Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Pré-jogo"

Pré-jogo

10 de maio de 2014 14

Hoje o Leão faz sua quarta partida na Série B de 2104, o jogo será em São Luis contra o Sampaio Correia. O Avaí precisa da vitória, depois do resultado positivo em Goiânia pelo mesmo campeonato e derrota na quarta feira em Arapiraca pela Copa do Brasil, hoje é a chance de voltar a retomada ruma a Série A.

O Avaí terá problemas, sem Antônio Carlos que já estava contundido o técnico Pingo ainda perdeu o zagueiro Néris. Com lesão muscular, o atleta não estará a disposição para a partida de logo mais no Castelão. Bruno Maia deverá ser o substituto, logo no lado aonde temos nossos maiores problemas defensivos. Nosso lado esquerdo de defesa conta com sérios problemas, será mais uma dificuldade que teremos que vencer.

No mais o time deverá ser o mesmo, esperamos apenas que na tarde de hoje o time não cometa os mesmos erros grosseiros e infantis da partida passada. Ainda esperamos que o Maior do Estado consiga atingir a regularidade que tanto precisamos. Volto a insistir na qualidade de nosso time, mesmo com deficiências temos qualidades para chegar longe nesta Série B.

Hoje não adianta pensarmos em reforços, pois não virá mais ninguém alem dos que estão na capital brasileira do Reggae para nos ajudar. Enfrentaremos alguns jogadores velhos conhecidos do torcedor avaiano, Márcio Diogo, Arlindo Maracanã e Valber deverão fazer parte do time maranhense.

A verdade é que se quisermos algo maior nesta Série B é preciso fazer os três pontos na tarde de hoje, respeitando o adversário mas impondo nossa maior qualidade técnica e vencendo a partida. Assim é o que esperamos para o confronto desta tarde.

O desfile avaiano e os cachorros de madames

19 de abril de 2014 32
Zagueiro Néris, volante Abuda e o atacante Jean Silva foram apresentados ontem - Foto André Palma Ribeiro

Zagueiro Néris, volante Abuda e atacante Jean Silva – Foto André Palma Ribeiro

Esse final de semana inicia nossa caminhada na série B 2014. Será mais um Brasileirão que disputaremos. Começamos o nosso desfile com uma base forte, jogadores experientes e talentosos, enfim, o Leão tem tudo para figurar entre os principais times em 2015.

Com alguns reforços pontuais que chegaram e outros que ainda chegarão, não tenho dúvidas que formaremos um elenco de respeito. Afirmo que temos um time forte. O Avaí começa sua luta hoje, na Arenas das Dunas em Natal, e finalizaremos a série B em grande estilo, disputando o título contra o Vasco na Ressacada.

Também tem início a série A para os nossos representantes (errei, eles não nos representam) catarinense. Vai ser um grande barato acompanhar esse campeonato este ano. Prevejo muitos motivos de gargalhadas até o final deste ano, não sobrando pedra sobre pedra para aqueles que não têm o mesmo pedigree do Maior de SC.

Os outros três catarinas estão oficialmente batizados como Cachorros de Madame. Tomarão banho nas quartas e passeios nos domingos. E antes que me esqueça dele, o Joinville já é carta pré-fora do baralho. O cavalo paraguaio só engana sua torcida, tanto que na semana passada conseguiu a proeza de perder no Scarpelli Park.

Que se iniciem as competições e que seja perfeito para Santa Catarina, ou seja, que o Avaí conquiste o acesso para a série A, lugar de onde nunca deveria ter saído. E se os outros do Estado caírem, sinceramente, não estou nem aí.

Vergonha na cara e profissionalismo, pode ser?

26 de fevereiro de 2014 93
O que vai acontecer com o Avaí a partir de hoje, ninguém é louco de prever.

O Avaí que veremos a seguir, depende de quem até agora não quis nada.

Entender o aneurisma futebolístico que acometeu o Avaí nesse início de temporada não é nenhum bicho de sete cabeças: no money, no game. Triste é saber que temos time para dar de relho em qualquer outro adversário de SC e mesmo assim só ver restar o “hexagonal da morte” com uma rodada de antecedência.

