Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de fevereiro 2011

Último dia para solicitar isenções da UDESC

25 de fevereiro de 2011 0

Olá,

Os interessados no processo de isenção, deverão acessar o site www.udesc.br em Vestibular 2011/2, preencher o formulário específico (Solicitação de Isenção da Taxa de Inscrição pelo Critério Sócio-Econômico), imprimí-lo e devolvê-lo, devidamente documentado, pessoalmente, ou por seu representante legal, desde que o formulário esteja assinado pelo requerente, no período de 14 a 25 de fevereiro de 2011.

Estou desblogando!

Bookmark and Share

Plágio é comum na academia, diz professor

24 de fevereiro de 2011 0

Olá,

Demitido da USP por liderar pesquisa acusada de plagiar outro trabalho, o professor Andreimar Martins Soares, 38, considera injusta a decisão. Sua defesa é que já houve –e haverá– diversos casos como o dele na instituição, todos sem tal punição.

A pesquisa, com mais dez cientistas, copiou figuras de estudo da UFRJ (Federal do Rio). Além de Soares, foi punida a pesquisadora Carolina Dalaqua Sant’Ana, que perdeu o título de doutora.

O trabalho teve como coautora a ex-reitora Suely Vilela, que apoiou opositores ao atual reitor, João Grandino Rodas –a quem coube a decisão da demissão, seguindo recomendação de comissão. Apesar disso, ela não sofreu sanção. A comissão entendeu que Vilela não teve relação com o trecho plagiado.

Não é só na USP que sabemos desses problemas.

Estou desblogando!

Bookmark and Share

Mudanças no Exame de Ordem

23 de fevereiro de 2011 0

Olá, 

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) montou uma comissão provisória para estudar mudanças nas diretrizes que estabelecem como tem de ser o Exame de Ordem, prova obrigatória para bacharéis em Direito que desejam atuar como advogados. A comissão deve vigorar durante 30 dias e sugerir “melhorias” no documento chamado Provimento 136, atualizado pela última vez em novembro de 2009.

“O exame mudou muito. Agora a prova é a mesma em todas as seccionais e precisamos adequá-la a essa nova realidade que nem nós tínhamos noção da dimensão”, disse o presidente da ordem, Ophir Cavalcante. A comissão responsável pelas mudanças será presidida pelo secretário-geral da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho. Depois dos trabalhos, será designada uma nova equipe para a Coordenação Nacional do Exame da Ordem Unificado, que passará a ser ligada diretamente à diretoria da ordem.

Problemas
A lista de convocados para a segunda fase do exame da OAB será divulgada nesta quinta-feira (24), em meio a queixas de candidatos em relação à prova da primeira etapa. Participantes alegam que havia questões mal formuladas e reclamam da falta de questões sobre direitos humanos – o Provimento 136 determina que a prova deve ter no mínimo 15 questões sobre estatutos da profissão, ética e direitos humanos. Constavam na prova dez questões de ética.

A OAB e a Fundação Getulio Vargas (FGV), que elabora a prova, alegam que as questões foram formuladas conforme as regras. A OAB analisou pedidos de revisão, mas decidiu manter o gabarito oficial. Mesmo assim, outros recursos ainda serão examinados. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Estou desblogando!

Bookmark and Share

Aberta as inscrições da segunda etapa do ProUni

22 de fevereiro de 2011 0

Olá,

Fiquem atentos que  até quinta-feira (24),  você pode se inscrever para  segunda etapa de inscrições para as bolsas do primeiro semestre de 2011 do ProUni (Programa Universidade para Todos). São oferecidas bolsas de estudo integrais e parciais de 50% do valor da mensalidade.

Os candidatos que se inscreveram na primeira etapa e não foram pré-selecionados, ou aqueles que foram pré-selecionados para cursos em que não houve formação de turma, poderão candidatar-se novamente às bolsas.

Os estudantes que não se inscreveram na primeira etapa também terão nova oportunidade de inscrever-se. Os candidatos que foram pré-selecionados e conseguiram a bolsa na primeira etapa não poderão inscrever-se nesta etapa. Ao fazer sua inscrição, o estudante poderá escolher até três opções de curso e instituição.

