Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de maio 2012

O ardido som da contravenção

31 de maio de 2012 0

Tranquem a casa e soltem os cachorros, porque o country fora da lei tá chegando à cidade. E vem bem representado por Willie Heath Neal, um americano da Georgia com cara de quem já viveu um bocado e experimentou de tudo e que agora poderá incorporar três shows em Santa Catarina a sua biografia: sexta-feira (1º) em Floripa (John Bull), sábado (2) em Jaraguá (Espaço Oca) e domingo (3) em Blumenau (Ahoy!). Rebelde assumido, Neal nasceu num carro de polícia, é filho de uma cantora da noite, viveu num orfanato e aprontou tanto que foi se emendar na Marinha. Servindo na Ásia, montou uma banda punk, mas voltou aos EUA, onde passou pelo rockabilly e o psychobilly até descobrir o quanto amava o country. Mas esqueça os tradicionalistas de chapelão e voz fanha – o caso aqui é de alguém que foge do padrão caipira assimilando o pó da estrada, a velocidade dos carros e a atitude dos contraventores (confira os vídeos no blog). Com o oitavo disco na bagagem, Out of Highway (2009), Willie Heath Neal vem percorrendo o Sul e o Sudeste com a banda londrinense Fabulous Bandits, um apoio e tanto pra quem é dado a meter o pé na porta do saloon.

A grande ressurreição do The Cult

31 de maio de 2012 0

Notou alguma semelhança entre as duas capas acima? Não é o caso de autoplágio, mas o Cult parece ter uma fixação por seres com chifres, vai saber. O fato é que a ligação entre o The Cult de 1994 e o Choice of Weapon, lançado na semana passada, vai além da capa e mostra os ingleses voltando aos seus melhores dias dentro de um estúdio. Muita gente (fãs, inclusive) torce o nariz pro disco de 18 anos atrás, mas aquela era uma banda que buscava a atualização sem desprender-se de seu universo glamouroso, de riffs intensos e antagonismos entre o mundano e o espiritual. No novo disco, Ian Astbury e Billy Duffy deixam de lado os artifícios modernosos (exceto em Every Man and Woman is a Star) pra mergulhar de cabeça no rock de arena mais visceral e explorando ainda mais os temas além deste plano terrestre. Em alguns momentos, parece que voltamos ao som bombástico de Sonic Temple (1989), como em The Wolf, Lucifer, A Pale Horse e a bela balada psicodélica Life Death. Em outros, o grupo acelera com gosto e alcança um balanço a la T.Rex, caso de Honey from a Knife e For the Animals. Já Elemental LightThe Night in the City Forever tem aquele ar gótico/tribalista que Astbury tanto gosta. Não fosse por duas ou três faixas descartáveis, seria um álbum quase perfeito. Ainda assim, é uma volta e tanto de uma banda pela qual já não se dava muita coisa.

Atentado

31 de maio de 2012 0

Falando em desafinar… Se bem conhecemos o patriotismo exarcebado dos americanos, a moça do vídeo abaixo foi presa logo depois da apresentação. Ao menos parecia ser o sentimento vindo da arquibancada.

Estranhos no ninho

31 de maio de 2012 0

Wagner Moura, claro, tá no céu por ter dividido o palco com os ídolos Marcelo Bonfá e Dado Villa-Lobos no tributo a Legião Urbana organizado pela MTV. Os dois shows em São Paulo, na terça (29) e quarta-feira (30),  foram transmitidos ao vivo pela emissora e expuseram as tremendas limitações vocais do Capitãso Nascimento – que causaram vários rompantes de desafinação -, compensadas com empolgação, suor e carisma. Claro que choveram opiniões divididas na internet. Uns defendendo o Moura fã e a iniciativa da homenagem, outros criticando a escolha de um ator para o posto e uns terceiros fazendo piada com esse “acúmulo de funções”. Direto do Twitter, o blog pinçou ideias de homenagens cabíveis de serem feitas por “estranhos no ninho”:

Tributo ao Joy Division por Ewan McGregor
Tributo ao Nirvana por Chris Hemsworth (o Thor)
Tributo ao Twisted Sister por Ísis de Oliveira
Tributo ao Raimundos por Rodrigo Minotauro
Tributo a Marina Lima por Juliana Paes
Tributo aos Mamonas Assassinas por menina Maísa
Tributo ao The Wailers por Vagner Love
Tributo ao Redson (Cólera) por Gero Camilo
Tributo a Donna Summer por Liedson
Tributo a Notorius BIG por Sergio Loroza
Tributo a Tim Maia por Ronaldo Fenômeno
E finalmente…
Tributo ao Pica Pau por Neymar

It's not my Place - Ramones

30 de maio de 2012 1

Um vídeo “das antigas” dos Ramones ao qual só fui apresentado agora: It’s Not My Place (In the 9 to 5 World), faixa do album Pleasant Dreams, de 1981.

