Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de maio 2011

Uma capa vermelha, um lobo e muito suspense

30 de maio de 2011 0

Reprodução

Valerie, Lucie, Peter, Henry, Father Solomon. Mesmo que você não tenha reconhecido esses nomes, talvez você reconheça outros elementos da história em que eles são alguns dos personagens principais: uma garota com uma capa vermelha, um lobo ameaçador, um lenhador, uma avó que mora na floresta e frases como “que orelhas grandes você tem, vovó”.
Pois A Garota da Capa Vermelha (iD Editora, 350 páginas, R$ 39,90), escrito por Sarah Blakey-Cartwright com base em roteiro de David Leslie Johnson e que já está nas listas de mais vendidos de ficção, não esconde que toma como referência o famoso conto infantil Chapeuzinho Vermelho, popularizado pelos Irmãos Grimm. No entanto, como adverte a contracapa do livro, nessa releitura o final feliz dificilmente será encontrado — como, aliás, na versão anterior à dos Grimm, de Perrault.
A protagonista de A Garota da Capa Vermelha é Valerie, jovem que vive em Daggorhorn, aldeia pobre assombrada por um Lobo que, a cada lua cheia, tem de ser apaziguado com sacrifícios de animais para que não ataque os humanos. Aos oito anos, após um passeio à casa da Avó, que mora na floresta, a pequena Valerie foge à noite para tentar salvar sua cabra, Flora, do sacrifício, e fica cara a cara com o Lobo. Ele não a ataca, mas ela guarda sua imagem para sempre.
Dez anos depois, já adolescente, Valerie e sua irmã, Lucie, participam pela primeira vez de um acampamento de jovens que ajudam na colheita. Lá, reencontra o belo e impetuoso lenhador Peter, seu amor de infância, ao mesmo tempo em que é informada de que foi dada em noivado ao gentil, rico e cobiçado ferreiro Henry. Em meio a tudo isso, surge no céu a lua de sangue, fenômeno que só se repete a cada 13 anos, e o Lobo faz um ataque surpresa, matando Lucie.
A morte da irmã de Valerie e a chegada do caçador de lobisomens Father Solomon instala a desconfiança entre os aldeões, que passam a temer e a dedurar uns aos outros. Tudo é suspeito, e qualquer um pode ser o Lobo. Valerie, que ganhou uma capa vermelha da avó como presente de noivado, também fica confusa. Seria o lobisomem alguém próximo a ela? E o que fazer com seu coração, dividido entre o amor por Peter e a segurança oferecida por Henry?
Quando a quarta noite da lua de sangue se aproxima, os acontecimentos se aceleram, num ritmo vertiginoso e muito mais assustador do que na versão mais conhecida do conto de fadas. Cheio de suspense, esse com certeza não é um livro para crianças, mas para adultos que gostam de uma história bem escrita e arrepiante.
***
Curiosidades:
* O livro tem prefácio de Catherine Hardwicke, diretor do filme Crepúsculo, que também dirigiu a versão cinematográfica de A Garota da Capa Vermelha.
* O filme homônimo ao livro já está em cartaz em Porto Alegre e em várias cidades do interior, mas ainda não teve data de estreia anunciada para Caxias.
* Quem chega no final do livro é instigado a conferir um capítulo bônus — que, na verdade, é o final da história — no site da editora. É ali, em 20 novas páginas, que estão o desfecho e as explicações da trama. Só não vale correr lá sem ler o livro antes, porque perderia toda a graça!


Os mais vendidos em Bento

24 de maio de 2011 0

Gustavo Bottega, divulgação

A organização da 26ª Feira do Livro de Bento Gonçalves, encerrada no domingo, divulgou nesta terça-feira a listagem de mais vendidos durante a programação (confira abaixo).

Além disso, foi informado o total preliminar de obras comercializadas e distribuídas, que chegou a 26.103 até as 17h de domingo (as bancas fecharam às 19h).

Os mais vendidos:

Férias na floresta, de Léia Cassol

Quando meu pai perdeu o emprego e Das dores e já passou, de Wagner Costa

A Senha, de Natália Guzzo

Caminhando na chuva ,de Charles Kiefer

O caso do martelo, de José Clemente Pozenato

 O Bispo e Em Tempos de Liberdade, de Ana Cristina Vargas

Garotas da Rua Beacon, de Anne Bryant

A última música, de Nihcolas Spark

 Iberê, de Christina Dias

Conheça os primeiros finalistas do Prêmio Portugal Telecom

24 de maio de 2011 0

O Prêmio Portugal Telecom de Literatura em Língua Portuguesa 2011 anunciou hoje os 50 primeiros finalistas, escolhidos entre as 380 obras inscritas. Os brasileiros são maioria na lista, que inclui nomes conhedidos como os escritores Adélia Prado, Cristóvão Tezza, João Gilberto Noll, Marco Lucchesi, Arnaldo Antunes, Marina Colassanti e Carlos Heitor Cony.

