Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Professor Carbonari é o mais votado para o Conselho Nacional de Educação

11 de maio de 2016 0

Professor Carbonari é o mais votado

para o Conselho Nacional de Educação

 Dentre os candidatos indicados a uma das seis novas vagas no Conselho Nacional de Educação (CNE), o professor Antonio Carbonari Netto, fundador da Universidade Anhanguera, foi o mais votado em todas as associações integrantes do Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular. O ofício com o resultado das eleições já se encontra no Ministério da Educação. A designação cabe à Presidência da República.

Carbonari é matemático, empresário e ex-professor de cursinho pré-vestibular. Com o modelo da Anhanguera, mudou a vida de um grande contingente de brasileiros que terminam o Ensino Médio sem dinheiro para cursar uma universidade de “grife” e com mínimas chances de conquistar uma vaga nas disputadíssimas instituições públicas.

O professor é reconhecido como um dos responsáveis pelo Ensino Superior no Brasil ter alcançado, nas últimas três décadas, um crescimento acima de 30% nas classes “C” e “D” da população. No universo dos alunos até hoje formados pela Universidade Anhanguera, 79% estão atuando no mercado formal de trabalho, empregados ou empreendendo seus próprios negócios. Após a diplomação, é de 122% o aumento médio obtido na renda mensal de cada um deles, que era, no máximo, de três salários mínimos quando ainda estudantes.

Licenciado em Matemática (PUCCAMP/1973), especialista em Educação Matemática (USF/CAPES/1979), MBA em Gestão Universitária (UNIMARCO/2001) e mestre em Administração, Comunicação e Educação (Universidade São Marcos), Carbonari Netto recebeu votação maciça como candidato ao CNE de todas as entidades do Ensino Superior particular, reunidas no fórum reconhecido como o mais importante organismo representativo do setor.

Atuação de representantes do ensino particular no CNE é importante para o cumprimento dos objetivos do colegiado. Sua missão é a busca democrática de alternativas e mecanismos institucionais que possibilitem, no âmbito de sua esfera de competência, assegurar a participação da sociedade no desenvolvimento, aprimoramento e consolidação da educação nacional de qualidade.

carbonari

Bookmark and Share

Envie seu Comentário