Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Bem-vindo a Maniacópolis

12 de junho de 2014 0

edu hoffmann, divulgação
“Nessa cidade, o combustível é a falsidade, hipocrisia e mediocridade”. As boas-vindas a Maniacópolis sugerem que a visita não será das mais prazerosas, mas isso não é de todo verdadeiro. É como negar as belezas naturais de uma cidade diante das pilantragens de seus políticos. O passeio proposto pelo trio joinvilense Miopia em seu disco de estreia é cheio de solavancos ao longo dessas crônicas musicadas (14, no total) sobre a cidade/país imaginária/real onde vigora as “qualidades” relatadas na frase inicial. A abordagem da banda, porém, é humorada, à vezes seca, mas ainda assim escorregadia. O funk quebradiço, de rock, reggae e jazz alegremente invasivos e refrões ganchudos, acolhe de bom grado esses personagens – dissimulados, sofridos, vingativos até – narrados em Tratante, Garoto Pequeno Minibol, Sr. Nariz, Pobre Parasita Pobre, Ato Imoral e outras que fazem de Maniacópolis o retrato peculiar de uma sociedade descendo degrau por degrau. O primeiro disco conceitual joinvilense de longa duração – ou o primeiro em muito tempo, até onde me lembro – já está à venda em lojas da cidade e pelo bandamiopia@gmail.com, mas será oficialmente lançado no dia 6 de julho, no Sesc.

Envie seu Comentário