Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Ramires"

A final que ninguém esperava - UEFA Champions League

25 de abril de 2012 2

Todo mundo que acompanha futebol, sem exceção, projetava uma final da UEFA Champions League – o campeonato mais rico e com visibilidade na mídia do mundo – entre Barcelona e Real Madrid na Allianz Arena, em Munique(Alemanha) no dia 19 de Maio. Chelsea e Bayern de Munique não seriam páreo para os espanhóis. Todos estavam errados.

Ontem, terça-feira, dia 24 de Abril, o Chelsea foi à Barcelona, empatou com os donos da casa e como havia vencido a primeira partida por 1 a 0, obteve a vaga na decisão – com direito a golaço de Ramires, que saiu da base do JEC e pênalti perdido pelo melhor do mundo, Lionel Messi.

Não se dava muito crédito à uma equipe que nem técnico tem. Os ingleses demitiram André Villas Boas e mantém Roberto Di Matteo no cargo interinamente. Pois, o “tampão” pode conseguir o que outros mais badalados, como José Mourinho, não conseguiram: levantar o troféu da Champions.

Mourinho comandou hoje o Real Madrid em casa contra o Bayern. Perdeu a primeira partida por 2 a 1. Uma vitória simples daria a classificação aos merengues. E os brancos começaram fulminante com 2 a o nos primeiros 15 minutos. Parecia que o Bayern estava morto. Só parecia.

Após o segundo gol do Real, o Bayern cresceu na partida, até que aos 26 minutos de jogo, o atabalhoado zagueiro Pepe cometeu pênalti em Gomez. O holandês Arjen Robben não disperdiçou. 2 a 1. O resultado se manteve na segunda etapa, resultado: pênaltis.

Cristiano Ronaldo, Kaká e Sergio Ramos perderam as suas cobranças e o Madrid está eliminado da UEFA Champions League, seguindo o caminho do seu rival Barça.

Agora, Chelsea e Bayern decidem a UEFA Champions League no dia 19 de Maio na Allianz Arena, a casa dos Alemães – local que já estava decidido como sede da partida antes mesmo da competição começar.

Qual das “zebras” vence? Façam suas apostas.

Olha o Ramires, Mano!

24 de abril de 2012 0

 


Ramises e a cavadinha que encobriu Valdez. AP Photo/Felice Calabro


Essas linhas estão sendo escritas durante o intervalo do jogão entre o nosso Chelsea e o Barcelona. Portanto, sem saber quem avançou para a final.

A redação de AN parou duas vezes para ver os gols do Barça. Teve até editora, que já morou na Espanha, cantando o hino dos catalães. Mas a redação levantou mesmo quando o Chelsea marcou, com Ramires, aquele mesmo que aparaceu para o futebol aqui no JEC.

Ramires é peça rara no futebol. Cabeça de área (sou dos antigos) que desarma, sai para o jogo com uma velocidade incrível e, pásmem, até passa bem. Foi assim na partida de ida, em Londres, a cidade das quatro estações (num dia só), quando entregou de bandeja o gol para Drogba.

Mano Menezes está quebrando a cabeça para montar a Seleção. Partiu de uma concepção equivocada, de que poucos da turma de Dunga têm serventia. Esquece que é à parte daquele pessoal que precisará recorrer para retomar a mão, dar um padrão de jogo, devolver aos brasileiros a sensação de que podemos ser campeões em 2014. Não vai ser com a lista de agora que vai conseguir isso.

Além Ramires, Mano precisa chamar Kaká. É mais jogador que o Ganso. Mano precisa olhar para o passado se quiser ter futuro.