Sidney Moraes foi o técnico escolhido para 2014, mas deitou o cabelo antes que os cartolas avaianos pudessem imprimir seu contrato. Emerson Nunes, um auxiliar técnico que nunca havia comandado sequer uma equipe dente de leite matou o rojão no peito mas não foi além de uma campanha bisonha.

A aposta da vez é Paulo Turra, que uma semana depois de amarelar para o clássico, alardeia a necessidade de reforços. Mas como assim investir em contratações se ainda nem foram pagos nov/dez e 13°? Ademais, não foi apenas pela falta de um ou dois “da posição” que seus meninos perderam para a fraca Colonense.

Enfim, cabeça erguida e nada de mimimi como fazem os vizinhos da Praia do Cagão, que até agora pranteiam a chinelada do Remendão. Se o confronto de hoje com o Metrô não vale nada e se é o hexagonal que temos pela frente, exige-se jogar com vergonha na cara, respeitar o manto azurra e isolar o risco de rebaixamento.

Um julgamento pouco criterioso ● Atualização 11h

Num julgamento que não levou muito em conta as imagens do último clássico, todos os atletas citados foram punidos pelo TJD com pesos aparentemente diferentes para Avaí e os do lado de lá da ponte. Embora acredite que Marquinhos deveria ter recebido pena máxima (12 jogos), me parece que houve falta de critério.

Como entender M10 pegar 10 jogos e o alvinegro Rogisvaldo, que agrediu Roberto também com um soco, apenas um? Pior que isso foi Marcos Assunção – que desferiu um tapa em Eduardo Costa – e não foi nem citado no processo.

Completando o pacote de punições aos avaianos, Eduardo Costa pegou cinco partidas, Eduardo Neto, quatro, Roberto, seis e o clube multado em R$ 5 mil.

Avaí sem mistérios encara os colonos do Oeste

22 de fevereiro de 2014 66
Eduardo e M10 assistindo o clássico na arquibancada. Só o Avaí tem jogadores-torcedores.

Eduardo e M10 assistindo o clássico na arquibancada. Só o Avaí tem jogadores-torcedores.

Paulo Turra sabe que está em dívida com o Avaí. Ter amarelado para o clássico é daqueles “cartões de visitas” que queima qualquer técnico junto ao torcedor. Talvez por ter consciência que já atingiu o limite de elasticidade sacal de todo mundo, Turra impôs trabalhos em dois turnos, treinos abertos para a imprensa e nenhum mistério em relação time que enfrenta a Colonense amanhã na Ressacada.

Sem Eduardo Costa e Marquinhos, suspensos, o novo professor adiantou que o time muda para o 4-4-2 com o meio de campo formado por Revson, Tinga, Diego Jardel e Cleber Santana, e o ataque com Roberto e Paulo Sérgio. Já a equipe do Oeste vem com seus jogadores nacionalmente conhecidos, responsáveis pela campanha maravilhosa no campeonato. Não pera. Se vencer, o Avaí passa os colonos?

Leão e Índio, aquele abraço fraternal ● Atualização Dom 10h

O novo técnico avaiano teve seis dias para conhecer os nomes dos jogadores, implantar sua filosofia e treinar aquilo que considera ser o melhor formato de jogo. Como bom zagueiro que foi e seguindo a “escola” brasileira de estratégia, está dando prioridade à socialização da marcação: todo mundo pegando junto.

A Colonense é um bom teste para que possamos azeitar a máquina. Time fraco, desmobilizado, só pensando nas cotas da série A, deve ser uma presa fácil. A partida acontece às 18h30, com o Avaí já sabendo o que quer do campeonato. Periga morrerem abraçados na praia, indo para a última rodada cumprindo tabela.

Aleluia, o primeiro clássico do ano em SC

15 de fevereiro de 2014 94
Tem um monte de jogos importantes em SC. Clássico, apenas um.

Tem uma montoeira de jogos importantes em Santa Catarina. Clássico, apenas um.

Não é um jogo importante, é o clássico de SC. São mais de 90 anos de rivalidade entre os dois clubes que dividem a preferência da mais importante cidade do Estado. Simplesmente a sua Capital. Nas bastassem os seus torcedores ficarem 365 dias do ano se engalfinhando de todas as formas possíveis e imagináveis, neste domingo estarão cara a cara decidindo a “Copa do mundo” da Ilha da magia.

