Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Dilma, a educação e a ONU

24 de setembro de 2013 0

logo onu

A presidenta Dilma Rousseff apontou na terça-feira, dia 24, no discurso de abertura da 68ª Assembleia-Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, as conquistas sociais e econômicas do governo, citando, entre outros exemplos, o investimento na educação de 75% dos royalties da exploração do petróleo.

Dilma ressaltou que as crianças são prioridade para o Brasil e um compromisso com a educação, pois somos o país que mais aumentou o investimento público no setor educacional, segundo o último relatório do OCDE.

Os dados divulgados pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) mostram que o Brasil encabeça o grupo de países que destinou maior parte do investimento público total para a educação, com 18,1% de participação. A parcela do investimento público total destinada à educação cresceu 7,6 pontos percentuais no período de 2000 a 2010.

Ao se considerar o percentual investido em educação em relação ao investimento público total, os países da OCDE mantiveram praticamente o mesmo patamar, caindo de 12,6%, em 2000, para 12,3%, em 2010. Países como Brasil, Coréia do Sul, Suíça e Dinamarca direcionaram mais de 15% de seu investimento público total para a área educacional.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário