Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Brusque"

JEC 2 x 0 Brusque: Hora de comemorar

15 de abril de 2012 0

Talvez o mais pessimista dos tricolores, lá num lugar bem escondido da consciência, trabalhasse com a possibilidade de um desastre na tarde deste domingo na Arena. Mas esse pessimista por natureza passou para o lado da felicidade em apenas seis minutos de jogo, quando Ramon faz 1 a 0 para o JEC.  Um sustinho aqui, outro ali, mas nada que pudesse causar desconforto aos tricolores. O gol de Aldair sepultou qualquer medo.

A arrancada a partir da chegada de Argel fez os torcedores esquecerem as primeiras rodadas, aquelas que deram medo e que mostravam um rendimento bem inferior ao mostrado no fim da temporada passada. Ao torcedor cabe comemorar a classificação, vibrar a cada vitória, curtir o presente. Saber que o JEC tem condições de encarar Figueirenses, Avaí e Chapecoense olhando no olho, sem piscar, sem baixar a cabeça. E também olhar para o futuro, entender que um título estadual é importante, mas que o acesso à Série A é ainda muito melhor.

No sufoco, paz volta ao JEC

15 de março de 2010 25

O que um time que passa por instabilidade precisa é de uma vitória para começar a botar ordem na casa.

E foi isso que aconteceu há pouco na Arena.

Os 3 a 2 sobre o Brusque, sofrido como não se imaginaria que pudesse ser, valeu mais do que a apresentação do JEC, que era tranquila até o pênalti para o Brusque e a expulsão de Lacerda, aos 15 do segundo tempo. Dali em diante foram 28 minutos de sofrimento para o torcedor tricolor, desde aquele que aproveitou a brisa fresquinha das arquibancadas da Arena aos que preferiram o sofá de casa ligados no PPV – os dois dão receita ao clube e não tem essa de que quem vai ao estádio é mais torcedor que o outro.

Na estreia do técnico Mauro Ovelha, o time, enquanto teve 11 jogadores em campo, pareceu um pouco mais organizado do que na era Sérgio Ramírez. Depois virou bagunça e não sofreu o empate por causa do goleiro André.  A partida contra o Atlético/IB é que vai dizer se o JEC terá condições de recuperar o moral para encarar a decisão do Catarinense. Tem mais cinco para isso.

A vitória leva o JEC a 24 pontos. Passa à frente de quase todos os concorrentes na classificação geral. Fica atrás só do Avaí. Teria essas cinco rodadas para descontar seis pontos, no que não acredito. A notícia ruim seria que, numa final bem possível contra o Leão, faria a ida na Arena e a decisão na Ressacada tendo de OBRIGATORIAMENTE vencer uma das partidas.

A vantagem só viria para o Tricolor em uma conquista também do segundo turno. A vitória sobre o Brusque botou o time na briga pela conquista também do returno. E como este blog vinha falando: ainda bem que o JEC conseguiu vaga na final na primeira oportunidade que teve. Se precisasse brigar por ela agora, a luta seria muito mais intensa.

Público e renda do Estadual - atualização

12 de março de 2010 21

As férias fazem dessas coisas…

Levei um tempo para atualizar os dados de público e renda.

Da última publicação para essa o que dá para dizer:

– A torcida do JEC não tem sido tão presente quanto no ano passado. Com novas perspectivas a partir da mudança de comando e da dispensa de jogadores, a tendência é o torcedor se interressar um pouco mais pelo clube;

– A Chapecoense, classificada para a próxima fase da Copa do Brasil, está em situação complicada. Na tabela, três pontos do Brusque na briga contra o rebaixamento, mas na prática terá de fazer de agora em diante quatro pontos a mais que o rival do Vale (se fizer três, fica atrás no número de vitórias). E, para piorar, o confronto direto será em Brusque e o time terá uma partida a menos em casa que o rival;

– A Avaí é o time que levou mais gente aos estádios. A grife da Série A pesa nessa hora.

Públicos Catarinense

Clube         Público       
JEC           52.071 (7)
Figueirense   35.520 (7)
Avaí          34.002 (7)

Chapecoense   24.008 (8)
Criciúma      18.095 (7)
Brusque        9.947 (7)
Metrô          9.925 (5)
Imbituba       7.540 (8)
Atlético/IB    6.446 (5)
Juventus       2.085 (6)
obs: entre parêntesis, o número de partidas

Público (média)
JEC           7.439
Figueirense   5.074

Avaí          4.857
Chapecoense   3.001
Criciúma      2.585
Brusque       1.421
Metrô         1.985
Atlético/IB   1.289
Imbituba        942
Juventus        348

Por arrecadação (R$)
Clube            Bruto            Líquido
JEC            294.676            142.547
Figueirense    280.235            169.789
Avaí           181.180            108.608
Chapecoense    115.745             65.213
Criciúma        94.524             33.336
Metrô           73.414             37.919
Brusque         62.935             21.992
Imbituba        55.361             12.257
Atlético/IB     49.897             17.753

Juventus        16.675           – 13.300
Melhor público

Joinville 1 x 1 Avaí : 13.404
Pior Publico
Juventus x Atlético/IB: 183

Quem foi assistido por mais gente no estádio (casa + visitante):


Clube             Público
Avaí              74.505
Joinville         70.845
Figueirense       49.784
Chapecoense       41.552
Metropolitano     37.340

Criciúma          29.394
Imbituba          29.371

Atlético/IB       28.094

Brusque           21.892
Juventus          17.329