Ontem Paulo Turra foi apresentado como o novo técnico do Avaí, mas não estará na beira do gramado do estádio mais torto da Via Láctea. Baita mancada, já que essa é a única oportunidade do professor dirigir o Avaí num clássico em 2014. Nesse não teremos mais o Newcastle da Praia do Cagão pela frente. Perdendo,Turra  não seria responsabilizado de nada, e ganhando adquiriria status de semideus.

O que esperar de quem se espera pouco ● Atualização dom 8h

Essa é a dúvida do torcedor: que Avaí entrará em campo? Se for esse dos últimos jogos, abatido pelos atrasos salariais, que esconde sua alma, já podemos perder as esperanças de um bom futebol e mais uma vitória no nosso salão de festas.

Mas como é um clássico, existe a expectativa de que a rivalidade salte das arquibancadas para o brio dos jogadores avaianos. À rigor considero esse time um moribundo no campeonato, e se teremos um Avaí com tesão ou não, isso ninguém sabe, mas há uma expectativa de redenção no ar.

Se Marquinhos, Cleber e cia acordarem para a vida por pelo menos 90min, poderemos assistir mais uma vitória no estádio mais torto do mundo. Até porque do outro lado estará um adversário previsível e com uma única jogada de bola parada, bem coisa de time pequeno. O passionalismo me sopra 2×1 para o Leão.

Levanta, ajeita a juba e desce o relho no Golfinho

08 de fevereiro de 2014 53
O time com mais sorte em arbitragem depois do time do Papa Francisco.

O time com mais bênçãos alcançadas com arbitragens depois do time do Papa Francisco.

A derrota para o Cavalo Paraguaio foi mais um capítulo de um roteiro já por demais conhecido do torcedor. Havia uma leve esperança de que por 90min os jogadores esquecessem as pendências salariais e atropelassem a vítima, mas se há uma regra fodástica no futebol é a de que um time com salários atrasados não luta por nada. E assim caímos diante do time de Nardela, o único jogador famoso deles.

Nesse domingo o adversário é o Golfinho do Sul, um clube de supermercado que até hoje agradece aos deuses por ter subido e não caído no ano seguinte. Foi tanto júbilo de alegria que as ruas de Criciúma foram tomadas por torcedores da Geral do Grêmio, que cantavam em castelhano as músicas do Boca Juniors ao som de acordeons gaúchos. Um lindo espetáculo de identidade esportivo-cultural.

Também é um time fraco, que tem Matusalém como seu jogador de destaque e que só está no G4 porque quatro dos sete pontos foram obtidos por meio de erros de arbitragem. No primeiro jogo em que o apitador ficou ligado, tomou um sacode de 3×0 do Metropolitano e caiu na realidade de sua amarelidão contumaz.

O Avaí vence com um pé nas costas? ● Atualizado dom 9h30

Normalmente seria mais um joguinho mamão com açúcar, mas não temos como saber se a alma do Avaí estará presente. Medidas emergenciais foram tomadas para que aquele teatro de 11 jogadores entrando em campo sem a intenção de jogar bola não aconteça no dia de hoje. O mal amado Júlio Rondinelli pediu para sair, o dindim de outubro foi pago, o de novembro sai essa semana e os empresários prometem quitar toda a bagaça. Talvez seja o suficiente para uma pausa na greve branca que envergonha o manto azurra. Aí não tem jeito: vitória do Maior de SC.

Joguinho bom para tirar a barriga da miséria

05 de fevereiro de 2014 171
Hoje ficará claro para todos que no Avaí têm homens com vergonha na cara.

Hoje ficará claro para todos que no Avaí têm homens com vergonha na cara.

Não há porque se alongar no vernáculo para falar da importância da partida desta noite na Ressacada. É, é verdade que o Avaí está em crise, com salários atrasados e jogadores pra lá de insatisfeitos. Podem não ser santos, mas a maioria é pai de família e têm toda razão de estarem putos da vida com a situação.

Apesar do caos do momento, acredito que esses homens – sim, homens – mostrarão o que podem fazer não apenas no Catarinense, mas também na série B. Basta que sejam respeitados no acordo firmado com o clube: dinheiro pra cá, conquistas pra lá. É justo, está no contrato e assim provarão seu valor.

