Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "Federal"

Conheça as melhores técnicas de memorização

15 de setembro de 2015 0

Se você faz parte do grupo de alunos que precisa memorizar as coisas, fique atento para as dicas que vamos te dar. Faltam poucos dias para o Enem, mas essas dicas podem te ajudar se você coloca-las em prática.

Ordem alfabética

No momento das anotações temos costumes de escrever tudo o que o professor vai falando em ordem cronológica, mas se você tem muita coisa para memorizar, é mais fácil organizar em ordem alfabética.

 

A importância das anotações

Geralmente os professores fazem alguns comentários ou passam determinada informação que não contém nos livros. As anotações são importantes por causa disso! Você consegue entender os dados com suas próprias palavras e interpretação.

 

Códigos

Na correria de anotar muitas coisas, a maioria dos alunos recorrem a códigos e abreviações. É muito importante que não se esqueça dos códigos criados. O legal é que você consiga interpreta-los depois de meses. Para que não esqueça, crie um glossário no seu caderno ou no rodapé da página.

 

Faça um mural

Tem gente que tem o costume de colar papeizinhos pela casa, pois certas coisas não podem ser esquecidas. Crie um mural no seu local de estudos e coloque lá as principais notas. Isso ajuda a criar uma memória visual, e na hora na prova é muito fácil de lembrar.

 

Uscores

A ideia de usar cores para organizar os estudos é muito interessante. Com as cores você pode separar as matérias e classifica-las como as mais importantes, urgentes ou por assuntos.

 

Uso de cartões e ficheiros

Essas ferramentas podem ser de grande utilidade. É interessante você utiliza-la para os conceitos que apresentam maior dificuldade ou mais relevantes. Por exemplo, para as aulas de português você pode criar um cartão para cada figura de linguagem. Para física, crie um cartão para cada fórmula.

Com essas dicas, além de memorizar o que precisa, você se torna um aluno mais organizado, e a organização junto com a dedicação são a chave para o sucesso.

habitos-estudos-450x299

Bookmark and Share

Cursinho – Como posso aproveitar ao máximo?

12 de agosto de 2015 0

Antes de começar a etapa de preparação para o vestibular, é importante que o candidato descubra novas maneiras de estudar. É essencial que haja foco e organização.

É necessário que o vestibulando tenha em mente suas motivações: O que eu quero?  O que realmente gosto? Depois de ter claro os seus objetivos é hora de organizar uma rotina de estudos que deve durar até o vestibular. Uma das maiores dificuldades dos estudantes é conseguir conciliar os estudos, trabalho e vida social. Encare seus estudos a sério, como se fosse um trabalho!

Veja algumas dicas para você aproveitar bem o seu curso preparatório para o vestibular

- Foque no seu objetivo. É importante que você mantenha em mente aquilo que te motiva, de razões para seu estudo.

- Seja pontual: defina horário para dormir e acordar. Dormir bem é imprescindível para os estudos.

- Tenha algumas fontes de energia para aulas. Se for possível, leve um sanduiche natural de frango, com pão integral e salada temperada com azeite e limão. Se não tiver tempo para preparar leve uma barrinha de cereal, biscoitos ou frutas.

- Quanto mais tempo você ficar sentado e concentrado, mais fácil será para enfrentar os dias de provas.

- Aproveite todas as aulas extras oferecidas pelo cursinho.

 

Drible a falta de interesse!

Infelizmente a falta de interesse, a preguiça, o preparo do corpo para as horas de estudo e o tempo gasto com distrações são as coisas que mais atrapalham os alunos no momento de dedicação. Tudo em volta fica mais interessante quando se esta estudando. Tente combater essas dificuldades, escolha bem o seu lugar de estudos, às vezes sua casa ou seu quarto não é a melhor opção para estudar, pois pode haver muitas distrações. Lembre-se sempre do principal motivo de você estar estudando. É necessário que você se inspire naquilo que deseja.

estudar-por-apostilas

Bookmark and Share

Bolsa para capacitação

27 de novembro de 2013 0

numero-jovens-negros-universidade-quadruplica-noticias

O ministro da Educação (MEC), Aloizio Mercadante, anunciou nesta segunda-feira um pacto realizado entre o governo federal e os governos estaduais para a melhoria do ensino médio. Com orçamento de R$ 1 bilhão, o MEC vai oferecer cursos de aperfeiçoamento e oferecer como estímulo uma bolsa de R$ 200 por docente.

“É pouco. É o que podemos fazer hoje”, reconheceu o ministro, que fez um mea culpa ao dizer que “não temos mais espaço hoje para cortar uma área do MEC”. Mercadante ponderou, no entanto, que o valor representa mais de 10% do que ganham muitos professores no País.

Além da bolsa, os professores passarão por um curso de formação dividido em diferentes etapas ao longo do ano. Estão aptos a participar todos os professores de ensino médio, um universo atual de 405 mil docentes. A meta do governo é melhorar indicadores de fluxo e proficiência no ensino médio.

Fonte: Terra Magazine

Bookmark and Share

MEC explicar cálculo da nota do Enem

25 de novembro de 2013 1

enem-2013-apostila-gratis

Com o objetivo de facilitar o entendimento dos estudantes e sociedade quanto à metodologia de cálculo das proficiências no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) criou o mapa de itens do exame. Por meio do sistema online, os interessados poderão acessar itens das provas, explicações sobre o cálculo da nota e entender como ocorre a variação da complexidade dos itens ao longo da chamada escala de proficiência. 

Além disso, os participantes do teste podem visualizar as habilidades que provavelmente já desenvolveram. O mapa de itens associa cada questão a um ponto da escala de proficiência, que varia de 0 a 1000 pontos.

