Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de outubro 2016

Que fase, Figueirense!

31 de outubro de 2016 10

21512019
Há seis rodadas sem vencer, um ataque que tem He-Man e mesmo assim não tem a força e não faz gols, fica complicado. Em 33 rodadas fizemos sete míseras vitórias. Não podemos dizer que temos um grupo de bons jogadores. Precisando do resultado, o que se vê é um amontoado de atletas sem inspiração e sem qualidade. Não vi a intensidade e a garra de quem precisava vencer. Se não fosse o Gatito talvez nem um ponto tivesse conseguido, se bem que o goleiro do Grêmio Marcelo Grohe também fez um milagre no primeiro tempo.

Falta qualidade

Tem alguns jogadores que não merecem a camisa titular do Figueirense. Dodô, por exemplo, não queria vir e é visível sua má vontade. Renato não é volante pra Série A, Rafael Silva erra a bola e o profi colocar Mateuszinho para resolver.
E outra, o público presente de 5 mil alvinegros, sendo 3 mil visitantes, deu um pouco mais de 8 mil pessoas. Pouco para um jogo tão importante. Como sempre, nós, os donos da casa, amargamos mais uma partida sem vitória.

Roupa nova

Com o contrato com a Lupo terminando no fim do ano, a Adidas será nossa fornecedora de material esportivo. A própria grife escolheu o Alvinegro por ser as maior detentor de títulos estaduais, mais participações na elite e o mais conhecido de SC.

Avaliação individual de quem está perto do abismo

30 de outubro de 2016 4

imagesCAIC4TS8

Por mais otimista que se possa ser, as esperanças são mínimas para nossa permanência. Está faltando aquela garra, sangue nos olhos. Não sei dizer se está faltando vontade ou determinação.

Gatito foi responsável direto pelo ponto alcançado nota 9

Ayrton jogando na lateral, hora pelo meio, é aquele jogador que não ata nem desata nota 5

Marquinhos nosso zagueiro é um dos poucos regulares nessa equipe nota 6

Bruno Alves assim como toda a equipe, vem caindo de produção, mas ainda é um dos destaques nota 6

Marquinhos Pedroso se vontade ganhasse jogos o Figueira estaria invicto, mas é só vontade nota 6

Renato é um dos muitos que nem deveria ter vindo nota 3

Ferrugem esse tem vontade, determinação e raça, o que muitos no plantel não tem nota 8

Elvis deveria entrar jogando nota 6

Bady fez uma bela jogada pelo meio e chutou forte para o gol, só isso nota 5

Mateuszinho pode ser um jogador de futuro, entrar para resolver numa situação dessas, ah para né ô nota 3

Rafael Silva assim como certa vez o Maurides (rabou em bola) ai fica difícil nota 4

Dodô sinônimo de apatia, desanimo, má vontade nota 3

Lins trata se de um jogador de certa habilidade, convenhamos ainda não encaixou, tá esperando o quê? nota 6

Rafael Moura ultimamente só esforçado, nada mais que isso, nitidamente se vê a falta de um companheiro com qualidade para acompanhá-lo nota 6

Técnico: Marquinhos Santos. Também é responsável por maus resultados, ontem não seria a hora de colocar Mateuszinho, errou em entrar com Renato. Sabemos que está trabalhando com que tem nas mãos, mesmo assim esperava mais dele nota 6

Vamos pra cima do Grêmio, Figueirense!

29 de outubro de 2016 2

Um dos nossos adversários diretos, o Sport passou aumentou para oito pontos a diferença para o Figueirense, diminuindo as nossas possibilidades também. Não podemos depender dos outros, é preciso vencer o Grêmio e a Chapecoense seguido. Todos estão fazendo sua parte, falta a gente buscar as quatro vitórias.

Vai todo mundo!

As promoções dos ingressos continuam e vamos lotar o Scarpelli e, quem sabe, finalmente ter um sábado feliz com a esperança de conseguir nossos objetivos. O Figueirense está devendo, quem sabe chegou a hora de pagar essa dívida. O torcedor já sofreu muito, merece uma alegria.

Recuperado

Leandro Silva, atleta muito contestado e elogiado por uns, saiu da equipe por conta de uma cirurgia no joelho e está voltando aos trabalhos. Recuperado, treina normalmente no CFT louco para voltar à equipe nesse momento difícil. Faz falta!

Os intocáveis

A Associação Nacional de Árbitros (Anaf) entrou com reclamação no STJD contra os presidentes de Palmeiras, Figueirense, Atlético-MG, diretor de futebol do Coritiba, o técnico do Internacional, os jogadores Lucca, do Corinthians, e Diego Souza, do Sport. Os poderosos do apito podem tirar o sonho de uma equipe, mas nada acontece contra eles.

