Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Quadrilha pode ter fraudado Enem em cinco estados brasileiros

25 de novembro de 2014 0

A quadrilha presa por venda de gabaritos pode ter fraudado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em cinco estados brasileiros. A informação é do delegado Jeferson Botelho, Superintendente de Investigação e Polícia Judiciária. A operação da Polícia Civil, que prendeu 33 envolvidos nas cidades de Belo Horizonte, Teófilo Otoni e no interior de São Paulo, continua na manhã desta segunda-feira. Um policial civil, lotado em Governador Valadares, está entre os presos.

A polícia cumpre mandados de busca e apreensão em três cidades. Enquanto os policiais fazem diligências, o delegado responsável pelo caso, Antonio Junio Dutra Prado, está autuando as pessoas presas no domingo. Entre os detidos estão 11 fraudadores e 22 candidatos que faziam as provas para o curso de medicina da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais (CMMG), em uma universidade no Bairro Buritis, Região Oeste de BH. Eles vão responder por formação de quadrilha, fraude em certame de interesse público e falsidade ideológica. Alguns podem ser liberados ainda hoje com pagamento de fiança, e outros continuarão presos.

Os mineiros Áureo Moura Ferreira, que mora em Teófilo Otoni, e Carlos Roberto Leite Lobo, morador de um condomínio em Guarujá (SP), estão entre os presos e são apontados como os chefes da quadrilha. O golpe consistia em inscrever médicos residentes e professores universitários em vestibulares. Eles faziam as provas e, depois de anotarem o gabarito com as respostas corretas, repassavam para Áureo. A organização criminosa foi investigada por mais de sete meses.

Usando um rádio transmissor, numa frequência ajustada nos micropontos (escutas) dos candidatos, Áureo repassava as respostas. Além da fraude no vestibular de ontem, foi apurado que o grupo, a partir de uma base num hotel em Pontes e Lacerda (MT), passou informações do gabarito das provas do Enem para vários candidatos.

A Faculdade de Ciências Médicas vais se pronunciar à tarde. A diretoria está reunida nesta manhã para tratar do caso.

Fonte: EM

REsidentes

Bookmark and Share

Envie seu Comentário