Dessa listagem, serão escolhidos, em setembro, os 10 finalistas.

Confira a lista completa:

* A duração do dia, de Adelia Prado (Record, poesia)

* Uma viagem à Índia, de Gonçalo M. Tavares (Leya Brasil, prosa poética)

* Passageiro do fim do dia, de Rubens Figueiredo (Companhia das Letras, romance)

* Um erro emocional, de Cristovão Tezza (Record, romance)

* Anjo das Ondas, de João Gilberto Noll (Editora Scipione, romance)

* Desgracida, de Dalton Trevisan (Record, conto)

* Interior Via Satélite, de Marcos Siscar (Ateliê Editorial, poesia)

* Milagrário pessoal, de José Eduardo Agualusa (Língua Geral, romance)

* Modelos vivos, de Ricardo Aleixo (Crisálida, poesia)

* O dom do crime, de Marco Lucchesi (Record, romance)

* O pai, a mãe e a filha, de Ana Luisa Escorel (Ouro sobre Azul, romance autobiográfico)

* Ribamar, de José Castello (Bertrand Brasil, romance)

* Os íntimos, de Inês Pedrosa (Objetiva, romance)

* Os anões, de Veronica Stigger (Cosac Naify, conto)

* N.D.A., de Arnaldo Antunes (Iluminuras, poesia)

* Do fundo do poço se vê a lua, de Joca Reiners Torren (Companhia das Letras, romance )

* Don Frutos, de Aldyr Garcia Schlee (Edições Ardotempo, romance )

* Minha Guerra Alheia, de Marina Colasanti (Record, romance autobiográfico)

* As três vidas, de João Tordo (Língua Geral, romance)

* Em trânsito, de Alberto Martins (Companhia das Letras, poesia)

* Esquimó, de Fabrício Corsaletti (Companhia das Letras, poesia)

* Retratos imorais, de Ronaldo Correia de Brito (Objetiva / Alfaguara, conto)

* Memória Futura, de Paulo Franchetti (Ateliê Editorial, poesia)

* Brasilíada, de Nicolas Behr (Língua Geral, poesia)

* Memórias de um historiador de domingo, de Boris Fausto (Companhia das Letras, romance autobiográfico)

* Nada a dizer, de Elvira Vigna (Companhia das Letras Romance

* Paisagem com dromedário, de Carola Saavedra (Companhia das Letras, romance)

*Uma fome, de Leandro Sarmatz (Record, conto brasileiro)

* O único final feliz para uma história de amor é um acidente, de João Paulo Cuenca (Companhia das Letras, romance)

* Palavra e Rosto, de Fernando Paixão (Ateliê Editorial, prosa poética)

* Uma história à margem, de Chacal (7Letras, autobiografia)

* A estrela fria, de José Almino (Companhia das Letras, poesia)

* Bolero de Havel, de Menalton Braff (Global Editora, romance)

* Chá das cinco com o vampiro, de Miguel Sanches Neto (Objetiva, romance)

* Eu, aos pedaços, de Carlos Heitor Cony (Leya Brasil, crônicas e memórias autobiográficas)

* Nada me faltará, de Lourenço Mutarelli (Companhia das Letras, romance)

* O homem inacabado, de Donizete Galvão (Portal Literatura, poesia)

* Neo-Poemas-Pagãos, de Ernesto Manuel Geraldes de Melo e Castro (Annablume/Demônio Negro, poesia)

* Aconselho-te crueldade, de Fernando Fiorese (Nankin Editorial, conto)

* Espinhos e Alfinetes, de João Anzanello Carrascoza (Record, conto)

* Manhã do Brasil, de Luis Alberto Brandão (Scipione, romance)

* Minha mãe se matou sem dizer adeus, de Evandro Afonso Ferreira (Record, romance)

* Patópolis, de Marcelo Coelho (Iluminuras, romance)

* Cidade Livre, de João Almino (Record, romance)

* Cala a boca e me beija, de Alcione Araujo (Record, crônica)

* Com esse ódio e esse amor, de Maria José Silveira (Global Editora, romance)

* Poeira: demônios e maldições, de Nelson de Oliveira (Língua Geral, romance)

* Três traidores e uns outros, de Marcelo Backes (Record, romance)

* Treva Alvorada, de Mariana Ianelli (Iluminuras, poesia)

* As certezas e as palavras, de Carlos Henrique Schroeder (Editora da Casa, contos)

Autor de 'A Cabana' na Bienal

23 de maio de 2011 0

Reprodução

O autor do best-seller A Cabana, William P. Young, participará da 15ª Bienal do Livro do Rio, que será realizada em setembro próximo.


