão, achei muito bacana o documentário… Salve o Orelhada!

    Todos os méritos ao grande Aristides Jr, que me passou essa pérola. Abs.

Envie seu Comentário