Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Usamos a cabeça

15 de julho de 2014 0

Se a atuação não foi empolgante, principalmente no primeiro tempo, a vitória no estilo “esse Avaí faz coisa” contribuiu muito para nossa situação no campeonato levando a equipe próximo do G-4. Começamos trocando passes do meio campo com M10 tentando ditar o ritmo sem sucesso. Para piorar o Dragão abriu o placar e dificultou mais ainda o desenvolvimento do time.

Cenário assustador

O cenário começou a assustar quando Antônio Carlos foi corretamente expulso e antes do intervalo CS88 perdeu penalti, amenizado apenas pela exclusão de um adversário no lance. Na etapa final, viemos com mais vibração e a ousadia foi premiada na cabeçada certeira de Pablo um dos destaques do triunfo. E para colocar as coisas nos devidos lugares, usamos a cabeça novamente e em cima da hora com Diego Felipe que mostrou bom poder na bola aérea ofensiva. A zona de acesso é logo ali e na sexta, a parada é na Ressacada de novo. O duelo com a Ponte Preta promete.

Acende o Lampião!

O time do vizinho está há um mês sem perder, graças a parada da Copa. Hoje o Coxa acaba com essa “invencibilidade”. A secadinha terá sabor especial com um gol de Robinho, ex-Avaí.

Parada da Copa

10 de junho de 2014 0

Vamos incorporar o verde e amarelo ao azul e branco. Hora de curtir a Copa!

Ponto da raça

09 de junho de 2014 0

Se o futebol não foi o esperado, sobrou vontade para o time da raça no Maranhão. O Avaí trouxe um ponto na bagagem, deixando-o a apenas três do G-4. Como das 10 partidas seis foram longe, cria-se um expectativa positiva pra chegada de Geninho. Entre erros e acertos, o desempenho de Raul Cabral foi positivo, anunciando uma carreira promissora no futuro.

Levantou a moral

Pablo é uma realidade. Eduardo Neto está dando conta do recado no meio. Roberto voltou a dar esperança. Entrou, fez o gol e deu arrancadas.

Coisa de fanático

Trocando ideias com um grande avaiano, empolgado com o novo patrocinador, concluímos: “Deveria ser obrigatório nos colégios o aprendizado do mandarim”. Esse Leão faz coisa, ô!

Avaí como visitante indesejado

07 de junho de 2014 0

Será nosso sexto jogo fora de casa e iremos em busca da quarta vitória longe. Vencer o Sampaio Corrêa não permite que aos rivais que estão no grupo de acesso desgarrar na classificação, ainda que um empate também não seja desprezado, pois, segura o adversário que vive bom momento e mantém uma pontuação razoável para chegada de Geninho, que precisará melhorar o desempenho técnico do time e principalmente fazendo valer o fator Ressacada, onde perdemos pontos importantes. De quebra, um bom resultado fecha a passagem do interino Raul Cabral, que deve se tornar treinador azurra num futuro.

Chegou e levou

Como Héber e Roberto em baixa e Paulo Sérgio machucado, Willen estreou e garantiu a vaga de titular. Terá a chance de mostrar mais. Duelo encardido, mas como é em São Luiz do Maranhão, a espera aumenta, fui claro?

Dica quente

Dei a pista: o zagueiro com dois nomes com passagens por grandes do Rio é Renato Silva, ex-Fogão e Vasco!

Haja pilha

O time do vizinho não vai perder esse fim de semana. Só porque não joga, mas a lanterna tá firme e forte.

Abre-alas na lateral do Leão

05 de junho de 2014 2

Uma mudança que passou a funcionar no time de Raul Cabral são as laterais. A escolha de Marrone com um futebol eficiente e regular, avançando só na boa, tem gerado ótimas jogadas na direita. Quando se utilizava Bocão anteriormente, o jogador nunca chegava aos finalmente. Na esquerda, Eltinho, um dos xodós da torcida, tem sido destaque. Sua força ofensiva é uma boa arma no auxílio ao ataque e sua técnica garante a titularidade, ajudando até mesmo na questão de Eduardo Neto, um peso morto na lateral que tem contribuído como segundo homem de marcação, e com certa qualidade, na transição entre meio e ataque.
Podemos considerar que uma parte da equipe parece estar se ajustando com o carro andando, e quem sabe as outras venham na sequência junto com o novo treinador.

