Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Mudanças forçadas no Avaí

16 de junho de 2016 2

Suspensos, Renato e Gabriel não jogam contra o Goiás. Para a lateral, Alemão é o substituto natural. Na zaga, há dúvidas entre André, poupado no último jogo, Fábio Sanches e Célio Santos, que é canhoto como Gabriel. Jajá continua de fora e dificilmente teremos outras mudanças.

Queda de rendimento

Pelas redes sociais, percebi que o torcedor avaiano está irritado com a queda de rendimento da equipe. Nos últimos cinco jogos perdemos quatro. Silas tem mérito no crescimento da equipe na largada, mas nos tornamos previsíveis e é preciso mudar alguma coisa. A gente vinha numa crescente e o time descambou.

Ienes à vista?

Há a informação que o presidente do Avaí está no outro lado do mundo em busca de patrocínio. Dizem que o intermediador é o pai do Toshi. Estamos aqui na torcida para que venha um patrocinador master, e, principalmente, que desta vez a gente receba. Na má fase também espero que não nos surpreendam com um projeto de arena, muito menos com novos jogadores/patrocinadores.

Mais um

Depois de Bragantino, JEC e Paysandu, amanhã pegaremos mais um adversário com a corda no pescoço. Já ressuscitamos três. Se levantarmos mais um quem vai pra rabeira somos nós.

Comentários (2)

  • Sérgio Luiz Cardoso diz: 16 de junho de 2016

    Estou hoje,Filippe,com boa intuição,com relação ao jogo de amanhã. Mas.quero te dizer que se for verdade está notícia de patrocinador,ficaremos felizes. Agora,confesso pra ti que eu não acredito mais nisto. Mas também quero estar errado e que dê certo. Te digo uma coisa,eu fico triste com tamanha incompetência,de nossa diretoria,pra tratar deste assunto. Eu como conselheiro, já ouvi tantas estórias sobre isto que já não

  • Sérgio Luiz Cardoso diz: 16 de junho de 2016

    Estou hoje,Filippe,com boa intuição,com relação ao jogo de amanhã. Mas.quero te dizer que se for verdade está notícia de patrocinador,ficaremos felizes. Agora,confesso pra ti que eu não acredito mais nisto. Mas também quero estar errado e que dê certo. Te digo uma coisa,eu fico triste com tamanha incompetência,de nossa diretoria,pra tratar deste assunto. Eu como conselheiro, já ouvi tantas estórias sobre isto que já não suporto mais tanto papo furado, mais torço que seja verdade,afinal,precisamos. Abraços

Envie seu Comentário