Assim, o estudante poderá verificar o grau de dificuldade em que um determinado item se encontra. Os participantes com proficiência acima dessa posição possuem maior probabilidade de respondê-lo corretamente. Aqueles com desempenho abaixo dessa posição têm menor probabilidade de respondê-lo corretamente.

Os itens exibidos no mapa foram selecionados por uma comissão de especialistas, de acordo com critérios pedagógicos, para melhor representar o conjunto de habilidades e competências avaliados no exame.

Bookmark and Share

Programas para francês e espanhol

19 de novembro de 2013 0

Ciencias Sem fronteiras

O Ministério da Educação (MEC) anunciou  a criação dos programas Francês sem Fronteiras e Espanhol sem Fronteiras, destinados a aprimorar a proficiência dos estudantes universitários brasileiros em uma segunda língua para garantir amplo acesso às vagas do Ciência sem Fronteiras. A modalidade já existe para a língua inglesa. 

O Inglês sem Fronteiras oferece cursos a distância e presenciais e promove a aplicação de testes de proficiência. Os cursos presenciais são voltados a alunos com nível mais avançado em língua inglesa que buscam excelência no aprendizado. Aos estudantes de nível mais básico, o Ministério da Educação distribui senhas de acesso para o curso on-line My English On-Line (MEO).

Bookmark and Share

Convênio para bolsas em instituições federais

19 de novembro de 2013 0

Curso de informática atrai estudantes brasileiros e uruguaios. Foto Arquivo IFSul

Ministério da Educação (MEC) renovou o convênio entre a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) e o banco Santander. Há quatro anos a entidade mantém um acordo com a empresa para ofertar bolsas aos estudantes de graduação em universidades federais brasileiras.

A novidade é que este ano o valor da bolsa sofreu reajuste. A bolsa concedida, antes no valor de R$ 2,5 mil por semestre, aumentou para R$ 3 mil. Esse valor é dividido em cinco parcelas. Assim como nos anos anteriores, serão ofertadas 320 bolsas. O objetivo é que os universitários possam cursar disciplinas em outras instituições federais do país.

Bookmark and Share

Licenciatura: inscrições até 13 janeiro

17 de novembro de 2013 0

MEC logo

O Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), conduzido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), oferece 37.816 vagas em cursos de licenciatura que terão início no próximo ano. As pré-inscrições devem ser feitas na Plataforma Freire.

Para se candidatar, o educador precisa estar no exercício da atividade, vinculado a uma rede pública estadual, municipal ou do Distrito Federal, e não ter curso de licenciatura. A carga horária mínima é de 2,8 mil horas400 horas de estágio supervisionado. A duração é de quatro anos.

O professor com graduação em área diferente daquela em que leciona precisa estar há pelo menos três anos na rede pública. Nesse caso, a licenciatura tem carga horária de 800 a 1,4 mil horas e duração entre dois anos e dois anos e meio.

O Parfor também oferece formação pedagógica para docentes graduados ou licenciados vinculados a redes públicas. A formação pedagógica, de 540 horas, é ministrada durante um ano.

Bookmark and Share

Pacto pela Alfabetização em 108 mil escolas

09 de novembro de 2013 0

Logo Mec

Ao completar um ano de lançamento, o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa já conta com a participação de 108 mil escolas públicas e 318 mil professores alfabetizadores. Lançado pela presidenta Dilma Rousseff em 8 de novembro de 2012 com investimento inicial de R$ 2,7 bilhões, envolve educadores, universidades e secretarias de educação em todo o território nacional no compromisso de alfabetizar todas as crianças até os oito anos de idade. 

O principal eixo do pacto é a formação continuada de cerca de 318 mil professores alfabetizadores, em cursos presenciais com duração de dois anos. No primeiro ano de formação, a ênfase é a linguagem; no segundo, matemática. Distribuídos em 108 mil escolas públicas, já estão trabalhando em 400 mil turmas de alfabetização. 

O pacto conta com a participação de 38 universidades públicas, envolvendo uma equipe de quase 600 professores formadores, responsáveis pela capacitação de 16.814 orientadores de estudo. Esses profissionais, das redes dos estados e municípios, capacitarão os professores alfabetizadores. 

Bookmark and Share

Enem para privados de liberdade

09 de novembro de 2013 0

enem-2013-apostila-gratis

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para pessoas privadas de liberdade e para aquelas que cumprem medidas socioeducativas terá 30 mil participantes em 2013 — crescimento de 28,13% em relação a 2012. No ano passado, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) registrou 23,6 mil inscritos. Em 2011, 14.118; em 2010, 14.473.

As provas serão realizadas nos dias 3 e 4 de dezembro próximo, nas unidades prisionais e socioeducativas. No primeiro dia, as de ciências humanas e suas tecnologias e de ciências da natureza e suas tecnologias, com duração de 4 horas e 30 minutos. No segundo dia, as de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática, com duração de 5 horas e 30 minutos.

Bookmark and Share

Sisu abre na segunda-feira

09 de novembro de 2013 0

Sisu logo

Instituições de educação superior públicas podem aderir on-line ao processo do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) referente à primeira edição de 2014 a partir de segunda-feira, 11. O período de cadastramento se estenderá até as 23h59 do dia 29 próximo.

Após o cadastramento, as instituições terão prazo para fazer eventuais retificações no termo de adesão, também on-line, a partir de 5 de dezembro próximo até às 23h59 do dia 11 do mesmo mês.

É de exclusiva responsabilidade da instituição de ensino participante do sistema a divulgação, em local de grande circulação de estudantes e na internet, do termo de adesão e dos editais relativos ao Sisu divulgados pelo Ministério da Educação.

Bookmark and Share