A Cabana, livro de estreia de Young, é presença constante nas listas de mais vendidos desde o seu lançamento. Só para ter uma ideia, em uma única semana a última pesquisa da Publishnews indicou 2.061 exemplares comercializados nas principais livrarias brasileiras — número significativo quando se pensa que muitas obras têm, no Brasil, uma tiragem limitada a essa quantidade.

No mundo todo, o livro de Young já passa de 10 milhões de exemplares, um quarto desse total aqui no Brasil.

Hoje é o último dia das Feiras do Livro de Bento e Flores

22 de maio de 2011 0

Se você ainda não foi até a Praça Centenário, em Bento Gonçalves, ou até a Praça da Bandeira, em Flores da Cunha, conferir as novidades literárias das Feiras do Livro dessas cidades, é bom se apressar. As duas programações terminam neste domingo.

Mas ainda dá tempo de ver lançamentos, preços e descontos, além de curtir a intensa programação artística oferecida.

Confira:

Em Bento Gonçalves:

14h e 15h: projeto Contando e Encantando retratando a história O Trem e o Maquinista nos Trilhos da Fantasia, no espaço temático do Colégio Marista Aparecida

14h: espetáculo Al Nur, com a Cia. Michele Pletsch de Danças Árabes, no palco da feira

15h: espetáculo Uerê Contando Histórias Musicadas,com o Cia. Uerê, no Palco da Feira

16h: espetáculo Mulheres, um Musical Poético, com o Grupo Teatral Luz e Cena, no Palco da Feira

17h: encerramento oficial da 26ª Feira do Livro de Bento Gonçalves, no Palco da Feira 

Em Flores da Cunha:

13h30min: apresentação de danças de grupos locais

14h30min: apresentação do musical infanto-juvenil Banda Strombólica, de São Paulo

16h30min: show Canta tua Aldeia, com o grupo Ópera Pampa

18h: missa na Igreja Matriz em homenagem à emancipação política do município, com o Coral dos Louvores

Daqui a pouco tem contação de histórias em Caxias

21 de maio de 2011 0

Neste sábado, às 15h, tem contação de histórias na livraria Saraiva do Shopping Iguatemi Caxias, a cargo da contadora de histórias Marta Troian Pulita.

Ela vai contar a história O Macaco e a Bala, do folclore popular. Será no Espaço Kids da livraria, dentro da programação Hora da Criança.

Neste sábado, nas Feiras do Livro

21 de maio de 2011 0

Ainda dá tempo de curtir as atrações das Feiras do Livro de Bento Gonçalves e Flores da Cunha, que se encerram neste final de semana.

Em Bento, são 21 bancas de livreiros, com descontos de 15%, além de uma barraca da biblioteca onde é possível trocar livros usados por outros, gratuitamente.

Em Flores, são cinco bancas de livreiros, com descontos variados.

Nas duas feiras, o final de semana de encerramento terá também várias atrações literárias e artísticas. Confira a programação de hoje:

Em Bento Gonçalves:

* 9h30min: apresentação de dança de rua com o Grupo Bronx Company do Coreógrafo Daniel de Almeida

* 10h: apresentação artística com a escritora Léia Cassol, no Palco da Feira

* 11h: apresentação artística a cargo dos Pequenos Cantores de Bento Gonçalves, no Palco da Feira

* 12h: acústico no Café da Feira, com Vinícius Bem e Eduardo Larentis

* 14h: apresentação do coral do Hospital Tacchini, no Palco da Feira

* 15h: espetáculo Abra a Boca e Feche os Olhos, com o Grupo Teatral Luz e Cena, no Palco da Feira

* 15h30min: sessão de autógrafos com o escritor Wilson Tubino, com o livro Guia Prático do Chimarrão, no espaço do Círculo Operário

* 16h: apresentação artística com a escritora Léia Cassol, no Palco da Feira

* 17h: dança de rua com o Grupo Bronx Company do Coreógrafo Daniel de Almeida, no Palco da Feira

* 17h15min: espetáculo Al Nur, com a Cia. Michele Pletsch de Danças Árabes e Egípcias, no Palco da Feira

* 18h15min: acústico no Café da Feira, com SIL

Em Flores da Cunha:

* Pela manhã: Ciranda da Poesia com o poeta e escritor João Batista da Silva

* 13h30min às 15h: visita das escolas com presença do Patrono da Feira do Livro Floriano Molon e apresentação do Projeto Lendo e Aprendendo

* À tarde: apresentação do teatro de bonecos A Magia da Leitura, com o grupo Quiquiprocó

* 15h30min: 3º Encontro de Coros de Canarinhos do RS

* 17h: Banda de Sopros Florentina

* 18h30min: peça tatral Una fameia quase perfecta, com o grupo teatral Sempre Amigos do Travessão Gavioli

* 19h30min: show de música e humor com Beto Pires

Balzac, 212 anos

20 de maio de 2011 0

 

Reprodução

Neste 20 de maio, comemora-se o aniversário de nascimento de um dos maiores escritores da língua francesa: Honoré de Balzac, nascido em 1799. É autor, entre outras obras, de A Comédia Humana, reunião de 95 romances, novelas e contos que retratam a sociedade francesa do século 19.

Um dos seus romances mais conhecidos talvez seja A Mulher de Trinta Anos (1831/1832) — obra que deu origem ao termo “balzaquiana” como sinônimo à mulher nessa faixa etária. Eugènie Grandet (1833), O Pai Goriot (1834), O Lírio do Vale (1835) e As Ilusões Perdidas (1839) são alguns dos outros títulos que integram sua obra máxima.

Escritor de notável produção, escreveu também dezenas de outros livros assinados sob pseudônimo, principalmente no início da carreira, quando escrevia obras baratas para garantir seu sustento.

Uma curiosidade: ele costumava ir dormir por volta das seis horas da tarde, acordar à meia noite e passar a madrugada escrevendo.


Hoje nas feiras de Bento e Flores

20 de maio de 2011 0

As Feiras do Livro de Bento Gonçalves e de Flores da Cunha terminam no domingo, então, é melhor correr para aproveitar as ofertas dos livreiros — e para participar das inúmeras atividades, que ocorrem, respectivamente, nas praças Centenário e da Bandeira.

Confira o que terá ainda hoje nas duas programações:

EM BENTO GONÇALVES:

* 10h e 15h: espetáculo teatral Uerê Contando Histórias Musicadas, com o Grupo Cia Uerê, no Palco da Feira

* 12h: acústico no Café da Feira, com Hélio de Brum.

* 13h45min: Contação de Causos e Lendas com o personagem Tertulino, no Palco da Feira

* 17h: lançamento das obras Melancia e Coco Verde e 300 Onças, da obra de Simões Lopes Neto, adaptadas em cordel por Arievaldo Viana e Jô Oliveira, no Palco da Feira

t* 18h: lançamento do livro Refletindo sobre Proeja: Produções de Bento Gonçalves, no Palco da Feira

* 18h15min: acústico no Palco da Feira, com Júnior Mineiro e Black Brasil

* 19h30min: painel A Memória através do Patrimônio Histórico, no Palco da Feira

EM FLORES DA CUNHA:

* 10h: visita de escolas à feira, conversa com o patrono Floriano Molon, encenações do Projeto Lendo e Aprendendo e Ciranda de Poesia com o poeta e escritor João Batista da Silva

* 13h30min e 15h15min: visita de escolas à feira, conversa com o patrono Floriano Molon, encenações do Projeto Lendo e Aprendendo e teatro de bonecos A Magia da Leitura, com o grupo Quiquiprocó

* 18h30min: Sarau Tête a Tête da Apac, com apresentação do Grupo da Escola São Rafael, releitura do texto A Moreninha de Joaquim Manuel de Macedo, esquetes teatrais baseadas em obras literárias, sessões de leitura de fragmentos de obras literárias e textos produzidos pelos escritores da Apac e show acústico com Nina Fioreze


Já trocou seus livros usados?

19 de maio de 2011 0

Gustavo Bottega, divulgação

Diversificar suas leituras sem gastar nada. Essa é a proposta do projeto Leitura em Movimento, que está com um estande na 26ª Feira do Livro de Bento Gonçalves.


A proposta, capitaneada pela Biblioteca Pública Castro Alves, já fez sucesso na feira do ano passado e volta a atrair muitos leitores. A ideia é simples: qualquer pessoa pode ir até o espaço e trocar um livro que tenha em casa por qualquer outro disponível na banca.

Em 2010, foram 650 trocas, e a intenção neste ano é superar esse volume até o final da feira, no domingo. Todos os livros trocados recebem um selo do projeto.

Aproveite!