Técnico da Seleção tem o DNA Alvinegro

28 de outubro de 2016 2

O privilégio de jogar a Série A

28 de outubro de 2016 6

A luta pela permanência não é só para dar alegrias dos torcedores. Permanecer na Primeira Divisão é necessário para a sobrevivência do clube. Se com a receita que temos encontramos dificuldades, imaginem receita de Segunda Divisão… é humanamente impossível sobreviver com tão pouco. Não podemos jogar pela janela o privilégio de estar entre os 20 melhores. Eu não entendo como existe gente se dizendo alvinegro e torcendo contra.

Tá querendo me enganar

Depois da vitória contra o Cruzeiro, o Grêmio chegou ontem e esta em um hotel na Beira-Mar. E hoje eles vão fazer um treinamento na casa do vizinho. Renato Gaúcho falou que poderá jogar com time misto, mas essa história é velha e se o cinto apertar ele coloca os titulares que acompanharam a delegação. Não acreditem que o Tricolor vai dar mole para prejudicar o Inter, vamos vencê-los com os nossos méritos.

Capital x Interior

Todos sabem do ódio que os torcedores do interior têm pelos clubes da Capital. Sendo assim, não torço por nenhum dos catarinenses a não ser no meu Figueirense. Mas é inegável a qualidade e a forma que a Chapecoense vem jogando, partindo para cima mesmo estando em vantagem, procura sempre o gol. É certo que vai ser difícil o nosso jogo contra eles.

O jogo das nossas vidas é contra o Grêmio

27 de outubro de 2016 2
Foto: Luiz Henrique/FFC

Foto: Luiz Henrique/FFC

Literalmente entramos na contagem regressiva: sábado nosso adversário é o Grêmio, que precisa ser vencido. Nossa briga particular é com o Vitória e Sport, com quem teremos confrontos diretos. Esperamos que Inter e o Coritiba não pontuem. Futebol é um jogo que se empata, perde ou ganha, só que desta vez o único resultado para o Figueirense é a vitória.

Preocupante

O árbitro do importante jogo deste sábado será Eduardo Tomaz de Aquino Valadão, de Goiás, um desconhecido para mim. Procurei me informar a respeito do profissional e as informações que obtive não foram animadoras. Possui um currículo nada positivo, detentor muitas críticas a respeito dos jogos que atuou. É mais uma preocupação ter que ficar com um olho no peixe e outro no gato.

Vamos fazer a nossa parte

O lado reservado aos visitantes com certeza será todo tomado por torcedores do time gaúcho. Então vamos ocupar o nosso espaço, mandando as energias para os atletas conseguirem nossos objetivos. Sócio tem direito de levar um convidado, existem ingressos a R$ 10 também. Crianças até 12 anos terão acesso gratuito se estiverem com um acompanhante.
Quem for ao estádio poderá ser testemunha de uma virada histórica. Eu acredito e estarei lá para ver isso bem de perto. Vamos, Figueirense!

Não tem como piorar

26 de outubro de 2016 2

O time teve 32 jogos para se garantir, mas hoje está em uma situação delicada. Para a permanência serão necessárias pelo menos quatro vitórias nas seis rodadas restantes. Fica uma pergunta no ar: será que os atletas vão reagir e fazer o que não fizeram até agora? Mesmo com chuva, teve treino de dois toques para quem não viajou e treinamentos na academia do CFT para quem atuou contra o Atlético-MG. Todos se empenhando e demonstrando vontade.

É vencer e vencer

O treinador Marcos Vinícius está mostrando que conhece de futebol, e com as peças que tem em mãos já deu um pouco mais de consistência. Também não dá para esconder que nosso treinador tem jogado recuado, com medo dos adversários. Se o “profi” quer ter alguma esperança em conseguir as vitórias que precisamos, tem que deixar de ser covarde e partir para cima sem medo de ser feliz. Com cautela, mas sem medo.

Mudanças de hábito

Estive no programa Estádio CBN, um evento onde se reúnem amigos e em ambientes muito agradáveis. Em outras ocasiões, além do presidente, outros diretores alvinegros sempre se faziam presentes. Desta vez só Genilson, bem acompanhado, Erick e Samara do marketing. Já a vizinhança, com os recentes os resultados, foi com uma grande comitiva.

