Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 15 maio 2012

EUA acham reator nuclear na Kodak

15 de maio de 2012 0

Mais conhecida por seus produtos fotográficos, a Kodak abrigou durante cerca de 30 anos um reator nuclear em sua sede em Rochester, Nova Iorque. A ideia era experimentar técnicas novas de revelação. O detalhe curioso é que a empresa fez tudo sem que as autoridades americanas soubessem.

O Centro de Não-Proliferação de Armas Nucleares, classificou a descoberta como “estranha”, já que empresas privadas não teriam acesso a esse tipo de material. A norte-americana Kodak pediu falência em janeiro depois de mais de 131 anos no mercado. Ela foi responsável pela popularização da fotografia em todo o mundo.

Será que os EUA vão mandar soldados para a sede da Kodak? Invadiram o Iraque e não acharam nada. Vai ver tinha sido transferida pra Kodak.

Bookmark and Share

Quer trabalhar nos Jogos Olímpicos de 2016?

15 de maio de 2012 0

Advogados, publicitários, engenheiros e administradores são alguns dos profissionais que o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016 está buscando para compor sua equipe. Neste momento, há pelo menos 40 vagas abertas para interessados em trabalhar nas Olimpíadas de 2016. De analistas nas áreas de Sustentabilidade, Finanças e Suprimentos a gerentes de Vendas de Patrocínio e de Proteção da Marca, há oportunidades para as mais diversas especializações e níveis de experiência.

A lista de vagas abertas – http://www.rio2016.com/quem-faz/oportunidades-rio-2016 – inclui a cobiçada gerência de Voluntários, que deverá responder pelo planejamento e gerenciamento de todas as atividades relativas aos mais de 70 mil voluntários que serão contratados até o início dos jogos. A experiência na função e a fluência na língua inglesa são pré-requisitos básicos para a maioria das oportunidades.

Bookmark and Share

Governo sugere "queima de estoque" a montadoras

15 de maio de 2012 0

As montadoras de carros instaladas no Brasil deveriam reduzir os preços dos veículos e realizar leilões para “queimar” o estoque de veículos nos seus pátios de suas fábricas. A sugestão foi feita nesta terça-feira (8) pelo secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Alessandro Teixeira. “A indústria podia fazer um trabalho de queima de estoque”, sugeriu.

Os carros brasileiros, segundo estudo, são, em média, 30% mais caros que os similares internacionais.

www.noticiasautomotivas.com.br

Bookmark and Share

Jovens discriminam homossexuais

15 de maio de 2012 0

Um estudo coordenado pela pesquisadora Miriam Abramovay apontou que 45% dos alunos e 15% das alunas não queriam ter colegas homossexuais. Miriam, que é coordenadora da área de Juventude e Políticas Públicas da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), afirma que a maioria dos jovens brasileiros ainda tem atitude bastante preconceituosa em relação à orientação e práticas não heterossexuais. A pesquisadora participou do 9º Seminário Nacional de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT), realizado na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Bookmark and Share

Presidenta sofre agressão

15 de maio de 2012 0

A assembleia dos professores em greve no Piauí terminou nesta terça-feira com tumulto e agressão à presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte). Em greve há 79 dias, os professores da rede estadual iriam votar pelo fim ou pela continuidade do movimento, quando houve a confusão. A assembleia, que ocorria na Praça da Liberdade, centro de Teresina, foi suspensa, e a Polícia Militar teve que ser acionada para conter os ânimos dos grevistas.

A presidente do Sinte, Odeni de Jesus Silva, foi agredida durante a votação pelos próprios professores, que se opunham ao fim da paralisação. Ela chegou a ser retirada do palanque por um grupo de professores. A sindicalista recebeu ameaças, ovos no rosto, socos, e teve quer ser escoltada.

Educação com exemplos!!

Bookmark and Share

Protesto de professores: 15 em cana

15 de maio de 2012 0

Centenas de professores de escolas privadas protestaram (hein???) na capital pedindo aumento salarial em equiparação com os professores de escolas públicas primárias (como????). Pelo menos 15 manifestantes foram detidos na capital.

Durante o protesto, policiais interviram lançando água nos manifestantes. De acordo com a associação de classe, os manifestantes pediam a nacionalização da profissão.

Ah, bom, isto em Dacca, capital de Bangladesh.

Foto: Andrew Biraj/Reuters, do Terra.

Bookmark and Share