Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Essa é a hora da união

25 de fevereiro de 2016 6

Essa é a hora da união
O Figueirense vinha navegando em águas calmas, a permanência na elite e a conquista do Bicampeonato maquiaram os defeitos. Os resultados não aconteceram e as criticas foram contundentes alertando a diretoria. O que não da para entender é a divisão existente entre torcedores e conselheiros, uns parecem torcer para que tudo de errado. Nessa hora da tempestade todos deveriam dar as mãos e depois juntos festejarem as vitórias que estão por vir.

Vamos virar esse jogo
O clássico de hoje só vale pela rivalidade, na verdade não leva a lugar nenhum. Dês da primeira rodada, o Figueirense não conseguiu bons resultados e nem mandar a campo a equipe desejada. Vinicius ainda não poderá contar com Carlos Alberto, França, Ortega, Jackson que se tivessem condição com certeza seria titular. Uma vitória resgata a autoestima só que esse primeiro turno foi pro brejo e só servira para provar que o povo sabe das coisas esse plantel sem reforços não chegaria a lugar nenhum.

dscn9509

Reforçando o plantel

Será que a Schirra a mulher do He Man vai deixar ele vir, junto com Dodô, Badi, Ortega e mais dois nomes que serão contratados, selecionando o que temos ai vai dar para fazer uma fezinha. Espero que o Vinicius não vá ressuscitar Ricardinho e Nem porque ai é pá caba.

Comentários (6)

  • waltencir diz: 25 de fevereiro de 2016

    união contra cleber giglio que não sabe montar time.

  • Mazinho Alvinegro diz: 25 de fevereiro de 2016

    - Vinha navegando em águas calmas?

    - Onde?
    - Quando?
    - Como?

    Fomos campeões graças a uma kagada do Joinville e permanecemos na série A só Deus sabe como em décimo-sexto lugar.

    Hoje estamos em vias de rebaixamento no estadual.

    Deus morreu no Figueira e só restaram demônios.

  • leo diz: 25 de fevereiro de 2016

    fico imaginando o motivo de nao esta liberando os comentarios…
    kkkkkkk
    abraço.

  • jeferson preto & branco diz: 25 de fevereiro de 2016

    Olha, entre o Dybal e o Ricardinho, ainda sou mais o segundo, mas, claro, num time bem montado de série A, ele não teria vaga na titularidade. O problema entre torcida e diretoria se agrava quando se fica sabendo da verdadeira história. O nosso Clube banca um jogador revelação, lhe dá visibilidade para todo o Brasil, e o Figueirense é o menor dono dele? Isto é no mínimo uma piada, para não dizer outra coisa. E os filhos do presidente (leia-se o presidente, pois não passam de laranjas do pai) tem o triplo do Clube que vem pagando as despesas do jogador com as receitas auferidas pelo próprio Clube. Taí o que se pode chamar de conflito de interesses.

  • Carlos diz: 25 de fevereiro de 2016

    Olha, prefiro mil vezes o Ricardo ao Dybal, e até acho que ele daria uma arrumada nesse meio campo totalmente bagunçado.

  • Telmo diz: 26 de fevereiro de 2016

    Hoje somos a vergonha de Santa Catarina por até perdemos para o Bavai.

Envie seu Comentário