Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Punks tristes

21 de outubro de 2010 0

Eita, o dia é mesmo de luto. Mais uma morte, esta na seara do punk icônico. Leiam o texto retirado do portal de notícias G1:

Morreu na última quarta-feira (20) a cantora alemã Arianna Foster, vocalista da pioneira banda punk britânica The Slits. De acordo com um comunicado publicado no site de John Lydon (ex-Sex Pistols e PiL), Ari Up, como também era conhecida, foi vítima de uma “grave doença”. Ela tinha 48 anos.
Ari Up e a baterista Palmolive formaram a Slits em 1976, quando tinha apenas 14 anos. O grupo rapidamente tornou-se um dos mais notórios do nascente movimento punk, não só porque suas integrantes eram predominantemente jovens meninas, mas também por causa do estilo ultrajante e das brincadeiras no palco e fora dele – as Slits apareceram de topless, cobertas de lama, já na capa do álbum de estreia, “Cut”, de 1979.
Antes de se separarem, ainda lançariam o experimental “Return of the siant slits” em 1981. Up então passou a trabalhar no projeto New Age Steppers, de Adrian Sherwood, e a gravar como uma artista solo.
Em 2005, a cantora juntou-se à baixista Tessa Pollitt e reuniu as Slits para o EP “Revenge of the killer slits”, em 2006, e para o9 álbum “Trapped animal”, de 2009.
Johnny Marr, ex-guitarrista dos Smiths e atual The Cribs, prestou uma homenagem à Arianna com uma mensagem publicada no Twitter: “Respeito a Ari Up. As Slits tocaram com o The Cribs no ano passado e ela foi ótima”.

Assista a vídeos das Slits AQUI.

Envie seu Comentário