Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Botão do pânico contra Marquinhos

28 de maio de 2015 0

A declaração de Arini sob o temor que Marquinhos instala sobre o maior rival vai apimentar ainda mais o clássico que se avizinha. A rapidez de seu julgamento em comparação com a demora, e até adiamento, de situações com atletas alvinegros é o compreensível motivo da indignação do dirigente azurra.

::: Leia mais notícias sobre o Avaí
::: Confira a tabela do Brasileirão Série A

O clima dentro de campo pode esquentar e faz parte da rivalidade, mas o torcedor precisa entender que nada disso pode ultrapassar as quatro linhas, a exemplo do que ocorre aqui na coluna das paixões: brincadeiras sadias com respeito e fazendo do futebol um entretenimento, longe de qualquer tipo de violência.
Lembro que todos nós temos um parente, vizinho, amigo ou conhecido que torce pelo adversário sem problema nenhum. Somos rivais, jamais inimigos.

Esperando

O Leão vai tentar o efeito suspensivo de M10, na tentativa de manter a boa fase do craque e emplacar outra vitória. Renan Oliveira, Denner e Juninho dependerão dessa decisão para saber se lutam pela vaga ou se serão de novo opções.

Confronto direto

Anotar 4 pontos contra Santos, Inter e Flamengo é uma boa marca pelo nível dos adversários. O Coxa será o primeiro rival do chamado “nosso campeonato”. Dá para imaginar o quanto faria bem uma vitória em Curitiba…

Há vida sem Marquinhos no Avaí?

27 de maio de 2015 1

A suspensão imposta pelo STJD de três jogos ao craque Marquinhos abre uma questão na equipe azurra: como ela irá se comportar sem o seu maestro?

O Galego atuou com destaque em todos os jogos do Avaí desta Série A, revelando que seu estilo mais técnico se enquadra bem com a competição. Uma baixa que fará Gilson Kleina repensar sobre a escalação de seus titulares e que, por outro lado, eleva a disputa de Denner, Juninho ou até mesmo uma mudança de esquema já diante do Coritiba. O lado positivo da punição está relacionado ao retorno do ídolo, justamente no clássico da Ressacada.

::: Leia mais notícias sobre o Avaí
::: Confira a tabela do Brasileirão Série A

Velocidade máxima

Contra o Flamengo, Gilson Kleina apostou em jogadores de lado do campo sem o chamado 9 de ofício. Hugo funcionou bem, mas do outro lado Anderson Lopes decepcionou. Queria ver o time apostando na velocidade total com Roberto e Hugo infernizando a defesa rival. O oportunismo de “Hugol” prova que é possível jogar nesse esquema. Porém, há quem cogite recuar Anderson Lopes para a função de M10 enquanto o ídolo estiver suspenso.

Alerta geral

Com a facilidade em receber cartões, principalmente os amarelos, aumenta a importância de se ter um plantel grande e de qualidade. Lá na frente será um fator decisivo para ver em que ponta vamos brigar.

Decisões de Gilson Kleina

21 de maio de 2015 1

A boa volta de Emerson abre uma disputa pela vaga no miolo de zaga. Meu pitaco: apostaria na dupla que jogou no Beira- Rio. Na frente, Roberto vem pedindo nova chance com as baixas atuações de AL99 e Anderson Lopes, enquanto Hugo agradou. A contratura de Eltinho aponta que Romário começa o jogo, vide Guilherme Santos não ter ido pra Águas Mornas. Kleina: você decide e tomara que acerte.

Somos todos Avaí

Nunca me identifiquei com a política dentro do Avaí, sou um torcedor fanático que enxerga o clube acima de pessoas ou interesses. Nas redes sociais, o ex-presidente Flávio Felix já vislumbra as eleições de 2017, fato salutar para o Leão. Redobra a responsabilidade de Nilton Macedo em cumprir suas metas, ciente que existe uma oposição de peso.

Virou rotina ir para Águas Mornas

20 de maio de 2015 1

Virou rotina: quando o Leão tem um tempo livre, o caminho é Águas Mornas. Gilson Kleina levou 31 jogadores para o município vizinho visando acertar o time, com foco nas finalizações. Eltinho, contundido, não viajou, enquanto Roberto e Jéci estão na lista. O treinador azurra terá que deixar a equipe muito consciente do que precisa fazer para vencer o Mengão na Ressacada, já que estará fora do banco de reservas no domingo por conta da expulsão sofrida no Beira-Rio.

Não decolou

Não importa a situação e onde jogue, o Flamengo sempre traz consigo um grande público. O Urubu está sendo questionado e, assim como o Avaí, necessita da primeira vitória. Mugni deve ser desfalque e o principal jogador do time, Marcelo Cirino, é duvida. Os ingressos começam a ser vendidos hoje na Ressacada. É mais um jogo daqueles em que a nação azurra será o nosso 12º jogador.

Barato que sai caro

A CBF pretende escalar árbitros do mesmo estado da equipe mandante no Brasileiro, sob a alegação que deixará de lado a questão regional, passando uma mensagem de confiança em quem iá soprar o apito, sem falar nas questão de redução
de despesas. Acho uma decisão polêmica e de alto risco, que na minha opinião não será bem recebida pela torcida e jogadores.

Procurando o gol

19 de maio de 2015 0

Analisando a vida dos catarinenses, fica claro que o “gol” tem sido artigo de luxo neste Brasileirão. No Avaí, o ataque tem sido uma dor de cabeça há um bom tempo. Contra Santos e Inter, três chances claras foram perdidas por partida, resultado que nos deixaria em situação privilegiada.

É inegável que a equipe de Gilson Kleina precisa evoluir e até deu sinais de melhora, mas o setor ofensivo é o mais preocupante. Com a péssima fase de André Lima e a baixa de Anderson Lopes, apostaria na velocidade de Roberto e Hugo, além da possibilidade de Conrado, homem de área que ainda falta estrear pelo Leão.

Camisa 10 da Ilha

Nos dois jogos da Série A o ídolo Marquinhos jogou muita bola. O Galego tem maior facilidade em mostrar suas qualidades quando o adversário é do tipo joga e deixa jogar. Ele é uma de nossas grandes armas para essa longa caminhada na Primeira Divisão.

A Ressacada vai bombar

Estava no Beira-Rio no domingo e, apesar dos reserva, o Internacional tem bons valores. Diante do sofrimento de sua torcida no jogo, os colorados taxaram o Leão de “time chato”.
Uma vitória contra o Mengão, no caldeirão da Ressacada, pode mudar nossas perspectivas de momento. A torcida vai apoiar em massa no domingo para a marcar mais uma vitória.

Não tem perdão

17 de maio de 2015 2
Foto Marcelo Oliveira

Foto Marcelo Oliveira

Que sirva de lição. Os jogos da Série A não permitem que se desperdice chances claras de gol, e essa é a melhor explicação para a derrota no Beira-Rio. Não seria justo dizer que o Avaí foi mal, pois o time teve uma postura aceitável e por momentos levou a melhor, quanto o Colorado foi pressionado no final.

As chances, principalmente nos pés de Anderson Lopes, pesaram no placar de 1 a 0, pois quando o Inter foi lá acabou marcando. De positivo a estreia de Emerson, Nino Paraíba e Hugo, que vão ajudar muita na luta para ficar na elite.

 Conclusões ofensivas

Já passou, mas não entendo por que Gilson Kleina optou pela entrada de Denner ao invés de Hugo no clássico.
André Lima não deu certo e Anderson Lopes está aquém do esperado, inclusive tendo oportunidade de colocar a bola na rede. Enquanto não chega um atacante definidor, a frente é Roberto e Hugo!

Muito o que melhorar

Os times de SC estão abaixo do esperado. Não basta guerrear para se manter, tem que melhorar do sobretudo a produtividade nas chances em busca de melhores resultados. JEC e o time do vizinho estão na zona da degola.

Domingo

Semana que vem o Flamengo chega. É hora de reeditarmos aquele histórico 3 a 0.

Armas lançadas

16 de maio de 2015 2

Chegou ao fim a tolerância com o time. Kleina começa a introduzir os reforços vindos para a Série A. No Beira-Rio, o Avaí terá mais um ídolo em campo, já que Emerson fará sua estreia, assim como Hugo e volta de Eduardo Neto. Roberto, contundido, fica ausente, abrindo nova chance para o contestado André Lima e Anderson Lopes. O Colorado não estará com sua força total, o que é uma boa notícia, mas não deve ser tarefa fácil.

