Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Unidos pelas guitarras

08 de dezembro de 2014 0

divulgação
A previsão é de que algumas lojas de Joinville comecem nesta segunda-feira (8) a ser abastecidas com cópias físicas de Clube da Distorção e Quebradeira Vol. II, o split album que reúne Sylverdale e Somaa. Pois não perca o caprichado digipack de vista. É uma farra de guitarras dos dois lados (são seis faixas para cada banda), mas acomodadas em palcos distintos. O trio Somaa intercala riffs matemáticos com passagens mais macias, mas sempre com a marca do pessimismo nas letras. Marionetes, antes só em clipe, ganhou registro louvável, Reviravolta de 360° arrebata com opressão crescente e , versão para Go Ahead, dos colegas de disco, virou festa punk. Já o Sylverdale ganhou sua melhor gravação até hoje, e num momento que a evolução da banda é explícita, muito por conta da entrada do baixista Felipe Harger, cantor em duas faixas. Vinda da escola indie/grunge, ela se acaba em distorção em Só Eu Sei o que Sonhei, funde peso e suingue em Daydream, arrisca voos mais altos na explosiva No Going Home e leva a releitura de Três, da Somaa, para terrenos “nirvanescos”.


Envie seu Comentário