Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de novembro 2014

O prazer de ser avaiano

30 de novembro de 2014 3

Começamos a Série B com desconfiança, após um péssimo Estadual e com problemas financeiros. Estivemos no Z-4, melhoramos, mas a oscilação de resultados trouxe Geninho, que nos encheu de esperança com 12 jogos sem derrota que nos levaram ao topo. O problema foi a queda brusca do time, o fantasma de 2013 e o avanço dos rivais. Parecia o fim do sonho: em sexto lugar e faltando três rodadas.

E seria se o time em questão não fosse o Avaí, que ressurgiu no amor de sua torcida, na persistência do treinador e na volta da raça dos atletas que buscaram vitórias seguidas. E o resto? A diretoria fez sua parte e os resultados paralelos foram movidos pelo tal do “faz coisa”. Fatores inexplicáveis e emocionantes como esses que não deixam dúvidas: como é bom ser Avaí, uma paixão integrante da elite.

Desmarquem as consultas

O Avaí foi melhor, Roberto atropelou, Vágner milagroso, a zaga perfeita, João Filipe foi grandão e M10 mereceu o gol do acesso, em tarde de nervosismo e emoção. Por pouco que não escrevo direto da UTI. Do coração o avaiano não morre mais.

O representante

É de arrepiar a narração de Salles Júnior no momento do gol do Santa Cruz, que garantiu o acesso. A maior e mais fanática torcida merece a elite. Enfim, Santa Catarina volta a ter um representante que pode igualar ou ainda melhorar a maior colocação da história no Brasileiro.

Pra ficar na história

29 de novembro de 2014 2

Se esse clube faz coisa, chegou a hora de completar o ditado: faz, ô se faz. Vencer o Vasco não é tarefa fácil, imagina combinado com tropeços de dois concorrentes e quem sabe ainda tirando o saldo de gols. Estamos cientes das dificuldades e dispostos a dar o maior incentivo possível para que essa missão seja coroada com a volta à elite. A Ressacada vai ferver e, se o acesso vier, a Beira-Mar também.

Marcar o nome

Os titulares estão definidos por Geninho, que aposta em Anderson Lopes e João Filipe para dar suporte ao ataque ao lado de M10. Roberto completa a turma que precisará fazer os gols que o time tanto precisa.

Plantonistas

Nunca o plantão da retaguarda das rádios terá tanto destaque. A cada intervenção, o coração do torcedor vai ser testado.

Final repetido

27 de novembro de 2014 7

Na última rodada da Série B do ano passado, o Bragantino, adversário do vizinho, retirou vários titulares do confronto e mesmo assim conseguiu o empate, ainda que através desse resultado, combinado com outros, tenha dado o acesso para o time de Floripa. Portanto, o que o Icasa está fazendo não é novidade. É desagradável, mas não o impossibilita de evitar a derrota. Acompanhei atentamente na internet o noticiário de Juazeiro do Norte e a entrevista do técnico Vladimir de Jesus, confirmado no clube para 2015. Ele passou a impressão de que o jogo será pra valer. A prova real será sábado e espero que conspire para uma festa azurra na Ressacada.

Cada um na sua

O treino de ontem dividiu o grupo em ofensivo e defensivo. O equilíbrio dessas funções é que podem ajudar na luta de sábado. A parte da frente precisa tirar o atraso e quitar suas dívidas com a equipe, enquanto lá atrás o negócio é manter o desempenho.

Sabe de nada, inocente

O vizinho fala em Sul-Americana? É bom lembrar que as oito vagas de antes se resumem a seis, pois, o campeão da Copa do Nordeste e o da Copa Verde estão garantidos. Bem, eles vão cair na primeira fase mesmo, como sempre.

