Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts na categoria "Catarinense"

Tigre é a bola da vez para ficar com a taça

06 de maio de 2013 0

Se der Verdão, o rodízio entre Avaí e Chapecoense continua. Porém, o Tigre é a bola da vez para ficar com a taça, deixando o time do vizinho e o JEC como os “grandes do Estado” a mais tempo sem conquistar o estadual.

Tigre foi melhor e mereceu se classificar

06 de maio de 2013 1

O Tigre foi melhor e mereceu se classificar, sem que isso diminua a ascensão do Avaí nas últimas partidas, embora não tenha jogado nada na primeira etapa e podendo fazer mais do que fez na etapa final no Heriberto Hülse.

Além disso, quis o destino que, num lance infeliz de Marquinho Santos, tenha acontecido o golpe fatal para o leão. Coisas do futebol, do destino, de quem está dentro das quatro linhas. Agora é continuar reforçando o time e estar pronto para pegar o América na Copa do Brasil, sabendo que uma duríssima série B vai começar logo.

Poderíamos ter avançado, mas a vaga à final está em boas mãos e o Criciúma só perde o título por zebra.

Pressão Tricolor

O gol “entregue” ajudou a aumentar a pressão, que começou grande no Heriberto Hulse. A bola perambulou próximo da meta azurra durante a primeira etapa. O Avaí demonstrava vontade e nada mais, erros de passes se transformavam em generosos contra-ataques tricolores.

Quase fomos bafejados pela sorte numa cobrança de escanteio antes da ida para o vestiário. No segundo tempo, o jogo ficou mais equilibrado e com posse de bola azurra, que teve nos pés de Higor a chance de ouro. Infelizmente era pouco para chegar a final.

Mais vezes campeão

Com a eliminação do time do vizinho no domingo, o status de maior vencedor de títulos catarinense isolado está garantido. O alvinegro agrega mais um ano sem gritar “É Campeão”.

Pitaco

Criciúma 1×0 Avaí:
Jogo diferente do que se esperava no quesito gols. Mas o Tigre mereceu.
Chapecoense 2×1 Vizinho: Dentro das enormes carências dos times, o Verdão foi melhor.

Torcedores estavam de acordo com a insatisfação de Ricardinho

22 de abril de 2013 0

Os quase 6 mil torcedores na Ressacada estavam de acordo com a insatisfação de Ricardinho, que voltou para a segunda etapa com duas mudanças que surtiram efeito. Julinho deixou o time mais agressivo. Tauã foi melhor que Rodriguinho. Ricardinho fez bom jogo. Reis e Arlan ficaram devendo, e Marquinhos foi o comandante. Ainda deu tempo para aplaudir a volta de Leandro Silva.

Amnésia

Vamos esquecer o Catarinão até quarta. Precisamos da torcida e de um time guerreiro para virar o placar.

Pressentimento

Estou acreditando que o campeão do Estado vai sair de Avaí e Criciúma.

A pressão para vencer é grande

22 de abril de 2013 0

Na volta do vestiário, na base da operação pressão, vencemos jogando melhor. Após várias cobranças perigosas de faltas e escanteios de Marquinhos Santos, Pablo mostrou grande impulsão para marcar e, numa falha da defesa adversário, Higor selou a vaga com categoria. Preservando-se no fim do jogo, de olho na Copa do Brasil, fizemos o tempo passar. No Estadual, vamos encarar o duelo de feras e reverter vantagem do Tigre rumo à final.

Avaí fez o que era mais importante

22 de abril de 2013 0

O importante era carimbarmos a vaga, e isso foi feito. Os primeiros 45 minutos foram sofríveis. Sonolento e dando a impressão que venceria na hora que bem entendesse, o Avaí, mesmo ao fazer 1 a 0 com o dedicado Ricardinho, não era melhor que o Camboriú, tanto que cedeu o empate – a nossa defesa é um sério problema.

Virada épica rumo ao bicampeonato

08 de abril de 2013 1

Na etapa inicial, houve equilíbrio com muita marcação, ainda que possa se considerar ligeira superioridade do Leão na primeira meia hora. As escapulidas de Reis e a consciência técnica de Eduardo Costa e Marquinho ganhavam destaque, mas nada que alterasse o placar. No segundo tempo, o lance duvidoso assinalado como pênalti por Ronan Marques da Rosa e efetuado por Toscano deixava o Avaí em situação difícil, mas nosso time é time de chegada. Então, o azul e branco não amarelou e partiu para virada, em bolas paradas do Anjo Loiro, que culminaram nos gols de Rodriguinho e Eduardo Costa. Vitória épica para marcar as garras do Leão rumo ao bicampeonato.

O melhor em Campo

Marquinho Santos sempre faz a diferença, Pablo esteve impecável, porém, Eduardo Costa foi o nome do jogo. Tomou conta do meio campo, ganhou todas as disputas e foi premiado com o gol, fazendo valer a prerrogativa de grande reforço para a temporada. Logo, ele que esteve bem ameaçado de não jogar. Noite em que tudo deu certo pra gente.

Esquenta e festa

Meu esquenta foi na Costeira da Armação, onde temos muitos torcedores como o SR. Amilton, o Vereador Di, Ramon, Paulinho, Amarildo, Cacau, Ricardo, Rildo, etc.
A festa da galera, ao som de “o campeão voltou”, permite-nos sonhar com mais uma conquista. Agora é entrar com tudo na Copa do Brasil e voltar com foco no Estadual. Ei! Vizinho na hora decisiva é duro segurar o leão!