O Figueirense tá respirando? Eu acredito

25 de outubro de 2016 9

A maioria dos torcedores já jogou a toalha. Apesar de ter esperanças, sei que com a falta de qualidade do plantel só com muita superação poderemos alcançar os objetivos. Tenho visto muita gente que se diz alvinegro parecer estar torcendo para o circo pegar fogo – no meu modo de ver isso não é ser torcedor.
A cada rodada o cerco aperta, as coisas ficam mais difíceis e, convenhamos, faz cinco rodadas que não ganhamos de ninguém. Não posso tirar a razão dos desacreditados, só que eu ainda acredito.

Tempestade ou bonança?

Claro que os alvinegros querem o clube na Série A. Além do status e das receitas, a qualidades dos jogos e seus adversários são diferenciados. A verdade dói, não podemos fugir dela, erros e pouca qualidade do plantel são inegáveis, outro grande vilão são os problemas que tivemos com as arbitragens. Caso a tragédia venha acontecer, o futuro do clube será um verdadeiro furacão.

Erros e acertos

Nesse espaço sempre batemos na mesma tecla: um bom time começa por um grande goleiro. Há muito não se tem um camisa 10 e nas contratações tivemos mais erros do que acertos. Quanto à técnica, só agora vejo timidamente os jogadores bem posicionados ocupando todos os espaços no gramado.

Jogamos bem e não levamos

24 de outubro de 2016 4

images (12)
Não vou criticar os atletas que participaram dessa partida, não faltou comprometimento nem dedicação. O primeiro gol do Atlético surgiu de uma falta inexistente e de falha do nosso goleiro. O que dizer de mais uma penalidade a nosso favor não assinalada, quem são os interessados, qual a força do Branco, perguntas sem resposta. Também não culpo pelos dois outros gols que sofremos naquele momento os atletas já estavam abatidos pelos erros da arbitragem. Tivemos 5 chances claras de gol no primeiro tempo, outras tantas no segundo ai os goleiros que falham contra os outros fazem milagres contra nós além da incompetência de concluir.

Jogamos bem e não levamos
Novamente o arbitro errou isso não justifica as 14 derrotas que a equipe teve durante a competição. Mesmo assim eu sou teimoso, torcedor apaixonado e ainda acredito, sei que vai só um milagre salva nossa equipe, então vou esperar pelo milagre.

Um comprado outros emprestados
Precisamos saber que He Man e Dodô são emprestados e com grande parte do salário pago por eles, Claytinho foi adquirido por então nada a discutir. No meu ver Marcos Vinícius é um bom treinador, esta trabalhando com que tem nas mãos, no meu ver o único erro e sair com Werley com Bruno Alves no banco.

Resultados do fim de semana
Na decisão do estadual nas categorias a única alegria do torcedor no fim de semana foi vitoria do infantil por 2 a 0 sobre a Chapecoense e 3 a 1 do nosso juvenil sobre o Criciúma. No adulto todos os resultados foram favoráveis, só nós não fizemos nossa parte.

Se fizer uma peneira poucos desse plantel tem qualidades para jogar em uma primeira divisão

23 de outubro de 2016 2

Avaliação dos jogadores na derrota de 3 a 0 para o Atlético MG

Gatito Fernández ele tem feito algumas defesas importantes, mas não é o goleiro para o meu time, a falta foi bem cobrada, mas defensável nota 6

Ayrton dedicado, esforçado eu gostei de sua atuação nota 6

Marquinhos bom zagueiro, titular e xerifão, assim como todos nessa partida apesar do resultado se dedicaram foram bem nota 6

Werley meu titular na zaga será sempre Bruno Alves, quase entregou o ouro aos 12 minutos do primeiro tempo nota 5

Marquinhos Pedroso vontade, determinação não lhe falta, não comprometeu nota 6

Josa: gostei desse volante, tem qualidade e muita raça, vai fazer falta no próximo jogo pelo cartão recebido nota 7

Jackson Caucaia é aquele jogar que acerta uma erra outra , da pro gasto nota 6

Elvis entrou e teve pouco tempo para mudar o jogo, deixou o companheiro Rafael Silva na cara do gol e não aproveitou sua nota 6

Ferrugem o destaque da partida, muita disposição, esse garoto se doa completamente a equipe nota 8

Bady ainda não desencantou, não é meia de qualidade para jogar no Figueirense, nota 5

Everton Santos entrou e não modificou o panorama do jogo nota 5

Rafael Silva gostei da sua movimentação, perdeu umas três oportunidades de se consagrar, não teve êxito nota 7

Lins de reconhecida habilidade, ainda não mostrou nada esta devendo, esta na hora de deslanchar nota 6

Bruno Alves entrou quando não tinha mais nada que fazer nota 5