Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de setembro 2010

Um Crime Adormecido (Mês Agatha Christie)

30 de setembro de 2010 0

ReproduçãoPara encerrar este mês de posts diários sobre os livros da Rainha do Crime, falarei hoje um pouco sobre o seu último livro, publicado em 1976, pouco depois da morte dela. É Um Crime Adormecido, também conhecido por ser o último caso da simpática Miss Marple.

Esse é mais um dos livros de Agatha Christie em que ela constrói a história ao redor de um lugar, mais precisamente uma velha mansão vitoriana. É lá que vai morar Gwenda Reed, uma mulher recém-casada que acaba de chegar à Inglaterra. Embora tenha vivido toda sua vida no Exterior, ela fica com a sensação de que já conhecia sua nova casa.

Pior: nos dias seguintes, enquanto assiste uma peça de teatro, repentinamente vêm-lhe à mente imagens de uma mulher morta na sua casa. Ela estaria ficando louca? Ou seria uma experiência de mediunidade? Apavorada, a jovem mulher sai correndo e acaba se encontrando com Miss Marple. A velhinha se interessa pela história e, com seu talento para desencavar os segredos mais escondidos, começa a investigar esse “crime adormecido”.

***

A capa que ilustra este post é de uma edição antiga da Nova Fronteira. Neste ano, a L&PM relançou o livro em versão pocket, que, segundo o site da editora, custa R$ 16.

Patrono conversa com alunos

30 de setembro de 2010 0

Maria Teresa Bolzani Angonese/Apolinário, divulgaçãoNos dias que antecedem a 26ª Feira do Livro de Caxias do Sul, que começa amanhã na Praça Dante Alighieri, o escritor e jornalista Marcos Fernando Kirst, patrono desta edição, está com a agenda lotada.

Entre os compromissos esteve uma conversa com alunos do 1º ano do ensino médio noturno da Escola Estadual Professor Apolinário Alves dos Santos, na última terça-feira. Tendo como base o tema da Feira, Ler é iluminar-se, Kirst falou da importância da leitura de literatura na formação do ser humano e da sociedade, contando aind como sua paixão pelos livros nasceu na infância.

Mais de 60 alunos participaram da atividade, iniciativa da jornalista Marta Guerra Sfreddo, que cumpre estágio em Língua e em Literatura de Língua Portuguesa no Ensino Médio do Curso de Letras, na Universidade de Caxias do Sul (UCS).

É amanhã!

30 de setembro de 2010 5

Première Age, divulgaçãoA contagem regressiva para os livros tomarem a Praça Dante Alighieri chega na reta final. Amanhã, a partir das 12h, as 42 bancas de livreiros e editoras que participam da 26ª Feira do Livro de Caxias do Sul serão abertas ao público, trazendo lançamentos e clássicos dos mais variados gêneros, tanto adultos quanto infantis, com descontos de até 20%.

Pouco depois, a partir das 14h, o patrono desta edição da Feira, Marcos Fernando Kirst (foto abaixo), participa de um chat com os leitores aqui no site do Pioneiro (www.pioneiro.com).

Juan Barbosa

A abertura oficial da programação será às 18h30min, com o tradicional toque do sino chamando todos à praça. Haverá ainda apresentação do Quarteto de Saxofones da Orquestra Municipal de Sopros de Caxias do Sul e leitura de textos com Bruna Gianni.

Entre as novidades desta edição, o visitante da Feira encontrará um livro gigante, composto por textos de renomados autores.

E na expectativa de mais esta celebração dos livros, o blog Palavra Escrita quer saber: o que você mais gosta numa Feira do Livro? Deixe uma mensagem contando pra gente!

Cai o Pano (Mês Agatha Christie)

29 de setembro de 2010 0

ReproduçãoQuase terminando o mês de aniversário de Agatha Christie, o livro de hoje é o também o último lançado durante a vida da escritora, em 1975 (houve ainda um livro publicado logo depois de sua morte, no ano seguinte, do qual falarei aqui amanhã).

Como se fosse uma despedida da autora, Cai o Pano é ainda o derradeiro a ser protagonizado pelo detetive belga Hercule Poirot, que na trama já está velho e volta ao local de seu primeiro caso para tentar solucionar cinco crimes que, supostamente, teriam ligação com o assassino da mansão de Styles. Para quem ainda não leu, uma dica: preste atenção em todos os detalhes da história, mais ainda do que faz normalmente nos livros da Rainha do Crime, e lembre-se das peculiaridades de seu detetive mais famoso.

Um detalhe curioso é que esse livro teria sido escrito muitos anos antes, ainda na época do início da Segunda Guerra Mundial, e mantido em um cofre de banco. Agatha só teria autorizado que ele viesse a público ao perceber que não conseguiria mais escrever suas histórias.

Para os leitores, um atrativo a mais é que várias edições deste livro — como a que ilustra este post, lançada pelo Círculo do Livro em 1979 — têm a tradução de ninguém menos que Clarice Lispector.

Um último aspecto curioso é que, após seu último caso, Poirot até ganhou um obituário no New York Times, na primeira página.

A Mão Misteriosa (Mês Agatha Christie)

28 de setembro de 2010 0

ReproduçãoEssa dica é para os fãs de Miss Marple: a solteirona que tem como passatempo desvendar os mais intrincados crimes e mistérios é a protagonista de A Mão Misteriosa, romance lançado por Agatha Christie em 1942.

A história se passa na cidadezinha de Lymstock, um lugar tranquilo até que cartas anônimas começam a circular entre os moradores. A desconfiança torna-se então uma constante: todos desconfiam de todos. A situação cresce a tal ponto que um dos que receberam cartas se suicida. Miss Marple, que está na região, é a única que pode descobrir o que está acontecendo.