Tese confirmada

26 de novembro de 2014 3

Escrevi ontem sobre a misto de sentimentos que regem a massa azurra, entre os que acreditam no acesso e na mística do “Avaí faz coisa” e dos que estão desconfiados quanto aos resultados agregados que o time precisa junto com a nossa própria vitória.
Dos aproximadamente 10 avaianos que conversei, as opiniões eram divididas, mas insisto que a hora não é de jogar a toalha, mesmo que não se esconda a dificuldade do momento. O último esforço e voto de confiança pode nos gerar uma grande recompensa. É preciso ir ao estádio contra o Vasco, já que a Nossa Senhora da Ressacada pode voltar a operar mais um milagre.

Onde foi que eu errei?

Me fizeram a pergunta: em que jogo o Avaí mais bobeou nesta Série B? Cito dois em especial: o empate em casa com o Oeste e a derrota nos acréscimos para o Atlético-GO, e ainda por cima com dois gols de diferença. Mas como não é a hora de chorar o leite derramado. Precisamos ajustar o time em busca da vitória e dos gols que poderão definir o acesso.

Continua indefinido

O Vasco tem dois desfalques garantidos para sábado. No mais, “papai” Joel que trazer os titulares, mas não descarta a possibilidade de usar alguns jovens. O negócio que é ontem o Icasa dispensou 10 jogadores. Se o time caiu com eles, imagina sem eles? Isso facilita muito a vida do Boa.

Sentimento dividido

25 de novembro de 2014 4

Estar vivo com chances de subir na última rodada pode ser considerado um fator de motivação para a partida decisiva contra o Vasco. Porém, por outro lado a preocupação em não depender apenas de seus resultados, torcendo por um time já rebaixado contra um postulante ao acesso vivendo um bom momento e ainda ter que ultrapassar o Dragão no saldo de gols, acarreta uma desconfiança sobre chegar ao objetivo. Nessa mistura de sentimentos, espero que o torcedor azurra esteja ao lado da equipe no sábado na Ressacada, pois só desta forma podemos tentar fazer essa balança pender para o nosso lado.

Expectativa sobre o adversário

O Vasco já subiu, ainda que não tenha sido da maneira sonhada pela sua torcida. Falou-se que nos vestiários alguns atletas já estavam em clima de despedida do clube. Fica a dúvida sobre que time os cariocas colocarão em campo neste sábado. Estou acreditando que virão com um mistão frio. Na verdade, a semana será de muita atenção por aqui, no Rio, em Recife, Goiânia, Juazeiro e até no outro lado do mundo, quero dizer Varginha.

Mico confirmado

Cléber Santana, ao empatar para o Tigre contra o Flamengo, decretou que permanece com o time do vizinho o recorde negativo no Brasileirão nos moldes atuais.
Lanterna com 30 pontos!

Santa decisão no Arruda

22 de novembro de 2014 1

Estamos na penúltima rodada e com chances reais do acesso, ainda que dependa de um tropeço do Boa e de medir forças com o Atlético-GO. De todo modo, só as vitórias contra o Santa Cruz, no Arruda, e depois contra o Vasco, em casa, poderão levar o Avaí à Série A.

Motivação diferente

O Santa Cruz sempre é um rival difícil, mas os tropeços recentes diminuíram a empolgação da torcida. Aposto tudo em M10 e Roberto.

Antes, durante e depois

Antes da bola rolar em Recife, vamos torcer muito pelo Oeste. Em seguida o foco é no Leão. Se tudo der certo, viramos “bolivianos” contra o Dragão.

A ordem é vitória

Uma parte do hino azurra, que cabe bem neste fim de semana, é o que fala: “a ordem é vitória, vencer, vencer”. Dá-lhe rubro-negro baiano! Pra cima deles no Scarpelli Park.

Ajustes no Leão

21 de novembro de 2014 0

Entre dúvidas e uma certeza, o Leão embarcou para Recife com um único propósito na bagagem: vencer o abatido Santa Cruz. É hora de matar a cobra coral e mostrar o pau sem deixar dúvida que vamos buscar o acesso. Entre os titulares, Diego Jardel pode perder vaga para Revson ou Julio César, numa postura mais conservadora, acreditando num melhor encaixe entre o meio e o ataque, que deve continuar com Diego Viana como companheiro de Roberto. João Filipe está fora.