E se alguém tem que pagar esse pato, o Cavalo Paraguaio cai como uma luva no projeto. Continua sem estádio, sem centro de treinamento, sem nenhum jogador conhecido, vem mal no Estadual, ocupa a constrangedora 8ª posição na tabela, sua estrela é o técnico e só porque não caiu para a série C agora se atreve medir forças com o Leão da Ilha. Merece ou não merece uma chinelada na bunda?

Oportunidade de ouro para o Avaí tirar a barriga da miséria e pulverizar do retrovisor mais um time pequeno pretendente ao quadrangular final. Estou tão confiante na vitória que escolhi esse jogo para pagar aquela dívida e publicar a foto usando a camisa chumbrega das bailarinas no próximo post. E ainda zoando.

Pode parar com a palhaçadinha

29 de janeiro de 2014 21
Milagre não é vencer hoje, mas acabar com essa ressurreição tola de 2013.

Milagre não é vencer hoje, mas acabar com esse videotape tolo da temporada 2013.

Apenas um jogo muito mal jogado e o Avaí conseguiu criar o anticlímax entre os seus torcedores. Os 90min da derrota para o Atlético/IB ressuscitaram as piores lembranças da temporada passada e acenderam a luz amarela para as pretensões no Estadual de 2014.

Que nesta noite Diego não coma mosca, que a zaga não banque queijo suíço e que os atacantes balancem a rede. Ou procurem um terreno para capinar. Não há tempo para desculpas esfarrapadas. Hoje contra o Juventus é fazer os três pontos e fim de papo. Coluna desta quarta-feira no Diário Catarinense.

Avaí, mostra a tua cara

15 de janeiro de 2014 101
Outra vez eleito o Maior de SC e 5° maior do Sul do Brasil. Nenhuma novidade!

Outra vez o Avaí é eleito o maior de SC e 5° do Sul do Brasil. Nenhuma novidade!

Com nove garotos da base, os três “tenores” e mais 22 atletas que prometem se superar no Campeonato Catarinense, o Avaí começa a mostrar a sua cara para a temporada 2014. Ontem o técnico Emerson Nunes realizou o primeiro coletivo onde tivemos um esboço da equipe titular: Diego, Arlan, Pablo, Bruno Maia e Eduardo Neto; Eduardo Costa, Révson, Cleber Santana e Marquinhos; Héber e Felipe Alves.

Para quem estava no purgatório financeiro até poucas semanas atrás, vamos e venhamos, é um time de respeito. Por isso, certo mesmo está o meia Diego Jardel, que sem medo de ser feliz decretou a postura do grupo para, vejam só, o jogo-treino de hoje a tarde contra o Brusque: “O Avaí não pode entrar numa competição só por entrar. É o maior clube de Santa Catarina, o maior campeão, então não há jogo treino (…) queremos vencer tudo, desde o começo”.

Certíssmo esse garoto, como também está certa a pesquisa da Fox Sports que apontou o Leão da Ilha como o quinto maior clube do Sul do Brasil. Por mim esses estudos, pesquisas, análises de mercado, enfim, poderiam deixar SC de fora. Entra ano sai ano e todo mundo já sabe o resultado. Eu quero é novidade!

Avaí vai ao Nordeste só de chinfra

23 de novembro de 2013 37
Quem diria que há duas rodadas do final o Maior de SC estaria desclassificado.

Quem diria que a duas rodadas do final o Maior de SC estaria desclassificado.

Hoje ABC e Avaí se enfrentam no Frasqueirão onde apenas os nordestinos ainda têm algum interesse no resultado: se afastar da zona de rebaixamento. Já o Leão da Ilha aproveita para fazer testes para a temporada 2014. Diego, Eduardo Costa e Márcio Diogo ficam descansando não sei do que, e Marquinhos e Eduardo Costa ficam encostados no DM para tratamento também não sei do que.

Fora isso, de novidade apenas a intenção do Cavalo Paraguaio de SC levar Hemerson Maria para a cidade que mais chove no planeta. Apesar do treinador avaiano ter dado uma belas mancadas na reta final da série B, é fato que foi o responsável pela ressurreição da equipe após a Copa das Confederação e nada pôde fazer para impedir o marasmo dos meninos pelo atraso de salários. Viagra para falta de dinheiro ainda não foi inventado.