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, no site do programa. Para inscrever-se, os candidatos deverão informar o número de inscrição e senha no Enem 2010 e o CPF.

Estou desblogando!

Bookmark and Share

Ex-dirigentes do Inep são condenados por vazamento do Enem

21 de fevereiro de 2011 0

Olá,

O TCU (Tribunal de Contas da União) determinou que dois dirigentes do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), instituto responsável pelo Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), paguem multas por falhas no exame que acabou sendo adiado em 2009 depois do furto da prova.

Héliton Ribeiro Tavares, ex-diretor de Avaliação da Educação Básica, terá que pagar R$ 5.000 por erros no acompanhamento do contrato do governo com o consórcio Connasel, responsável pela aplicação do exame, e por pagamento de serviços não prestados ao consórcio.

Dorivan Ferreira Gomes, que ocupava o cargo de coordenador-geral de exames para certificação do Inep, terá que pagar R$ 3.000 por pagamento de serviços não prestados.

O tribunal considerou que parte do pagamento de R$ 36 milhões feito pelo Inep ao Connasel foi indevido porque calculado com base na estimativa de 6 milhões de inscritos, e não no número real de 4,1 milhões.

Tavares disse ao tribunal, segundo o que consta no acórdão, que o Inep fez uma visita ao local de impressão das provas, mas admitiu que as comunicações dos problemas constatados foi verbal, devido à velocidade necessária para o processo. Afirmou também que “o Enem/2009 foi o exame que contou com maior nível de acompanhamento pelo Inep”.

Gomes disse, segundo o acórdão, que os pagamentos iniciais do Enem sempre foram feitos considerando-se a estimativa de inscritos.

Além de aplicar as multas, o TCU também determinou que o Inep explique como calculou o valor de R$ 47 milhões que está pedindo de ressarcimento ao Connasel.

Fonte: Saber

Estou desblogando!

Bookmark and Share

17% dos professores não têm formação ideal

21 de fevereiro de 2011 0

Olá,

No Brasil, 16,8% dos professores da rede pública não têm formação suficiente para exercer a profissão e estão em situação irregular, informa reportagem de Marília Rocha e Natalia Cancian publicada na Folha deste sábado (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL).

A LDB (Lei de Diretrizes e Bases) exige que os docentes do sexto ano do ensino fundamental ao terceiro ano do ensino médio tenham formação superior, mas 208 mil professores dessas séries concluíram apenas o fundamental ou o médio.

Por Estado, a pior situação é na Bahia, onde 50,8% dos 96,5 mil docentes dessas séries não completaram o ensino superior. Já São Paulo tem a melhor taxa nacional: 2,25% dos 238.667 professores dessa fase do ensino não terminaram a faculdade.

O levantamento, feito com base em dados do Inep (instituto ligado ao MEC) reunidos em 2009 e atualizados em janeiro deste ano, abarca o total de 1,2 milhão de professores que dão aulas nas séries em que há essa exigência.

OUTRO LADO

A secretária de Educação Básica do MEC, Maria do Pilar Almeida e Silva, admite que a situação dos professores sem formação suficiente ‘fere a lei’ e pode comprometer a aprendizagem.

Segundo ela, estão em curso políticas articuladas com governos locais para sanar a questão. ‘Nunca temos resultados rápidos em educação, mas as políticas atuais estão bem estruturadas.’

Fonte: Folha

Estou desblogando!

Bookmark and Share

A UFSC entre as 10 brasileiras melhores

18 de fevereiro de 2011 0

Olá,

A  UFSC  sempre orgulhando os catarinenses.

A Universidade Federal de Santa Catarina permanece entre as 10 instituições brasileiras mais bem qualificadas pela nova edição do Ranking Web of World Universities (Webometrics). No levantamento publicado no mês de janeiro a UFSC ocupa a 240ª posição (em julho do ano passado estava na 377ª colocação geral), sendo a sexta brasileira mais bem colocada.

As variações verificadas a cada publicação do ranking agora posicionam a UFSC como terceira federal mais bem colocada. No levantamento anterior, publicado em julho de 2010, a instituição figurava como a primeira brasileira nesta categoria.

As variações ocorrem também entre as grandes universidades americanas, que ocupam os primeiros lugares na lista do Webometrics. Em julho do ano passado a número um era Harvard University, que na nova edição passou a segundo lugar. No topo do levantamento está agora o Massachusetts Instituto f Technology.

