Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

De Pelotas para o mundo

28 de fevereiro de 2012 0


Misturando ritmos como funk, hip hop e eletrônico, a Dipop vem ganhando espaço entre as novas bandas gaúchas. Com uma pegada mais irreverente, Menega, 25 anos, André, 25 anos, e Tião, 26 anos, deixaram Pelotas, no Sul do Estado, para tentar a sorte na Capital. Em apenas um ano e meio de banda, eles já têm no currículo apresentações especiais, como a abertura dos shows de Justin Bieber e Ivete Sangalo. O Pah! aproveitou que os guris estavam se apresentando no Planeta Atlântida e bateu um papo com eles.

Pah! – Como vocês se conheceram?

Dipop – Nos conhecemos na noite de Pelotas (onde fazíamos faculdade). De alguma forma, já éramos envolvidos com a música. Então, resolvemos nos juntar e ver no que dava.


Pah! – Porque Dipop?

Dipop – Na verdade no início era Difunk, pois fazíamos algo muito focado no funk. Depois que nos mudamos para Porto Alegre, percebemos que existe muito preconceito com esse tipo de som.


Pah! – Como surgiu o convite para vir para Porto Alegre?

Dipop – O Cabeção (DJ) viu um show nosso em Pelotas e gostou. Então, nos convidou para integrar a agência deles. Ficamos muito felizes, pois o som que eles fazem é muito parecido com o nosso e só temos a aprender com eles.


Pah! – Como vocês definem o som da banda?

Dipop – Gostamos de agitar a galera. Costumamos fazer umas misturas loucas com Michel Teló, Rihanna e Bruno Mars numa mesma batida.


Pah! – Vocês já têm composições próprias?

Dipop – Sim, temos duas músicas nossas, que são Toda Linda e Casa de Praia.


Pah! – E como está a vida na Capital?

Dipop – É bem mais difícil, né? O mercado é muito competitivo, mas estamos felizes com a repercussão do nosso trabalho e com o público que estamos formando.


Pah! – Quais os próximos passos da banda?

Dipop – Nosso objetivo mais próximo é ouvir nossa música tocando na rádio.


Pah! – O público de vocês é muito ligado a internet. Como as redes sociais influenciam nesse trabalho?

Dipop – Nosso site (www.dipop.com.br), Twitter (@dipopoficial) e nosso Facebook (www.facebook.com/dipopnarede) estão sempre sendo atualizados com novidades da banda e são onde, também, vemos o termômetro do nosso trabalho.


Pah! – Qual a emoção de tocar no Planeta Atlântida?

Dipop – Uma sensação indescritível. Fizemos um papel meio de “mestre de cerimônias” para as bandas do palco Pagofunk. É muito legal essa energia, poder trocar ideias com artistas que sempre fomos fãs. Quem sabe, ano que vem, estejamos no palco principal, né? (risos)


Pah! – E como fazer para contratar a banda?

Dipop – É só entrar em contato pelo telefone 9914-2422.

Envie seu Comentário