Passou da hora

Sem Célio Amorim no apito e com o prazo vencido sem perder no Scarpelli, chegou o Vascão para virar a página. Quem sabe domingo de manhã a lanterna já possa estar de posse do Alvinegro.
É triste ser eliminado pelo rival, fico imaginando o que é esperar 16 anos para o troco de ter sofrido no estadual de 2010, 2011, 2012…

Avaí perdeu por bobeira inicial

14 de maio de 2015 15
Foto: Cristiano Estrela

Foto: Cristiano Estrela

A partir da inversão da falta sofrida por Eltinho que Célio Amorim (de novo ele) marcou para o adversário e resultou no primeiro gol do rival, o Avaí começou a se complicar. A maionese desandou aos 13, quando sofremos o segundo. No restante, leve superioridade deles na posse de bola, sem objetividade, enquanto o Leão era inoperante. Na etapa final, movido pela necessidade, o Avaí pressionou, perdeu chance com Renan Oliveira e na bola na trave de Anderson Lopes. A vaga escapou devido aos instantes iniciais. Igualaram a eliminação de 99, nada mais. Tem série A. Estamos e ficaremos a frente do vizinho.

Caça e caçador

A catástrofe inicial derrubou o Leão, mas Kleina demorou para colocar Roberto e ainda o inverteu de lado. A escolha por Denner, ao invés de Hugo, foi estranha. É bom técnico, acertou o Avaí e tende a trilhar o caminho certo, porém ontem foi mal.

Domingo no Beira-Rio

Focar no Inter e brilhar na Série A. Afinal, só com o Leão de volta SC tem chances de figurar entre os seis primeiros, assim conta a história.

A ordem do Avaí é classificar

13 de maio de 2015 1

O hino mais famoso do Estado, o do Avaí, diz que “a ordem é vitória, vencer, vencer”. Hoje, no Scarpelli, uma vitória azurra seria bem-vinda, mas o que o torcedor espera é eliminar o rival. Portanto, é importante saber usar a vantagem do empate e dos outros resultados que nos levem à classificação.
O momento é favorável ao Avaí, que chega com moral. Ouso dizer que repetindo futebol e a raça dos últimos jogos, a vaga fica com o Leão. Quero ver o time marcando a limitada saída de bola alvinegra e focar na busca do gol, que facilitaria nosso objetivo. Os titulares estão mantidos, mas o banco reforçado pode ser um trunfo. Noite para escrever em azul e branco mais um
grande clássico.

Banco de respeito

Eduardo Neto continuará sendo substituído por Uelliton. Entre os relacionados por Kleina temos Emerson, Eduardo Costa, Roberto “F-1”, Juninho e o veloz Hugo, recém-chegado. Opções para vencer o rival não faltam e aí tem festa no parque de diversões de novo – e ela nunca tem fim!

Loucos pelo Leão

Quem teve a felicidade de estar lá sabe, quem não viu procure no Youtube a recepção da torcida ao Leão no clássico passado.
De arrepiar! Todo esse amor vai estar nas arquibancadas e espalhados pela Ilha. Que os jogadores honrem tamanho fanatismo.

Consolidar a boa fase

12 de maio de 2015 0

Gilson Kleina acertou o Avaí. Tá certo que só após a vitória no clássico e da estreia na Série A que começamos a ganhar confiança. Chegaremos para a decisão no Scarpelli fortalecidos e em condições de ficar com a vaga, o que consolidaria essa nova fase do Leão. Lembrando que ainda temos bons valores para estrear e vamos crescer ao longo da temporada.

Garoto de ouro

Ainda no comando de Geninho, na derrota para o Marcílio Dias, o Avaí lançou o jovem volante Renan. Fui a Itajaí e recebi a ligação no fim do jogo do grande avaiano Anderson Franzoni me questionando sobre o nosso time. Respondi: “Olha só, o garoto estreante se salvou”. E durante o restante do Estadual sempre manteve uma boa média em suas atuações. No clássico e contra o Santos, ele comeu a bola e é a grata surpresa do ano. Se continuar dessa forma irá nos proporcionar muita alegria e um futuro promissor. Esse é coisa nossa!

Sabe ser vice

Tapetão a parte, o time do vizinho encarnou o lance de ser vice. Vice-campeão no Estadual, o Alvinegro agora é o vice-lanterna da Série A. E aí a turma não perdoa, ô!

Repeteco

Em 1999 o jogo de volta foi na Ressacada, mas o título em 2012 foi na casa deles e temos tudo para voltar a comemorar no nosso salão de festas. É assim que tem que ser.