Entre as brasileiras, a Universidade de São Paulo (USP) permanece como primeira, com posição elevada: agora é a 51ª instituição do ranking, quando em julho do ano passado ocupava o 122° lugar. A seguir estão Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), na 161ª posição; Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), na 166ª colocação, e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), em 209º lugar.

O Webometrics é uma pesquisa realizada desde 2004 pelo Cybermetrics Lab, um grupo de pesquisa pertencente ao Conselho Superior de Investigações Científicas, ligado ao Ministério da Educação da Espanha. É publicada duas vezes por ano – janeiro e julho. O instituto monta o ranking a partir da análise do material disponibilizado nos sites das universidades. Para os organizadores, a presença de uma instituição de ensino e pesquisa na internet é um indicativo de sua excelência e de seu comprometimento com a disseminação do saber.

A pró-reitora de Pesquisa e Extensão da UFSC, professora Débora Peres Menezes, lembra mais uma vez que as flutuações são frequentes nestes levantamentos. “Qualquer classificação baseada em dados momentâneos está sujeita a oscilações, uma vez que depende apenas de fotografias instantâneas e não de dados analisados de forma sistemática e estatística”. “O importante é que estamos mundialmente muito bem colocados ”, complementa.

Em sua opinião, ainda que rankings gerem polêmicas e devam ser vistos com cuidado, são importantes mecanismos de visibilidade das universidades. “A divulgação de uma boa posição serve como um incentivo aos nossos docentes e pesquisadores e acaba por atrair bons estudantes para a UFSC, o que se reflete num circulo virtuoso. Temos procurado divulgar o bom desempenho da UFSC tanto no Webometrics como em outras avaliações internacionais e nacionais”, destaca a pró-reitora.

Por Arley Reis / Jornalista da Agecom

Mais informações na UFSC:

- Professora Débora Peres Menezes / Pró-Reitora de Pesquisa e Extensão / Fone: (48) 3721-9716 / E-mail:
——————————————————————————–
Acompanhe os dados:

10 primeiras no ranking mundial:

1 Massachusetts Institute of Technolog
2 Harvard University
3 Stanford University
4 University of California Berkeley
5 Cornell University
6 University of Wisconsin Madison
7 University of Michigan
8 University of Minnesota
9 University of Washington
10 University of Pennsylvania

10 brasileiras mais bem colocadas no ranking :

51   Universidade de São Paulo
161 Universidade Estadual de Campinas
166 Universidade Federal do Rio Grande do Sul
209 Universidade Federal do Rio de Janeiro
238 Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
240 Universidade Federal de Santa Catarina
292 Universidade Federal de Minas Gerais
328 Universidade de Brasília
361 Pontificia Universidade Católica do Rio de Janeiro
400 Universidade Federal do Paraná

Fonte: AGECOM

Estou desblogando!

Bookmark and Share

O excesso de peso das mochilas escolares

17 de fevereiro de 2011 0

Olá,

Com o início das aulas vale a dica  para alunos e pais sobre o peso das mochilas.

O excesso de peso nas mochilas escolares preocupa pais e alunos neste início de ano letivo. Livros, cadernos, dicionários, pastas, estojos repletos de lápis e canetas acabam provocando “excesso de bagagem” nas mochilas e, consequentemente, podem afetar a saúde de crianças e adolescentes.

Os problemas de colunas com o uso inadequado da mochila podem provocar dores pelo corpo, pioras das curvaturas da coluna hipercifose (aumento da curvatura da região dorsal, que deixa pessoa com a aparência corcunda), hiperlordose (aumento anormal da curva lombar), e escoliose (curvatura lateral da coluna vertebra) que pode levar o problema para a fase adulta.

Uma lei municipal do Rio de 1997 diz que o peso máximo do material escolar não ultrapasse 5% do peso da criança do pré-escolar e 10% do aluno do Ensino Fundamental das redes pública e privada, segundo recomendação da Organização Mundial de Saúde. Em São Paulo, uma lei semelhante foi lançada em 2003. Mas nem sempre este limite é respeitado. “A mochila deve ser correspondente ao tamanho da criança”, destaca o ortopedista Paulo Ricardo Costa, diretor do hospital Albert Schweitzer, no Rio.