Não acredito que Maria pense dar esse passo atrás em sua carreira. Se aceitar o convite, já sabe que vai sair cavando no Estadual, vencendo cinco partidas consecutivas, vai levar as outras 10 em banho-maria e nas últimas 10 rodadas verá tudo indo por água abaixo. Nem no quadrangular final vai entrar. Hemerson, não seja tanso e não troque o certo pelo duvidoso. Aqui pelo menos tem praia, a maior torcida do Estado e tu não vai precisar jogar em estádio emprestado da prefeitura.

A Lei de Murphy ataca o Maior de SC

16 de novembro de 2013 37

Como nada está tão ruim que não possa piorar, eis que na abertura da 36ª rodada da série B, ontem a noite o Ceará venceu o Guaratinguetá pelo placar de 1×0 e o Icasa despachou o Paysandu por 2×1. Resumindo, o Avaí, que tem 53 pontos e hoje pega o América/RN, nesse momento está distante seis pontos dos dois times nordestino que ocupam a 3ª e 4ª colocação respectivamente.

Se a nossa situação é pra lá de complicada, pelo menos não passamos pela vergonha de ter se “inspirado” no pequeno  Mesquita Futebol Clube do Rio de Janeiro para ter um hino, assim como fez o Newcastle da Praia do Cagão. Se o Mesquita foi fundado 9 de maio de 1920 e o rival do Estreito a 12 de junho de 1921, não resta dúvida de quem copiou quem. Para ouvir o hino-clone é só clicar aqui.

Uma noite importante para o Avaí

12 de novembro de 2013 64
Com Mahatma Gandhi a gente não discute. Obedece.

Com Mahatma Gandhi a gente não discute, apenas aprende e coloca em prática.

Após três derrotas consecutivas de uma forma que surpreenderia até o mais corneteiro dos avaianos, eis que o Maior de SC entra em campo nesta noite contra um adversário direto na tabela da série B. Se Atlético, FigueirenC e Asa eram zumbis no campeonato, o Ceará chega com a credencial de ter os mesmos 53 pontos do Avaí e com a vantagem de jogar dentro de casa.

Os adversários que ainda sonham com o acesso têm compromissos bem mais tranquilos, o que reforça a necessidade de não perder pontos em Fortaleza. O grupo azurra está com a confiança abalada e, o que se comenta na imprensa, com seus salários bem atrasados. Se não há o suporte financeiro, cabe aos caveiras de Maria jogarem por sua responsabilidades individuais.

Eleições no Avaí

Como todo grande clube que se preza, o Avaí terá mais de uma chapa para concorrer às próximas eleições do Conselho Deliberativo que acontecem no dia 20 de novembro. À princípio teremos a chapa da atual administração, a SEMPRE AVAÍ, e a de oposição, a AVAÍ MAIS FORTE (clique aqui para acessar a sua fanpage).

A AVAÍ MAIS FORTE realiza a sua primeira reunião geral hoje às 19h30, no Bar do Chapecó, próximo à Ressacada, num evento que propõe a troca de ideias com todos os torcedores. Logo depois a galera assistirá Avaí x Ceará, que começa às 21h50. Todos juntos para uma noite de grandes vitórias do Leão da Ilha.

Clássico na capital mundial do futebol

03 de novembro de 2013 93
No clássico de hoje vence quem tiver mais garra, torcida e... peito. Jamile Moreira - UOL

No clássico de hoje vence quem tiver mais garra, torcida e… peito. Jamile Moreira/UOL

Como sempre acontece há quase 90 anos, Avaí e Figueirense entram em campo no dia de hoje para escrever mais um capítulo da história do único clássico do futebol catarinense. A agonia toma conta dos dois lados da ponte.

Hoje não tem São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Buenos Aires ou Barcelona. Nesse domingo a capital mundial do futebol é Florianópolis. E nem poderia deixar de ser para quem não se permite colonizar por culturas esportivas externas.

Jogo para mais de 15 mil torcedores na Ressacada. Se os 4 mil ingressos dos alvinegros serão vendidos, duvido e faço pouco. Se der mil gatos pingados pode registrar como o primeiro milagre no século XXI. Já a nação avaiana está disputando os tickets à tapa e vários setores já estão com lotação esgotada.

Como bem descreveu a matéria de ontem do DC, o Maior de SC quer manter a vantagem de três pontos dentro do G-4, cravar 100% de aproveitamento nos dois jogos sobre o rival na série B, dar essa alegria ao ainda acamado presidente Zunino e despachar o Esforçadinho do Estreito do campeonato. Venceremos!

