Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 19 julho 2013

MEC e OAB criam regras para cursos de Direito

19 de julho de 2013 0

O ministério da Educação (MEC) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vão assinar um acordo de cooperação para a elaboração de uma nova política regulatória do ensino de direito no país. O objetivo do acordo é definir os critérios de avaliação para a análise de pedidos de aberturas de novas vagas em cursos de graduação e pós-graduação e criar procedimentos de monitoramento permanente das faculdades já em funcionamento.

Em junho de 2011, o Ministério da Educação determinou a redução de quase 11 mil vagas de ingresso de estudantes em 136 cursos de direito que apresentaram resultado insatisfatório no conceito preliminar de curso – o índice considera, além do desempenho dos estudantes, o corpo docente, a infraestrutura e os recursos didático-pedagógicos, entre outros itens.

Bookmark and Share

Treinadoras búlgaras de Ginástica Rítmica na Capital

19 de julho de 2013 0

O Departamento de Esportes do Instituto Estadual de Educação (IEE) e a Associação de Ginástica Desterro trazem ao Brasil as renomadas treinadoras búlgaras Giurga Nedialkova e Svetoslava Kaloyanova, que permanecerão na Capital até 17 de agosto, para ministrarem oficinas e minicursos nas escolas.

O objetivo do encontro é proporcionar aos técnicos e demais ginastas catarinenses o crescimento da Ginástica Rítmica no Estado. As oficinas de treinamento e aperfeiçoamento já iniciaram no Ginásio de Esportes do IEE (Complexo Desportivo Rozendo Lima) e os mini cursos vão acontecer no retorno das férias escolares, a partir de agendamento prévio.

O curso com Giurga Nedialkova, que já dirigiu a Seleção Brasileira em 2011, e Svetoslava Kaloyanova, atrai técnicos de ginástica de São Paulo, Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

Foto: Thiago Marthendal

Bookmark and Share

Como manter 5,1 mil alunos durante 9 horas

19 de julho de 2013 0

Um planetário para estudar ciências e astronomia; um centro onde se estuda história, artes, música e dança; uma escola municipal de circo e um centro de apoio aos esportes. Os donos desses espaços são estudantes da educação integral pública de dez escolas do ensino fundamental de Arapiraca, Alagoas.

Em 2007, o município começou a investir recursos próprios no ensino de tempo integral e, em 2009, para ampliar o projeto, aderiu ao programa Mais Educação do governo federal. Hoje, de acordo com a secretária de Educação, Ana Valéria Peixoto, Arapiraca tem cerca de 5,1 mil alunos estudando em tempo integral, incluídos os do Mais Educação.

A secretária explica que a educação integral é uma política pública que começa com as crianças do segundo ano do ensino fundamental. Como, no entanto, manter estudantes por nove horas na escola requer muitos recursos, o município atende 100% dos alunos em oito escolas urbanas, uma quilombola e uma no campo. A educação integral nessas dez unidades vai do segundo ao quinto ano (anos iniciais) do ensino fundamental.

A rede de Arapiraca tem 58 escolas e 25 centros de educação infantil, mais de dois mil professores com formação superior e 173 outros profissionais, entre monitores, merendeiras e fiscais que exercem as funções de apoio.

Foto: meuplanetadigital.com.br

Bookmark and Share

Liberado R$ 100 milhões para atenção à saúde

19 de julho de 2013 0

Hospitais universitários federais receberão R$ 100 milhões para o custeio de atividades de atenção à saúde, ensino e pesquisa. A autorização do repasse, que representa a primeira parcela do exercício de 2013, foi publicada nesta sexta-feira, 19. Os recursos fazem parte do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), coordenado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). O programa é constituído por recursos dos ministérios da Educação e da Saúde.

Os valores destinados a cada unidade foram definidos com base em critérios como porte do hospital, inserção no Sistema Único de Saúde (SUS), taxa de ocupação e permanência nos leitos e produção científica, entre outros. Além dos recursos autorizados nesta sexta-feira, está prevista para este ano a destinação, por meio do Rehuf, de R$ 329,8 milhões em investimentos para a aquisição de equipamentos e novas construções e de R$ 440 milhões para custeio. Desse total, R$ 180 milhões serão investidos em reformas de infraestrutura.

Bookmark and Share