Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de agosto 2014

O "Trinta" de Felipe Melo

31 de agosto de 2014 0

divulgação
Sugiro uma boa ouvida no EP Trinta, lançado há poucos dias pelo músico e produtor ilhéu Felipe Melo. O homem toca o selo OPA Music! ao lado do parceiro musical Jean Mafra, com que desenvolve um trabalho um tanto diferente desta estreia
solo, focado em canções delicadas à base do ukelelê, percussão e acordeom. As três faixas estão comprimidas no play abaixo, mas Felipe também as oferece para download AQUI.

Espaço Autoral 2014 encerra neste sábado

30 de agosto de 2014 0

Após um agosto inteiro de apresentações na varanda do Mercado Público de Joinville, a edição 2014 do Espaço Autoral – projeto da Associação dos Músicos de Joinville (Amuj) que prioriza o trabalho próprio dos artistas locais – chega ao fim neste sábado (30). Cinco nomes se apresentam a partir das 18 horas e repercutem a diversidade sonora da iniciativa. Entre pop, rock, MPB e reggae, Samuel Moraes, Tony Araújo, Banda Paratodos, Somaa e Canela Brasil fazem a festa de ouvidos ansiosos por novidades. Não há cobrança de ingresso.

MAJ Sounds volta ao jardim do museu

29 de agosto de 2014 0

Para alegria dos puristas, o MAJ Sounds retorna ao jardim do Museu de Arte de Joinville neste sábado (30), às 14 horas, no Museu de Arte de Joinville. No local que sediou a primeira edição do evento, há dois anos, os DJ Roger Thiago e Vigas responderão pela discotecagem e serão acompanhados por Toquinho Guedes e a banda Samba Rock na parcela musical. Exposições, malabares, live paint e pirofagia também integram a programação, que é gratuita. E não esqueça de levar agasalhos, cobertores e sapatos para depositar nos pontos de coleta no MAJ.

O destino bate à porta

29 de agosto de 2014 0

Habituada a lançar clássicos da literatura em versão quadrinhos (como Dom Quixote e Ulisses), a Editora Peirópolis manda para as livrarias seu mais recente título: A Morte de Ivan Ilitch, adaptada para as HQs, com requintes de fidelidade, pelo artista plástico Caeto. Tida como a obra-prima do escritor russo Liev Tolstói, publicada originalmente em 1886, o livro – e agora graphic novel – descreve, em menos de cem páginas, a reviravolta na vida de Ilitch, um juiz bem-sucedido que adoece repentinamente. Mas, para ele, pior do que se defrontar com a morte é perceber o vazio da vida que levou, algo agravado pela reação pouco compreensiva de familiares e colegas a sua nova condição.

divulgação

No crime desde as fraldas

29 de agosto de 2014 0

divulgação
Em 2009, Bruce Springsteen lançou Working on a Dream, disco que continha a faixa Outlaw Pete, extraordinários oito minutos sobre um ladrão de bancos que começa no crime ainda bebê. Pois essa saga vai virar uma história em quadrinhos (homônima), assinada por Bruce e ilustrada por Frank Caruso, a ser lançada pela editora major Simon & Schuster em novembro. Acima, a capa da HQ, e no play abaixo, a música que a inspirou.

Na Minha Casa - Coletivo das Flores

29 de agosto de 2014 0

facebook/coletivo das flores
Está aí o primeiro single oficial do Coletivo das Flores, banda joinvilense que transita sem constrangimentos pelo rock e pelos ritmos brasileiros, especialmente o samba. E é numa sonora batucada que se apoia Na Minha Casa, composição do guitarrista/vocalista Felipe Harger produzida por Gabriel Vieira no Estúdio Toca 88 e masterizada no mítico Abbey Road (sim, aquele!).

Ele fala "agrolandês"

29 de agosto de 2014 0

 Cristiano Prim, divulgação
Talvez você, dileto leitor do blog, mesmo tendo nascido e crescido em Santa Catarina, nunca tenha ouvido falar de Agrolândia, minúsculo município no Alto Vale do Itajaí. Mas bastará a presença em uma das três sessões de O Homem de Agrolândia no Sesc de Joinville, entre esta sexta (29) e domingo (31), para tudo ficar claro em relação à localidade. Tudo bem que seja pelas vias da comédia, caminho que o ator Malcon Bauer encontrou para colocar no mapa a terra natal, com sua colonização alemã, economia agrícola, pracinha e seus jogos futebol. Sob a direção de Renato Turnes, Bauer aproxima teatro, performance e stand up comedy para fazer graça com suas origens, mas também narrar suas aventuras na cidade grande. As três apresentações, às 20 horas, são gratuitas.

Ramones: contagem regressiva para 2016

28 de agosto de 2014 1

divulgação
Ao que parece, falaremos muito dos Ramones até 2016, quando completarão 40 anos do lançamento do primeiro disco da banda e 20 do fim dela. Daqui até lá, rumores dão conta de um novo documentário, livro, musical na Broadway e até um filme dirigido por Martin Scorsese (que, devemos lembrar, já rodou docs sobre os Stones, Dylan e George Harrison). O que há de garantido até agora é um novo Best of a ser lançado pela gravadora Rhino, ainda sem data anunciada. O que diferencia esta de outra coletânea caça-níqueis é que todas as faixas serão selecionadas por Morrissey, encarregado de escolher dentre as suas preferidas dos pais do punk.
Os Ramones já têm uma série de compilações em sua discografia, a mais notória delas, Ramones Mania (1988), por sinal, o item ramônico que mais vendeu até hoje. Daí que propomos um desafio aos leitores do blog: se fosse você o responsável por montar uma coletânea dos Ramones, quais as 10 músicas que não poderiam faltar e em qual ordem elas apareceriam? Respostas nos comentários, por favor.
Particularmente, não acharia ruim uma coletânea que tivesse estas:

Blitzkrieg Bop
Swallow My Pride
Locket Love
Rockaway Beach
I Wanna Be Sedated
Rock’n’roll High School
Somebody Put Something in My Drink
Bop ‘Til You Drop
Merry Christmas (I Don’t Want to Fight Tonight)
Cabbies on Crack

Can't Break me Down - Billy Idol

28 de agosto de 2014 0

Até o mais cético fã de Billy Idol (sim, eles devem existir ainda) sabia que um dia desses seu ídolo apareceria com material novo. Pois nem demorou tanto – só nove anos. Idol anunciou para outubro (junto com sua autobiografia) um novo disco, Kings & Queens of the Underground, com 11 faixas, uma delas recém-lançada como single. Can’t Break me Down é exatamente como se ouvia Billy nos anos 80, mas de um jeito que as bandas revivalistas da época raramente conseguem.

O que vale é a experiência (mas grana é bom...)

28 de agosto de 2014 0

divulgação
O título original de Amante a Domicílio, recém-lançado em DVD, é mais condizente com a alma do filme escrito, dirigido e protagonizado por John Turturro: Gigolô Apagado. Nem em sonho o ator e diretor encarna o “amante profissional”, mas aqui mulheres lindas como Sharon Stone Sofía Vergara se derramam por ele, mais por seu cavalheirismo do que por sua aparência. Nem Woody Allen, o contraponto cômico ao romantismo do amigo, passaria pelo gigolô típico, tanto que é pego pela patrulha judaica do bairro. As motivações dos dois – dinheiro, sexo, experiência – se complementam, mas a interferência nas tradições expõe uma terceira via: a do chacoalhão nos velhos hábitos e a imprevisibilidade das emoções. Se a parte religiosa soa um tanto crítica ou irônica, é porque o filme às vezes parece mais de Allen do que de Turturro.