Só os doidos de pedra duvidam do Avaí

29 de outubro de 2013 48
Mesmo em momentos ruins, esse manto não deixa de ser sagrado.

O tempo provou a força dessa camisa. Nunca, jamais duvide do que é sagrado.

Antes mesmo da bola rolar esta noite no Serra Dourada, calculadora do site Chance de Gol projeta que hoje o Maior de SC tem 77,4% de conquistar o acesso. No mesmo endereço sabemos que com 65 pontos um clube tem 90% de possibilidades.

Assim, com a partida de hoje contra o Atlético, restariam 12 pontos – ou quatro vitórias – para que o Avaí tocasse o Olimpo. Depois temos Figueirense (C), Asa (F), Ceará (F), América/RN (C), ABC (F) e Boa (C). Se tudo der certo, amanhã estarão faltando três vitórias. E quem ainda duvida do Avaí?

Jogo bom, Ressacada cheia, roteiro de vitória

25 de outubro de 2013 53
Mais uma decisão de tantas na reta final da série B. Arte Avaí FC

Mais uma decisão de tantas na reta final da série B. Arte Avaí FC

Jogo complicado contra um time que é o 12º colocado na tabela? Antes da bola rolar, com absoluta certeza que é. O Bragantino chega hoje ao melhor e mais belo estádio de SC como franco-atirador, com sua rapaziada interessada em salvar mais um bicho-extra por bom comportamento para o seu treinador.

O Avaí entra como favorito, mas chance zero de Hemerson Maria e cia perderam o foco. Somar mais três pontos hoje é fator básico para continuar lutando pelo acesso à série A de 2014. Torcedor na arquibancada é que não vai faltar, com público estimado na casa dos 10 mil fanáticos para garantir o tão necessário apoio.

Fora a novidade do surgimento de uma chapa para concorrer à renovação do Conselho Deliberativo (leia aqui), não há novidade no Sul da Ilha. Exemplo disso é que, sem mistérios, a equipe deve ser Diego; Ricardinho, Alex Lima, Juliano e Héracles; Uchoa, E. Costa, C. Santana e Marquinhos; M. Diogo e Betinho.

A língua não tem osso

22 de outubro de 2013 39
Ato fúnebre será marcado nas próximas rodadas.

Ato fúnebre será marcado nas próximas rodadas.

O Avaí só volta a campo na sexta-feira contra o Bragantino na Ressacada, o que não afasta a nossa missão ter “torcer” pelos adversários nesse meio tempo. A secação de hoje é para o Paraná (49), que enfrenta o Atlético Goianienense (30) em Curitiba, querendo chegar aos 52 pontos, passar os 50 do Maior de SC. Dá-lhe macumba!

Depois do Avaí de ser duramente criticado pelos secadores do Estado, é com imensa satisfação que observamos as seguidas promoções de ingressos nos estádios da prefeitura de Joinville, no Remendão e Heriberto Riu-se. Pode parecer que são “restos de feira” nos mesmos modelos, mas não são.

A direção do Avaí foi a única que não propôs ingressos populares quando a água já estava batendo na bunda. As demais esperaram até a última hora para tirar os R$50 do bolso do seu torcedor. Situação complicada, estádios vazios, esperança no ar, dá-lhe fazer média com seus (poucos) fãs. Ééé… a língua não tem osso.

A Kombi sem freio do Avaí

18 de outubro de 2013 71
Sem orçamento de série A mas com muita vergonha na cara. Esse é o Maior de SC.

Com orçamento limitado mas muita vergonha na cara. Esse é o Maior de SC.

Ultimamente alguns clubes da primeira divisão provam que uma cota de TV de R$ 20 milhões e patrocínios de R$ 500 mil por logotipo na camisa não são garantia de uma boa campanha. Com seriedade, apesar dos parcos R$ 3 milhões de TV e alguns merréis de uma e outra empresa, o Avaí segue firme na busca do acesso.

A bronca de hoje é com Paysandu, time tecnicamente limitado, dirigido por Vagner “Motivacional” Benazzi e que procura desesperadamente fugir do rebaixamento. Jogo encardido, com a Curuzu lotada e torcida fungando no cangote do adversário.

