Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Milagre de São Luís

24 de agosto de 2016 5

Depois de trocentos jogos voltamos a vencer fora de casa. Tá certo que foi contra o lanterna, mas fizeram o que se espera: gol. Ponto positivo para a estreia do Betão e a confirmação que o Lucas Coelho precisa ser titular, pelo menos em comparação com o que o William não vem jogando.

Teste para insone

Têm jogos que são testes para cardíacos. Também há os que são testes para insones. Não podemos esperar muito mais que isso do nosso time na temporada. É fazer os tais 45 ou 46 pontos e torcer para ter algum planejamento em 2017. Se não tiver, torceremos para o ano passar imune e planejamos 2018. E assim sucessivamente.

Alemão

Considero Alemão um bom achado, jogador raçudo. Pelo que temos visto por ali, estava fazendo bem seu papel. Mas mais uma vez foi mal e fez um pênalti bobo. Não sei se é falta de confiança, nervosismo, mas alguém precisa ter uma conversa com ele.

Iluminado

É incontestável a história do Evando no Avaí. Fez o gol do acesso de 2008 e golaços na Ressacada. Ontem conseguiu sua primeira vitória como treinador. Por respeito a essa história, espero que não o efetivem. Vencemos o lanterna, isto não
pode nos iludir. Procurem um treinador pra fazer os 46 pontos.

Comentários (5)

  • Sérgio Luiz Cardoso diz: 24 de agosto de 2016

    Filippe,a vitória de ontem só veio confirmar o que viemos dizendo ao longo do tempo em que o Sílas treinou o AVAÍ . Que Lucas Coelho,Judson,Betão e cia. Teriam que serem titulares deste time. Claro,jogamos com o lanterna,mas já é um esboço de time. Sem invenções,sem teimosias,sem escalações estapafúrdias. Estava na cara que o Sílas não era cobrado por ninguém . Arrisco a dizer,que se fosse ele que estivesse no comando,não teríamos logrado ęxito,ontem. Estava tudo errado. Ou escalaremos os que estiverem em melhores condições,ou sofreremos até o final,mas ,como disse,confio no Juceli. Abraço

  • FABIO LANCASTER diz: 24 de agosto de 2016

    Na situação que os times de Floripa se encontram, o jogar bem e bonito passa longe de ser prioridade.

    Tem que somar ponto e, em espencial, no plural (pontos).

    A vitória aliviou um bocado. Se perdesse, certamente teria problemas sérios lá na frente, quanto a rebaixamento.

  • Giovana S. Cardoso diz: 24 de agosto de 2016

    Filippe,alguém tem que conversar com o Alemão. Quase que põe uma vitória certa fora. Ele é bom jogador,é útil pra nós,mas tem que ser prudente. Aí é que entra o treinador , .chama o jogador e bate um papo sério com ele. É que ele é um jogador vigoroso,pra mim,titular,mas tem que ter um pouco mais de calma. Confesso que me preocupei,felizmente ,acabou bem. Quanto ao Sílas ,estava equivocado,hien ? Ou alguém estava impondo algumas escalações ou era limitação dele mesmo. Estou começando a achar que o Conselheiro Sérgio tinha razão mesmo. Abraço

  • Marcelo diz: 24 de agosto de 2016

    O próprio Evando falou que não está preparado para assumir. ele quer sim aprimorar mais, estudar mais para daí sim assumir como treinador. Vitória importante a de ontem, será mais importante ainda se na próxima terça o Avaí ganhar dentro de casa do Luverdense.

    sobre o Alemão, não me convence, jogador que não serve para jogar no Avaí, se fizerem o básico o time será ajustado facilmente, o básico é: 2 zagueiros, Capa e Renato nas laterais, 2 volantes (1 pegador e outro que saiba sair jogando) ( Menos LUAN) e dois meias de Criação ( Marquinhos e outro) e 2 atacantes. eu ainda tentaria trazer um atacante de beirada de campo rápido para ser o desafogo nos jogos fora de campo ( jogador de 2º tempo) para meter a correria pra cima da zagueirada adversária. de resto é fazer logo esses 45 , 46 pontos e bye bye 2016.

  • Filippe Trote diz: 24 de agosto de 2016

    Concordo com a formação, Marcelo. Só temos o Rômulo para fazer esta função. Lucas Coelho atualmente me agrada mais que William e ao meu ver são, respectivamente, titular e reserva. Alemão, para nossa atual situação, briga com o Renato por uma vaga. Precisamos sim de mais um atacante. No mínimo.

    Sergio e Giovana, difícil prever como seria o Silas ontem, mas enfrentou outros times muito fracos fora de casa e não tentou ganhar. Logo, não é nenhum absurdo achar que ontem não venceríamos nas mãos dele.

    Fábio, ontem tinha que ser vitória mesmo. Bem ou mal, compensou a derrota em casa. Precisamos dos mesmos 23 pontos do primeiro turno, e por enquanto temos uma vitória e uma derrota, assim como lá. Vocês precisam melhorar um pouco a campanha do turno pra não sofrer. E até aqui pioraram.

Envie seu Comentário