Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Avaí"

Depois do clássico, falta o JEC buscar vitórias fora

08 de setembro de 2012 2

Vitória em clássico, com gol de pênalti quando quase todos já davam o 0 a 0 como certo, vale uma tremenda festa. Vale carreata, vale buzinaço, vale foguetório, vale chegar sem voz ao trabalho na segunda-feira… Vale tudo isso. Vale até uma ligação para a capital para zoar de um colega avaiano.

E num campeonato concorrido como esse da Série B, somar três pontos vale para mostrar aos concorrentes que estão se apresentando que eles vão ter de jogar muita bola se quiserem chegar à frente do JEC. Mas lembro de uma conta feita assim que terminou o primeiro turno: bastaria ao JEC vencer as partidas em casa.

Vai precisar mais que isso, ainda mais depois que o Atlético/PR, o mais cotado dos clubes da Série B para chegar à elite, reagiu e colou no G4. O JEC precisará vencer os que aparecerem pela Arena, buscar uma vitória para se recuperar do empate contra o ABC e ainda tentar bater pelo menos mais dois times longe de casa.

Não se trata de jogar água fria no embalo tricolor, longe disso. É que a subida para a Série A, tão bem encaminhada antes da partida contra o ABC, agora vai exigir esforço maior, mais suor, mais sangue, mais dedicação, mais tudo… E tudo isso tem de começar nesta terça, contra o ASA.

Avaí 1 x 0 JEC - A lição da Ressacada

08 de abril de 2012 4

Assisti a Avaí e JEC olhando para o futuro. Sim, porque por mais que os estaduais sirvam para alimentar as rivalidades regionais, acredito que o Brasil deveria fazer um investimento gigante em ter pelo menos três divisões fortalecidas como hoje são as séries A e B – estadual deveria ser para times fora de série.

Assisti a Avaí 1 x 0 JEC olhando para a Série B do Brasileirão, para a competição que mais vale às duas equipes neste ano. E confesso que fiquei preocupado.

Como diz o perfil aí do lado, gosto de times montados a partir de sólidos esquemas defensivos. Sou um retranqueiro por natureza e convicção. E na ensolarada tarde da Ressacada vi dois times que só não se maltraram mais porque os ataques foram muito mal.

O recado dessas linhas serve para JEC, que apesar da derrota segue bem no Catarinense – uma vitória contra o Brusque na Arena resolve tudo. Para jogar a Série B será preciso abrir a carteira, garimpar mais gente boa. E é preciso olhar para o interior de outros estados e de SC desde agora.

O debate está aberto.

Público e renda do Estadual - atualização

12 de março de 2010 21

As férias fazem dessas coisas…

Levei um tempo para atualizar os dados de público e renda.

Da última publicação para essa o que dá para dizer:

– A torcida do JEC não tem sido tão presente quanto no ano passado. Com novas perspectivas a partir da mudança de comando e da dispensa de jogadores, a tendência é o torcedor se interressar um pouco mais pelo clube;

– A Chapecoense, classificada para a próxima fase da Copa do Brasil, está em situação complicada. Na tabela, três pontos do Brusque na briga contra o rebaixamento, mas na prática terá de fazer de agora em diante quatro pontos a mais que o rival do Vale (se fizer três, fica atrás no número de vitórias). E, para piorar, o confronto direto será em Brusque e o time terá uma partida a menos em casa que o rival;

– A Avaí é o time que levou mais gente aos estádios. A grife da Série A pesa nessa hora.

Públicos Catarinense

Clube         Público       
JEC           52.071 (7)
Figueirense   35.520 (7)
Avaí          34.002 (7)

Chapecoense   24.008 (8)
Criciúma      18.095 (7)
Brusque        9.947 (7)
Metrô          9.925 (5)
Imbituba       7.540 (8)
Atlético/IB    6.446 (5)
Juventus       2.085 (6)
obs: entre parêntesis, o número de partidas

Público (média)
JEC           7.439
Figueirense   5.074

Avaí          4.857
Chapecoense   3.001
Criciúma      2.585
Brusque       1.421
Metrô         1.985
Atlético/IB   1.289
Imbituba        942
Juventus        348

Por arrecadação (R$)
Clube            Bruto            Líquido
JEC            294.676            142.547
Figueirense    280.235            169.789
Avaí           181.180            108.608
Chapecoense    115.745             65.213
Criciúma        94.524             33.336
Metrô           73.414             37.919
Brusque         62.935             21.992
Imbituba        55.361             12.257
Atlético/IB     49.897             17.753

Juventus        16.675           – 13.300
Melhor público

Joinville 1 x 1 Avaí : 13.404
Pior Publico
Juventus x Atlético/IB: 183

Quem foi assistido por mais gente no estádio (casa + visitante):


Clube             Público
Avaí              74.505
Joinville         70.845
Figueirense       49.784
Chapecoense       41.552
Metropolitano     37.340

Criciúma          29.394
Imbituba          29.371

Atlético/IB       28.094

Brusque           21.892
Juventus          17.329