Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Não esperem por nós

29 de maio de 2013 0

“Estamos numa fissura incrível pra fazer um som”. Esse é o aviso que o guitarrista/vocalista Tiago Lanznaster manda aos que andam se perguntam sobre o ligeiro sumiço do Reino Fungi desde o ano passado. Porém, ele também adverte que essa vontade toda não se converterá imediatamente numa enxurrada de shows e no lançamento de um novo disco – aliás, existe material suficiente para preencher um álbum duplo, garante o músico. Atividades variadas mantiveram os cinco integrantes ocupados, mas o presente de calma permitirá a eles se reunir no final de junho para decidir os próximos passos, que deverão passar por shows pontuais já agendados. “O que queremos mesmo é fazer poucos eventos, porém, algo muito criativo, inovador e que tenha valor agregado”, diz Tiago, acenando para a reciclagem de sons, influências, interesses e até de relacionamento pela qual os fungis têm passado. O chá gelou e ficará assim por mais um tempo, mas esperamos que volte a ser dançante.

Envie seu Comentário