***

A capa que ilustra este post faz parte de uma coleção em formato pocket lançada no ano passado pela L&PM. O preço médio é de R$ 16.

As estrelas da Feira do Livro

28 de setembro de 2010 0

Canal Futura, divulgaçãoAlém da variedade de livros e dos descontos, que chegam a 20% para o pagamento à vista, a 26ª Feira do Livro de Caxias do Sul, que se inicia na sexta-feira na Praça Dante Alighieri, terá cerca de 300 atividades artísticas e literárias. Entre elas, lançamentos de livros, sessões de autógrafos e presença de personalidades do mundo das letras.

Entre essas estrelas estão nomes como o best-seller Laurentino Gomes, autor do livro mais lido no momento e do qual falamos alguns posts atrás, e muitos outros, nas mais diversas áreas. Tem o “casseta” Reinaldo Figueiredo, com o seu livro de charges Noites de Autógrafos; a “teen” Thalita Rebouças, cujos livros fazem sucesso entre o público adolescente; Daniel Galera, vencedor de vários prêmios; Cristóvão Tezza, considerado um dos 100 brasileiros mais influentes do último ano; Guilherme Fiúza, autor de Meu nome não é Johnny; Mônica de Castro, sucesso na literatura espírita; e o “titã” Tony Bellotto (foto), autor de romances policiais.

Para complementar a lista, vários escritores locais e regionais.

Marque na agenda: de 1º a 17 de outubro, a praça é dos livros, e espera sua visita. Agora, só faltam três dias…

Morte nas Nuvens (Mês Agatha Christie)

27 de setembro de 2010 0

ReproduçãoA morte pode vir em qualquer lugar — especialmente se estamos falando de um livro de Agatha Christie. Assim, no romance Morte nas Nuvens, publicado originalmente em 1935, a trama se passa dentro de um avião, durante o voo sobre o Canal da Mancha.

O protagonista é Hercule Poirot, que ocupa o tempo observando os outros passageiros: uma jovem visivelmente apaixonada por seu companheiro de viagem, uma nobre viciada em cocaína, um escritor de contos policiais, uma camponesa, um dentista, dois arqueólogos, um construtor civil. Mas há também uma outra personagem: uma mulher morta na poltrona 2.

Madame Giselle, a morta, parece ter tido um infarto, mas Poirot, meticuloso como sempre, resolve investigar, e encontra um dardo envenenado. Teria ele sido lançado da zarabatana que estava sob o assento? Mas como ninguém vira ela ser usada? As células cinzentas do detetive belga entram em ação, para solucionar mais um mistério criado pela habilidosa Rainha do Crime.

***

A capa que ilustra este post é de uma edição da Nova Fronteira, de 2002.

Praça quase pronta para a Feira do Livro

27 de setembro de 2010 4

Andréia Copini, divulgaçãoA quatro dias da abertura oficial da 26ª Feira do Livro de Caxias do Sul, que começa sexta, os preparativos na Praça Dante Alighieri estão na reta final.

Segundo a coordenadora da Feira, Luiza Motta, as 42 bancas de livreiros e editoras já estão instaladas, faltando apenas detalhes. Agora estão sendo montados o café literário, que deve estar pronto até a noite desta terça, e a sala de autógrafos. A decoração desses espaços começa na quarta-feira.

Entre as novidades deste ano estão um auditório com 150 lugares e o novo layout do café. A Biblioteca da Estação também estará na praça, para que as crianças que não puderem comprar livros também tenham a oportunidade de ler.

***

Lembrando: o lema desta edição é Ler é Iluminar-se, e o patrono é o jornalista e escritor Marcos Fernando Kirst.

Por Que Não Pediram a Evans? (Mês Agatha Christie)

26 de setembro de 2010 0

ReproduçãoAs palavras de um moribundo, que dão título ao livro, são o ponto de partida para Por Que Não Pediram a Evans?, livro de Agatha Christie publicado pela primeira vez em 1934.

Na história, o jovem Bobby Jones está jogando golfe com o Dr. Thomas, numa cidadezinha do País de Gales. No meio do jogo, quando vão em busca da bolinha, encontram um homem à beira da morte. Ele aparentemente caiu do penhasco por causa da neblina, e, antes de morrer, pergunta a Bobby: “Por que não pediram a Evans?”

Enquanto procura os documentos do morto, o rapaz encontra no bolso dele foto de uma mulher, que, localizada, declara ser sua irmã. Mas Bobby não acredita nela, e, com a ajuda de uma amiga da família, Lady Frances Derwent, vai em busca da identidade de Evans — e do que realmente aconteceu, já que eles acham que foi assassinato e não acidente.

O mais vendido estará na 26ª Feira do Livro de Caxias

26 de setembro de 2010 1

Alexandre Battibugli, divulgaçãoEmbora normalmente não seja a disciplina mais apreciada pelos estudantes, a História está com tudo no campo literário. Basta ver o sucesso de livros como 1808 e 1822, ambos do jornalista e escritor Laurentino Gomes.

O recém-lançado 1822, que traz como subtítulo Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram D. Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado, lidera pela terceira vez consecutiva a lista de mais vendidos de não-ficção da revista Veja, e, como falamos no post anterior, lidera também a lista geral de mais vendidos da Publishnews.

E os leitores caxienses poderão conhecer um pouco mais das ideias desse autor best-seller durante a 26ª Feira do Livro de Caxias do Sul, que começa na próxima sexta-feira na Praça Dante Alighieri. Laurentino participará de um bate-papo no dia 15 de outubro, também uma sexta-feira, às 18h, no auditório da Feira.

***

Aliás, contagem regressiva para que os livros tomem o centro de Caxias!