Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts com a tag "gols"

Os erros de sempre

24 de outubro de 2010 13

Foi uma partida ruim do Avaí ? Lógico que não, o time foi razoável no primeiro tempo e ainda desperdiçou as melhores oportunidades de gol da etapa. No segundo tempo tomou conta do jogo, onde a ineficiência de marcar gols voltou a ser a tônica da equipe, por mais que o goleiro Harlei do Goiás tenha méritos em suas intervenções. A situação ficou ainda pior, até porque os resultados paralelos não ajudaram. Porém temos que chegar aos 43 pontos (quem sabe com 42 e muita torcida) que muito provavelmente evita o rebaixamento da equipe a série B, nesse caso temos que manter o caldeirão aceso, pois, é necessário ser perfeito em casa e com mais um pontinho fora chegar ao objetivo que no momento está mais distante, mas não impossível. Enquanto podermos alcançar essa pontuação não é permitido desanimar e uma vitória diante do Guarani vai renovar as esperanças.

Obs :

1- O árbitro prejudicou demais o leão. O pênalti apenas o Sr. Vuaden viu e mais ninguém, além de não expulsar Marcão que agarrou Roberto na sua frente e já tinha o cartão amarelo. Prontamente Jorginho técnico do esmeraldino substituiu o atleta, pois, ficou claro que estar com onze em campo naquele momento se tratava de um presente da arbitragem. Se contra onze já está difícil, imagina contra doze.

2- O foco agora volta a ser A Sul-Americana e pelo que apresentaram as equipes no jogo deste domingo, ficou claro que o leão pode obter um resultado que ajude a equipe a chegar a semi-final da competição. Claro estou considerando que a arbitragem não interfira no resultado da partida também.

Fio da navalha

17 de outubro de 2010 3

Por tudo que o Avaí deixou de fazer até aqui no campeonato, principalmente no returno, essa rodada passou a ser temida por todos nós. E infelizmente mais um resultado negativo deixou o leão na zona da degola. Sair dela não é tarefa fácil, porém não é impossível. Não é possível errar mais, um triunfo em Goiana e os 100% em casa são mais que obrigação, se o objetivo do time é realmente permanecer na elite do futebol brasileiro. Faltam oito jogos, não iremos jogar a toalha, até porque temos condições de sair dessa situação e por que existem exemplos de quem se salvou em condições ainda muito piores. Em resumo eu ainda acredito no leão.

Quanto ao jogo, tivemos um primeiro tempo aceitável, de boa marcação e algumas chances. E aí vai o adendo que já está mais do que chapa. Não é possível perder gols como o que o Roberto perdeu. Todo mundo sabe da importância dele no time, admiro seu futebol, mas não é chance para se perder, apesar de que no Avaí temos perdidas inúmeras desse tipo. O que chamo a atenção é o lance quase idêntico no pé do Neto Berola ele fez e definiu o jogo. Numa síntese básica, invertendo a situação, um faz e outro perde o gol o jogo terminaria empatado. Na segunda etapa, fomos um time comum ao extremo, Benazzi que para mim já havia errado ao não começar com Marcelinho, preferiu Válber, viu o time aceitar a pressão do Galo e mesmo em desvantagem não mexeu na equipe, que levou o segundo gol do jogador que entrou para decidir a partida, ou seja, uma substituição que surtiu efeito. Ainda perdemos Émerson com terceiro cartão (no Brasileiro), assim como Patrik e Thiesen que deixaram o campo por contusão e certamente serão dúvidas para o jogo contra Emelec e depois o Goiás, onde só a vitória interessa.

Obs. O que não entendo: Marcelinho joga bem no Equador e não sai jogando. Válber depois que voltou ao Avaí, teve atuações de médio para baixo e que no jogo anterior foi o protagonista do lance que poderia dar a vitória ao time, mas ao ser fominha acabou desperdiçando a chance, ganha de prêmio a titularidade do time. Cabeça de técnico não é coisa para qualquer um entender.