Camarote

27 de março de 2013 0

Não é pela situação na tábua de classificação e sim pela composição da rodada, que coloca o Leão fechando essa 5ª. volta do returno. O Avaí pegará o Bugre sabendo dos demais resultados, num momento onde, provavelmente, poderá entrar na zona de classificação se vencer a partida. É aquela coisa: quem tá fora quer entrar e quem tá dentro dá a vida para não sair. É agarrar a vaga e não soltar mais até a fase semifinal. Todos querem ver o time de Ricardinho jogar sem o gramado encharcado.

Deu tempo

A boa notícia, em cima do laço, foi a inscrição para o estadual do meia Higor, uma promessa do Flu, que rende muita esperança para ajudar o Avaí rumo ao bi.

Sempre na frente

…Deu Leão na pesquisa de maior torcida do estado. Em enquete feita por uma empresa de pesquisas e licenciamentos esportivos entre novembro de 2012 e Fevereiro de 2013 o Avaí se apresentou na melhor colocação entre os catarinenses, 25º. Lugar, mais uma vez

Cambura

Assisti um bom pedaço do confronto entre Camboriú e JEC em que o tricolor precisou do conhecido apito amigo para chegar a igualdade. Tirando por esse jogo o time verde e laranja pode fazer uma “fezinha” contra o time do vizinho para alegrar a nossa quarta.

Novo “Reis” da torcida

25 de março de 2013 0

Fazia tempo que não tínhamos um 9 com a cara do Leão. Desconfiada com a maré de atacantes sem faro de gol, a nação azurra viu uma tímida amostra de Reis em seus poucos minutos na derrota em Ibirama. Porém, ele assumiu a titularidade contra o Verdão, em seguida contra o Tigre e ontem, em Jaraguá, deixando sua marca em todas as partidas. Ele também foi o nome da vitória sobre o Juventus que mantém o sonho do bicampeonato. Fez um e deu passe pra dois, é muito bom ter alguém lá na frente que possa fazer a diferença.

Reis (D) foi quem fez a diferença


Estilo de Leão

Chuva, sofrimento e muita raça, vitória com cara de Leão. O campo não permitia um melhor futebol. A etapa inicial foi do Avaí ainda que tivesse saído atrás do placar. Pela fragilidade do adversário e o bom desempenho de Reis, viramos o jogo. O segundo tempo continuou a nos revelar problemas com a defesa e, quando tudo parecia perdido, o camisa 9 tratou de deixar Marrone na cara do gol e definir o jogo. Objetivo alcançado. Com mais tranquilidade, e talvez pela primeira vez num campo em condições, o técnico Ricardinho possa ajustar os erros do time, rever alguns conceitos e dar um puxão de orelhas em Julinho, que parece não jogar com a seriedade que a nossa camisa exige.

O último reforço para o Bi ?

Na internet, se fala maravilhas de Higor, promessa do Flu que brilhou na Copa SP e Brasileiro sub 20. Se der tempo – as inscrições para o estadual terminam hoje – jogará no Catarinão, caso contrário só Copa do Brasil e Série B.

Tudo pode acontecer

Rodada de bons resultados pro Leão. Ainda que distante, o bicampeonato é possível.


Entrega total

21 de março de 2013 1

O resultado não foi bom, mas gostei da entrega que teve a equipe no que diz respeito à luta e à busca pela vitória. O setor defensivo é que falhou e entregou de bandeja os gols do Tigre, com Alef, e no outro, com o lateral Gustavo, que teve atuação muito abaixo dos demais.
O estado do gramado, castigado pelas fortes e incessantes chuvas na Capital, atrapalhou muito, embora o Leão fosse melhor e, por detalhes, nunca estivesse à frente no placar.

Destaques

O golaço marcado por Roberson, mais um tento anotado por Reis e a excelente partida de Ricardinho foram alguns dos destaques do Avaí, além da dedicação geral do grupo. A situação de momento exige vencer quase todas, mas ainda é possível.

Finalmente, ataque

Fazia tempo que uma dupla de ataque não era a responsável pelos gols do time. Boa Nova!!

Erro grave

Pode ser coisa do destino, mas é complicado o número de vezes que o árbitro Célio Amorim erra em lances capitais contra o Avaí. Dentre as inúmeras chances perdidas para virar o jogo, tivemos um pênalti claro em Marquinhos Santos, que poderia não garantir a vitória como dar uma conotação especial ao jogo 200 do ídolo.

Agarrar a vaga

20 de março de 2013 0

É o jogo do campeonato para o Leão. Pela sequência que se avizinha, pela estreia do técnico, o bom futebol e a vitória conquistada contra a Chapecoense, a hora de embalar rumo as semifinais é essa. Ainda que seja um clássico do nosso futebol, não podemos pensar em outro resultado que não seja a vitória. Estamos esperando por uma estreia iluminada de Ricardinho e torcendo para que ele consiga extrair o melhor do grupo. E também das dicas de Émerson Nunes, que fez um ótimo trabalho no jogo passado.

200 Por hora

Hoje será o jogo número 200 do galego. Por tudo o que representa para o Avaí e pela importância que esse jogo tem, nada melhor do que uma vitória essa noite. Fora o que vai acontecer hoje à noite, aqui vão meus cumprimentos pelos números alcançados.

Primeiro treino

Depois da devida apresentação, o novo técnico comandou seu primeiro trabalho na Ressacada. Ruim é que ainda não poderá contar com as voltas de Arlan, Aélson e Rodriguinho.

Continua depois

Mais tarde, tem a secada no time do vizinho no Oeste e outros jogos importantes para o contexto da classificação. Vamos torcer para os jogos facilitarem as coisas para o Avaí.