Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Um dia por posição

20 de julho de 2013 1

Conversas, desculpas, promessas e a retomada dos treinos norteiam os preparativos para o compromissoem Chapecó. A possível chegada de novos valores e a volta do Marquinhos dão o tom na Ressacada sobre o duelo da Arena Condá. São 11 dias que separam a última derrota do próximo jogo. É como se Hemerson Maria tivesse um dia para arrumar cada posição do time, que precisa de reação imediata para continuar sonhando.

Precisamos fazer muita coisa!

Desanimo, desconfiança, decepção, são palavras que ouço nas conversas com nossos torcedores. Compreensível, sabendo que temos alguns atletas acima da média da competição, tradição, torcida e por último ainda agregamos um treinador bem quisto por todos. Mas, a caixinha de surpresas transformou nossa convicção no acesso em uma baita incerteza sobre nossa campanha. Uma improvável arrancada pode mudar o rumo das coisas e quando o assunto é futebol, e em especial o Avaí, não é bom ficar duvidando…

Jogar sem medo

Nada de empate seja lá com quem e contra quem. Diante da Chapecoense no Oeste e depois Dragão e Papão em casa não podemos ter medo de cara feia. É colocar o time pra frente, só os três pontos interessam e nas três partidas. 100% resultado e reação!

Imponente

A derrota do Avaí em Recife tirou o time vizinho do G-4. Mantê-lo de fora é missão para o Alviverde imponente, favorito dessa série B. É no gramado em que a luta o aguarda que espero uma repetição do que houve
ano passado no Scarpelli… Vitória Palmeirense!!

Comentários (1)

  • Fissurado na 3º divisão diz: 20 de julho de 2013

    Ão ão ão terceira divisão.

Envie seu Comentário