Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Tombamento agora é inventariado

19 de novembro de 2013 0

cleber gomes

O termo “tombamento”, que dá calafrios a muitos donos de antigos imóveis, entrará em desuso por aqui. Aprovada em 2011, após seis anos sendo discutida, a lei que institui o Inventário do Patrimônio Cultural de Joinville (IPCJ) foi regulamentada há uma semana pelo prefeito interino Rodrigo Coelho e já passa a dar trabalho para a Fundação Cultural, responsável por levantar, nesta largada, detalhes das cerca de 1,2 mil Unidades de Interesse de Preservação (UIP) existentes na cidade. Esse estudo, garante o órgão municipal, não levará em conta somente a construção, mas também o bem imaterial, o histórico, que cerca a obra.
Na prática, o processo de inventariado é mais rápido e flexível – o caso de um imóvel poderá ser revisto a qualquer momento – e agiliza destinação ao bem contemplado. Quanto à natural rejeição ao tombamento que parte de muitos proprietários, pois volta e meia afeta o bolso deles, ela tenderá a diminuir, já que a IPCJ vai gerar benefícios, como descontos no IPTU e INSS (no caso de comércios instalados em bens inventariados).

Envie seu Comentário