Desacelerou

O atacante Roberto, que em 2009 e 2010 era o Fórmula-1, vem decepcionando rapidamente. No seu retorno, fez alguns gols e teve lampejos do perigoso atacante que conhecemos, mas agora está em baixa. Precisa de uma atenção especial na expectativa de recuperar o jogador que vibrou muito ao abrirmos o placar em Juazeiro.
Ele, Marquinhos e Cleber Santana teriam que fazer a diferença, mas suas atuações estão muito tímidas e muito aquém do que se espera e do potencial que eles têm a mostrar. Se estivessem correspondendo, o Avaí poderia estar na parte de cima da tabela.

Quentinhas do Leão

Um zagueiro experiente, anotem aí, que tem nome composto e jogou em grandes times do Rio. Outro é um atacante, um camisa 9 mesmo. E Geninho, acostumado ao Leão da Ilha (Sport), estão próximos.

O imprevisível Avaí

04 de junho de 2014 0

O assunto do momento serve bem para definir o primeiro tempo diante do Icasa, lá em Juazeiro do Norte, terra de “Padim Ciço”: era tudo chinês. Sem chances e com muita igualdade, o placar em branco refletiu o que fizeram os times, melhor, o que deixaram de fazer com a bola no pé.
Mas na etapa final só deu Leão, mantendo em alta a teoria do imprevisível. Em casa acaba patinando, e fora vence. E não para por aí.

Olha quem fez…

Quem apareceu como atacante para fazer o primeiro gol foi Eltinho. E para matar o jogo, o volante Eduardo Costa marcou, mostrando oportunismo. Será o começo da saga de um novo Leão?

Made in China

O tamanho da importância do novo patrocinador não pode ser mensurado neste momento, mas além de vir em boa hora, pelo aporte financeiro interessante, pode mudar o futuro do clube, onde investimentos significativos são prometidos. Mas o Avaí é Futebol Clube e, certamente, tal parceria só irá se consolidar com o crescimento como um todo. Bem-vindos, chineses!

Lanterna padrão Fifa

O time do vizinho quer trazer o argentino El Gordo! Gordurinha na classificação, de fato, não existe no Estreito, mas não há como perder a chance de dar aquela zuada!

Melhor que jogar "Icasa"

03 de junho de 2014 0

Raul Cabral terá problemas para escalar o time. Paulo Sérgio e Júlio César estão fora, e Diego Jardel, outra boa opção, nem viajou. Rumores dão M10 como reserva, embora existe mistério sobre quem vai começar. Willen, que vem treinando bem, foi relacionado e poderá pintar na frente, onde Roberto, Héber e Anderson Lopes também brigam por posição. Precisamos de uma vitória de qualquer maneira. Por incrível que pareça, jogar longe de casa pode ser um bom motivo para acreditarmos num triunfo.

O candidato

Geninho é o número 1 da lista de especulações. É experiente, já conseguiu alguns resultados significativos, mas anda meio em baixa. Como do jeito que está não pode ficar, a mudança é valida. Se o currículo fizer diferença, podemos visualizar melhoras.

Pouso autorizado

Será que o avião chinês pousa na Ilha? A notícia está ganhando a atenção da torcida azurra. Quem sabe esse patrocínio seja a porta de redenção do clube. Mesmo escaldado, não deixa de ser uma notícia animadora.

Lanterna na Copa

Com 4 pontos em 9 jogos, o time do vizinho não chegaria a completar 17 pontos em 38 partidas pela média. Nem eu previa tamanho vexame.

