Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Últimos obstáculos do Figueirense

30 de março de 2016 0

É comum dizer que enquanto existir vida, há esperança. Digo isso porque estamos correndo atrás do tricampeonato, uma tarefa difícil de ser alcançada. Na próxima rodada o Joinville enfrenta o Camboriú, em casa, e o Criciúma joga em Palhoça contra o Guarani, adversários supostamente mais fracos. O Figueirense tem uma tarefa um pouco mais difícil, enfrentando a líder e invicta Chapecoense, que, no meu modo de ver, é possível ser batida. Mesmo vencendo em casa vamos precisar seguir vitoriosos, enquanto o time do Oeste vai precisar de mais um tropeço para perder o título. A gente tem que acreditar.

Vamos, galera!

O torcedor poderá fazer a diferença lotando o belo Scarpelli, que está remodelado. Wilfredo tem a Chapecoense atravessada na garganta e vai exigir sangue nos olhos dos seus atletas. Não ganhamos lá, mas aqui vai ser diferente.
A Máquina do Estreito está retificada, voltando a ser um time vitorioso e postulante ao título.

Um Leão em extinção

A Seleção Brasileira tem jogadores criados no Figueirense, e na seleção da rodada do Estadual foram apontados jogadores e o treinador do Alvinegro, que tem chance de chegar às finais. Aliás, somos o representante da Capital na elite do futebol brasileiro. Não vejo nada azul, e o time vizinho? Descambou?

Envie seu Comentário