Onde há fumaça…

…pode haver pontos. O Avaí continua focado em garantir sua vaga dentro de campo, mas prepara uma denúncia sobre possível irregularidade de um atleta do Boa Esporte, que pode ter ultrapassado o número permitido de jogadores contratados em outros time que disputam a Série B.
Caso confirmado a pena pode gerar a perda 27 a 39 pontos. Já imaginaram?

Tigre de bengala

O Criciúma está conseguindo até aqui igualar o recorde negativo do vizinho, que além de lanterna terminou com apenas 30 pontos. Pra mim já caíram, mas pelo menos poderiam somar mais um pontinho, né?!

O que é isso?

A Chapecoense, depois da sapatada no Inter, ontem deu um esculacho no Fluminense. Incrível!

Será preciso uma Boa torcida

20 de novembro de 2014 0

As chances melhoraram, até porque deixamos o Ceará para trás, mas o que mais me preocupa é um tropeço do Boa, que na teoria tem jogos mais fáceis. De todo jeito, precisamos fazer nossa parte e acreditar que no final tudo vai dar certo, porém é bom que a torcida esteja preparada.

Gostei do que vi

Assisti boa parte do jogo Santa e Sampaio. No time Maranhense existem bons valores para serem contratados, além de ser um duro adversário para o Atlético-GO. No Santa, o desânimo com a derrota facilita muito o nosso caminho.

Somos Todos Oeste

“Doutor, eu não me engano. Roberto Cavalo é avaiano”. O técnico que deu o acesso ao Leão dentro de campo da Série C para a B – bem diferente da forma que o vizinho subiu –, pode dar mais uma mãozinha histórica desta vez.

O sonho não acabou

19 de novembro de 2014 0

Foi no sufoco, mas o Avaí voltou a vencer e segue na luta pelo acesso. O grande problema da rodada foi de Boa e Atlético-GO, que também venceram e evitaram que o Leão retornasse de vez ao G-4. Parece que mais do que a necessidade imperiosa das vitórias, teremos que secar muito neste final de disputa para poder chegar a elite. De toda forma continuamos vivos e em busca do objetivo. O Santa Cruz mostrou fraqueza na rodada.

Vitória da insistência

A Lusa encardiu a partida, vendendo caro a derrota. O Avaí foi superior, mas esbarrava nas defesas do goleiro e na aplicação do adversário. Roberto, o melhor em campo, estava incansável. Quando a ansiedade e o desespero tomavam conta, um rápido contra-ataque caiu nos pés de M10 que enfim colocou a bola para dentro. Ele sabe o que faz.

Sabadão

Coelho e Boa jogam as 16h20, o Avaí uma hora depois, e as 21h será a vez de Ceará e Dragão, haja pipoca…

A fé não costuma falhar

18 de novembro de 2014 0

A nação azurra está colocando muito mais esperança num possível acesso mais pela tradição do clube do que propriamente pelo desempenho do time. Contra a Lusa, no decisivo duelo de hoje, não será diferente.
Se espera que os atletas deem uma resposta positiva, mantendo viva a expectativa de chegar à Série A do Brasileirão, inclusive podendo assumir lugar no G-4 de acordo com o tropeço dos rivais. Noite de fé
na Ressacada.

 Escalação do momento

De novo Geninho mexe no time em busca de uma formação que possa vencer. João Filipe iria assumir a ala direita, mas a contusão no tornozelo parece que pegou mesmo o jogador. Assim, o substituto do meia boca Bocão será Marrone. Na outra lateral, Eltinho vai saindo de fininho para o retorno de Thiago Carleto, que passa a ser opção também na bola parada por ter um chute forte.
Diego Jardel e M10 fazem a criação no meio, com Diego Viana e Roberto sendo os responsáveis pelo ataque. Aprovei, embora Eduardo Costa tenha tido desempenho inferior ao de Revson em Minas – minha única ressalva.

Xô, empate!

Contra o Oeste existia o tabu de empate que não quebramos. Contra a Lusa em Floripa são três jogos e três empates. Chega disso, a noite será para fazer as pazes com a vitória.