Raul Cabral tem que vencer pra ficar

30 de maio de 2014 4

Um dos dilemas do Avaí em 2014 pode estar próximo de terminar. Encontrar um técnico que obtenha resultados positivos. Isso pode passar por uma vitória contra o ABC. Posso garantir que o novo, em todos os sentidos, treinador azurra terá o apoio da nação camisa 12. Para que um possível triunfo atenda duas frentes: a de sua efetivação como técnico no após Copa do Mundo e para colocar o Leão na parte de cima na tabela, sempre de olho no jogo atrasado como trampolim para o G-4.

No escuro

Se você pensou que aqui seria um post para tirar um sarro do vizinho, se enganou. Falo a respeito da escalação azurra: Raul mantém o mistério sobre os 11. O bom é que suas escolhas tem dado certo e seu leque de opções está maior e melhor que diante do Náutico. M10 e Roberto são meus titulares, mas como time que ganha não se mexe, vou aguardar pela decisão do técnico 100%!

Caminhos da bola

Diego pode estar deixando o clube e, se assim for, temos mais a agradecer do que reclamar. O título de 2012 exime as dúvidas. Vagner é o número 1.

Disque pra ganhar

Aí vai uma dica vizinho: quer ganhar umazinha? Liga 0800-Ressacada que o Raul ensina pra você!

E agora, diretoria?

29 de maio de 2014 1

Raul Cabral encontrou uma maneira de a equipe jogar bem, com uma escalação nada usual, e venceu. A esperança da qual escrevi após a vitória em Recife ecoou nas ruas em bate-papos. O sentimento de apoio ao jovem treinador, aliado ao contexto da situação econômica e de nomes disponíveis no mercado, reforça a tese da manutenção dele no cargo, e um triunfo contra o ABC pode ser o fato definidor. A direção deve estar pensando algo próximo desta vertente e, ainda que seja apenas um palpite, acho que ele fica.

Os 11 escolhidos

Se jogador que estreia com gols e vitória é pé quente, treinador com 100% de aproveitamento em duas pedreiras fora de casa pode ser chamado de “Prancheta Quente”. O Raul, de demonstrar competência, tem sorte. M10, EC5 e Roberto deixaram o DM e formarão a famosa dor de cabeça boa para escolher quem pega o ABC. Curiosos pela escalação? Eu também!

Olho lá

Dênis Marques, o melhor do ABC, não vem e é apenas um dos vários desfalques alvinegros.

Urubu no pedaço

Rubro-Negro no Morumbi, como mandante, é um fato inusitado. Já do outro lado, o lanterna é conhecido por todos. Voa longe do Z-4, Mengão!

Maluco beleza

28 de maio de 2014 1

Sinceramente, a escalação que o técnico Raul Cabral colocou em campo não passava pela cabeça do torcedor azurra. Eduardo Neto no meio campo chegou a me dar um frio na espinha quando anunciado, Marrone foi uma escolha sensata, considerando a fase ruim de Bocão e por fim apostou em Julio César e Héber que fizeram bem seus papéis.

Cada vez mais titular

O gol de Paulo Sérgio cada vez mais titular fez jus a boa atuação do Leão, comprovada pelas várias chances criadas que foram evitadas pelo goleiro Alessandro, embora do outro lado o guarda metas Vagner também tivesse se destacado.

Se ganhar, fica

Na etapa final, cozinhamos o jogo e tivemos oportunidades de aumentar o placar, porém faltou tranquilidade no passe final. Uma vitória que devolve a esperança no time e coloca a pulga atrás da orelha de todo mundo sobre a vinda de um novo treinador. Raul passou a liderar as paradas de sucesso e se fizer o ABC da bola ganhando em casa acredito que será efetivado no cargo.

Castigo

O Castigo para Sidney Moraes que esnobou o Avaí, não veio a cavalo e sim a Leão. Caiu cedinho da Ponte e agora amargou a segunda derrota para o azulão uma no Vila e outra nos Aflitos.