“Hoje em dia é cada vez mais comum aparecimento de dores no pescoço e região lombar em crianças e adolescentes por causa do excesso de peso”, diz o médico. “Nesta faixa etária está acontecendo a maturidade óssea das crianças e o excesso de peso pode levar a deformidade tanto de curvaturas quanto de postura das crianças.

Veja dicas para o uso correto das mochilas escolares
 

A borda superior da mochila deve estar no nível do ombro e a borda inferior deve estar apoiada na região lombar.

As suas alças devem estar ajustadas de forma que a mochila fique em contato total com a coluna da criança, evitando que ela se incline para frente ou para trás, e com isso levando a uma posição errada de sua coluna.

Livros e cadernos maiores devem ficar na parte central para ficar mais em contato com as costas do aluno.

Alças que prendem na frente ajudam a dar mais estabilidade.

Pendurar a mochila em apenas uma alça deve ser evitado porque isso altera o equilíbrio da musculatura da coluna fazendo com que ocorra mais força de um lado do que o outro e provoca vícios de postura desde pequeno.

Pais e diretores devem buscar o uso de fichários para diminuir o número de folhas e o uso desnecessário de cadernos espirais grossos.

Levar apenas o material que será utilizado no dia, evitando peso desnecessário.

Mochilas com rodinhas também devem respeitar o limite de peso do estudante. Ao carregar a mochila, a alavanca dessa mochila deve ficar de forma com que a criança carregue com o braço esticado.

Fonte: G1

Estou desblogando!
 

Bookmark and Share

Presidente diz que novo Fies terá condições de financiamento ‘muito mais leves’

14 de fevereiro de 2011 0

Olá!


A presidente Dilma Rousseff disse hoje que o novo Programa de Financiamento Estudantil (Fies) terá condições gerais de financiamento “muito mais leves”, como juros de 3,4% e maior período de carência para o início da amortização. Dilma afirmou que o estudante terá de começar a pagar o financiamento da faculdade apenas um ano e seis meses após ter concluído o curso superior. A declaração foi feita no programa semanal de rádio “Café com a Presidenta”.

De acordo com Dilma, durante esse tempo, o beneficiado poderá achar um trabalho e alcançar uma renda. Segundo a Agência Brasil, a depender do curso, como Medicina, a restituição poderá ser realizada em até 20 anos. Ela afirmou também que, se o aluno que obteve financiamento pelo Fies resolver cursar licenciatura e exercer o magistério no ensino médio, em colégios públicos, o débito será “perdoado” com uma diminuição de 1% por mês de prática profissional.

Dilma lembrou ainda o programa abrangerá estudantes com rendimento de até um salário mínimo e meio. Antes, os alunos necessitavam arranjar um avalista para ter conseguir o empréstimo estudantil. “Agora, o próprio governo é fiador”, disse.

Fonte: Estadão.com

Colaboração Bárbara Vanzella

Estou desblogando!

Bookmark and Share

Divulgada lista de 3ª chamada do Sisu

13 de fevereiro de 2011 0

Olá!


O Ministério da Educação divulgou a terceira chamada de aprovados pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU) para vagas em universidades públicas. O estudante deve acessar o boletim individual ara saber se foi selecionado, segundo o MEC. O número de estudantes que conseguiram vaga na nova chamada ainda não foi divulgado. Na segunda chamada, quase 45% das 83 mil vagas oferecidas não haviam sido preenchidas

As matrículas devem ser feitas nos dias 15 e 16 de fevereiro nas instituições de ensino. O estudante deve verificar nas universidades e institutos federais os horários de funcionamento e a documentação necessária.

Lista de espera
Ao fim da terceira chamada, caso ainda haja vagas, as instituições convocarão os candidatos a partir da lista de espera gerada pelo sistema. Os estudantes não selecionados ou que foram selecionados em sua segunda opção e desejam continuar concorrendo em sua primeira opção terão de declarar interesse em participar da lista de espera entre este domingo (13) e a próxima quinta-feira (17).

Fonte: G1

Colaboração Bárbara Vanzella

Estou desblogando!

Bookmark and Share