Solos de verão

30 de maio de 2012 0

Senhores guitarristas, vocês têm lugar no quintal pra fazer uma dessas? Caso interesse, saibam onde procurar AQUI.

Joinville Jazz Festival: uma nova tentativa

30 de maio de 2012 0

Carlos Adauto Virmond Veira calcula ter recebido, só neste ano, cerca de 150 CDs de artistas interessados em participar do Joinville Jazz Festival. Coisa parecida acontece quando o produtor Luis Bueno circula com a camiseta do evento: não faltam músicos o abordando, querendo mostrar serviço aqui. Como se vê, o interesse pelo festival Brasil afora não esmoreceu, mesmo com o vão deixado por ele em 2011, após oito anos seguidos de realização. O quanto a empolgação aguentará, caso o Joinville Jazz tropece mais uma vez, não se sabe. É uma possibilidade que, infelizmente, Vieira, o idealizador da festa sonora, não descarta, calejado que está com os últimos dissabores – em 2010, o orçamento obrigou a realização do festival num único dia, na Estação da Memória, e no ano passado, a verba sofreu cortes tão profundos que o cancelamento foi inevitável. Mais uma vez, o projeto vaga pelo Funcultural, em busca de recursos (não revelados) que considerem um evento de três dias, num teatro fechado e em palcos alternativos, com shows, oficinas e Clubinho do Jazz. Mas Vieira sabe que este é um ano (eleitoral) atípico e conhece uma coisa chamada burocracia. Só lhe resta torcer pela aprovação, com valores dignos e em tempo de organizar a parada até outubro.

Um futuro pra Pedreira Paulo Leminski

30 de maio de 2012 1

A proximidade com Curitiba faz com que os moradores do Norte catarinense tenham interesse direto na reabertura da Pedreira Paulo Leminski, palco da maioria dos grandes eventos (musicais, principalmente) na capital paranaense e fechada há quatro anos. A Prefeitura planeja conceder o parque – que inclui a Ópera de Arame – à exploração pela iniciativa privada. Com isso, além de economizar R$ 600 mil por ano na manutenção do lugar, irá arrecadar R$ 150 mil pela outorga mínima inicial e 4% do valor bruto arrecadado em eventos privados. Esses valores, segundo a imprensa curitibana, seriam investidos diretamente na área cultural da cidade. A abertura das propostas de preços será na próxima segunda-feira (4), e a empresa vencedora terá que investir, de cara, R$ 20 milhões em obras de melhorias.
Só pra situar, o fechamento da Pedreira, em 2008, praticamente tirou Curitiba da rota dos grandes shows internacionais. Por lá passaram Pearl Jam, AC/DC, Bon Jovi, Ramones, INXS, Pixies e o TIM Festival, entre muitos outros.

No Hope - The Vaccines

29 de maio de 2012 1

The Vaccines não divulgou data, título ou track list do segundo disco, mas deixou o primeiro single voar livre na segunda-feira (28). Se é ansiedade de mostrar serviço ou vontade de agradar os fãs, só nos resta agradecer a deferência, porque No Hope é outra pérola melódica do quarteto inglês e leva o maior jeito de bubblegum sessentista.

O poder do metal

29 de maio de 2012 1

Sabem qual é o número da besta? Errou quem respondeu 666. No Reino Unido, é número 1. Essa foi a posição que The Number of the Beast, o clássico-mor do Iron Maiden, lançado em , apareceu numa enquete feita pela cadeia de lojas HMV pra celebrar os 60 anos de reinado de Elizabeth II. A questão proposta aos internautas era: qual o melhor disco britânico das últimas seis décadas? Resposta: Beatles, Stones, Queen, Pink Floyd, David Bowie???? Não, o metal do Maiden chegou chutando a porta e ocupou o topo justamente no seu aniversário de 30 anos, deixando o Fab Four pra trás, que compensou emplacando quatro álbuns entre os dez mais. É, jamis subestime a paixão da massa banger. Nem os fãs do Depeche Mode, que apareceu com um surpreendente segundo lugar, e os da cantora Adele, única artista nova na lista.

Os 10 primeiros

1º The Number of the Beast – Iron Maiden
2º Violator – Depeche Mode
3º Sgt. Pepper’s Lonely Heart Club Band – Beatles
4 º Abbey Road – Beatles
5º The Dark Side of the Moon – Pink Floyd
6º Revolver – Beatles
7º A Night at the Opera – Queen
8º (What’s the Story) Morning Glory – Oasis
9º 21 – Adele
10º White Album – Beatles