Hemerson Maria já tem seus onze na cabeça, nenhuma invenção pela frente, mas com aquela eterna dúvida de como será formado o setor de ataque. Cada partida é um drama na espera de que um “matador” finalmente dê o ar de sua graça.

Mas vencer hoje, nem que seja com gol contra, é a meta do Avaí.

O Profeta Istepô da rodada

08 de outubro de 2013 118
Desta vez não tem erro: um dos profetas vai levar o prêmio que já virou uma lenda.

Avaí e Colonense em em alta, Cavalo Paraguaio arriando e Barbie fora. Deixe seu palpite!

Chegamos na 28ª rodada da série B com confrontos que podem selar a sorte de muita gente boa. O Avaí recebe o Sport  tem tudo para adentrar o cobiçado G4. Os caveiras de Hemerson Maria chegam com ânimo nos pícaros da adrenalina e ainda embalados pelos milhares que tomarão as arquibancadas da Ressacada.

O Profeta Istepô da Rodada
Rodada cheia para os catarinenses, então voltamos com nossa promoçãozinha mixuruca que premiará o melhor chutador de palpites futebolísticos. Aproveita porque as camisetas mais lindas produzidas na Ilha de SC (ano passado) estão acabando. Depois não venham pedir novas edições da nossa brincadeira de blog:

  • Copie e cole os jogos abaixo nos comentários, completando com o palpite de escore para cada um deles, até as 19h30 desta terça-feira.
  • Os palpites só serão liberados após o início da rodada.
  • Use seu e-mail verdadeiro (um por palpite) para o contato para envio.
  • O prêmio será entregue apenas em endereço pertencente ao Estado de SC.
  • O ganhador será aquele que acertar o placar (escore de gols) dos quatro jogos dos times catarinenses na 20ª rodada da série B 2013.
  • Em caso de mais de um acertador, vence aquele que postou primeiro.
  • Não tendo um acertador, o prêmio vai para aquele que acertou mais resultados (vitórias, empates ou derrotas), não levando em conta o saldo de gols.

AMG x CHA
PAL x FIG
AVA x SPO
JEC x ABC

Partiu para mais uma vitória no peito e na raça

01 de outubro de 2013 25
Sem arrogância, biquinho e xurumelas, fazer a vitória é fundamental. Imagem Avaí FC

Sem arrogância, firulas e xurumelas, fazer a vitória é fundamental. Imagem Avaí FC

O jogo de hoje do Avaí não serve para uma daquelas missões impossíveis. Se não vencer o São Caetano, 18° colocado e um dos pretendentes a série C, vai empatar com quem? Brincadeira tem hora e fazer os três pontos é básico para continuar na luta. O problema é que os problemas abundam na Ressacada.

Com lesão na coxa, Cleber Santana está fora por duas semanas. Beto está às voltas com um entorse no tornozelo e é dúvida para a partida. Anderson Uchôa e Luciano estão suspensos. Já o o adversário, Deuzulivre, deve chegar na Ilha mais fechado que o cofre do Banco Central americano.

Se faltam novo vitórias para o acesso (depois discutiremos isso com mais tempo), depois desta noite tem que ficar faltando oito. Doa a quem doer e para a alegria da nação azurra. Placar magrinho de 1×0 com gol “todo errado” também tá valendo!

Dia de botar mais um coelho na panela

28 de setembro de 2013 33
Raça, tradição e união. Há 90 anos isso faz muita diferença. Foto de Maurício Vieira

Raça, tradição e união. Há 90 anos isso faz muita diferença. Foto de Maurício Vieira

Segunda decisão de “Copa do Mundo” em oito dias para Avaí. A primeira, coincidentemente contra outro coelho, o Maior de SC fez a vitória fora de casa e passou recibo de que vai lutar pelo acesso. Briga de foice com o América/MG onde um pontinho é bom e três serão motivo de fogos na Ilha mais bonita do Brasil.

Hemerson Maria já colocou o atacante Betinho entre os selecionados. Reis fica em Floripa esperando nova oportunidade para acumular milhas aéreas. Novidade também na escalação de Anderson Uchôa ao lado do recuperado Eduardo Costa, com Rodrigo Thiesen perdendo espaço entre os titulares.

No mais é o time que já temos na ponta da língua e que vencerá por 1×0.